Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Ourém.
Sexta-feira, 31 de Dezembro de 2010
Governo fixa valor médio da construção em 2011

O Ministério das Finanças e da Administração Pública acaba de publicar em Diário da república, I Série, a Portaria n.º 1330/2010, de 31 de Dezembro, que a seguir se transcreve, a qual fixa o valor médio de construção por metro quadrado para vigorar em 2011.

O referido diploma pode ser consultado directamente em http://dre.pt/pdf1sdip/2010/12/25300/0608706087.pdf

 

"O Código do Imposto Municipal sobre Imóveis, abreviadamente designado por Código do IMI, aprovado pelo Decreto -Lei n.º 287/2003, de 12 de Novembro, estabelece, nos artigos 38.º e 39.º, que um dos elementos objectivos integrados na fórmula de cálculo do sistema de avaliação de prédios urbanos é o valor médio de construção por metro quadrado, a fixar anualmente, sob proposta da Comissão Nacional de Avaliação de Prédios Urbanos (CNAPU), ouvidas as entidades previstas na lei, em conformidade com o previsto na alínea d) do n.º 1 do artigo 62.º do mesmo Código.

Assim:

Manda o Governo, pelo Ministro de Estado e das Finanças, ao abrigo do disposto no n.º 3 do artigo 62.º do Código do IMI, e na sequência de proposta da CNAPU, o seguinte:

Artigo 1.º

Fixação do valor médio de construção

É fixado em € 482,40 o valor médio de construção, por metro quadrado, para efeitos do artigo 39.º do Código do IMI, a vigorar no ano de 2011.

Artigo 2.º

Âmbito de aplicação

A presente portaria aplica -se a todos os prédios urbanos cujas declarações modelo n.º 1, a que se referem os artigos 13.º e 37.º do CIMI, sejam entregues a partir de 1 de Janeiro de 2011.

O Ministro de Estado e das Finanças, Fernando Teixeira

dos Santos,

em 21 de Dezembro de 2010."


tags:

publicado por Carlos Gomes às 10:49
link do post | favorito
|

José Verdasca - Um oureense no Brasil

José Verdasca

José Verdasca nasceu em Gondemaria, Ourém, Portugal, em 1936. Após o curso dos liceus efetuado no Colégio Fernão Lopes de Ourém, e no Liceu de Camões, em Lisboa, licenciou-se em ciências militares na Academia Militar de Lisboa, onde, no livro de curso, se iniciou na poesia. Prestou duas comissões de serviço nas antigas colônias portuguesas da África, a primeira como alferes em Cabo Verde e a segunda como capitão em Moçambique, onde enfrentou a guerrilha comandando várias unidades de combate. Freqüentou o curso de língua e cultura francesas na Alliance Française.

Emigrou para o Brasil em 1967, onde se dedicou ao comércio e indústria de madeiras, à pecuária e à construção civil. Licenciado e pós-graduado em Administração de Empresas pela Universidade Mackenzie, há duas décadas vem se dedicando à pesquisa histórica, tendo publicado as seguintes obras: "A Casa de Portugal e a Comunidade", "A Língua de Camões - Do Homo Sapiens à Língua Portuguesa", "Raízes da Nação Brasileira - Os Portugueses no Brasil" e "Memórias de um Capitão", esta editada e lançada em Portugal. Organizou, coordenou, comentou e prefaciou "Sermões Escolhidos" do Padre Antônio Vieira para a Editora Martin Claret.

É sócio titular da Academia Paulistana da História, do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo, da Academia Cristã de Letras, da Sociedade de Geografia de Lisboa, da Ordem Nacional dos Bandeirantes e da Ordem Nacional dos Escritores, de que é o atual Presidente da Diretoria. Tem textos publicados nas revistas Ceru (Usp), Unicamp e em outras publicações brasileiras e estrangeiras. Profere palestras e conferências em universidades e instituições culturais no Brasil e no exterior. É Diretor de Relações Exteriores da Universidade Europan e membro do Parlamento Mundial para Segurança e Paz.

Foi distinguido com as seguintes honrarias e distinções: Ordem do Mérito Cultural Carlos Gomes; diploma de Honra ao Mérito da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo; diploma dos 500 anos do Brasil outorgado pela Secretaria de Estado da Cultura, Academia Paulista de Letras e Instituto Genealógico Brasileiro; Ordem Católica de São Miguel Arcanjo, no grau de cavaleiro-comendador, além de algumas dezenas de diplomas, medalhas e outras distinções.

Casado no Brasil, é pai de um casal de fihos e avô de três netas.

 

Fonte: VERDASCA, José. A vida, o homem e o universo. São Paulo: Scortecci, 2006. (orelhas do livro)

 

in http://singrandohorizontes.blogspot.com/

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:23
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 30 de Dezembro de 2010
AZEVINHO ou Ilex Aquifolium

azevinho1

Trata-se de um arbusto que, devido às suas formas e às bagas vermelhas que produz, é essencialmente empregue para fins ornamentais muito associados à tradição cristã. Porém, à semelhança do que sucede com o pinheiro natalício, também a utilização do azevinho remonta a épocas bem mais remotas, associado a práticas pagãs anteriores ao Cristianismo.

A intensa procura desta espécie colocou em risco a sua própria existência, razão pela qual foi necessário legislar a sua protecção.

As suas bagas e folhas são bastante tóxicas pelo que podem ser utilizadas na produção de purgantes. Porém, devido ao elevado grau de toxicidade, o seu consumo não é recomendável.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:15
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 29 de Dezembro de 2010
Publicidade

2c5e7bf93bca2727236471f6c03102ed

O AUREN agradece as ofertas de publicidade que lhe têm sido endereçadas as quais, para além de concorrerem para a divulgação das potencialidades do Concelho de Ourém, constituem um reconhecimento do interesse que este espaço representa, gesto que registamos com agrado.

Porém, não possuindo qualquer finalidade lucrativa, o AUREN não insere quaisquer anúncios de natureza comercial, não deixando por isso de promover desinteressadamente o património da nossa região, os seus produtos e tudo quanto aqui se realiza, bem assim todos aqueles que de alguma forma contribuem para o progresso e engrandecimento do Concelho de Ourém.

- Estamos convosco!



publicado por Carlos Gomes às 19:09
link do post | favorito
|

Do Natal até aos Reis: Vamos cantar as Janeiras!

 

 

As Janeiras são cantadas

Do Natal até aos Reis;

Olhai lá por vossas casas

Se há coisa que vós nos deis

 

Boas noites, meus senhores,
Vinde-nos dar as Janeiras,
Boas noites vimos dar,
Se no-las houverdes de dar,


Vimos pedir as Janeiras,
Somos romeiros de longe,

Se no-las quiserem dar.
Não podemos cá voltar.


Ano Novo, Ano Novo,
Aqui vimos, aqui vimos

Ano Novo, melhor ano,
Aqui vimos bem sabeis.


Vamos cantar as Janeiras,
Vimos dar as boas festas

Como é de lei cada ano
E também cantar os Reis.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:18
link do post | favorito
|

Terça-feira, 28 de Dezembro de 2010
OURÉMVIVA JÁ TEM CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

A Câmara Municipal de Ourém nomeou hoje, em reunião camarária, o Conselho de Administração da Empresa Municipal OurémViva - Gestão de Eventos, Serviços e Equipamentos, EEM.

O referido órgão de administração será composto pelo Presidente, tendo sido nomeado para o efeito o Dr. José Manuel Alho que exercerá as funções sem remuneração, um Vice-presidente, no caso o Sr. João Sousa, que irá auferir o equivalente a 75% do vencimento do Presidente da Câmara Municipal; e ainda um vogal, a Engª Gisela Cid Simões que receberá o correspondente a 90% do vencimento do Vice-presidente da Autarquia, após a integração da AmbiOurém nesta estrutura municipal.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 18:27
link do post | favorito
|

MUNICÍPIO DE OURÉM TEM NOVO PORTAL NA NET

 28-12-2010 007

Foi hoje apresentado em reunião da Câmara Municipal de Ourém o novo Portal do Município na Internet que entra em funcionamento já a partir do próximo dia 1 de Janeiro.

Acompanhando a evolução da sociedade de informação, das novas tecnologias e das necessidades dos cidadãos, o site apresenta uma nova imagem e novas formas de navegação, para um acesso rápido e fácil à informação podendo ser acedido no endereço www.cm-ourem.pt

É caso para dizer: Ano Novo, vida nova!



publicado por Carlos Gomes às 17:04
link do post | favorito
|

Leonilde Madeira nomeada Conselheira para a Igualdade do Município de Ourém

22_12_2010_Assembleia Municipal 003

A Drª Leonilde Madeira foi nomeada Conselheira Local para a Igualdade do Município de Ourém, na última reunião de Assembleia Municipal.

O Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, considerou que a Drª Leonilde Madeira “reúne o perfil adequado para o exercício destas funções, tem conhecimento e experiência da realidade local nas matérias de igualdade e combate à discriminação. Foi docente, membro da Assembleia de Freguesia de Fátima, Deputada Municipal e Vereadora. Tem uma vasta experiência ligada à política e à cidadania”, razões suficientes para justificar o convite que lhe foi endereçado.

A Conselheira vai integrar o Conselho Local de Acção Social e desenvolver o seu trabalho em articulação com a Divisão de Assuntos Sociais.

O Dr. Paulo Fonseca afirmou ainda: “Acreditamos que a promoção de uma efectiva igualdade entre mulheres e homens constitui um dever fundamental do Estado, no âmbito da defesa e promoção dos direitos humanos. O contexto de integração progressiva da dimensão de género, na política promovida pelo Município, designadamente nas acções relacionadas com o problema da violência doméstica, é reflexo da nossa preocupação com a temática, pelo que entendemos que a nomeação da Conselheira Local para a Igualdade do Município de Ourém personaliza esta intenção”.

Esta nomeação está enquadrada pela Carta Europeia para a Igualdade das Mulheres e dos Homens na Vida Local, pelo Quadro da Estratégia Nacional de promoção da Igualdade de Género e Cidadania, as orientações recentes da Resolução do Conselho de Ministros”, N.º 39/2010, de 25 de Maio.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/


tags:

publicado por Carlos Gomes às 16:18
link do post | favorito
|

Na Freixianda, Caxarias e Olival

SERVIÇOS DE APOIO AO CIDADÃO ABREM DIA 3 DE JANEIRO

Picture-ourem 083

Edifício Multiusos da Freixianda

 

A abertura formal dos Serviços ao Cidadão nas Vilas de Caxarias, Freixianda e Olival, vai decorrer no próximo dia 3 de Janeiro, de acordo com o seguinte programa:

 

10h00: Freixianda (Edifício Multiusos da Freixianda)

11h00: Caxarias (Edifício da Junta de Freguesia de Caxarias)

12h00: Olival (Edifício da Junta de Freguesia do Olival)

 

As sessões de abertura dos referidos serviços vão contar com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, da Vereadora Drª Lucília Vieira, da Directora da Segurança Social de Santarém, Drª Anabela Rato e da Directora do Centro de Emprego de Tomar, Drª Lurdes Botas.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 15:16
link do post | favorito
|

MUNICÍPIO DIVULGA SUB-PROGRAMA 3 DO PRODER

Com o objectivo dar a conhecer às diferentes entidades e público em geral as Medidas de Apoio referentes ao Sub-programa 3 do PRODER, a Câmara Municipal de Ourém, em parceria com a ADIRN - Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Norte, vai realizar uma Sessão de Divulgação que terá lugar no próximo dia 4 de Janeiro, pelas 18 horas, no Auditório do edifício dos Paços do Concelho de Ourém.

 

No âmbito da referida sessão, encontra-se prevista a abordagem dos seguintes pontos:

 

DIVERSIFICAÇÃO DA ECONOMIA E CRIAÇÃO DE EMPREGO

- Diversificação de actividades na exploração agrícola

- Criação e desenvolvimento de microempresas

- Desenvolvimento de actividades turísticas e de lazer

 

MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA

- Conservação e valorização do património rural

- Serviços básicos para a população rural

 

BENEFICIÁRIOS:

• Pessoas singulares ou colectivas de direito privado

• Microempresas

• Titulares de uma exploração agrícola

• Autarquias locais

• Instituições particulares de solidariedade social (IPSS)

• Organizações não governamentais (ONG)

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 15:14
link do post | favorito
|

CALÇADA PORTUGUESA: DA SERRA D'AIRE PARA O MUNDO!

calçada portuguesa

Foto:  http://goodnight-moon.net/portugal/calcada-portuguesa-literalmente/

 

Não existe turista que, ao visitar o nosso país, não tenha experimentado um certo deslumbramento perante os magníficos trabalhos artísticos produzidos pelos canteiros portugueses que decoram o pavimento das ruas e praças de muitas cidades e vilas de Portugal. Com efeito, a calçada portuguesa constitui uma marca do nosso talento artístico, apenas visível em Portugal ou nos países onde a cultura portuguesa marca a sua presença.

Trata-se de uma arte decorativa surgida em Lisboa em meados do século XIX, idealizada por Eusébio Furtado, à altura Governador de Armas do Castelo de São Jorge, tendo a Praça do Rossio sido um dos primeiros locais a receber esse género de pavimento.

A pedra, branca e preta, que constitui a principal matéria-prima da calçada portuguesa, é arrancada das entranhas do maciço calcário estremenho da serra d’Aire, constituindo simultaneamente uma das fontes de rendimento e de ocupação de mão-de-obra da região.

Com o auxílio de um martelo, o calceteiro experimentado ajusta a pedra à forma pretendida para, com o recurso a um molde, produzir no pavimento da calçada as mais diversas formas geométricas e decorativas, alternando as pedras consoante a respectiva cor. Esta arte remete-nos para os magníficos mosaicos com que os romanos decoravam o pavimento das suas casas ou ainda pavimentavam as inúmeras estradas que construíram e chegaram até aos nossos dias, tal é a resistência e durabilidade dos materiais empregues. Por conseguinte, não será exagero afirmar que a calçada portuguesa constitui uma manifestação artística que possui raízes milenares.

Celebrizada por Almeida Garrett n’ “O Arco de Sant’Ana” e Cesário Verde em “Cristalizações”, a sua extraordinária beleza e os motivos decorativos passam-nos frequentemente despercebidos na medida em que nos habituámos a pisar o pavimento revestido com calçada portuguesa que nem damos conta do seu interesse artístico e do trabalho que o mesmo envolveu. De resto, esta arte exige uma especialização sem a qual é fácil de destrinçar a qualidade da obra, razão pela qual a própria Câmara Municipal de Lisboa criou há cerca de quinze anos uma Escola de Calceteiros que também dá formação a artistas oriundos dos mais variados pontos do país.

Como é compreensível, para além da forma com o trabalho de construção do pavimento é efectuado, também a sua manutenção não é compatível com a constante abertura de valas. Porém, as cidades têm vindo a implementar a construção gradual de valas técnicas onde são colocadas todas as infraestruturais de saneamento e comunicações para que a sua manutenção possa ser assegura de uma forma ordenada e sem os prejuízos e incómodos que as obras à superfície sempre acarretam.

Constituindo a calçada portuguesa uma marca da nossa identidade cultural e sendo a sua matéria-prima extraída na nossa região, seria compreensível que todas as nossas vilas e cidades exibissem os mais magníficos pavimentos artísticos, embelezando-se e divulgando uma das potencialidades locais. Porém, existem ainda algumas vilas que apresentam elementos incaracterísticos em todas as formas da sua decoração, desde as placas toponímicas e de numeração dos prédios aos pavimentos pedonais, alternando o cimento e a pedra e até coisa alguma. Sucede que, podendo à primeira vista parecer uma questão de pormenor, é na realidade revelador do cuidado que se coloca no seu embelezamento e apresentação, fazendo a diferença na forma de receber quem nos visita. Para além de que, o brio com que tratamos a nossa terra e o seu património é um factor essencial na construção do espírito de cidadania!

Rossio

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:35
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 27 de Dezembro de 2010
Reunião da Câmara Municipal de Ourém

brasão

A Câmara Municipal de Ourém vai reunir amanhã, dia 28 de Dezembro, pelas 9h30, no Salão Nobre, Piso 2, do Edifício dos Paços do Concelho, com a seguinte Ordem de Trabalhos:

 

PERÍODO DE “ANTES DA ORDEM DO DIA” – ARTIGO 86.º DA LEI N.º 169/99 DE 18 DE SETEMBRO, ALTERADA PELA LEI N.º 5-A/2002, DE 11 DE JANEIRO

1. PRESIDÊNCIA

2. DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO E DO PLANEAMENTO

2.1. DIVISÃO DE GESTÃO FINANCEIRA

2.1.1. CONTRATAÇÃO PÚBLICA E APROVISIONAMENTO

- Ratificação de despachos sobre projectos de infra-estruturas candidatos a cofinanciamento do QREN - Quadro de Referência Estratégica Nacional e Mais Centro – Proposta n.º 12/2010, datada de 13 de Dezembro em curso, da Vereadora Lucília Vieira;

- Concurso público para a empreitada de “Construção do Centro Escolar de Freixianda” – Relatório final, de 06 de Setembro último;

- Concurso público para a empreitada de “Construção do Centro Escolar de Ourém Nascente” – Relatório final, de 06 de Setembro transacto;

- Concurso público para a empreitada de “Construção do Centro Escolar de Olival” – Relatório final, de 11 de Outubro último;

- Concurso público para a empreitada de “Execução dos edifícios “A” e “B” de apoio à piscina do Agroal – Formigais” – Relatório final, de 13 de Dezembro em curso;

- Concurso público para a empreitada de “Construção do Pavilhão Desportivo do Olival – Ourém” – Relatório final, de 13 de Dezembro em curso;

- Concurso público para a empreitada de “Remodelação do antigo edifício dos Paços do Concelho de Ourém” – Relatório final, de 14 de Dezembro em curso.

2.1.2. TAXAS E LICENÇAS

- Feiras e mercados – Proposta n.º 10/2010, de 24 de Novembro findo, da Vereadora Lucília Vieira.

2.2. DIVISÃO ADMINISTRATIVA E DE RECURSOS HUMANOS

2.2.1. EXPEDIENTE, REPROGRAFIA E ARQUIVO GERAL

- VEROURÉM – Gestão de Equipamento Sociais e Desportivos, EEM – Exoneração do Conselho de Administração;

- Exoneração do Chefe de Gabinete de Apoio à Presidência e Nomeação de novo Chefe de Gabinete;

- Dinamização e funcionamento dos balcões descentralizados – Freixianda – Proposta de protocolo;

- Isenção do pagamento do valor fixo previsto no artigo 64.º, do Regulamento e Tabela Geral de Taxas e Outras receitas do Município de Ourém – Cedência de autocarros Municipais – Ofício n.º 762, datado de 23 de Dezembro em curso, da Assembleia Municipal;

- Empréstimo de curto prazo (Tesouraria) para o ano económico de 2011 – Ofício n.º 763, datado de 23 de Dezembro em curso, da Assembleia Municipal;

- Prática de Actos da Competência da Câmara por parte das Juntas de Freguesia – Delegação de Competências – 2011 – Ofício n.º 764, datado de 23 de Dezembro em curso, da Assembleia Municipal;

- Regulamento do Conselho Municipal de Segurança – Alteração – Ofício n.º 766, de 23 de Dezembro em curso, da Assembleia Municipal;

- Fusão das Entidades Empresariais Municipais e extinção do Centro de Negócios de Ourém, EM – Ofício n.º 767, de 23 de Dezembro corrente, da Assembleia Municipal;

- OURÉMVIVA – Gestão de Eventos, Serviços e Equipamentos, EEM:

1. Estatutos – Ofício n.º 768, de 23 de Dezembro corrente, da Assembleia Municipal;

2. Estatuto Remuneratório – Ofício n.º 769, de 23 de Dezembro corrente, da Assembleia Municipal;

3. Nomeação do Conselho de Administração;

- Reposição de Fundos de Maneio.

 

Câmara Municipal de Ourém, 23 de Dezembro de 2010

O Presidente da Câmara

Paulo Alexandre Homem de Oliveira Fonseca



publicado por Carlos Gomes às 15:26
link do post | favorito
|

AS ORIGENS PAGÃS DO BOLO-REI

Bolo-Rei

Foto: http://www.panike.pt/outros_produtos/

 

À semelhança do que sucede com a generalidade dos costumes actuais, perde-se no tempo a verdadeira origem do bolo-rei, da mesma forma que também este apresenta formas e designações variadas consoante as culturas. Assim, em Inglaterra mantém-se a tradição de comer e efectuar corridas com panquecas por ocasião da Terça-feira Gorda. Tratam-se, na realidade, de festividades de origem pagã que se encontram ligadas a rituais de fertilidade que outrora se realizavam por ocasião do Entrudo e visavam preparar a chegada da Primavera e, como ela, o renascimento dos vegetais.

A própria designação de Terça-feira Gorda remete-nos para o antigo costume de fazer desfilar pela cidade um boi gordo antes de sacrificá-lo, prática cujas reminiscências ainda se preservam nomeadamente através das largadas de touros e na corrida da Vaca das Cordas. Da mesma forma que nos festejos carnavalescos se preserva a figura do respectivo Rei que cabia outrora àquele que no bolo encontrasse a fava ou o feijão dourado, sendo como tal tratado durante o ano inteiro.

Por seu turno, os romanos introduziram tal prática por ocasião das saturnais que eram as festividades que se realizavam em 25 de Dezembro, em celebração do solstício de Inverno, também eles elegendo um rei da festa escolhido á sorte pelo método da fava. À semelhança do que se verifica com a Coroa do Advento, a sua forma circular remete para antigos ritos solares perfeitamente enquadrados nas festividades solsticiais e nas saturnais romanas.

Com vista à conversão dos povos do Império Romano que preservavam em geral as suas crenças pagãs, o Cristianismo passou a identificar o “bolo-rei” com a celebração da Epifania e, consequentemente, aos Reis Magos. E, assim, aos seus enfeites e condimentos passaram a associar-se as prendas simbólicas oferecidas ao Messias ou seja, a côdea, as frutas secas e cristalizadas e o aroma significam respectivamente o ouro, a mirra e o incenso. Apesar disso e atendendo a que eram três os reis magos, esta iguaria não passou a ser identificada como “bolo dos reis”, conservando apenas a sua designação como “bolo-rei” ou seja, contrariando a sua própria conversão.

Durante a Idade Média, este costume enraizou-se na Europa devido à influência da Igreja a tal ponto que passou a ser celebrado na própria corte dos reis de França e a ser conhecido como Gâteau des Rois. Porém, com a revolução francesa, o mesmo veio a ser proibido em virtude da sua alusão á figura real, o mesmo tendo sucedido entre nós, imediatamente após a instauração da República, tendo alguns republicanos passado a designá-lo por “bolo-presidente” e até “bolo Arriaga”, em homenagem ao então Presidente da República.

Quanto aos seus condimentos e método de confecção, é usual associar-se à tradição da pastelaria francesa a sul do Loire, o que parece corroborar com a informação de que foi a Confeitaria Nacional a primeira casa que em Portugal produziu e vendeu o bolo-rei a partir de uma receita trazida de França, por volta de 1870. Resta-nos saber, até que ponto, também esta não terá buscado inspiração no tradicional bolo inglês.

Com a aproximação da Páscoa associada à chegada da Primavera e, com ela, o renascimento da Vida, o tradicional folar não trará favas escondidas no seu interior mas ovos que simbolizarão a fertilidade, de novo a evocar ritos ancestrais a um tempo anterior à nossa conversão ao Cristianismo.

 

- GOMES, Carlos. As origens pagãs do bolo-rei. http://www.folclore-online.com/index.html

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:10
link do post | favorito
|

Domingo, 26 de Dezembro de 2010
Provérbios

Até fim do Natal

Crescem os dias num saltinho de pardal.

 

 

 

Do Natal ao fim de Janeiro

Crescem os dias um salto de carneiro

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 09:00
link do post | favorito
|

Sábado, 25 de Dezembro de 2010
As origens nórdicas do Pai Natal

Odin, rei do Asgard na mitologia nórdica, é para os povos escandinavos o mesmo que Zeus e Júpiter foram respectivamente para os gregos e os romanos. Quando não habita o seu palácio dourado, o Gladsheim, Odin, ou Woden encontra-se no Valhala que é o "salão dos mortos", entre os heróis e onde pontificam as formosas valquírias a quem compete manter permanentemente cheios os vasos de bebida que são feitos de chifre. É ainda às valquírias que compete eleger os heróis e decidir a sua sorte no campo de batalha, quem haverá de morrer e, finalmente, conduzir os bravos ao Valhala. "Val" significa morto.

 

Por seu turno, Odin possui como companheiros inseparáveis dois corvos - Hugin e Munin - que representam respectivamente o Pensamento e a Memória, os quais voam diariamente através do mundo para lhe levarem as notícias acerca dos actos cometidos pelos humanos. Uma vez convenientemente informado pelos seus corvos, Odin parte num trenó puxado por renas levando consigo presentes com que irá recompensar as boas acções praticadas ao longo do ano. Eis o mito que verdadeiramente se encontra na origem da fabulosa crença do "Pai Natal", séculos mais tarde adaptado pela Igreja Católica a uma versão mais cristianizada, com a substituição de Odin por um corpulento bispo que também distribuía presentes - São Nicolau. Em qualquer dos casos, trata-se de um enxerto efectuado na nossa cultura cujas tradições, durante séculos, apenas conheceram a veneração ao "menino Jesus".

A gravura é uma representação de Odin, divindade da mitologia nórdica da qual se originou a figura do "Pai Natal".

 

S. Nicolau de Bari procurou cristianizar uma tradição pagã de origem nórdica, a qual não possui quaisquer raízes bíblicas.

 

GOMES, Carlos. in http://www.folclore-online.com/

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 05:00
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 24 de Dezembro de 2010
Natale Solis Invicti ou o Solstício do Inverno

suástica

Os cultos solares são bastante remotos entre nós como atesta a suástica (na foto) encontrada na citânia de Briteiros, em Guimarães.

 

Todo o mundo cristão celebra por esta altura o nascimento de Jesus, não obstante desconhecerem-se quaisquer referências históricas ou bíblicas que mencionem a data em que tal acontecimento se verificou. Por conseguinte, o Natal é festejado a 25 de Dezembro ou a 7 de Janeiro de acordo com as tradições católica ou ortodoxa, em virtude da adopção dos calendários juliano ou gregoriano. Ora, é nesta ocasião que ocorre o solstício do inverno ou nascimento do sol, precisamente a altura em que os raios solares deixam de decrescer e passam de a aumentar, fazendo de novo crescer os dias em relação às noites.

Desde a mais remota antiguidade que o ser humano adorou o sol, deusificando-o e atribuindo-lhe a primazia sobre as demais divindades. Tal sucedeu na Caldeia, na Palestina e no Egipto, aqui adorado sob o nome de Ra. Na antiga Pérsia e na Índia, o deus Sol era designado por Mitra tendo o seu culto dado origem ao mitraísmo que viria mais tarde a rivalizar com o cristianismo a sua influência no Império romano, acabando por vir a sucumbir com a sua queda e mais tarde acabando por desaparecer por completo com o avanço do islamismo na Pérsia. Antes, porém, o mitraísmo fora assimilado pelos gregos e espalhou-se por todo o Império romano. O deus Mitra era geralmente representado por um jovem com um boné frígio, túnica e manto sobre o ombro esquerdo. Esta religião era superiormente dirigida por um sumo pontífice a os seus sacerdotes ostentavam sobre a cabeça uma mitra. Curiosamente, trata-se do chapéu com que os bispos se apresentam quando envergam as vestes pontificais, tendo a sua origem na Pérsia e no Egipto, correspondendo ao turbante e por conseguinte aludindo à adoração de Mitra.

Não admira, pois, que ao culto solar tenha sido sobreposta a adoração ao menino Jesus, sendo-lhe atribuída a data do seu nascimento precisamente numa altura em que os romanos celebravam o natale solis invicti consagrado ao deus Sol, à semelhança do que se verifica com inúmeras festividades pagãs que foram de algum modo adaptadas e "convertidas" à crença cristã. Na mesma ocasião realizavam os romanos as saturnais ou saturnálias que, como o próprio nome indica, eram festividades consagradas a Saturno, trocavam de presentes e organizavam um banquete público, aspectos que de alguma forma podemos relacionar com as tradicionais "festas dos rapazes" em várias localidades de Trás-os-Montes. Aliás, o culto a Saturno chegou a ser muito difundido na Península Ibérica, tendo diversos escritores da antiguidade referido-se à existência de santuários entre os quais se supõe ter havido um na Ínsua do rio Minho, um local onde actualmente as gentes locais vão em peregrinação ao Senhor Jesus dos Mareantes, fazendo festa rija em Agosto. Saturno era o deus protector dos semeadores e das sementes, pelo que os romanos acreditavam que durante as saturnais regressava a abundância, assegurando a fertilidade durante essa época do ano.

Ainda em relação ao mitraísmo, também este possuía extraordinárias semelhanças com o cristianismo, entre as quais a crença no céu e no inferno, na ressurreição, nos pastores que tal como os reis magos ofereciam presentes, no dilúvio, na santificação do domingo, na prática da confissão e da comunhão e, finalmente, a própria celebração do 25 de Dezembro!

A celebração do nascimento de Jesus constitui actualmente uma festa que é vivida com grande grande intensidade pelo povo português e que, apesar da sua significação profundamente religiosa, também não escapa às regras de funcionamento de uma sociedade mercantilizada, virada cada vez mais para os interesses materiais em detrimento dos valores espirituais. Não obstante, as festividades da quadra natalícia encontram-se profundamente enraízadas no nosso folclore revelando-se através das mais diversas manifestações de cariz popular, na gastronomia, na música, nas lendas e de um modo geral em todos os aspectos que envolvem tais celebrações. Não obstante, temos principalmente nos últimos tempos vindo a constatar que tradições oriundas de outros países têm vindo a substituir alguns costumes genuínos do nosso povo, como sucede com a reverência ao "Pai Natal", agora destituído para dar lugar a S. Nicolau, quando outrora as festividades decorriam exclusivamente em torno do "menino Jesus". Da mesma forma que o tradicional presépio cedeu o lugar ao nórdico pinheiro de Natal enfeitado com flocos de neve, mesmo em locais onde jamais nevou...

 

GOMES, Carlos. In http://www.folclore-online.com/

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 05:00
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 23 de Dezembro de 2010
OURÉM MOSTRA PRODUTOS TRADICIONAIS EM FRANÇA

Os nossos produtos tradicionais estiveram presentes na Feira de Natal que o Club Robert Shuman levou a efeito no início deste mês em Le Plessis-Trévise, cidade geminada com Ourém. Tratou-se de uma exposição e venda de cabazes com produtos típicos do nosso Concelho que foram enviados pela AmbiOurém. Naquele certame, esteve presente o sr. Laurentino Vieira em representação do Concelho de Ourém.

Por seu turno, também o Presidente da VitiOurém, sr. André Gomes Pereira, participou naquele evento com o propósito de encetar contactos com vista ao estreitamento de relações comerciais entre as duas cidades.

Cada vez mais, os produtos típicos da nossa região constituem os melhores embaixadores a promover o Concelho de Ourém aquém e além fronteiras. Importa, pois, começarmos também nós por dar preferência às nossas especialidades e contribuirmos para a sua divulgação.

IMG_1834

Na imagem vemos Maria Fernanda Vieira, Monique Marechal (Presidente do Club Robert Shuman), o Presidente da VitiOurém, sr. André Gomes Pereira e Laurentino Gomes Vieira, da AmbiOurém.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 19:04
link do post | favorito
|

MUNICÍPIO DE OURÉM APROVA ORÇAMENTO PARA 2011

A Assembleia Municipal de Ourém aprovou ontem o Orçamento para 2011, contando com 7 abstenções que correspondem aos eleitos pelo PSD, CDS e Independente e ainda um voto contra da força política “Por Ourém”.

A proposta de Orçamento para 2011 foi defendida pelo Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, que fez a apresentação do documento suportada pelo Chefe da Divisão Financeira, Dr. Fernando Marques.

capture25

 

capture2

 

capture3

 

capture4

 

capture5

 

capture6

capture7

capture8

capture9

capture10

capture11

capture12

capture13

capture14

capture15

capture16

capture17

capture18

capture19

capture20

capture21

capture22

capture23

capture24

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 14:39
link do post | favorito
|

GOVERNO VAI CRIAR “BANCO DE TERRAS”

Antonio Serrano

Foto: http://victor-azevedo.blogspot.com/

 

O Ministro da Agricultura, Dr. António Serrano, afirmou ontem em Torres Vedras que, no início do próximo ano, o governo vai apresentar uma proposta com vista à criação de um “banco de terras”. A declaração foi feita durante a visita que efectuou à zona agrícola do Oeste que há precisamente um ano foi afectada por um violento temporal que danificou as produções e destruiu algumas estruturas como estufas.

Entretanto, diversos partidos políticos apresentaram já na Assembleia da República projectos-lei e projectos de resolução no mesmo sentido, tendo alegadamente como finalidade comum o arrendamento de parcelas agrícolas com vista ao incremento do sector, divergindo no entanto quanto à sua natureza política em relação à propriedade.

Resta saber se a situação de abandono do mundo rural que tem levado nomeadamente è emigração e ao despovoamento das regiões do interior pode ser de alguma forma contrariada com a criação de um “banco de terras” ou se terá causas mais profundas que se prendem nomeadamente com a Política Agrícola Comum da União Europeia, os circuitos de distribuição e escoamento dos produtos agrícolas e as naturais dificuldades de competir com outros mercados com uma produção superior e capacidade de colocar no mercado a preços inferiores ao custo de produção no nosso país.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/ 



publicado por Carlos Gomes às 11:46
link do post | favorito
|

Feliz Natal!
O AUREN
deseja a todos os oureenses e amigos e, de um modo muito especial, aos seus leitores e colaboradores,
Feliz Natal e Próspero Ano Novo
 
 Bach - Christmas Oratorio: Cantata nº1 BWV248 - Mov. 1/9


publicado por Carlos Gomes às 11:02
link do post | favorito
|

Crónicas de Goa

O Arquivo Histórico de Goa

 

Fernando do Rego apresenta-nos este mês uma outra dessas “pérolas” ou “diamantes” do Bairro das Fontainhas de que nos devemos orgulhar: o centenário “Arquivo Histórico de Goa”, por onde passaram grandes historiados de todo o mundo e que hoje é de grande importância especialmente para os que pretendem mergulhar no passado de Goa e da presença portuguesa no Oriente.

Chegamos a 1930. O Governador Geral do Estado da Índia  João Carlos Craveiro Lopes criou o “Arquivo Geral e Histórico da Índia Portuguesa” e pelo Decreto nº 28.263 de 8 de Dezembro de 1937 foi-lhe dado o nome de ”Cartório Geral do Estado da Índia”. A evolução na sua nomenclatura continuou até à data da sua radical reforma promulgada pelo Ministro do Ultramar  Sarmento Rodrigues por ocasião da sua visita a Goa, quando o nome foi mudado, finalmente, para “Arquivo Histórico do Estado da Índia”. E o seu Director foi o dr. Panduronga S. S. Pissurlencar. Além do Arquivo com documentos multisseculares, ali temos também uma excelente biblioteca, com livros igualmente antiquíssimos.

 

Panduronga Pisssurlencar (de nome completo, Pandurang Sakharam Shenvi Pissurlencar ou  [à portuguesa] Panduronga Sacarama Sinai Pissurlencar) tem de vos ser apresentado, pois Goa e o Arquivo muito lhe devem:

 

Panduronga Pisssurlencar (1894-1969): Nascido na aldeia de Pissurlém (concelho de Satari), fez o curso do Liceu e da Escola Normal, tendo em seguida ensinado em várias escolas primárias de Goa. Quando nomeado arquivista geral  do Arquivo Histórico de Goa, veio a estabelecer-se neste bairro de Fontainhas, que já fora  honrado com a  residência dos historiadores Filipe Nery Xavier, Pe. Casimiro Nazaré e Pe. Gabriel Saldanha. Em 1957 visitou Portugal, tendo feito conferências na Sociedade de Geografia, na Academia das Ciências  e na Academia da História. Em 1957 foi convidado para ser Presidente da Secção de Instrumento de Cultura no “III Colóquio Internacional de Estudos Luso-Brasileiros”, a que não poude assistir mas à qual apresentou uma comunicação intitulada ”A Presença do Brasil no Arquivo Histórico de Goa”. Os meus leitores brasileiros folgarão em saber esta notícia. E como talvez lhes interesse ter uma cópia daquela comunicação, eu dou o seguinte detalhe: Imp. de Coimbra Lta, 1960, 24,5X17 cmc. P.349-358, Sep. de “Actas do III Colóquio Internacional de Estudos Luso-Brasileiros”.

Foi sócio de inúmeras Sociedades portuguesas e indianas, Doutor Honoris Causa da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e condecorado por várias autoridades.

 

Sobre a sua actuação como Arquivista, cito somente estas palavras da historiadora Dra. Ethel M. Pope (no diário de Bombaim “ The Times of India” - 21.06.1932, publicado em tradução portuguesa pelo diário de Goa “Heraldo” - 24.06 1932): ”O Governador tem agora como seu auxiliar o Prof. Pisssurlencar, conhecido historiador e especialista na história dos Maratas. Quando visitei pela primeira vez o Arquivo, oito ou nove anos atrás, encontrei ali apenas maços de manuscritos meio destruidos e não catalagados. Hoje, devido à infatigável e incansável   dedicação deste grande indianólogo, veio a ordem no meio do caos e dentro das históricas paredes do velho Palácio se ostentam armários asseados onde se guardam cerca de 1500 ou mais volumes destes preciosos documentos encadernados luxuosamente, cintilando de oiro e com capas de cabedal, e os investigadores não encontram dificuldade em colher valiosas informações que eles encerram”.

 

Em 1954  foi construido neste bairro um novo prédio para alojar o Arquivo. A zona  escolhida não foi contudo das melhores para um Arquivo, pois do outro lado da Rua de Ourém, onde fica situado, passa a Ribeira de Ourém  de água salgada, e, além disso, era um local pantanoso.

A bibliografia de Pissurlencar foi também fenomenal, pois publicou perto de cem trabalhos de investigação histórica, sobretudo  quanto  à actividade e domínio dos Portugueses na Índia. Para os meus leitores fazerem uma vaga ideia da sua vastissima obra, cito somente alguns :

1. Récherches sur les découvertes de L’Amerique par les anciens hommes des Indes, 2. Shivaji Maharaj com sangue português?, 3. Portugueses e Maratas, 4. Contribuition à l’etude de l’histoire de la medicine portugaise dans l’Inde, 5. Prince Akbar and the Portuguese, 6. As primitivas capitais de Goa, 7. Agentes hindus da diplomacia portuguesa, 8. O túmulo, o caixão e o bastão de São Francisco Xavier, 9. Estudos e documentos sobre a história dos Portugueses na Índia,10. Sinos portugueses nos templos hindus,11. Médicos Portugueses nas Cortes Indianas, 12. Os primórdios da História de Goa,13. Portugal nos mares da Índia nos séculos XVII e  XVIII, 14. Incrições Pre-portuguesas de Goa,15. Os Portugueses nas literaturas indianas dos séculos XVI, XVII e XVIII.

 

A variedade dos temas apresentados por Pisssurlencar, tendo eu selecionado  somente quinze, indica a sua capacidade intelectual.,Uma pergunta muito natural seria: o que é a riqueza deste Arquivo de fama mundial? Foi Pissurlencar que catalagou os milhares de documentos existentes no seu “Roteiro” - um livro de 260 pgs., subdividido em I) Arquivo Histórico do Estado da Índia e II) Diversos Arquivos que foram enviados ao mesmo para lá serem conservados. Neste “Roteiro” vemos a pgs. 62 que o mais antigo volume de documentos é o ‘PROVISÕES A FAVOR DA CRISTANDADE (1513-1840)’.

 

Citarei somente dois trabalhos que avaliam o Arquivo: 1. “A glimpse of the Goa Archives” pelo Prof. Dr. C. R. Boxer ( BSOAS, 1952 XIV/2) e 2. “Documentos remetidos da Índia” pelo dr. António Alberto de Andrade (Boletim Geral do Ultramar, de Lisboa, Outubro de 1954, pgs. 80-84).
Após a aposentação de Pisssulencar, foram Directores do Arquivo o Dr. V. T. Gune,  o Dr. Prakaschandra P. Shirodker e o Dr. Shanker H. Mamai Kamat, sendo ao presente o sr. Manohar Laxman L. Dicholker. Quanto a este último, após ele ter completado o seu Mestrado em Ciências e em Letras, o Governo Português concedeu-lhe uma bolsa de estudos para um Curso de Língua e Cultura Portuguesas na Universidade de Lisboa. Trabalhou como Director Adjunto da revista do Arquivo e, finalmante, foi promovido a Director do mesmo Arquivo.

 

Após a leitura desta Crónica, muito sumária certamente, sobre a evolução da “Torre do Tombo do Estado da Índia” (que foi estabelecida em 1595 em Velha Goa) para o “Arquivo Histórico da Índia Portuguesa” (transplantado em 1954 para este bairro das “Fontainhas” e hoje conhecido oficialmente como “Directorate of Archives and Archaeology”), os meus leitores concordarão em que eu diga com legítimo orgulho:

- Feliz bairro que tal arca de tesouros possui!

 

Por Fernando do Rego, in http://www.supergoa.com/

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/ 



publicado por Carlos Gomes às 05:00
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 22 de Dezembro de 2010
OURÉM VAI TER COMISSÕES SOCIAIS DE FREGUESIA

O Presidente do Conselho Local de Acção Social – Rede Social de Ourém, reuniu no passado dia 20 de Dezembro com os representantes das Juntas de Freguesia a fim de se planear a criação de “Comissões Sociais de Freguesia”, no Concelho de Ourém.

A reunião teve lugar no edifício dos Paços do Concelho e, perante a exposição feita relacionada com esta matéria, incluindo a respectiva legislação, os autarcas presentes revelaram uma grande motivação para a implementação das “Comissões Sociais de Freguesia. Refira-se que, a constituição destes órgãos se encontra prevista no Decreto-Lei nº. 115/2006, de 14 de Junho.

Entretanto, ficou agendada nova reunião de trabalho para o próximo dia 5 de Janeiro de 2011, do Ministério do Trabalho e da Solidariedade Social.

 

Às Comissões Sociais de Freguesia compete:

a) Aprovar o seu regulamento interno;

b) Sinalizar as situações mais graves de pobreza e exclusão social existentes na freguesia e definir propostas de actuação a partir dos seus recursos, mediante a participação de entidades representadas ou não na comissão;

c) Encaminhar para o respectivo CLAS os problemas que excedam a capacidade dos recursos da freguesia, propondo as soluções que tiverem por adequadas;

d) Promover mecanismos de rentabilização dos recursos existentes na freguesia;

e) Promover a articulação progressiva da intervenção social dos agentes da freguesia;

f) Promover acções de informação e outras iniciativas que visem uma melhor consciência colectiva dos problemas sociais;

g) Recolher a informação relativa aos problemas identificados no local e promover a participação

da população e agentes da freguesia para que se procurem, conjuntamente, soluções para os problemas;

h) Dinamizar a adesão de novos membros.



publicado por Carlos Gomes às 12:29
link do post | favorito
|

Mensagem de Boas Festas do Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca

paulo_fonseca.jpg

 

Boas Festas!

 

No vivenciar de mais uma quadra festiva, não posso deixar de dirigir umas palavras a todos os oureenses. Em primeiro lugar desejo a todos um Santo e Feliz Natal, na companhia dos que vos são mais próximos. Que este tempo seja um tempo de esperança, serenidade e união entre todos, na perspectiva de um Ano Novo pleno de concretizações. São muitos os desafios que se avizinham e precisamos de estar preparados e motivados, com energia positiva e cheios de força para abraçar as tarefas que 2011 nos trará.

Pela minha parte e da equipa que lidero estamos empenhados em continuar a dar o nosso melhor, trabalhando em prol do Município de Ourém e de todos os Oureenses.

Manteremos o rumo que traçámos quando iniciámos o comando do destino da nossa terra. Queremos um concelho de excelência social, onde todos importam. Continuaremos com o esforço de consolidar uma estratégia de recuperação das contas do município. A revisão do PDM é prioridade para que possamos um maior e mais consistente desenvolvimento económico e social. Continuaremos a internacionalização de Ourém potenciando novos acordos e reforçando presença juntos dos municípios com os quais estamos geminados, promovendo e projectando o nosso concelho além fronteiras.

Estaremos sempre disponíveis para todos, nos diferentes serviços da autarquia.

Sei que os tempos que se aproximam não serão fáceis mas estou certo que, com a ajuda de todos, vamos conseguir ultrapassar os obstáculos dando passos certeiros na condução dos destinos da nossa terra.

 

Votos de um Santo e Feliz Natal e um 2011 pleno de concretizações.

Paulo Fonseca 

Presidente da Câmara Municipal de Ourém


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 09:00
link do post | favorito
|

O penúltimo 13 de Maio na I República!

Sob o título "Portugal Peregrino - Recordam-se as aparições de Fátima no dia da romagem", publicou o "Diário de Lisboa", na sua edição de 13 de Maio de 1925, um artigo alusivo às celebrações religiosas que então ocorreram. Como o seu próprio teor o confirma, longe encontrava-se já o anticlericalismo e a intolerância religiosa que marcaram as primeiras décadas do regime republicano, aliás na senda do que já se vinha verificando nos derradeiros anos da monarquia constitucional Pouco mais de um ano decorrido, os militares instauraram a ditadura que colocou termo à I República.

Diário de Lisboa

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:31
link do post | favorito
|

Terça-feira, 21 de Dezembro de 2010
Vendaval de Solidariedade

- Este foi o título do jornal “A Bola” publicado ontem, dando conta que “Corrida de apoio a Henrique Venda juntou muitos campeões na pista de Ourém”.

Adesão maciça, com 130 pilotos em pista, alguns entre o público e grande número de campeões das últimas décadas, marcou prova de solidariedade a Henrique Venda, na pista de motocrosse do Escandarão, próximo de Ourém”, é a descrição feita do evento por aquele jornal desportivo registando o êxito da iniciativa e colocando, como ilustração, uma foto da moto e da camisola de Henrique Venda quando esta foi colocada na pista para a realização da homenagem ao piloto.

 

Henrique Venda

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 21:30
link do post | favorito
|

UNIVERSIDADE SÉNIOR ESTUDA CAMINHOS DE D. NUNO

S. Nuno Alvares Pereira

A Universidade Sénior de Ourém realiza no próximo dia 12 de Janeiro, pelas 15 horas, uma Conferência subordinada ao tema “Os Caminhos de D. Nuno”. A palestra será proferida pelo Coronel Vítor Valente dos Santos, Director Emérito do Museu Militar de S. Jorge e conta com o apoio da Câmara Municipal de Ourém.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 10:15
link do post | favorito
|

CHIQUITA CANTA "OURÉM CIDADE"
"OURÉM CIDADE" foi um dos temas muito populares interpretados pela cantora Chiquita e que integram o seu album "Meu nome é Chiquita" cuja capa junto se reproduz. São versos que dedicou à Cidade de Ourém e que aqui deixamos para que todos os possam conhecer.

Chiquita

Eu te adorava

Contigo sonhava

E num belo dia

Meti-me ao caminho

P’ra ver de pertinho a minha alegria

Teus campos e montes

Tuas frescas fontes

Teu Sol e Luar

Prenderam-me aqui

Hoje só a ti, Ourém quero amar

 

Ref....Bis

Cidade de Ourém

Meu ninho meu leito

Rainha da Beira

Meu jardim perfeito

Cidade de Ourém

Tu foste escolhida

Para eu viver o resto da vida

 

Casinhas caiadas

Sempre recheadas

De paz e de amor

Para dar abrigo

A qualquer amigo

Não importa a cor

Tuas romarias

Maneis e Marias

Castelo também

Não há nada igual

Tu não tens rival

Cidade de Ourém

 

Ref....Bis

Cidade de Ourém

Meu ninho meu leito

Rainha da Beira

Meu jardim perfeito

Cidade de Ourém

Tu foste escolhida

Para eu viver o resto da vida

 



publicado por Carlos Gomes às 00:10
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 20 de Dezembro de 2010
Na noite da Consoada

AUTARCAS OUREENSES VISITAM BOMBEIROS E FORÇAS DE SEGURANÇA

posto

Os bombeiros e as forças de segurança vão receber a visita dos autarcas oureenses na noite da consoada.

 

Os autarcas do Município de Ourém não esquecem aqueles que, por obrigação profissional, não vão poder passar a consoada de Natal em casa, junto dos seus familiares. O Presidente da Câmara Municipal, acompanhado dos vereadores, vai deslocar-se às corporações das forças de segurança e dos bombeiros para desejar as boas-festas a todos aqueles que vão estar de serviço na noite de Natal.

O ponto de encontro será no edifício dos Paços do Concelho, às 15 horas, de onde seguirão para Caxarias, Freixianda, Espite e Fátima após a visita às corporações sediadas em Ourém. As entidades que vão ser visitadas são o posto da GNR e da PSP em Ourém, o quartel dos Bombeiros Voluntários em Ourém e Caxarias, as Secções dos Bombeiros Voluntários de Ourém na Freixianda e em Espite, o posto da GNR de Fátima e o quartel dos Bombeiros Voluntários de Fátima.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 17:53
link do post | favorito
|

PRAÇA NATAL OURÉM 2010 – (Praça da República)

image002

Dia 25 de Dezembro

Festa da Família - animação com o Noddy e o Shrek (a partir das 15h30)

 16h00

Espectáculo:

TOBIAS… e a FLORESTA DO PAI NATAL

“Tobias é um menino traquinas que todos os dias atravessa a floresta do Pai Natal para vir da escola para sua casa.

 Nas suas viagens, frequentemente este malandro faz das suas...esquecendo-se do ambiente único de tudo o que está à sua volta.   

 Ele polui, faz traquinices aos animais e à fauna natural... Um dia os Animais...a Floresta...O Duende…e o Pai Natal... decidem ensinar-lhe que a vida e a natureza existem em harmonia partindo de cada um de nós ajudar a manter e proteger o eco –sistema”

Dia 26 de Dezembro

16h00

“A FESTA DE NATAL!” “O que acontece quando 3palhaços Primos chegam a uma Festa de Natal?

Instala se a confusão total, ou começam os preparativos para uma…Festa de arromba?

Estes 3 têm muitas ideias, são criativos, musicais, divertidos e originais, por isso qualquer Festa com eles só pode ser fantástica!!!!

Uma Festa onde não vão faltar balões, magia, gargalhadas, enganos, muita música popular infantil portuguesa… e uma paragem de autocarro, claro está!

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 17:28
link do post | favorito
|

"PUBLICIDADE ENGANOSA" VAI SER RETIRADA

Ourem12Dez 021

Ao contrário do que é anunciado através dos cartazes que, desde finais do ano passado, se encontram afixados na Ramalheira e no Casal da Sobreira, dando conta da candidatura ao QREN das obras de construção da rede de esgotos domésticos naqueles lugares da Freguesia da Freixianda, o AUREN confirmou de que não existe qualquer adjudicação para o efeito.

Os referidos cartazes foram colocados pelo anterior executivo durante o período da campanha eleitoral. O Presidente da Junta de Freguesia da Freixianda, sr. Rui Vital, afirma que se tratou de “publicidade enganosa” e, como tal, vai ser retirada.

Não obstante o facto da referida divulgação não corresponder a qualquer procedimento relativamente a esse assunto, o AUREN não deixa de lembrar que os lugares da Ramalheira e do Casal da Sobreira continuam a aguardar a construção da rede de esgotos domésticos e a repavimentação da estrada cujo mau estado em que se encontra tão referido foi durante a campanha eleitoral.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/ http://freixianda.blogspot.com/



publicado por Carlos Gomes às 15:33
link do post | favorito
|

Presépios de Natal em Ourém

- Dê a conhecer o presépio da sua terra!

Um pouco por todo o Concelho de Ourém, nos largos principais de diversas freguesias e outras localidades, nas igrejas e capelas paroquiais, nas colectividades, empresas e outros espaços de convívio público, são construídos presépios com maior ou menor grandeza, mais elaborados uns e mais estilizados outros, mas todos procurando à sua maneira celebrar um acontecimento da maior importância para os cristãos do mundo inteiro.

Porém, a escolha do presépio é algo que tem particularmente a ver com as nossas tradições mais populares e que, simultaneamente, constitui um estímulo á criatividade e á participação de todos, desde a recolha do musgo à colocação das diversas figurinhas, a maior parte das vezes reproduzindo um quotidiano que nos é mais familiar do que propriamente ao meio social em que Jesus nasceu.

Nesta quadra, o AUREN lança um desafio aos seus leitores, o qual consiste na publicação, aqui, do presépio da sua terra, da igreja paroquial ou da associação local. Para tanto, bastará que enviem as fotografias em formato digitalizadas, com a indicação do local onde o presépio se encontra, a identificação do autor das fotos e outras informações que considerarem de interesse. Podem inclusivamente enviar uma imagem de grupo com as pessoas que participaram na construção do respectivo presépio. Podem enviá-lo para carbgomes@gmail.pt

Dê, pois, a conhecer através do AUREN o presépio da sua terra!

 

Foto: http://atouguiasempre.blogspot.com/

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 15:30
link do post | favorito
|

HENRIQUE VENDA HOMENAGEADO NO ESCANDARÃO

henrique_venda_01

Henrique Venda regressou a Portugal mas permanece em estado de coma.

 

A homenagem ao Henrique Venda constituiu um dos momentos mais comoventes vividos ontem na Pista do Escandarão, em Ourém. Todos os corredores participantes, fiscais de pista, comissários, pessoal da Cruz Vermelha Portuguesa e autoridades policiais ali presentes juntaram-se à organização do evento para prestar uma homenagem ao piloto Henrique Venda que está neste momento a atravessar um momento particularmente difícil. O acto decorreu em torno da sua moto onde também se encontrava o seu fato de competição, tendo culminado com uma prolongada salva de palmas.

- Todos os presentes aguardam ansiosamente pela sua recuperação, sentimento a que o AUREN também se associa! 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 024

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 030

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 032

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 033

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 035

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 016

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 017

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 020

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 021

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 022

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:10
link do post | favorito
|

PISTA DO ESCÂNDARÃO RECEBEU PROVA DE MOTOCROSS

Ourém assistiu ontem à prova de motocross que decorreu na pista do Escandarão, em apoio ao corredor algarvio Henrique Venda que, nos Campeonatos Europeus de Motocross realizados em França, representando o nosso país, sofreu um brutal acidente do qual ficou gravemente lesionado, encontrando-se em estado de coma há mais de cinquenta dias.

A prova foi organizada pela Federação Motociclismo de Portugal e contou com o apoio do Natureza Acção, de Ourém. A esta iniciativa aderiram numerosos participantes oriundos de vários pontos do país e da Galiza. Entre eles salientamos Hélder Rodrigues, um amigo de Ourém que há três anos tem vindo sempre a obter o terceiro lugar da geral no Paris-Dakar e do do Campeão do Mundo da Classe MX2, o português Rui Gonçalves

Entretanto, tivemos conhecimento que o corredor Henrique Venda regressou Sábado, de França, transportado de avião, tendo ficado internado no Hospital de S. José, em Lisboa, em estado de coma induzido.

As imagens que apresentamos aos leitores foram captadas pelo nosso colaborador, Sr. José Santos que também foi Comissário de Pista.

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 004

Um aspecto da pista do Escandarão

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 037

A prova registou uma grande afluência de público.

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 038

Nem o frio impediu o público de assistir à prova de motocross...

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 001

As equipas de apoio instalaram-se nos terrenos de parqueamento.

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 007

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 008

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 009

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 010

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 011

 

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 013

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 014

 

HENRIQUE VENDA - 19 _ DEZ _ 2010 012

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:05
link do post | favorito
|

Domingo, 19 de Dezembro de 2010
Freguesia de Fátima

Fátima

A Freguesia de Fátima encontra-se intimamente ligada à aparição de Nossa Senhora aos pastorinhos na Cova da Iria. Desde 1917, de todo o mundo que aqui acorrem milhões de peregrinos que vêm rezar, fazer as suas preces e cumprir promessas. Entre os locais mais visitados conta-se, naturalmente, o Santuário de Fátima e a pequena aldeia de Aljustrel onde os videntes nasceram.

Porém, a Paroquia de Fátima, surgida da humilde Aldeia da Serra, remonta a 1568 com a sua desanexação da Colegiada de Ourém. Situada num local quase inóspito, os seus habitantes viviam da pastorícia e da agricultura de sequeiro, mantendo uma sobrevivência difícil.

Em 1868, o Dr. José das Neves Gomes Elyseu, no seu “Esboço Histórico do Concelho de Villa Nova de Ourem”, faz-nos a seguinte descrição da freguesia de Fátima:

“O orago d’esta freguezia é Santo Antonio. Ella fica ao occidente da antiga villa de Ourem. O auctor do Santuario Mariano, declara que esta parochia é dedicada á rainha dos Anjos, com o título de Prazeres, e que o logar é tão antigo, que parece ser ainda do tempo dos mouros, como apregoa o seu nome Fatima. Esta freguezia esteve sujeita e annexa á egreja da collegiada de Ourem; era contudo mais antiga do que a collegiada.

As circumstancias prodigiosas, que revestiram o apparecimento da imagem da Senhora da Urtiga, formam um interessante quadro, imaginoso e poético, passado n’uma serra com uma pastorinha do casal de Santa Maria. Pôde ver-se no dito Santuario Mariano. A imagem da Senhora é de pedra. Além d’esta Senhora apparecida ha ainda outra no concelho, que é a de Rio de Couros.

Indicam por via de regra os descobrimentos das imagens os sítios próximos aos quaes existiam povoações nas eras remotas: circumstancia esta que se dava no logar de Rio de Couros. Os godos convertidos á fé pelos annos de 260, caíram depois na heresia do arianismo a que os levara o seu bispo Ulsilas de grande credito entre elles. É então que mais cruel foi a guerra do christianismo. Os bárbaros tudo assolavam. Pancracio, bisco de Braga, cercado dos bispos da Lusitania n’um concilio a que concorreram Elypando, bispo de Coimbra, Arisberto, do Porto, e outros, deliberaram metter em recato as relíquias veneráveis dos martyres, os vasos sagrados que serviam á celebração dos santos mysterios, bem como enterrar as imagens, pois que os invasores como idólatras, acomettiam os pastores da egreja, e outros que embora se diziam christãos, por fanatismo religioso queriam que prevalecessem as doutrinas do arianismo, succedendo assim pelos annos de 569 em que já se haviam assenhoreado das principais cidades, Lisboa, Coimbra, Idanha, etc.

Foram estas as providencias que os bispos entenderam tomar, e pondo em lembrança n’uma relação, os sítios em que ocultavam os objectos queridos da nossa religião. Nos séculos futuros e em circunstancias maravilhosas, foram apparecendo essas imagens, cuja notícia provavelmente se perdera”.

coreto

Coreto da Freguesia de Fátima revestido a azulejos.

homenagem

O povo de Fátima homenageou um dos seus párocos.

azulejos

O adro da Igreja Paroquial de Fátima encontra-se profusamente ornamentado com esculturas e paineis de azulejos.

Cruzeiro

Cruzeiro no adro da Igreja de Fátima.

Nossa Senhora

Estátua de Nossa Senhora evoca a sua aparição em Fátima.

Francisco

"Contemplar como Francisco".

Jacinta

"Acolher como Jacinta"

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:50
link do post | favorito
|

Sábado, 18 de Dezembro de 2010
QUINTA DO MONTALTO VENDE PRODUTOS BIOLÓGICOS EM LISBOA

O-Montalto 001

A Quinta do Montalto encontra-se sempre presente com os seus produtos na Feira de Produtos de Agricultura Biológica que tem lugar semanalmente, aos Sábados, no Jardim França Borges, vulgo Jardim do Príncipe Real, em Lisboa. Trata-se de uma iniciativa da Direcção Municipal de Actividades Económicas da Câmara Municipal de Lisboa e realiza-se entre as 9horas e as 15 horas. A tenda da Quinta do Montalto é a quarta a contar da entrada para quem se desloca a partir da Praça do Príncipe Real.

Desse modo, os oureenses que vivem na região de Lisboa, podem facilmente encontrar ali os produtos de agricultura biológica do Concelho de Ourém, desde os vinhos às alfaces e compotas, dispondo de toda uma variedade que seguramente será do seu agrado. Mais ainda, constituirá uma forma de promover os produtos da nossa região e afirmar as potencialidades do Concelho de Ourém.

O AUREN foi hoje à Feira de Produtos de Agricultura Biológica e mostra-lhe aqui a frescura dos produtos biológicos criados na Quinta do Montalto a prestigiar em Lisboa o nome de Ourém. E, fica aqui o convite para que não deixe de visitar a tenda da Quinta do Montalto, aos Sábados, no Jardim do Príncipe Real.

O-Montalto 004

Os produtos biológicos de Ourém podem ser encontrados em Lisboa, no Jardim do Príncipe Real.

O-Montalto 005

Os melhores apreciadores podem obter uma grande variedade de vinhos produzidos pela Quinta do Montalto, incluindo o Medieval de Ourém.

O-Montalto 007

A doçaria é um dos produtos bastante apreciados por quem ali faz as suas compras semanais.

O-Montalto 013

A Feira de Produtos de Agricultura Biológica regista uma grande afluência de público.

O-Montalto 014

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 12:59
link do post | favorito
|

PRAÇA DE NATAL COMEÇA AMANHÃ EM OURÉM

PRAÇA DE NATAL

De 19 a 26 de Dezembro

Local: Praça da República

De 20 a 24 de Dezembro- Animação de Rua com:

Duendes Cantadores’

Pai Natal e os seus Duendes’

Os Notinhas’

Dia 19 de Dezembro

Abertura da Praça de Natal

15h30- Recepção ao Pai Natal

Espectáculo musical e de magia

Dia 25 de Dezembro

16h00- Espectáculo - ‘Tobias e a Floresta

Com a presença do Noddy e do Shrek

Dia 26 de Dezembro

16h00 - Espectáculo - ‘A Festa de Natal’

De 19 a 26 de Dezembro

Das 15h00 às 22h00- Aldeia da Brincadeira

Viagens na Lagarta pelas ruas da cidade

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 00:34
link do post | favorito
|

VINHO COM INFORMAÇÃO É OPÇÃO!

banner2

A Comissão de Agricultura, Desenvolvimento Rural e Pescas da XI Legislatura da Assembleia da república encontra-se a analisar uma petição que foi apresentada em meados deste ano e que recolheu mais de onze mil assinaturas, reclamando o direito do consumidor ser informado acerca do material utilizado nos vedantes no engarrafamento do vinho e em defesa da utilização da cortiça. A recolha de assinaturas decorreu através do site www.peticao.ecologicalcork.com e foi registada como a Petição 65/XI/1ª, tendo entrado na referida Comissão no passado dia 6 de Maio.

É o seguinte o teor da petição “Vinho com informação é opção”:

 

Preâmbulo

Existem diversas razões que nos devem levar a optar por escolher vinhos com rolha de cortiça. Graças às diversas campanhas institucionais, aos artigos e documentários independentes os consumidores começam a estar cada vez mais sensibilizados para elas.

-Os montados de cortiça são a base do ecossistema da bacia mediterrânica e por isso os responsáveis pela preservação de centenas de espécies vegetais e animais.

-A rolha de cortiça é o vedante com a menor pegada de carbono (CO2) na sua produção e utilização. Se a isso juntarmos as toneladas de CO2 retidas pelos sobreiros então estamos perante um enorme elemento de “descarbonização” do nosso consumo.

-A indústria da cortiça é responsável em Portugal por cerca de 12.000 postos de trabalho directos. Além disso, é dos poucos sectores em que somos lideres mundiais, com mais de 50% da produção de cortiça e das exportações do seu principal produto (rolhas).

-Por muito que queiram dizer o contrário, a rolha de cortiça é o melhor amigo do vinho. Logo à partida do ponto de vista técnico/desempenho, pois permite que o vinho mesmo depois de engarrafado continue a evoluir através de uma micro-oxigenação controlada de forma natural. Mas também do ponto de vista de imagem para o vinho, pois os estudos de opinião apresentam a rolha de cortiça como vedante de eleição dos consumidores.
Infelizmente, o poder de optar e escolher ainda não foi dado aos consumidores. Até aqui ninguém se tem preocupado em informar qual o tipo de vedante utilizado nas garrafas. Está nas nossas mãos exigir:

-aos engarrafadores/produtores de vinho

-aos retalhistas e comerciantes de vinho

-aos governantes nacionais

OS CONSUMIDORES QUEREM TER O PODER DE ESCOLHER. Queremos ter acesso à informação do tipo de vedante utilizado nas garrafas antes de as abrirmos, só assim podemos fazer compras de forma consciente. Só assim poderemos fazer escolhas que defendam o interesse de todos nós através da preservação do meio ambiente.

 

Texto da Petição

Exmo. Sr. Presidente da Assembleia da República

Exmo. Sr. Produtor/Engarrafador de Vinho

Exmo. Sr. Responsável pela distribuição/comercialização de Vinho

Os abaixo signatários da presente petição solicitam que de acordo a vossa posição, tornem possível aos consumidores de vinho o direito a optarem com informação.

Nos dias de hoje torna-se importante que as escolhas de compra que cada um faz tenham em conta diversos critérios ambientais, sociais e económicos. Assim sendo, os consumidores estando na convicção que devem escolher um produto que seja mais correcto do ponto de vista ambiental e que traga mais valias sócio-económicas para o país devem ter acesso a um conjunto de informações que tornem possível essa opção. Para que tal aconteça é necessário que passe a constar nos rótulos e/ou contra-rótulos das garrafas de vinho qual o tipo de vedante utilizado.

Só assim é que os consumidores podem fazer uma discriminação positiva dos vinhos que utilizam rolhas de cortiça como vedante, defendendo dessa forma a biodiversidade dos montados de sobro e diminuindo a pegada de carbono das suas escolhas.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 00:05
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 17 de Dezembro de 2010
OURÉM ACOLHE JORNADAS FLORESTAIS

A Autoridade Florestal Nacional levou hoje a efeito as Jornadas Técnicas Florestais, uma iniciativa que contou com o apoio da Câmara Municipal de Ourém e constituiu a primeira vez que tiveram lugar no Distrito de Santarém.

JORNAD~2

Estas Jornadas contemplaram a discussão de temas transversais a todos os Gabinetes Técnicos Florestais do distrito de Santarém como Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios, o Plano Operacional Municipal 2011, a monitorização e execução de gestão de combustível e os constrangimentos no planeamento e execução do planeado, tendo ainda sido efectuada uma visita de campo organizada pela AmbiOurém que proporcionou aos participantes a oportunidade de visitar os mosaicos de gestão de combustíveis, na freguesia de Seiça, executados no âmbito do PRODER.

Na abertura dos trabalhos, o Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, salientou a criação de um pelouro dedicado ao desenvolvimento rural e às florestas fomentado pela “tradição ancestral de exploração florestal no concelho de Ourém, que tem vindo a ser abandonada, mas que deverá ser revitalizada”, lembrando ainda que “ temos jóias de inspiração natural muito ricas como o Agroal onde temos levado a cabo um conjunto de intervenções”.

Por seu turno, a Drª Gisela Simões, Administradora da AmbiOurém, frisou o trabalho que tem sido levado a cabo pelos GTF´s de todo o distrito, afirmando que “muito tem sido feito”, reforçando a ideia de que a “parte florestal não tem sido associada ao mundo rural, factor que deverá começar a mudar”.

Em jeito de síntese, o Dr. José Alho, na qualidade de vereador do pelouro das Florestas e Desenvolvimento Rural, realçou o “papel fundamental” da empresa municipal AmbiOurém, que “faz o pivot técnico entre os diversos intervenientes”, através de um gabinete técnico de apoio ao mundo rural, recorrendo a parceiros estratégicos, numa “lógica integrada de intervenção”. Neste sentido frisou o apoio às freguesias para a realização de candidaturas no âmbito do PRODER, o apoio aos produtores florestais e agricultores, e a montra de produtos do mundo rural localizada no centro histórico – Ucharia do Conde.

JORNAD~2

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 18:24
link do post | favorito
|

Reitor do Santuário de Fátima transmite mensagem de Natal

Pela primeira vez no Santuário de Fátima, o Reitor da instituição grava em vídeo a mensagem de Natal.
Dirigida aos peregrinos, aos amigos e aos benfeitores do Santuário, a mensagem está colocada no site oficial do Santuário de Fátima na Internet www.fatima.pt.
Iniciado recentemente o novo ano pastoral, que propõe “Santíssima Trindade, adoro-Vos profundamente” como tema anual, o Padre Virgílio Antunes lembra na sua mensagem de Natal o nascimento do Menino Jesus à luz do mistério da Santíssima Trindade.
Neste momento de esperança, também o Centro de Comunicação Social endereça os mais sinceros votos de Santo Natal a todos e a cada um dos 5.459 subscritores do Boletim Informativo do Santuário de Fátima e a todos os amigos e colaboradores. Faço votos que a chegada do Deus Menino seja sinal de alegria, de fraternidade e de uma sociedade mais atenta ao que verdadeiramente interessa: um presente e um futuro de paz no mundo e no coração de cada pessoa.

 

 

Fonte: Sala de Imprensa do Santuário de Fátima

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 18:14
link do post | favorito
|

RECOLHA DE ÓLEOS USADOS MUDA DE LOCAL

A recolha dos óleos usados em Ourém e Fátima mudou provisoriamente de local. A partir de agora e até nova determinação, a entrega dos óleos passará a ser efectuada no Fundo Social dos Trabalhadores da Câmara Municipal de Ourém, no Centro de Negócios de Ourém, das 9h00 às 18h00, dias úteis. Qualquer esclarecimento pode ser solicitado para o tel: 913808827.

Na origem desta decisão encontra-se o facto de, em virtude da má utilização dos oleões, estarem a resultar problemas de higiene e segurança resultantes do derrame de óleo na via pública. Refira-se que, no ano passado, foram colocados quatro Oleões no Concelho de Ourém, dois na cidade de Ourém e dois na cidade de Fátima, na via pública, ao abrigo de um protocolo celebrado com a empresa Oleotorres.

Atendendo, contudo, à importância destes equipamentos e por serem um importante veículo de sensibilização ambiental, esta solução é provisória até que os serviços da autarquia encontrem uma solução definitiva a reciclagem de óleos.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 13:23
link do post | favorito
|

MINISTRO DA JUSTIÇA INAUGURA REMODELAÇÃO NO PALÁCIO DA JUSTIÇA

Esta remodelação significa criar melhores condições para o funcionamento da Justiça” – afirmou o Ministro da Justiça, Dr. Alberto Martins, no decorrer da cerimónia que ontem teve lugar e que se destinaram a inaugurar as obras de remodelação do Palácio da Justiça, em Ourém, acrescentando que “Aqui foi feito um trabalho rigoroso, em economia de meios. 800 mil euros investidos com equilíbrio, rigor e eficácia, em obra que preserva a dignidade deste edifício de Justiça”.

MINIST~1

O governante referiu ainda o tempo actual em que “a justiça acompanha os sacrifícios que são pedidos a todos os portugueses. O objectivo é encontrar soluções justas, equilibradas, equitativas para ajudar o país a encontrar as soluções que necessita”.

“A Justiça não pode ser posta de lado. A Justiça quer-se com celeridade, eficácia, melhores meios, mais qualificação, melhor formação dos responsáveis da justiça. Há um problema de sustentabilidade da Justiça e nós queremos responder de forma adequada. A justiça é um bem essencial. A ninguém pode ser negada justiça por motivo de carência financeira. O objectivo último é uma Justiça mais justa” – concluiu o ministro da Justiça.

A visita ao edifício foi conduzida pelo Juiz Presidente do Tribunal de Ourém, Dr. Jorge Almeida que, agradecendo a visita de Alberto Martins, sublinhou o “esforço de todos os funcionários judiciais que, durante o tempo em que decorreram as obras, se mantiveram em funções, muitas vezes em condições menos próprias, mas que nem por isso deixaram de fazer o seu trabalho”. Sublinhou ainda o facto destas obras serem, desde há muito, anseio de todos os que aqui trabalham e também da população.

Depois da visita às obras do Palácio da Justiça, o Ministro da Justiça teve uma recepção no edifício dos Paços do Concelho, onde o presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, agradeceu a presença de Alberto Martins e manifestou “a disponibilidade do Município em avançar com a criação de um Julgado de Paz, ou Centro de Mediação de Conflitos, mediante protocolo com o Ministério que tutela, com o fim de contribuirmos para uma resposta mais célere, próxima e eficaz junto dos cidadãos. Esse é o nosso objectivo final, privilegiamos o cidadão e é para ele que trabalhamos e queremos cada vez mais dar respostas em tempo útil e de modo evolutivo”.

O ministro ficou satisfeito com o desafio lançado pelo Dr. Paulo Fonseca e afirmou haver “espaço de colaboração forte, pois aproveitaremos com empenho esta disponibilidade do Município de Ourém, aqui demonstrada pelo seu presidente, na procura de uma Justiça de proximidade”.

O edifício do Palácio da Justiça está agora dotado de melhores condições de trabalho, concretamente de uma nova sala de audiências, acessibilidade para pessoas com limitações de mobilidade, mais gabinetes, sistemas de climatização e de telecomunicações.

As obras foram adjudicadas pelo Ministério da Justiça em Setembro do ano passado e decorreram ao longo dos últimos nove meses.

MINIST~1

A imagem regista do Dr. AlbertMartins às instalações do Palácio da Justiça, em Ourém.

MINIST~2

O Ministro da Justiça, Dr. Alberto Martins, foi recebido nos Paços do Concelho pelo Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/


tags:

publicado por Carlos Gomes às 12:00
link do post | favorito
|

PAI NATAL VEM A OURÉM!

PaiNatal_2010



publicado por Carlos Gomes às 11:35
link do post | favorito
|

BISCA DE TRÊS – Freixianda tem novo blogue

- Freixianda (não) é uma carta fora do baralho!

Picture-ourem 084

Encontra-se já on-line o “BISCA DE TRÊS”, um novo blogue que pretende afirmar-se como um espaço de opinião e pensamento crítico sobre os problemas que respeitam à Freixianda.

O AUREN saúda o aparecimento do blogue “BISCA DE TRÊS”, desejando-lhe os maiores sucessos.

O seu endereço é http://biscadetres.blogspot.com/ e, para melhor compreensão dos seus objectivos, transcrevemos o que o próprio blogue publica a esse respeito:

 

“O direito de um qualquer cidadão expressar livremente as suas opiniões ideias e pensamentos, constitui a base de uma sociedade livre e democrática como a Portuguesa.

Com isso na mente e depois de um jantar especialmente bem acompanhado com o néctar dos deuses e como diziam os romanos “in vino veritas”, concluímos que falta, na Freixianda, um espaço  que fomente  o pensamento critico, as opiniões e uma postura activa de participação cívica na condução dos destinos da nossa terra.

O objectivo a que nos propomos é falar livremente, sem reservas, sobre  a Freixianda

Para o funcionamento do Blog apresentamos as seguintes linhas orientativas:

-O anonimato é totalmente aceite e até incentivado, sendo que os comentadores devem adoptar pseudónimos, identidades virtuais para facilitar o dialogo.

-Comentários ofensivos, racistas ou simplesmente patéticos não serão publicados.

-Este blog não é por ninguém nem contra ninguém.

Porquê esta “obsessão” com o anonimato?

Porque para nós é a única e verdadeira forma de, numa freguesia com 3 mil habitantes, exprimir livremente a opinião. E isso é, precisamente, o que pedimos a todos -  digam o que pensam, comentem, critiquem, pois garantimos completo anonimato. Mas sejam responsáveis e dignos para nós podermos aceitar e publicar todos.

Como dizia George Orwell: “se a liberdade significa alguma coisa, será sobretudo o direito de dizer aos outros o que não querem ouvir”.”

 



publicado por Carlos Gomes às 08:52
link do post | favorito
|

Planta-betadine ou "erva das andorinhas"

Betadine

A Quelidónia-maior é uma espécie botânica da família das papoilas, originária da Europa e Norte de África, popularmente conhecida como "erva das andorinhas" em virtude do seu nome designar precisamente a palavra andorinha, devendo tal designação ao facto de começar a florescer na Primavera e manter-se em flôr até ao Outono, coincidindo pois com a migração das andorinhas.
A Quelidónia-maior produz uma seiva amarelada da qual se produz a betadine pelo que, esta planta tem propriedades cicatrizantes. Porém, as suas propriedades farmacológicas na cura de doenças de pele, fígado e visícula já eram conhecidas entre os gregos. É frequente aparecerem em locais adubados e húmidos, por vezes sobre os muros, sendo possível encontrá-la no Concelho de Ourém

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:38
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 16 de Dezembro de 2010
Ministro da Justiça esteve em Ourém
photo_f3
O Ministro da Justiça, Dr. Alberto Martins, esteve hoje em Ourém para inaugurar as obras de remodelação do Tribunal de Ourém. A cerimónia teve lugar pelas 16 horas, tendo posteriormente sido recebido no edifício dos Paços do Concelho.
Toda a informação, aqui, no AUREN, na edição de amanhã. Esteja atento!
 


publicado por Carlos Gomes às 19:36
link do post | favorito
|

OURÉM RECEBE PROVA DE MOTOCROSS

A Pista do Escandarão vai receber no próximo domingo, dia 19 de Dezembro, uma prova de motocross, numa organização da Federação Motociclismo de Portugal com o apoio do Natureza Acção, de Ourém.

motocross

Esta iniciativa que já conta com mais de uma quinzena de participantes inscritos oriundos de vários pontos do país e da Galiza, tem como finalidade prestar apoio ao corredor algarvio Henrique Venda que, nos Campeonatos Europeus de Motocross realizados em França, representando o nosso país, sofreu um brutal acidente do qual ficou gravemente lesionado, encontrando-se em estado de coma há mais de cinquenta dias. O acidente resultou de, num dos saltos, um dos concorrentes ter caído com a moto sobre a cabeça de Henrique Venda.

Entre os vários participantes nesta iniciativa salientamos Hélder Rodrigues, um amigo de Ourém que há três anos tem vindo sempre a obter o terceiro lugar da geral no Paris-Dakar. Confirmada está ainda a presença do Campeão do Mundo da Classe MX2, o português Rui Gonçalves e de vários pilotos estrangeiros que vêm à prova, alguns apenas para estarem presentes, adquirindo o seu próprio bilhete e, dessa forma, mostrar o seu apoio ao colega.

De acordo com informações a que o AUREN teve acesso, também a comunicação social vai estar em peso na pista do Escandarão para efectuar a cobertura do evento. Entre os órgãos de imprensa que farão a reportagem da prova, salientamos a RTP2 e a SporTV, prevendo-se também a vinda da MOTOR TV que foi a estação que em 2005 teve o exclusivo do Campeonato do Mundo de Enduro que se realizou em Ourém.

Durante a Prova serão sorteados vários prémios e no final uma Mini Mota, tudo oferecido por amigos, comerciantes e pilotos.

Como Comissário de Pista estará presente o colaborador do AUREN, Sr. José Santos, através do qual endereçamos a todos os participantes da prova uma excelente jornada desportiva e de solidariedade.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 14:20
link do post | favorito
|

Exposições no Museu Municipal de Ourém

Durante o mês de Dezembro encontram-se patentes ao público no Museu Municipal de Ourém diversas exposições que aguardam a sua visita.

Exposição de Longa Duração: OURÉM’ AFEIÇÕES: VILLA NOVA DE OURÉM 1900

Exposição temporária: “OUREMPUBLICA”

Até Dezembro de 2010, uma exposição documental sobre os discursos e os ecos da implantação da República em Ourém.

Dias úteis das 9h30-12h30 e das 14h-18h; Sáb. e Dom. 9h30-12h30 e 14h-18h.

Encerra às Segundas-feiras todo o dia

Paços do Concelho

Até 2 de Janeiro

Exposição Sensibilidades

Em articulação com o CEPAE, Centro de Património da Alta Estremadura, uma mostra fotográfica de 25 fotógrafos da região, acompanhada por três nomes oureenses: Nuno Abreu, Paulo Vaz Henriques e Pedro Gonçalves.

Local: Paços do Concelho

Horário: Dias úteis das 09h-17h.

Entradas gratuitas

Galeria Municipal

Até 2 de Janeiro

Pintura de José Eliseu e Sérgio Eliseu

Exposição de pintura de José Eliseu e Sérgio Eliseu, direccionada para o paisagismo. Ambos os autores têm extenso curriculum na área.

Galeria Municipal, Zona Histórica, 9h30 às 12h30 e das 14h00 às 18h00. Encerra à Segunda.

Entradas Gratuitas

Biblioteca Municipal

Até 7 de Janeiro

A Idade de Ouro da Imprensa do Norte do Distrito de Leiria

Exposição de Margarida Herdade Lucas e Miguel Portela

A História da Imprensa é também a História das ideias, dos projectos e da vida desta região, cujas potencialidades ainda subsistem, apesar de relegada pelas regiões litorais. Todos estes concelhos do interior possuem uma riqueza endógena que as gerações do final do século XIX e início do século XX conheciam e divulgaram.

Os autores desta exposição, ao revelarem esta pequena parte da História do Interior-Centro do país, têm insistido numa política cultural que demonstre todos estes factores, no sentido de dar a conhecer o valor e a riqueza do coração do país.

Biblioteca Municipal de Ourém, dias úteis das 09h às 18h

As entradas sgratuitas!

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:37
link do post | favorito
|

O Presépio do Natal

Presépio

A construção do presépio do Natal é um dos costumes mais enraizados na tradição popular. Porém, este tem vindo a ser gradualmente relegado para um plano secundário em relação à tradição de origem nórdica do pinheiro enfeitado em virtude nomeadamente da sua maior simplicidade.

Para além da mensagem religiosa que transmite, o presépio português constitui uma manifestação da arte popular e uma escola de aprendizagem para os mais jovens. Exceptuando as figuras representativas da Sagrada Família, as demais remetem para uma realidade cultural mais próxima de nós, integrando elementos etnográficos que nos identificam como o moleiro, a lavadeira e o pastor, personagens sem correspondência à época, ao local e ao momento do nascimento de Jesus.

Para a sua construção recorre-se a materiais existentes no nosso próprio meio, nomeadamente musgo, pedra e madeira de oliveira, podendo os bonecos serem feitos de barro.

A construção e montagem do presépio possuem uma vertente pedagógica que deve ser estimulada na medida em que apura a sensibilidade para aspectos de natureza estética, estimulando o talento artístico. Aliás, são célebres os famosos presépios barrocos do escultor Machado de Castro, um dos quais pode ser admirado na Sé Catedral de Lisboa.

Nalguns casos, o seu incremento suscita o desenvolvimento do artesanato com evidentes vantagens para a economia local e a criação de postos de trabalho. É notável o exemplo dos barristas de Estremoz com os seus famosos presépios de decorações caprichosas como é característica do artesanato daquela localidade alentejana.

Por outro lado, o trabalho que o mesmo envolve, desde a procura dos materiais, a confecção das figuras e a montagem do cenário traduzem-se geralmente num excepcional momento de convívio da família.

Estas constituem apenas algumas das razões que justificam a construção de presépios nos lares, nas igrejas, nas praças, nas montras dos estabelecimentos e outros recintos públicos. Presépios de Natal que associem a mensagem cristã às nossa tradições culturais mais genuínas.

 

Foto: Presépio barroco de Machado de Castro.

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:02
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 15 de Dezembro de 2010
PASSEIOS FOTOGRÁFICOS... por Ourém!
Iniciaram-se já as inscrições para os Passeios Fotográficos, iniciativa que o Município de Ourém vai levar a efeito em Janeiro de 2011. As inscrições podem ser feitas directamente em:
https://spreadsheets.google.com/viewform?hl=pt_PT&formkey=dDZpdTBTZF9WLVMyUWdLcEVQbGF0OHc6MQ#gid=0
Cartaz-medio
 


publicado por Carlos Gomes às 19:02
link do post | favorito
|

Formação Pedagógica Inicial de Formadores

capture1

(IEFP - Certificado de Homologação nº EDF 2966/2008)

2011

17 de Janeiro a 04 de Março

11 de Abril a 31 de Maio

10 de Outubro a 30 de Novembro

 

DURAÇÃO: 110 HORAS

HORÁRIO: 19H00 - 23H00

REQUISITOS

Licenciados ou Bacharéis

Técnicos Qualificados cuja experiência profissional lhes permita ministrar formação profissional

DOCUMENTAÇÃO DE CANDIDATURA

Cópia do Bilhete de Identidade e do Cartão de Contribuinte (ou Cópia Cartão de Cidadão)

Curriculum Vitae

Cópia de Certificado de Habilitações

CUSTOS

VALOR DO CURSO: 350.00€ (inclui Taxa de Inscrição)

10% desconto - inscrições feitas até 31/12/2010 (curso de 17/01/2011)

- inscrições feitas até 25/03/2011 (curso de 11/04/2011)

- Inscrições feitas até 23/09/2011 (curso de 10/10/2011)

Facilidades de Pagamento (pagamento faseado)

Taxa de Inscrição: 50.00€ (pagamento no acto da inscrição)

CANCELAMENTOS: No caso de impossibilidade de participar na acção para que se inscreveu, deverá informar-nos por escrito até 5 dias úteis antes do início da mesma, não havendo lugar a qualquer encargo.

Os cancelamentos recebidos após esta data ou aqueles que não nos chegarem por escrito, darão lugar à retenção da Taxa de Inscrição.

NOTA: a Inscrição só é considerada definitiva após a entrega de toda a documentação e o pagamento da taxa de inscrição.

APÓS O CURSO, OS INTERESSADOS FICARÃO A PERTENCER À BOLSA DE FORMADORES DA NERSANT.

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES

110 HORAS

PROGRAMA DO CURSO:

1. O Formador e o Contexto em que se desenvolve a Formação (8 horas)

2. Autoscopia I (14 horas)

3. Teorias, Factores e Processos de Aprendizagem (8 horas)

4. Métodos e Técnicas Pedagógicas (12 horas)

5. Relação Pedagógica, Animação de grupos de formação e gestão de

Percursos Diferenciados de Aprendizagem (8 horas)

6. Definição e Estruturação de Objectivos de Formação (12 horas)

7. Recursos Didácticos na Formação e as Novas Tecnologias de

Informação e Comunicação (10 horas)

8. Planificação da Formação (10 horas)

9. Avaliação e Aprendizagem (8 horas)

10. Autoscopia II (16 horas)

11. Avaliação da Formação (4 horas)

 

Para mais informações, contactar:

Núcleo NERSANT de Ourém

Centro Negócios de Ourém, Piso 2, Sala 2, 2490-535 Ourém

Telefone 249 544 211 | Fax 249 544 295 | Móvel 932 961 708

E-mail nucleo.ourem@nersant.pt | Internet www.nersant.pt

 



publicado por Carlos Gomes às 18:30
link do post | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

BLOGUE "AUREN" SUSPENDE A...

A INQUISIÇÃO EM OURÉM

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

GRUPOS LINGUÍSTICOS APRES...

PONTIFICIA ACADEMIA MARIA...

D. ANTÓNIO MARTO COMPARA ...

LEIRIA MOSTRA TRAJE TRADI...

BISPO DE SETÚBAL PRESIDE ...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA PROMO...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA APRES...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

PAN QUER DISCUTIR MOBILID...

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

OURÉM: OS MISTÉRIOS DA SI...

FAPWINES ACRESCENTA ROSÉ ...

ESTUDO REVELA QUE 62% DOS...

“UM LOUVOR A MARIA” LEVA ...

MADRE TERESA ERA TANTO DE...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

AUTORIDADES DE OURÉM FELI...

DEPUTADO MENDES CORREIA E...

OURIENSES FAZEM EXCURSÃO ...

ALVAIÁZERE: PUSSOS REALIZ...

OURÉM: RIBEIRA DO FÁRRIO ...

OURÉM: OLIVAL ESTÁ EM FES...

QUANDO VISITA OFICIALMENT...

CAÇADORES MARCAM ENCONTRO...

OURÉM TEM FESTA GRANDE NO...

OURÉM EVOCA DIÁSPORA E CU...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

O ZOROASTRISMO E A SUA IN...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA PROMO...

OURÉM: RIBEIRA DO FÁRRIO ...

ALVAIÁZERE: PUSSOS REALIZ...

OURIENSES FAZEM EXCURSÃO ...

PAPA ENVIA CARTA AO 24º C...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA CELEB...

OURÉM LEVA MÚSICA, DANÇA,...

OURÉM REGRESSA À IDADE MÉ...

OURÉM: FREIXIANDA ESTÁ EM...

ALVAIÁZERE REALIZA FESTIV...

RIO DE COUROS REALIZA FEI...

ALVAIÁZERE: PELMÁ ESTÁ EM...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

PARTIDO "OS VERDES" COLOC...

SINDICATO DOS TRABALHADOR...

OURÉM REGRESSA À IDADE MÉ...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

SINDICATO DOS TRABALHADOR...

arquivos

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

tags

todas as tags

links
Twitter
blogs SAPO
subscrever feeds