Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Ourém.
Quarta-feira, 30 de Novembro de 2011
ZONA MATRIX QUER SILENCIAR-NOS!

EMPRESA AMEAÇA COM QUEIXA À COMISSÃO NACIONAL DE PROTECÇÃO DE DADOS CASO NÃO RETIREMOS DO BLOGUE AUREN INFORMAÇÃO QUE FOI RECEBIDA DA CÂMARA MUNICIPAL DE OURÉM… E DÁ-NOS PRAZO DE 48 HORAS!

Sob o título “MUNICÍPIO DE OURÉM APOSTA NA TRANSPARÊNCIA”, publicou o AUREN, no passado dia 15 de Julho, um artigo que, conforme é referido, constitui um esclarecimento público da Câmara Municipal de Ourém “acerca do assunto solicitado à OurémViva, EEM, bem assim o orçamento enviado pela firma Zona Matrix e e-mail, datado de 25 de Março, enviado pela mesma entidade empresarial para a OuremViva, EEM”.

Trata-se, com efeito, de informação de interesse público, razão pela qual a Câmara Municipal de Ourém entendeu divulgar e o AUREN publicou, não constituindo portanto utilização de dados pessoais, conforme aliás pode ser lido em http://auren.blogs.sapo.pt/395763.html.

Hoje, dia 30 de Novembro, às 13h29, o AUREN recebeu da empresa Zona Matrix uma mensagem ameaçadora nos seguintes termos:

“Publicação de dados da Zona Matrix

Hugo-Zona Matrix hugo@zonamatrix.pt

Vimos por este meio informar que dentro de 48 horas se nao retirarem do vosso blog a informação onde consta orçamentos da Zona Matrix – Produção de Eventos Audiovisuais iremos proceder a uma denuncia imediata ás identidades competentes juntamente tambem com a Comissão Nacional da Proteção de Dados.

Sergio Rodrigues

capture1

 

Para quem já não se recorda, publicamos de novo o referido artigo.

 

MUNICÍPIO DE OURÉM APOSTA NA TRANSPARÊNCIA

A fim de desfazer quaisquer dúvidas que se possam levantar acerca de procedimentos relativos a aquisições de bens e serviços por parte do Município de Ourém, mais concretamente em relação à contratação de palcos no âmbito das Festas de Ourém 2001, recebemos da Câmara Municipal o esclarecimento acerca do assunto solicitado à OurémViva, EEM, bem assim o orçamento enviado pela firma ZonaMatrix e e-mail, datado de 25 de Março, enviado pela mesma entidade empresarial para a OuremViva, EEM.

Deste modo, o Município de Ourém aposta na transparência, numa atitude que registamos bastante positiva. Parece-nos que já vai sendo tempo de se ultrapassarem as polémicas e acabar com o ambiente de suspeição, unindo esforços em prol do Concelho de Ourém.

Publicamos juntos os documentos recebidos da Câmara Municipal de Ourém.

img237

img238

img239

capture6

capture7

capture8

capture9

capture10

capture11

capture12

capture13

capture14

capture15

N/ entrada =.º 384/2011

Serviços Administrativos e =inanceiros

Telm.: 911 010 111

De: =ugo-Zona Matrix [mailto:hugo@zonamatrix.pt]
Enviada: =exta-feira, 25 de Março de 2011 16:59
Para: =eral@ouremviva.pt
Assunto: Festas de Ourem 2011 / Ac. Dr.Joao =ousa

Boa =arde!

Já têm =lguma novidade em relação ao cartaz deste =no?

Após =onderarmos, vamos apenas dar cotação para som, luz e palco.Os =rtistas ficam por vossa conta visto ja terem algumas reservas =ambem.

Necessitamos =ó de saber quais os artistas que possivelmente viram a Ourém este =no para podermos adiantar valores para os mesmos e os dias defenitivos =ara a festa.

Aguardamos =oticias vossas.

Atentamente,<=span>

Hugo =arques

</html



publicado por Carlos Gomes às 14:38
link do post | favorito
|

OURÉM SUBMETE À DISCUSSÃO PÚBLICA REGULAMENTO DO BANCO DE VOLUNTARIADO MUNICIPAL

O Município de Ourém publica hoje em Diário da República a proposta de Regulamento do Banco de Voluntariado Municipal de Ourém, aprovada em reunião camarária no passado dia 18 de Outubro, submetendo-o à discussão pública, por um período de 30 dias. É o seguinte o teor da referida proposta:

Regulamento do Banco de Voluntariado

Municipal de Ourém

Preâmbulo

Reconhecendo que o trabalho voluntário representa hoje um dos instrumentos básicos de participação da sociedade civil nos mais diversos domínios de actividade, a Lei n.º 71/98, de 3 de Novembro, estabeleceu as bases do enquadramento jurídico do voluntariado.

Entende-se por voluntariado o conjunto de acções de interesse social e comunitário, realizadas de forma desinteressada por pessoas, no âmbito de projectos, programas e outras formas de intervenção ao serviço dos indivíduos, das famílias e da comunidade, desenvolvidos sem fins lucrativos por entidades públicas ou privadas.

O Diagnóstico Social realizado pela Rede Social da Câmara Municipal de Ourém identificou o Voluntariado como uma oportunidade para dar resposta a algumas necessidades existentes no concelho. Deste modo, é intenção do Município criar o Banco de Voluntariado Municipal de Ourém permitindo a este ser a entidade que, a nível local e de forma flexível e descentralizada, seja facilitadora do voluntariado, instituindo-se como um local de encontro entre pessoas que expressam a sua disponibilidade e vontade para serem voluntárias e as entidades que reúnam condições para integrar voluntários, coordenando o exercício da sua actividade.

CAPÍTULO I

Disposições Gerais

Artigo 1.º

Âmbito e Entidade Promotora

O Banco de Voluntariado Municipal de Ourém, adiante designado por BVMO, tem com entidade enquadradora a Câmara Municipal de Ourém, sita na Praça D. Maria II, n.º 1, 2490 -499 Ourém, e pretende promover o encontro entre a procura e a oferta de voluntariado no concelho, disponibilizando informação, formação e apoios diversos às organizações e aos voluntários, dispondo de um conjunto de recursos técnicos, humanos e operativos para a sua gestão.

Artigo 2.º

Objecto

O presente documento pretende regulamentar internamente o BVMO, tendo em conta as directrizes nacionais acerca desta temática, através do Conselho Nacional para a Promoção do voluntariado, assim como a Lei n.º 71/98 de 3 de Novembro.

Artigo 3.º

Objectivos

O BVMO tem os seguintes objectivos:

Criar uma estrutura privilegiada de promoção da responsabilidade social;

Gerir a oferta e procura de voluntariado;

Definir um modelo organizacional que potencie a eficácia e a eficiência do trabalho desenvolvido pelo Banco de Voluntariado Municipal numa administração pública moderna;

Aprofundar o conhecimento do voluntariado;

Servir de instrumento para o desenvolvimento local;

Valorizar e promover o voluntariado;

Promover o encontro entre as necessidades das organizações e a disponibilidade de voluntários;

Sensibilizar os cidadãos para o voluntariado;

Criar, colaborar, fomentar e divulgar projectos e oportunidades de voluntariado;

Promover a concertação pública e privada nesta matéria.

Artigo 4.º

Organização e Funcionamento

O BVMO funciona com base em quatro eixos:

1) Organização:

a) Recebe inscrições dos voluntários, e das organizações que pretendem acolher voluntários, por área de interesse social e comunitário;

b) Realiza uma entrevista aos voluntários para uma melhor adequação de perfil;

c) Elabora uma base de dados e cruza as informações, de forma a fazer o encontro de perfis e competências da actividade voluntária;

d) Disponibiliza listagens de voluntários e organizações, por áreas de actuação, e outros dados relevantes para facilitar o encontro entre a oferta e a procura de oportunidades de voluntariado;

e) Procede ao encaminhamento dos voluntários para as diversas instituições mais adequada às aptidões e preferências demonstradas pelo candidato, quanto ao exercício do voluntariado e com o perfil solicitado pela organização de voluntariado, que o vai enquadrar;

f) Procede ao acompanhamento e avaliação da satisfação do voluntário e da organização de voluntariado pelo trabalho desenvolvido, em período a determinar entre o BVMO e a organização promotora de voluntariado;

g) Assegura a protecção de dados pessoais;

2) Formação:

Promove formação dirigida a pessoas que desenvolvem ou pretendem desenvolver actividades voluntárias, assim como às organizações interessadas em acolher voluntários;

3) Informação:

a) Disponibiliza documentação e informação sobre voluntariado e esclarecimentos aos interessados por esta temática;

b) Informa sobre as iniciativas/eventos de destaque local e nacional;

4) Projectos:

Concebe, organiza e desenvolve projectos de Voluntariado — dinamizando actividades estruturadas com e para voluntários. O desenvolvimento destes projectos centra -se na valorização e promoção do voluntariado, e assenta na colaboração e parceria com outras entidades que desejem associar -se ao BVMO.

CAPÍTULO II

Admissão

Artigo 5.º

Destinatários

1 — Voluntários:

Cidadãos residentes no Município ou que exerça uma actividade profissional ou educativa no Município de Ourém, a partir dos 16 anos de idade, que manifestem particular interesse por desenvolver acções no âmbito da prática de voluntariado. Serão salvaguardadas e respeitadas características como: igualdade de género, diferenças étnicas e pessoas com deficiência, desde que as pessoas possuam aptidões físicas, psíquicas e intelectuais para desenvolver a actividade escolhida.

2 — Organizações:

2.1 — Podem inscrever -se no BVMO todas as organizações sediadas no Município de Ourém, desde que prossigam fins não lucrativos, serviços públicos.

2.2 — Nas actividades de voluntariado poderão associar -se organizações privadas.

Artigo 6.º

Condição de Admissão

1 — As candidaturas, quer dos voluntários quer das organizações, são previamente analisadas pelo BVMO, sendo da responsabilidade deste a selecção dos voluntários, adequando o seu perfil às necessidades das organizações candidatas a voluntários.

2 — Quando menor, o encarregado de educação do voluntário deve autorizar por escrito a actividade do voluntário menor e a sua assinatura deve também constar do respectivo programa de voluntariado.

3 — A competência da aceitação e admissão de candidaturas é da responsabilidade do BVMO, sendo que será dado conhecimento aos candidatos e às organizações do resultado da deliberação tomada pelo mesmo.

CAPÍTULO III

Direitos e Deveres

Artigo 7.º

Deveres da Entidade Promotora Constituem deveres da entidade promotora:

a) Divulgar projectos e oportunidades de voluntariado;

b) Acolher candidaturas de pessoas interessadas em fazer voluntariado e proceder ao encaminhamento para as organizações candidatas;

c) Definir o âmbito do trabalho de voluntariado em função do perfil do voluntário, nomeadamente a definição das suas funções, a sua participação nas actividades e a duração das mesmas, e as formas de desvinculação;

d) Promover formação estruturada dirigida a cidadãos que desenvolvem ou pretendem desenvolver actividades voluntárias, assim como às organizações interessadas em acolher voluntários;

e) Avaliar periodicamente os resultados do trabalho desenvolvido pelos voluntários e pelas organizações;

f) Disponibilizar ao público em geral informações sobre voluntariado;

g) Assegurar a protecção de dados pessoais fornecidos ao Banco de Voluntariado Municipal.

Artigo 8.º

Deveres das Organizações

Constituem -se deveres das organizações:

a) Nomear um responsável da organização para articulação do trabalho com o Banco de Voluntariado Municipal, a qual compete acompanhar os voluntários durante o período de voluntariado na Instituição;

b) Definir com o Voluntário o Programa de voluntariado a cumprir;

c) Avaliar periodicamente os resultados do trabalho desenvolvido pelo voluntário;

d) Enviar mensalmente a ficha de assiduidade e pontualidade assim como as avaliações que ocorram nas datas previstas, para o Banco de Voluntariado Municipal;

e) Facilitar a integração, formação e participação de todos os voluntários;

f) Requerer ao BVMO o Cartão de Identificação de cada voluntário da instituição;

g) Garantir o seguro de acidentes pessoais para os voluntários, assim como o seguro social voluntário, no caso deste não se encontrar abrangido por um regime obrigatório de segurança social;

h) Reembolsar o voluntário das despesas efectuadas no exercício de uma actividade programada pela organização promotora, desde que inadiáveis e devidamente justificadas, dentro dos limites a estabelecer pela mesma entidade.

Artigo 9.º

Direitos dos Voluntários

Constituem -se direitos dos voluntários:

a) Estabelecer com a organização promotora um programa de voluntariado, que regule os termos e condições do trabalho que vai realizar;

b) Desenvolver um trabalho de acordo com as suas motivações;

c) Dispor de um cartão de identificação de voluntário;

d) Ter acesso a programas de formação inicial e contínua;

e) Receber apoio no desempenho do seu trabalho com acompanhamento e avaliação técnica;

f) Exercer o seu trabalho voluntário em condições de higiene e segurança;

g) Participar nas decisões que dizem respeito ao seu trabalho voluntário;

h) Ser reconhecido pelo trabalho que desenvolve com certificação emitida pela entidade promotora ou pela organização;

i) Ser abrangido pelo regime do seguro social voluntário, no caso de não estar abrangido por um regime obrigatório de segurança social, e ter garantido o seguro de acidentes pessoais. Artigo 10.º

Deveres dos Voluntários

Constituem -se deveres dos voluntários:

a) Observar os princípios e normas inerentes à actividade, em função dos domínios em que se insere;

b) Conhecer e respeitar o funcionamento da organização, bem como as normas dos respectivos programas e projectos;

c) Actuar de forma diligente, isenta e solidária;

d) Zelar pela boa utilização dos bens e meios postos ao seu dispor;

e) Participar em programas de formação para um melhor desempenho do seu trabalho;

f) Evitar conflitos no exercício do seu trabalho de voluntário;

g) Garantir a regularidade do exercício do trabalho voluntário de acordo com o programa de voluntariado estabelecido com a organização promotora;

h) Não assumir o papel de representante da organização sem seu conhecimento ou prévia autorização ou ser este mandatado para o efeito;

i) Utilizar devidamente a identificação voluntário no exercício da sua actividade;

j) Informar a organização promotora, da qualidade de voluntário com a maior antecedência possível (com um mínimo de 30 dias), sempre que pretenda interromper ou cessar o trabalho voluntário, bem como proceder à justificação de possíveis faltas;

k) Colaborar com os profissionais da organização promotora, potenciando a sua actuação no âmbito de partilha de informação e em função das orientações técnicas inerentes ao respectivo domínio de actividade.

CAPÍTULO IV

Disposições Finais

Artigo 11.º

Suspensão e Cessação

Suspensão e cessação do trabalho voluntário:

1 — O voluntário que pretenda interromper ou cessar o trabalho voluntário deve informar a Organização/ Banco de Voluntariado Municipal, com a maior antecedência que lhe seja possível, sendo aconselhável o período mínimo de 30 dias.

2 — A Organização e ou Banco de Voluntariado Municipal pode determinar a suspensão ou cessação da colaboração do voluntário no caso de incumprimento e ou desadequação das tarefas efectuadas, da falta de assiduidade e pontualidade.

3 — Após três faltas injustificadas, o Banco de Voluntariado Municipal reserva -se ao direito de suspender o voluntário, com aviso prévio.

Artigo 12.º

Alterações ao regulamento

Das alterações introduzidas ao presente regulamento serão informados os voluntários e as organizações com a antecedência mínima de 60 dias a contar da data em que as mesmas passam a vigorar.

Artigo 13.º

Lacunas ou Casos Omissos

A existência de eventuais lacunas ou casos omissos no presente regulamento serão resolvidos pelo Banco de Voluntariado Municipal de Ourém cuja coordenação é do Município.

Artigo 14.º

Entrada em vigor

O presente regulamento entra em vigor no prazo de 15 dias após a data da sua publicação no Diário da República.

Para constar se publica este edital e outros de igual teor que vão ser afixados nos lugares públicos de estilo.

22 de Novembro de 2011. — O Presidente da Câmara, Paulo Fonseca.



publicado por Carlos Gomes às 09:38
link do post | favorito
|

Vila Nova de Ourém nos postais ilustrados da Casa Commercial de Justino Henriques d' Oliveira

vila-nova-de-ourem-egreja-matriz-2

As edições de postais ilustrados da Casa Commercial de Justino Henriques d' Oliveira constituem-se como dos mais significativos documentos com interesse histórico dos inícios do século XX. Para o Entroncamento, por exemplo, representam as primeiras imagens conhecidas da localidade que começava a ganhar forma. O seu interesse, contudo, afasta-se dos limites do próprio concelho de Torres Novas estendendo-se aos vizinhos, de que hoje trazemos o exemplo de Vila Nova de Ourém.

De Justino Henriques d'Oliveira, por não ser um Torrejano Ilustre nem de Vulto, apenas sabemos o que nos diz a Edição comemorativa dos 100 anos da República da revista  Nova Augusta (edição do Município de Torres Novas, 2010). Ficamos a saber que era um importante comerciante da vila do Almonda e que subscreveu o "Auto de Proclamação da República Portuguesa no Concelho de Torres Novas".

Até aqui nada de anormal, trata-se de um comerciante que viu no postal ilustrado mais uma oportunidade de negócio e apostou nele. Facto que nada tem de inédito, tanto que na região, mais ou menos pela mesma época, se começava a editar a Collecção da Havaneza de Thomar.

Se para história económica falta apenas ver a contabilidade para perceber a dimensão do negócio, para a das artes fica tudo em aberto até, pelo menos, se saber quem fotografou. Numa região de grandes artistas do métier, como o foram, por exemplo, Relvas, pai e filha, Bonacho, Silva Magalhães e Alves. Destes, ao que julgamos saber, apenas o último tem edição de postal ilustrado própria e não possui referência de destaque na literatura.

Com a alteração do estatuto do postal ilustrado, que de simples objecto coleccionável passou a fonte de relevo quase incontornável para historiografia regional, seria interessante estudar-se a sua produção enquanto objecto intencionalmente documental e estético. Obviamente que o primeiro passo será o da inventariação e o do conhecimento dos fotógrafos, pois não restem dúvidas de que este anónimo sabia o que queria fotografar e como o deveria fazer.

E, para terminar a história, acrescentamos que o motivo do trabalho que aqui se divulga deveria ter rosado a face republicana do editor.

In http://pinhallameira.blogspot.com/



publicado por Carlos Gomes às 00:38
link do post | favorito
|

OURÉM NA INTERNET (XLII)

capture5

A Escala Virtual é uma empresa da área da arquitectura e engenharia sedeada em Ourém. De acordo com o seu próprio site que se encontra no endereço http://www.escalavirtual.pt/, “A Escala Virtual assenta numa estrutura organizacional bem definida, contando com uma equipa técnica altamente qualificada e pluridisciplinar que lhe permite oferecer as melhores soluções para um mercado cada vez mais exigente.”



publicado por Carlos Gomes às 00:07
link do post | favorito
|

REVISTA "FLASH" ENTREVISTA CONDES DE OURÉM

f natal

A propósito da quadra festiva que se aproxima, a última edição da revista Flash entrevista D. Duarte Pio e D. Isabel de Bragança, num extenso trabalho jornalístico que inclui destaque de capa. Refira-se que os Duques de Bragança são também Condes de Ourém.



publicado por Carlos Gomes às 00:01
link do post | favorito
|

Terça-feira, 29 de Novembro de 2011
SOCIALISTAS DE OURÉM SÃO CONTRA A EXTINÇÃO DE FREGUESIAS NO CONCELHO

O Secretariado do Partido Socialista do Concelho de Ourém emitiu um comunicado através do qual se manifesta desfavorável à eventual extinção de freguesias no nosso Concelho e explica a sua posição em relação à reforma administrativa que se pretende implementar.

partido-socialista-portugues_3916

COMUNICADO

Muito se tem escrito e debatido sobre a reforma da Administração Local no concelho de Ourém. Porém, somente, em torno da extinção/fusão das freguesias. Relembramos que o PS Ourém é contra a extinção de freguesias no concelho de Ourém, visto que não concordamos com os critérios de organização territorial proposta pelo Governo no "Livro Verde".

Por se tratar de realidades distintas, deve haver um tratamento diferenciado para as freguesias das zonas urbanas e das zonas rurais. Em algumas áreas urbanas do país poderá ser possível encontrar soluções de racionalidade eliminando a duplicação de estruturas administrativas. Todavia, em Ourém, as freguesias têm características rurais. Só o associativismo inter-freguesias (de entendimento entre freguesias e por vontade destas) se pode equacionar como viável para ganhos de dimensão com consequentes intervenções conjuntas em prol das populações. Continuamos, intransigentes, na defesa das nossas freguesias, na preservação da nossa identidade, da nossa cultura, da história das nossas gentes que constituem o território do concelho de Ourém.

A Secção de Ourém do Partido Socialista entende ser fundamental centrar o debate na modernização da gestão autárquica, tornando-a mais eficiente e eficaz, tendo como objectivo a melhoria das condições de vida das populações e o reforço dos serviços de proximidade junto destas. Precisamos de alterar a lei eleitoral para os órgãos das autarquias locais concretizando a eleição conjunta da Assembleia Municipal e do Presidente de Câmara. Assim, o Presidente de Câmara deve ser o cabeça da lista mais votada para a Assembleia Municipal e a composição do executivo deve ser por escolha do Presidente de Câmara, de entre os membros eleitos para a Assembleia Municipal.

Com a introdução dos executivos homogéneos, impõe-se o reforço dos poderes da Assembleia Municipal, que garanta os direitos da oposição e que seja, de facto, o órgão fiscalizador do executivo.

Relativamente à gestão municipal e intermunicipal defendemos o reforço das atribuições e competências da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo e da Associação de Municípios da Região de Leiria, com transferência de competências do Estado em termos de:

ü      Ordenamento do território;

ü      Mobilidade e transportes;

ü      Protecção Civil;

ü      Contratualização da gestão do QREN.

Paralelamente, devemos reforçar os projectos intermunicipais com o objectivo de ganhar escala de acção e de reduzir encargos e prestando melhores serviços aos munícipes.

Estas são as objectivas e reais necessidades do poder local sobre as quais quais o Partido Socialista do concelho de Ourém pretende que sejam analisadas e implementadas pelos superiores interesses das nossas populações.

Ourém, 27 de Novembro 2011

O Secretariado do PS Ourém



publicado por Carlos Gomes às 14:32
link do post | favorito
|

Cerimónia de Entrega de Identificativos por Curso

Foi numa cerimónia carregada de simbolismo que foram entregues, na passada segunda-feira, aos alunos da Escola Profissional de Hotelaria de Fátima (EHF), os elementos Identificativos referentes ao curso e ano que frequentam. O auditório do Edifício dos Monfortinos acolheu todos os alunos devidamente fardados de acordo com os cursos e, um a um, foram chamados ao palco para receberem os respectivos elementos: barretes, lenços, gravatas e estojos.

Todos os alunos desempenharam um papel nesta cerimónia e era visível a sua ansiedade nos instantes que a antecederam, pois foi a primeira vez que a entrega destes elementos foi marcada oficialmente.

Acima dos conhecimentos que cada curso prevê, existem outros sem os quais não conseguirão ser profissionais de excelência. A importância do uso da farda deve ser entendida pelos alunos como um importante meio de comunicação, bem como de valorização pessoal e profissional, e enquanto alunos da EHF deverão encará-la como uma ferramenta de trabalho e uma forma de se darem a conhecer aos empresários do sector e demais agentes de hotelaria e turismo.

Salientou-se a importância da hierarquia que deve ser alimentada para que não se perca a sua essência, sendo um elemento distintivo pelos alunos, em que os alunos do 2º e 3º ano deverão servir de exemplo para os recém-chegados. Toda a comunidade escolar, alunos, professores e funcionários, desenvolvem os seus talentos, competências e intelectos como um todo fazendo da EHF uma escola diferente e de excelência.

Após as intervenções da coordenadora geral de curso e do director pedagógico, fechou a cerimónia o Director Executivo da Insignare, Francisco Vieira, que reforçou que o momento, tendo sido celebrado na intimidade da comunidade educativa, pretende reforçar os laços de aproximação e amizade entre todos os seus elementos, diferenciando a humildade como factor preponderante para o sucesso no futuro de cada um. Destacou que a diferenciação entre os alunos que integram os três anos de formação, hierarquizando a sua importância pelo nível de conhecimentos adquiridos e experiencia acumulada não pretende distinguir, mas aproximar através da partilha de conhecimento. Deverá ser implementada mais exigência para garantir mais qualidade e emprego, pois a EHF não quer ser apenas mais uma escola, pretende ser a melhor Escola.

Um momento a repetir nos próximos anos.



publicado por Carlos Gomes às 12:52
link do post | favorito
|

OURÉM REALIZA CONCERTO DE NATAL COM GIOVANNI D'AMORE

312509_271046919597378_199230630112341_707807_2922

Cine-Teatro Municipal de Ourém

Concerto de Natal “Música para Sonhar – Tour 2012”

Giovanni D´Amore

Concerto de ante-estreia

Direcção Musical: Stefano Nanni

10 de Dezembro

21h30

Bilhetes: 10 euros

Reservas na OurémViva: 249 544 315

Reservas no Cine-TeatroMunicipal de Ourém:249 543 666



publicado por Carlos Gomes às 00:01
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 28 de Novembro de 2011
MEDIEVAL DE OURÉM INDICADO PARA A CONSOADA DE BACALHAU

De acordo com um júri que reuniu 24 enófilos, jornalistas e outros especialistas, o vinho medieval de Ourém da colheita de 2010, produzido pela Quinta do Montalto, classificou-se em 3º lugar entre os vinhos que melhor combinaram com o bacalhau da Consoada, de entre perto de duas dezenas de vinhos seleccionados entre as melhores marcas e castas existentes no mercado. A prova teve lugar na Casa do Bacalhau, em Lisboa, e é a quarta prova de um projecto que pretende reunir em livro diversas provas de harmonia entre pratos tradicionais portugueses e vinhos portugueses.

No âmbito deste projecto, é a segunda prova realizada com o bacalhau da Consoada, a primeira decorreu no dia 22 de Novembro, na Adega Luís Pato e analisou a harmonização entre espumantes nacionais e este tradicional prato natalício.

Nesta primeira prova os vinhos espumantes que, de acordo com um júri de 24 pessoas, acompanharam melhor o bacalhau da Consoada foram: 1º - Borges Real Senhor Vinho Espumante Velha Reserva Bruto 2006; 2º - São Domingos Vinho Espumante Baga Bruto; 3º - Vinha Formal Vinho Espumante 2009.

No total serão realizadas cerca de 50 provas de harmonia ao longo de um ano.

Os objectivos deste projecto passam por:

- incentivar o gosto pela ligação harmoniosa entre o vinho e a comida;

- incentivar o bom serviço de vinhos nos restaurantes;

- incentivar a oferta de produtos nacionais nos restaurantes e a sua procura por parte dos clientes;

- incentivar o consumo moderado de vinho português, que é um dos motores da nossa economia por toda a riqueza e emprego que cria à sua volta, nomeadamente no sector vidreiro, da cortiça, do marketing, da publicidade e do turismo.

- divulgar a gastronomia portuguesa, que inclui o consumo moderado de vinho, (tal como a dieta mediterrânica);

- combater mitos e preconceitos;

- abrir horizontes no sector da crítica enogastronómica convidando toda a população a integrar o júri destas provas de harmonia.

O conteúdo do livro será o seguinte:

- introdução, expondo a metodologia das provas e os critérios de selecção dos jurados, dos pratos e dos vinhos;

- história e receita de cada prato, de acordo com o local que o confeccionar;

- apresentação e história de cada chefe de cozinha que confeccionar um prato e/ou do local de realização de cada prova;

- ficha técnica e história de todos os vinhos vencedores e dos seus produtores;

- identificação do júri de cada prova;

- curiosidades e detalhes de cada prova ou da sua organização.

Este projecto é pioneiro em testar exaustivamente as harmonizações entre pratos e vinhos portugueses e também a estender esta análise a qualquer pessoa que tenha interesse em participar, não se limitando aos especialistas do sector. Pretende-se que o resultado da avaliação do júri seja transversal, isto é, que inclua a avaliação de especialistas em provas de vinhos, especialistas em gastronomia, pessoas com alguma experiência em prova e de pessoas com gosto e que pretendam cultivá-lo, obtendo-se assim um resultado bastante próximo da opinião do consumidor esclarecido, de acordo com os resultados de um estudo de Paulo Ramos, docente e investigador da Universidade Fernando Pessoa, no Porto, intitulado “As diferenças na perceção dos atributos do vinho: um estudo comparativo entre consumidores, produtores e intermediários”, premiado pela Organização Internacional do Vinho e da Vinha, que concluiu que “os consumidores possuem uma perceção mais clara e distinta dos atributos do vinho do que os intermediários e produtores.”

Esta quarta prova do projecto antecipou a ceia de Natal analisando a harmonização de vinhos tranquilos portugueses com o bacalhau da Consoada.

Um júri bastante eclético assumiu esta tarefa. Nos jurados contavam-se jornalistas, profissionais do sector dos vinhos e restauração e curiosos (ver lista em anexo p.f.). 25 jurados avaliaram a conjugação entre o bacalhau da Consoada e cada um dos vinhos em prova atribuindo uma classificação de 0 a 20 a cada combinação.

Nesta prova de harmonização participaram 17 vinhos, a saber: Barranco Longo Aragonez/Cabernet Sauvignon 2008; Barranco Longo Syrah 2009; Campolargo Arinto 2010; Colheita do Sócio Reserva branco 2010; Crasto tinto 2009; Dom Diogo Alvarinho 2011; Fonte das Moças Reserva branco 2006; Herdade da Comporta branco 2010; Herdade da Comporta tinto 2007; Medieval de Ourém 2010; Palácio da Brejoeira Alvarinho 2010; Pato Rebel 2010; Pó de Poeira Terras Durienses branco 2010; Quinta das Hortênsias Syrah 2008; Ramos Pinto Collection 2007; São Domingos Garrafeira tinto 2008 e Tinto da Talha Grande Escolha 2009.

Estes vinhos representam oito regiões, sendo dois da região dos Vinhos Verdes, três do Douro, um da Beira Interior, três da Bairrada, três de Lisboa, dois de Setúbal, um do Alentejo e dois do Algarve.



publicado por Carlos Gomes às 18:52
link do post | favorito
|

GIOVANNI D’AMORE CANTA MÚSICA PARA SONHAR

O tenor italiano Giovanni D’Amore vai, no próximo dia 10 de Dezembro, realizar em Ourém a antestreia da Tour 2012. O espectáculo, com a direcção musical do Maestro Stefano Nanni, realizar-se-á no Cine-teatro Municipal de Ourém e será integralmente gravado em DVD, sendo posteriormente divulgado pelo tenor.

312509_271046919597378_199230630112341_707807_2922

Giovanni D’Amore assinou o contrato para a realização deste espectáculo, apresentando vontade de estabelecer uma parceria mais estreita com o Município de Ourém, potenciando a realização de um evento internacional, em 2012, na cidade de Fátima, e integrado nas celebrações do Dia Mundial da Paz.

Giovanni D’ Amore, tenor de origem Siciliana, naturalizado português, apresenta um reportório de canções clássicas italianas e internacionais, que faziam parte do reportório dos grandes tenores do século passado.

Neste projecto utiliza um sexteto moderno formado por alguns dos mais populares músicos italianos, com arranjos originais e sons modernos, timbres e cores como o bandolim típico, instrumento italiano e o acordeão. Neste reportório, tem também lugar o Fado Português, cujos temas que foram sucessos internacionais de Amália Rodrigues mais recentemente interpretados por Dulce Pontes. O grupo conta ainda com a presença de outra bela voz, Paola Fabris, cantora ligeira e de jazz do panorama musical italiano criando assim, uma fusão harmoniosa com a voz mais clássica do tenor. Temas como: Sole Mio, Geórgia on my mind, Granada, Caruso, Canção do mar, Lágrima, Nelblu dipinto di blu, Mambo italiano, Funiculí funiculá, Com te partiró, entre outras, fazem deste espectáculo música para sonhar.



publicado por Carlos Gomes às 17:15
link do post | favorito
|

OURÉM FAZ BALANÇO DA ÉPOCA DE INCÊNDIOS FLORESTAIS

A Comissão Municipal de Defesa da Floresta reuniu para efectuar o balanço da época de incêndios florestais no Concelho de Ourém. Segundo os dados que apresentou, este Verão, Casal de Bernardos foi a freguesia com maior área ardida, com 22,4 ha, resultantes de uma única ocorrência. Já a freguesia do Olival registou o maior número de ocorrências, 15 que resultaram em 6,2 hade área ardida. Entre 1 de Janeiro e 31 de Outubro do corrente ano, registaram-se oitenta ocorrências das quais, 5 referem-se a incêndios, combustão não limitada no tempo e no espaço, com uma área ardida igual ou superior um hectare, e as restantes com áreas inferiores a um hectare, totalizando 39,4 ha.

dddd 290

O mês de Outubro foi o que registou as temperaturas mais elevadas desde 1931, reflectindo-se num desvio anormal do número de ocorrências (31,3%) e área ardida (86%) ao longo do presente ano.

É de salientar que, aos fins-de-semana, se verificaram cerca de 50 % das ocorrências verificadas até então. Registou-se também um maior pico entre as 14H e as 16H (29%), não deixando de ser preocupante o facto de existirem ocorrências cujo início se registou a meio da noite, quando não existiam quaisquer condições meteorológicas para tal, nomeadamente entre as 00H e as 08H (12,5%).

O Vice-presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. José Alho, sublinhou que estes números são “a tradução directa de um reforço da interligação entre os meios existentes de vigilância e detecção, da fiscalização das situações significativas, sensibilização e informação da população, bem como da acção eficaz por parte dos combatentes aos incêndios florestais”.



publicado por Carlos Gomes às 11:40
link do post | favorito
|

OURÉM INAUGURA NOVOS CENTROS ESCOLARES

O Município de Ourém procedeu no passado dia 26 de Novembro à inauguração de dois novos centros escolares, concretamente o Centro Escolar de Nossa Sra. das Misericórdias e o Centro Escolar da Caridade. Na ocasião, o Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr.Paulo Fonseca, referiu ser este momento “muito importante para o concelho, pois só com uma aposta forte na educação vamos conseguir construir um Município de valores, conhecimento e sabedoria, aspectos fundamentais para o desenvolvimento humano. Acreditamos que a concretização deste propósito se consegue se estiverem criadas as condições para que o espaço de aprendizagem seja integrado nas diferentes dimensões lúdico-pedagógicas e de apoio às famílias”.

068

No dia 10 de Dezembro serão inaugurados os Centros Escolares Beato Nuno e Cova da Iria, localizados em Fátima.

Neste momento 972 alunos têm uma nova escola, com melhores condições físicas, mais moderna e segura.

“Garantimos o acesso às novas tecnologias, videovigilância, a salas com o máximo de conforto, à prática desportiva e a uma rede de transportes ajustada à dinâmica das famílias. Tentámos adequar estes quatro novos espaços à realidade do concelho e às necessidades das nossas crianças, jovens, colaboradores, docentes, pais e encarregados de educação”, sublinhou o Dr. Paulo Fonseca.

Às entidades que foram colaborando, ao longo do processo, na preparação deste trabalho: Agrupamentos – a quem cabe a gestão pedagógica e coordenação dos espaços; OurémViva, EEM – com responsabilidades na contratação de algum pessoal não docente, transporte de refeições e manutenção dos espaços; Insignare – que assegura a confecção dos almoços e organização das AEC(s), a Ourearte e o Conservatório de Ourém-Fátima que ministra o ensino da música; as Instituições Particulares de Solidariedade Social que asseguram a Componente de Apoio de Família e o Centro de Actividades de Tempos Livres, sem esquecer as Juntas de Freguesia, Forças de Segurança, Centro de Saúde, Associações de Pais e Encarregados de Educação, deixou o Presidente da edilidade uma palavra de felicitação e agradecimento.

081

CENTRO ESCOLAR DE N.ª S.ª DAS MISERICÓRDIAS

Dinâmica escolar

Situado na freguesia de Nossa Senhora das Misericórdias, a gestão é do Agrupamento de Escolas Conde de Ourém.

A componente de apoio à família eo centro deActividades de Tempos Livres são da responsabilidade do Centro Social Espírito Santo da Lagoa do Furadouro, contando ainda com a colaboração da Associação de Paisde Vale Porto aqual presta igualmente serviços a crianças residentesem Caneiro, Vale Porto, Matas e Sobral. É frequentado por 4 turmas do ensino pré-escolar e 8 turmas do 1.º CEB, o que perfaz um total de 243 alunos. O Centro Escolar dispõe de 12 salas com actividade lectiva, um refeitório, duas salas de actividades, uma biblioteca e uma sala de docentes. Tem permanentemente 9 colaboradores não docentes, 12 docentes e um coordenador de estabelecimento.

Características do edifício/memória descritiva

Os espaços desta escola dividem-se em três grandes grupos: espaços exteriores, como campos de jogo, área verde, e dois pátios que funcionam como recreios descobertos e cobertos que funcionam como o um grande claustro, intercalados e facilmente controláveis; espaços interiores, como uma sucessão de espaços de escalas contidas, com uma liberdade de apropriação, uso ou relação própria.

O projecto propõe um somatório de espaços paralelepipédicos, organizados em anel, formando um quadrado e delimitando uma sequência de espaços internos interligados. A organização funcional permite diversas formas de uso: desde a mais sequencial, através de halls, ou no limite dos espaços atravessáveis, ou ligações mais informais, através de espaços interiores e espaços exteriores.

Área de implantação:2801.50 m2

Área de construção:3119.23 m2

Área do recreio: 884.77m2

Investimento

O investimento foi de 2.482.851,68 euros (valor de candidatura), acrescido dos investimentos em equipamento de cozinha, palamenta, bem como a beneficiação de arruamentos do CE de Misericórdias no valorglobal de 174.088,55 €.

Tipologia

Valor (€)

Obras e Arranjos Exteriores

2.246.517,61 €

Mobiliário escolar

45.733,13 €

Equipamento Informático

22.661,52 €

Material Didáctico

14.939,42 €

Aquisição de Terrenos

153.000,00 €

Sub-total

2.482.851,68 €

Equipamento de cozinha

17.068,01 €

Palamenta

8.602,24 €

Beneficiação de arruamentos

148.418,30 €

Sub-total

174.088,55 €

Total

2.656.940,23 €

CENTRO ESCOLAR DA CARIDADE

Dinâmica escolar

Situado na freguesia de Nossa Senhora da Piedade, a gestão é do Agrupamento de Escolas Conde de Ourém.

A componente de apoio à família eo centro deActividades de Tempos Livres são da responsabilidade do ATL Mágico doJardim Infantil deOurém. É frequentado por 3 turmas do ensino pré-escolar e 7 turmas do 1.º CEB, o que perfaz um total de 206 alunos. O Centro Escolar dispõe de 10 salas com actividade lectiva, três salas de actividades, uma biblioteca, um espaço internet, um centro de recursos, um auditório, duas salas de docentes, um refeitório. Tem permanentemente 7 colaboradores não docentes, 10 docentes, um dos quais acumula a coordenação de estabelecimento.

Características do edifício/memória descritiva

A implantação de toda a estrutura, assenta numa plataforma articulada com espécies arbustivas e arbóreas, funcionando ambas como filtro dos espaços exteriores; percorríveis entre palas e recreios cobertos.

Um sólido central, distribui assim a relação funcional e programática dos restantes quatro, numa tentativa de manter constante a linha do terreno natural.

Estrutura esta que define assim o modode percorrer osespaços distintos uns dos outros, de forma que o jardim-de-infância funcione autónomo das restantes salas de aulas, bem como que o contrário também se verifique.

Fazendo uma análise dos espaços interiores, estes traduzem-se em simplicidade, proporcionando percursos fáceis e directos. Os espaços nos quais se concentram um maior número de alunos, situam-se junto da entrada do edifício por razões de ruído.

Área de parque estacionamento:1388.74 m2

Área de implantação:3448.05 m2

Área de construção:5190.04 m2

Área do recreio: 1337.71m2

Investimento

O investimento foi de 2.924.072 euros, acrescido dos investimentos em equipamento de cozinha, palamenta, bem como a requalificação das ruas envolventes ao Centro Escolarde Ourém no valorglobal de 158.5788,53€.

Tipologia

Valor (€)

Obras e Arranjos Exteriores

2.835.108,44

Mobiliário escolar

51.892,63

Equipamento Informático

22.661,52

Material Didáctico

14.409,41

Sub-total

2.924.072,00

Equipamento de cozinha suplementar

2.057,42

Palamenta

8.602,24

Requalificação das ruas envolventes

147.928,87

Sub-total

158.578,53

Total

3.082.660,53

 



publicado por Carlos Gomes às 11:13
link do post | favorito
|

PINTORA RICARDINA SILVA EXPÕE EM TOMAR

A pintora Ricardina Silva vai a partir do próximo dia 3 de Dezembro expor as suas obras na Galeria da Livraria Ao Pé das Letras, em Tomar. Este espaço encontra-se situado na Praça da República nº 11 e a mostra ficará patente até ao dia 30 de Dezembro. A Exposição, com entrada livre, pode ser visitada das 10h às 13h e das 15h às 19h, de Segunda a Sábado. 

P4300618

Ricardina Silva expôs recentemente em Ourém, tendo vindo a apresentar os seus trabalhos com grande sucesso em Ponte de Lima e Paredes de Coura, tendo já agendadas exposições noutros pontos do país. As suas obras de carácter Surrealista e Realista e abordam várias temáticas. O título “Transformação” com que identifica a exposição significa que a artista está a passar por uma fase de mudança. É como uma viragem, uma descoberta da sua própria identidade e, à medida que o tempo avança, com uma vontade imensa de usufruir de um estilo próprio, explora os materiais, explora o desenho, explora as cores e a sua intensidade e essência com um simples objectivo: a transformação.

282514_1914470577512_1114359752_31639233_854954_n

Ricardina Silva nasceu em Esposende e vive actualmente em Leiria. Como ela própria refere, “desde tenra idade que adorava desenhar apenas com um lápis e uma folha branca, guardava todos os desenhos num dossier”. Aos dezassete anos experimentou a pintura sobre tela em acrílico.

Em 2006 realizou a primeira exposição e, a partir de então nunca mais parou. Sucederam-se os concursos e as bienais, passou a experimentar outras técnicas como a pintura a óleo, mista, pastel, aguarela e os desenhos começaram a ser realizados a carvão e grafite.

Para a artista, “cada obra é como um poema harmonioso, de cores luminosas que transparecem num clima rimático e transmitem a paz interior que desejo. Quando realizo um desenho ou uma pintura entrego o meu coração… a minha alma. É como se viajasse para um sítio maravilhoso e mágico, onde não existe o sofrimento, mas sim alegria e cor. Normalmente, para a realização das minhas obras utilizo diversas técnicas como o óleo, o acrílico e a mista. Apesar do diversificado leque de temáticas que já executei, nas minhas obras a que predomina é a do mar, remontando às minhas origens”.



publicado por Carlos Gomes às 10:16
link do post | favorito
|

OURÉM COMEMORA DIA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

O Município de Ourém, o Grupo da Diferença eo Centro de Recuperação Infantil de Ourém vão comemorar de 30 de Novembro a 07 de Dezembro, o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência.

Ao longo de uma semana terão lugar diversas iniciativas, tais como um ciclo de cinema dedicado a esta temática, actividades desportivas (jogo de basquetebol em cadeira de rodas e a corrida de inclusão) e os espectáculos “Pelas Asas da Inclusão…” e a “II Noite da Diferença”.

Dia Int Def

Ciclo de Cinema

Sessões de cinema sobre a temática da Deficiência

De 30 de Novembro a 06 de Dezembro

21h00

Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

30 de Novembro: Forest Gump

01 de Dezembro: Rain Man

03 de Dezembro: Shine

04 de Dezembro: Temple Gradin

05 de Dezembro: My Left Foot

06 de Dezembro: I am Sam

Actividades Desportivas

Torneio de Basquetebol em Cadeira de Rodas

01 de Dezembro

Centro de Estudos de Fátima

09:00: Abertura/recepção dos atletas

09:30: Jogo nº1 (APD Leiria x APD Lisboa)

11:00: Jogo nº2 (APD Sintra x APD Braga)

12:30: Almoço

15:00: Atribuição do 3º e 4º lugar

Derrotado jogo nº1 x Derrotado jogo nº 2

17:00: Final

Vencedor Jogonº1 x Vencedor jogo nº2

18: 30 Cerimónia de encerramento e entrega de troféus

19:00: Jantar

Corrida da Inclusão

06 de Dezembro – 11:00

Prova de Estafeta de 6 elementos

Duração: 1 hora; percurso: 3km

Partida:Centro de Negócios de Ourém

Meta: Praça D. Maria II (em frente à Câmara Municipal de Ourém)

Espectáculos

“PELAS ASAS DA INCLUSÃO…”

02 de Dezembro – 21:00

Cine-Teatro Municipal de Ourém

1ª Parte

“Grease” (Centro de Recuperação Infantil Ouriense)

“Invasão” (Animador Manuel António – “Ex-Esparguete”)

Coro Infantil de Ourém

Escola de Dança “Arabesque” (com participação do CRIO)

Ultimacto (Grupo de Teatro de Cem Soldos)

Intervalo

2ª Parte

Demonstração de Mesa Alemã (Academia Militar de Lisboa)

“Chorus Auris” (Ourém)

“Vamos Jogar!” (Animador Manuel António – “Ex-Esparguete”)

“Sonhos sobre rodas…” (Daniel Pereira – Campeão Nacional de Patinagem Artística)

“Aleluia” (CRIO)

“II NOITE DA DIFERENÇA”

07 de Dezembro – 21:00

Cine-Teatro de Ourém

AFIDance – Finalistas do Concurso “Portugal Tem Talento”

“O Cliente nunca tem razão/ Vende-se coração”

Centro João PauloII – U.M.P.

Com a participação especial do Grupo de Teatro Apollo do Centro Cultural e Recreativo de Pêras Ruivas

“Como nasceu a alegria”

Casa do Bom Samaritano– C.S.D.P.

Com a participação especial da Professora de Dança Sara Oliveira

“Passos em Volta”

Centro de Reabilitação e Integração de Fátima

“O Elefante Azul”

Escolade Educação Especial“Os Moinhos” – U.M.P.

Com a participação especial do Externato S. Domingos



publicado por Carlos Gomes às 00:01
link do post | favorito
|

Domingo, 27 de Novembro de 2011
UNESCO DECLARA FADO PATRIMÓNIO IMATERIAL DA HUMANIDADE

malhoa_fado1



publicado por Carlos Gomes às 15:48
link do post | favorito
|

INSTITUTO PORTUGUÊS DE FOTOGRAFIA REALIZA EM OURÉM SESSÃO SOBRE NORMAS DA ÁREA FOTOGRÁFICA

capture1

Paços do Concelho de Ourém

Sessão de informação e divulgação sobre "Normalização em Fotografia e Artes Visuais - Estado de Arte - ISO Mundial e Portugal"

pelo Instituto Português de Fotografia

03 de Dezembro, das 14h30 às 18h30

Auditório dos Paços do Concelho

Formador: António Manuel Morais - Presidente da Comissão Técnica CT174.

Público-alvo: Técnicos dos municípios afectos à actividade cultural, ao arquivo e à apresentação pública de imagens fotográficas; PME ´s; Fotógrafos profissionais; Associações culturais; Fotógrafos amadores; Professores e outros agentes do ensino de artes visuais, com maior incidência na fotografia.

Inscrições gratuitas.

Entrega de diploma de participação na acção.

Programa completo disponível em www.cm-ourem.pt e em www.ipf.pt



publicado por Carlos Gomes às 12:01
link do post | favorito
|

A CONSTRUÇÃO DO SANTUÁRIO DE FÁTIMA EM FOTO DE AUTOR DESCONHECIDO

viewer10



publicado por Carlos Gomes às 00:01
link do post | favorito
|

Sábado, 26 de Novembro de 2011
FÁTIMA CIDADE NATAL ESTÁ DE VOLTA!

fatimacidadenatal-net



publicado por Carlos Gomes às 08:40
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 25 de Novembro de 2011
Escola de Hotelaria de Fátima organiza jantar temático



publicado por Carlos Gomes às 18:33
link do post | favorito
|

IGREJA DE DORNES VAI DAR CONCERTO DE ORGÃO DE TUBOS



publicado por Carlos Gomes às 15:03
link do post | favorito
|

INSIGNARE entrega 500 certificados de competências/formação

No dia 5 de dezembro a INSIGNARE irá organizar uma cerimónia de entrega de certificados que abrangerá cerca de 500 pessoas que frequentaram formação contínua e o processo RVCC ao longo do ano de 2011, fruto do trabalho desenvolvido pelas duas áreas da INSIGARE que trabalham com adultos: o Centro de Formação Contínua e o Centro Novas Oportunidades.

A cerimónia decorrerá no Cine Teatro de Ourém, pelas 21:00h e terá como mote os 10 anos do Centro Novas Oportunidades da INSIGNARE. Numa altura em que estes centros estão sob vigilância rigorosa e com a qualidade do trabalho posta em causa, haverá lugar para uma intervenção da pessoa que há 10 anos tomou a decisão de dinamizar um CNO nesta entidade: Purificação Reis, na altura Presidente da Direção da INSIGNARE que nos falará sobre os primeiros tempos desta atividade e sobre a sua convicção na pertinência e importância do trabalho a desenvolver. Do programa consta ainda uma intervenção do Coordenador do CNO – Sérgio Fernandes – que fará um breve resumo dos 10 anos de vida deste centro, e dois momentos musicais da responsabilidade de grupos que contêm elementos que concluíram processos RVCC.


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 14:55
link do post | favorito
|

OURÉM ENSINA A TÉNICA DO FELTRO ARTESANAL

A Oficina de Artes em Vale da Perra, na Atouguia, leva a efeito entre os dias 3 e 10 de Dezembro, a Oficina de Feltro Artesanal. Oficina prática, dividida em 2 sessões, é ministrada por Graça Costa e dirigida a pessoas de todas as idades a partir dos 6 anos. Os participantes ficarão com os trabalhos realizados.

381472_276994232344458_100001016504360_793791_2132

O Feltro foi o primeiro tecido produzido pela humanidade, antes mesmo das técnicas de tecelagem. A feltragem, técnica ancestral de transformação de lã em feltro, pode ser obtida através de vários métodos e só é possível porque a lã pura possui pequenas películas que, quando atritadas com uma agulha, com as mãos ou água quente, condensam-se formando uma superfície densa. Ficam tão aglomeradas que é possível até cortar com tesoura em formas diferentes, como se fosse um tecido. Diz-se que a melhor fibra de lã é de ovelha Merino, que produz uma fibra bastante uniforme, fina e macia.

A Oficina de Feltro Artesanal funcionará no horário entre as 10h e as 13 horas. As inscrições podem ser efectuadas directamente no Museu Municipal de Ourém ou através do telefone 249540900 (extensão: 6831), pelo telemóvel 919585003 ou ainda através do e-mail museu@mail.cm-ourem.pt



publicado por Carlos Gomes às 00:01
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 24 de Novembro de 2011
9ª Semana de estudos de espiritualidade inaciana começa amanhã em Fátima

«Vontade de Deus, caminhos de felicidade»

«Vontade de Deus, caminhos de felicidade» é o tema da 9ª semana de estudos de espiritualidade inaciana, agendada para os dias 25 a 27 Novembro, no Santuário de Fátima.

Os trabalhos, uma organização da Companhia de Jesus, decorrem no Convivium de Santo Agostinho, na Igreja da Santíssima Trindade.

Iniciam às 18:30 de amanhã, dia 25 de Novembro, com o acolhimento aos participantes, e terminam no domingo, dia 27, com a celebração da eucaristia presidida pelo recém-nomeado bispo de Lamego, D. António Couto. A anteceder a celebração eucarística, D. António Couto apresentará, pelas 10:15, a conferência “Com Cristo segundo o Espírito e caminhos de felicidade”.

Para mais informações e acesso ao programa: http://www.seei2011.com/

Fonte: Sala de Imprensa do Santuário de Fátima

 



publicado por Carlos Gomes às 19:11
link do post | favorito
|

Agenda de Eventos do Município de Ourém - Dezembro

fatimacidadenatal-net

Vários Locais da Cidade de Fátima

Fátima Cidade Natal

08 de Dezembro a 06 de Janeiro

Iluminação e Comboio de Natal

Rua Francisco Marto: II Concurso de Presépios

Largo Francisco Marto:O Grande Presépio do Concelho

Rua Jacinta Marto: Árvore de Natal

Praça Luís Kondor: Pista de Gelo; Casa do Pai Natal; Casa das Pinturas Faciais e Insuflável.

312509_271046919597378_199230630112341_707807_2922

Cine-Teatro Municipal de Ourém

Concerto de Natal “Música para Sonhar – Tour 2012”

Giovanni D´Amore

Concerto de ante-estreia

Direcção Musical: Stefano Nanni

10 de Dezembro

21h30

Bilhetes: 10 euros

Reservas na OurémViva: 249 544 315

Reservas no Cine-TeatroMunicipal de Ourém:249 543 666

capture1

Paços do Concelho de Ourém

Sessão de informação e divulgação sobre "Normalização em Fotografia e Artes Visuais - Estado de Arte - ISO Mundial e Portugal"

pelo Instituto Português deFotografia

03 de Dezembro, das 14h30 às 18h30

Auditório dos Paços do Concelho

Formador: AntónioManuel Morais -Presidente da Comissão Técnica CT174.

Público-alvo: Técnicos dos municípios afectos à actividade cultural, ao arquivo e à apresentação pública de imagens fotográficas; PME ´s; Fotógrafos profissionais; Associações culturais; Fotógrafos amadores; Professores e outros agentes do ensino de artes visuais, com maior incidência na fotografia.

Inscrições gratuitas.

Entrega de diploma de participação na acção.

Programa completo disponível em www.cm-ourem.pt e em www.ipf.pt

capture3

Galeria Municipal de Ourém

Exposição de pintura “Beleza Natural” - Projecto amArte

03 a 24 de Dezembro

GaleriaMunicipal de Ourém

De terça a domingo da 09h30 às 12h30 e das 14h00 às 18h00 (encerra à segunda)

“Beleza natural” é o convite à descoberta de belas paisagens naturais que não sofreram qualquer intervenção humana. A Arte ao serviço da consciência e educação ambiental como forma de preservar e respeitar o nosso planeta.

Esta é a viagem artística que temos para oferecer. Projecto amArte

Entrada livre

capture1

Biblioteca Municipal de Ourém

Oficina de escrita em comunicação de ciência

orientada pelo Doutor António Piedade

03 de Dezembro, das 14h00 às 18h00

Biblioteca Municipal de Ourém

Público-alvo: todos os que têm interesse pela comunicação de conhecimento científico (estudantes, jornalistas, professores);

Número mínimo de inscrições: 10;

Preço: €20,00 por participante, com direito a um exemplar do último livro do Doutor António Piedade, “Caminhos de Ciência”.

Inscrições na Biblioteca Municipal de Ourém, ou através do n.º 249 540 900 (ext. 6841)

307658_241422732571865_100001124198523_595093_1309

Hora do Conto com Lendas de Portugal

14 e 28 de Dezembro – das 14h30 às 15h30

Centros de Dia/Lares de Idosos

Inscrições obrigatórias e gratuitas na Biblioteca Municipal de Ourém ׀ Tel: 249 540 900 (ext. 6841) ׀ Email: biblioteca@mail.cm-ourem.pt

Fora da Estante: Culinária

02 a 30 de Dezembro

Biblioteca Municipal de Ourém

Mostra bibliográfica em destaque.

De segunda a sexta-feira das 9h00 às 18h00; ao sábado das 9h30 às 13h00.

Entrada livre.

capture4

Exposição “Os trabalhos da Oficina de Artes - 2011”

02 a 30 de Dezembro

Biblioteca Municipal de Ourém

De segunda a sexta-feira das 9h00 às 18h00; ao sábado das 9h30 às 13h00.

A exposição “Os trabalhos da Oficina de Artes - 2011” é uma mostra dos trabalhos produzidos pela Oficina de Artes de Vale da Perra desde a sua inauguração até ao presente (na Oficina uma segunda vida para as cadeiras, na oficina de cerâmica e no atelier de pintura).

Entrada livre.

capture4

Museu Municipal de Ourém

Passeios Fotográficos de Ourém

10 de Dezembro - 14h00

Local: Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador.

Actividade de componente formativa e lúdica, que se desenrolou ao longo de 2011. Uma vez por mês houve lugar a um workshop temático sobre aspectos técnicos da fotografia. Workshop de Dezembro é dedicado ao tema “Edição de imagem

Formador: António Catarino

Custo por sessão: €10,00.

Inscrição obrigatória.

Ciclos de Cinema – “Médio Oriente”

09 e 16 de dezembro – 21h30

Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

O mês de novembro é dedicado ao Médio Oriente com exibição dos filmes “Valsa com Bashir” - M/16 - 90’ 2008 (dia 09); “Intervenção Divina” - M/16 - 92’ 2002 (dia 16).

Entradas gratuitas.

Oficina de Teatro Infantil

10 e 17 de Dezembro – 10h00

Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

Oficina de teatro infantil, destinada a “pequenos” actores, dos 6 e os 13 anos, orientada pela actriz residente Dora Conde, que integra o grupo de teatro Apollo.

N.º mínimo de inscrições: 10 participantes;

Custo da Inscrição: 3€;

Inscrições no Museu Municipal de Ourém, de terça a domingo das 9h30 às 12h30 e das 14h00 às 18h00 ׀ tel: 249 540900 (ext. 6831) ׀ museu@mail.cm-ourem.pt

Oficinas Pedagógicas – “Faz de conta”

02 a 30 de Dezembro

Oficina: A fantasia do brinquedo

Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

Público-alvo: 3-6 anos.

Oficina dirigida a grupos escolares, com lotação máxima de 30 participantes e mínimo de 8. Participação mediante marcação prévia.

Custo por grupo 5€. O custo da oficina inclui a visita à exposição “Faz de Conta” no Museu Municipal. (Tempo estimado 2h).

Oficina: Vem e constrói o teu brinquedo

Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

Público-alvo: 6-12 anos.

Inscrições individuais ou em grupo (máximo 15, mínimo 5). Participação mediante marcação prévia.

Preço individual: 1€. O custo da oficina inclui a visita à exposição “Faz de Conta” no Museu Municipal (Tempo estimado 2h30).

Caso seja solicitado, as Oficinas Pedagógicas poderão deslocar-se às escolas (preço por grupo 10€)

Inscrições no Museu Municipal de Ourém, de terça a domingo das 9h30 às 12h30 e das 14h00 às 18h00.

Tel: 249 540900 (ext. 6831) ׀ tlm: 919585003 ׀ e-mail: museu@mail.cm-ourem.pt

capture4

Oficinas Pedagógicas – Ano Internacional das Florestas

02 a 30 de Dezembro

Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

“Descobrir a Floresta”

- Dramatização de um conto de fantoches, seguido de um jogo alusivo ao mesmo tema.

- “Vamos vestir a nossa árvore”.

- Pinturas faciais ou modelagem de balões.

“A Floresta” de Sophia de Mello Breyner

Mata Municipal António Pereira Afonso ou Agroal

- História Dramatizada;

- Movimento Criativo;

- Construção de um abrigo para anões e duendes.

Público-alvo: Ensino pré-escolar e primeiro ciclo do ensino básico

Limite de participantes: máximo 30/mínimo 5.

Preço por grupo: 5€

Caso seja solicitado as Oficinas Pedagógicas poderão deslocar-se às escolas (preço por grupo 10€)

Inscrições no Museu Municipal de Ourém, de terça-feira a domingo das 9h30 às 12h30 e das 14h00 às 18h00.

Tel: 249 540900 (ext. 6831) ׀ tlm: 919585003 ׀ e-mail: museu@mail.cm-ourem.pt

Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador – Exposições:

Exposição de Longa Duração: OURÉM’ AFEIÇÕES ׀ VILLA NOVA DE OURÉM 1900

A casa do Administrador é uma infra-estrutura permanente, vocacionada para o estudo e a difusão da representação da identidade cultural e dos patrimónios de Ourém.

O Museu Municipal de Ourém (MMO) é uma estrutura de gestão museológica e patrimonial, apta a coordenar o funcionamento das várias unidades com tutela municipal.

Exposição temporária: “FAZ DE CONTA

Maio a Dezembro de 2011

“Faz de Conta” convida a recriar e a olhar para o imaginário infantil de Vila Nova de Ourém no século XX, através do lúdico, em contraponto com o panorama contemporâneo das brincadeiras.

De terça-feira a domingo dos 9h30-12h30 e das 14h00-18h00; encerra à segunda-feira.

Oficina de Artes de Vale da Perra

Localização: Vale da Perra, Atouguia (instalações da antiga Escola EB1)

Missão e Vocação: A Oficina de Artes é uma plataforma de produção, formação e interação artística, passando pela produção e pela partilha nos diferentes domínios das artes.

É um espaço de acolhimento de artistas conceituados e amadores, residentes e visitantes, onde o talento pode gerar talento, potenciando formas de cruzamento entre a pedagogia e a criação artística.

Através do investimento na formação individual, a Oficina de Artes propõe-se a contribuir para uma melhor cidadania.

Apresentação de projectos ou informações na Câmara Municipal de Ourém – Divisão de Acção Cultural.

Contactos: Município de Ourém, Praça do Município, 11, 2490-499 OURÉM | 249540900 (ext.: 6546) | cultura@mail.cm-ourem.pt

381472_276994232344458_100001016504360_793791_2132

Oficina de feltro artesanal

Ministrada por Graça Costa

3 e 10 de dezembro, das 10h00 às 13h00

Oficina de Artes – Vale da Perra

Público-alvo: a partir dos 6 anos

Inscrições: 10 € (para aquisição dos materiais)

Limite máximo de participações: 10 inscrições

Nota: os participantes ficarão com o resultado da produção artesanal.

Contacto interno: Helena Antunes (6821)

380037_276991292344752_100001016504360_793778_5069

Oficina de cerâmica para os mais Novos - “Ocupa as tuas férias e constrói o teu presente de Natal

Ministrada por Graça Costa

19 e 20 de Dezembro, das 14h00 às 17h00

Oficina de Artes – Vale da Perra

Público-alvo: entre 6 e 16 anos

Inscrições: 5 € (para aquisição dos materiais)

Limite máximo de participações: 10 inscrições

Nota: os participantes ficarão com o resultado da produção artesanal.

Loja Ponto Já

Sessão de Música para crianças dos 0 aos 3 anos

13 de Dezembro

Das 11h00 às 12h00

Pela Ourearte – Escola de Música e Artes de Ourém

Dia Int Def

Outros Locais

Comemoração do Dia Internacional da Pessoa com Deficiência

Ourém 2011

30 de Novembro a 07 de Dezembro

Ciclo de Cinema

Basquetebol em cadeira de rodas

Espectáculos

Corrida da Inclusão

Org.: Município de Ourém, OurémViva; Grupo da Diferença; Centro de Recuperação Infantil Ouriense

Ciclo de Cinema

Sessões de cinema sobre a temática da Deficiência

De 30 de Novembro a 06 de Dezembro

21h00

Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

30 de Novembro: Forest Gump

01 de Dezembro: Rain Man

03 de Dezembro: Shine

04 de Dezembro: Temple Gradin

05 de Dezembro: My Left Foot

06 de Dezembro: I am Sam

Actividades Desportivas

Torneio de Basquetebol em Cadeira de Rodas

01 de Dezembro

Centro de Estudos de Fátima

09:00: Abertura/recepção dos atletas

09:30: Jogo nº1 (APD Leiria x APD Lisboa)

11:00: Jogo nº2 (APD Sintra x APD Braga)

12:30: Almoço

15:00: Atribuição do 3º e 4º lugar

Derrotado jogo nº1 x Derrotado jogo nº 2

17:00: Final

Vencedor Jogonº1 x Vencedor jogo nº2

18: 30 Cerimónia de encerramento e entrega de troféus

19:00: Jantar

Corrida da Inclusão

06 de Dezembro – 11:00

Prova de Estafeta de 6 elementos

Duração: 1 hora; percurso: 3km

Partida: Centro de Negócios de Ourém

Meta: Praça D. Maria II (em frente à Câmara Municipal de Ourém)

Espectáculos

“PELAS ASAS DA INCLUSÃO…”

02 de Dezembro – 21:00

Cine-Teatro Municipal de Ourém

1ª Parte

“Grease” (Centro de Recuperação Infantil Ouriense)

“Invasão” (Animador Manuel António – “Ex-Esparguete”)

Coro Infantil de Ourém

Escola de Dança “Arabesque” (com participação do CRIO)

Ultimacto (Grupo de Teatro de Cem Soldos)

Intervalo

2ª Parte

Demonstração de Mesa Alemã (Academia Militar de Lisboa)

“Chorus Auris” (Ourém)

“Vamos Jogar!” (Animador Manuel António – “Ex-Esparguete”)

“Sonhos sobre rodas…” (Daniel Pereira – Campeão Nacional de Patinagem Artística)

“Aleluia” (CRIO)

“II NOITE DA DIFERENÇA”

07 de Dezembro – 21:00

Cine-Teatro de Ourém

AFIDance – Finalistas do Concurso “Portugal Tem Talento”

“O Cliente nunca tem razão/ Vende-se coração”

Centro João Paulo II – U.M.P.

Com a participação especial do Grupo de Teatro Apollo do Centro Cultural e Recreativo de Pêras Ruivas

“Como nasceu a alegria”

Casa do Bom Samaritano – C.S.D.P.

Com a participação especial da Professora de Dança Sara Oliveira

“Passos em Volta”

Centro de Reabilitação e Integração de Fátima

“O Elefante Azul”

Escola de Educação Especial “Os Moinhos” – U.M.P.

Com a participação especial do Externato S. Domingos



publicado por Carlos Gomes às 07:52
link do post | favorito
|

PISCINAS DE OURÉM E CAXARIAS TÊM ACTIVIDADES AQUÁTICAS

308640_277224952312908_199230630112341_720639_3542



publicado por Carlos Gomes às 00:55
link do post | favorito
|

NOSSA SENHORA DO FADO

LANAME~1

NOSSA SENHORA DO FADO

 

Nossa senhora do fado,

Na despedida final;

Com o corpo amortalhado,

Amália cantou o fado,

No seu próprio funeral.

 

O povo não se continha,

Cantando rezava a Deus,

Pela alma da rainha

Mais simples que o fado tinha:

Com ela, a voz não morreu.

 

As lágrimas, sem amarras

Deslizavam com carinho,

Pelas faces mais bizarras,

Quando o gemer das guitarras

Se despedia baixinho.

 

A Bandeira Portuguesa,

Que hasteou com a canção,

P’lo mundo, como quem reza,

Baixou, cobriu com leveza,

As tábuas do seu caixão.

 

Viu o mundo, um mar de gente,

Dentro e fora da igreja,

A cena mais comovente,

Que esteja Amália onde esteja;

É Amália para sempre

 Graziela Vieira

Ourém, 10Out1999



publicado por Carlos Gomes às 00:01
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 23 de Novembro de 2011
OURÉM TODO-O-TERRENO: AS IMAGENS DA APRESENTAÇÃO DOS PILOTOS E EQUIPAS

pilotos_ourem_23_11_2011 022

Ainda, a propósito da apresentação dos pilotos e equipas que vão participar, no próximo fim-de-semana, na prova 24horas TT Fronteira e que foram recebidos, esta tarde, pelo Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, frente aos Paços do Concelho, divulgamos as fotos que nos foram gentilmente cedidas pela Câmara Municipal de Ourém, apoio que nos tem sido sempre dispensado para que possamos por este meio levar a informação a todos os oureenses onde quer que se encontrem.

pilotos_ourem_23_11_2011 044

pilotos_ourem_23_11_2011 034

pilotos_ourem_23_11_2011 029

pilotos_ourem_23_11_2011 027

pilotos_ourem_23_11_2011 010

pilotos_ourem_23_11_2011 009

pilotos_ourem_23_11_2011 003

pilotos_ourem_23_11_2011 002

pilotos_ourem_23_11_2011 036



publicado por Carlos Gomes às 20:11
link do post | favorito
|

PILOTOS OUREENSES APRESENTAM VIATURAS E EQUIPAS

Os pilotos de Todo-o-Terreno oureenses Bruno Oliveira, Rui Neves, José Ferraz, Hélder Novo e Pedro Silva foram recebidos, esta tarde, pelo Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, frente aos Paços do Concelho. Uma recepção onde foram apresentadas as equipas e viaturas que vão participar, no próximo fim-de-semana, na prova 24horas TT Fronteira. Na ocasião, o Dr. Paulo Fonseca manifestou o agrado pela projecção que estes oureenses estão a conferir ao Concelho de Ourém.

24 TT - FRONTEIRA  2011 023

Ao volante de uma das viaturas que vão participar na prova, o Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, assume-se como um "piloto todo-o-terreno".

Após ter passado em revista as viaturas e ouvido as explicações dos pilotos acerca da dinâmica subjacente à modalidade de Todo-o-Terreno, o autarca ofereceu às equipas uma medalha e, aos pilotos e seus apoiantes, uma camiosola “Ourém Vive”, simbolizando a mais-valia que para o Município de Ourém representa a presença e o desempenho de oureenses que deixam a sua marca nas diversas modalidades, levando o nome de Ourém além-fronteiras.

Depois deste breve encontro, ficou combinada uma reunião de trabalho, onde será feita uma abordagem mais efectiva de parceria entre o Município de Ourém e os pilotos oureenses.

Fotos: José Santos

24 TT - FRONTEIRA  2011 028

24 TT - FRONTEIRA  2011 029

24 TT - FRONTEIRA  2011 025

24 TT - FRONTEIRA  2011 010

24 TT - FRONTEIRA  2011 019

24 TT - FRONTEIRA  2011 014

24 TT - FRONTEIRA  2011 011

24 TT - FRONTEIRA  2011 007

24 TT - FRONTEIRA  2011 006

24 TT - FRONTEIRA  2011 005

24 TT - FRONTEIRA  2011 003

24 TT - FRONTEIRA  2011 002



publicado por Carlos Gomes às 19:30
link do post | favorito
|

OURÉM DEBATE FUTURO SUSTENTÁVEL DA FLORESTA

“Não há floresta sem a participação de todos”. Esta foi a principal conclusão das Jornadas da Floresta, uma iniciativa doMunicípio de Ourém, da OurémViva e do Centro de Formação “Os Templários”, que decorreram este fim-de-semana. Ao longo de dois dias, mais de meia centena de participantes, na sua maioria docentes, tiveram a oportunidade de conhecer a floresta e os processos de desertificação e aprender com a história para um futuro sustentável, temas em debate no primeiro dia de trabalhos.

JornadasFloresta2

No domingo, os participantes foram para o terreno, num itinerário que lhes permitiu observar no local algumas situações discutidas no dia anterior.

No âmbito do programa PRODER foram-lhes apresentadas algumas acções levadas a cabo, nomeadamente a limpeza das galerias ripícolas na Ribeira de Seiça e as faixas de gestão de combustível. O projecto Sust Forest e a nova forma de resinagem suscitaram grande interesse pelos participantes.

O périplo terminou no Parque Natureza do Agroal, com a apresentação do espaço e das actividades programadas para este equipamento.

O carácter “muito intimista”, onde se valorizou a “participação em ambiente de grande proximidade entre a organização, os oradores e os participantes”, aspectos que foram conseguidos “quer na parte formal das conferências, quer na visita de campo”; a “profundidadecom que osassuntos foram tratados”, factor alcançado pela “elevada qualidade dos oradores”; a “aproximação das diversas classes” que lidam com esta temática (instituições, empresas, particulares e professores); e a “valorização da aprendizagem com a nossa história” foram os aspectos realçados pelos participantes.

Jornadas encerram Ano Internacional das Florestas

Na sessão de abertura, o Vice-presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. José Alho, apontou esta “acção integrada do Município, que aborda a floresta e o território de um modo integrado”, como a iniciativa que assinala o encerramento das Comemorações do Ano Internacional das Florestas, “intensamente vivido no concelho de Ourém”. Lembrou a realização da Semana da Floresta, em Março passado e as oficinas pedagógicas levadas a cabo ao longo de todo o ano.

A Drª Agripina Vieira, doCentro deFormação “Os Templários”, valorizou o enquadramento das Jornadas em termos de formação contínua, apontando-as como “uma mais valia” para os docentes.

A Presidente da Assembleia Municipal, Drª Deolinda Simões, dirigiu à organização, “uma palavra de sincero agradecimento em nome do planeta Terra”, pela realização destas Jornadas, e de todas as iniciativas levadas a cabo, que têm na defesa do ambiente o seu principal objectivo.

Jornadas da Floresta

JornadasFloresta

JornadasdaFloresta19NOV2011 029-meios



publicado por Carlos Gomes às 13:05
link do post | favorito
|

PSD DE OURÉM PREOCUPADO COM GASTOS DO MUNICÍPIO QUE CONSIDERA DESNECESSÁRIOS

Recebemos do PSD de Ourém o comunicado que a seguir se publica.

capture1

COMUNICADO

Breves:

PSD de Ourém lamenta declarações do Presidente da Câmara

PSD de Ourém estranha reedição da Revista Municipal

PSD de Ourém preocupado com gastos desnecessários em tempos de crise

1 – O PSD de Ourém apresentou democraticamente o seu balanço dos 2 anos de actividade deste mandato autárquico, o que foi mal acolhido pelo executivo socialista, que não soube aceitar democraticamente a visão e os argumentos do maior partido da oposição no concelho de Ourém. Lamentamos que este balanço tenha provocado mal-estar no Sr. Presidente, que depois de se ter referido à oposição como “guerrilheira” ou até mesmo “terrorista”, lembrou-se agora de os apelidar com insultos gratuitos, como sejam de “bandidos” ou “malandros”, tal como vem noticiado na comunicação social local.

Repudiamos os termos de linguagem excessiva e despropositada, que não deixam de ser surpreendentes, pois tratam-se de afirmações graves e ofensivas e que nunca foram utilizadas na vida democrática local, o que bem demonstra a desorientação que reina neste executivo.

Mas recordemos os números e os factos que parecem deixar maldisposto o actual executivo, e que são de facto motivo de grande preocupação:

- Aumento das despesas correntes em 24% no ano de 2010, quando a promessa tinha sido a sua redução em 30%;

- Comprometimento de 46 milhões de Euros de despesa, dos 56 Milhões de Euros previstos em orçamento, onde só estão realizados 25 Milhões de Euros do lado da receita;

- Descalabro na gestão financeira das empresas municipais, onde mesmo após a fusão das 3, houve um aumento do passivo na casa dos 285%;

- Sonegação de convites e informação aos vereadores do PSD: continuam por responder as dezenas de requerimentos apresentados nas reuniões de Câmara e são inúmeros os convites que lhe são dirigidos para os mais diversos eventos que vão acontecendo por este concelho, que ficam sem ser entregues aos vereadores;

- Falta de respeito: A tolerância no convívio com a crítica é nula, bem como com o saudável debate democrático, demonstrada em exemplos bem recentes, em que o Sr. Presidente da Câmara rotula levianamente, a oposição, de “malandros” utilizando ainda outras adjectivações pouco próprias, para quem com ele não concorda ou lhe faz oposição. Alimentam-se, exclusivamente, da propaganda e do show-off, faltando-lhe tempo para receber os munícipes que deveria ser a sua principal prioridade.

2 – Os Socialistas que tanto criticaram o PSD pela publicação do Boletim (agora chamam-lhe revista) Municipal, juraram que a mesma era um escândalo e que iriam acabar com ela. Agora, porque os prazos políticos começam a apertar, anunciam que vão retomá-la.

O PSD de Ourém estranha esta reedição e questiona publicamente o actual executivo, sobre a necessidade e até mesmo a bondade da reedição desta revista em época que deveria ser de forte contenção financeira.

3 – E ainda a propósito de despesas em tempo de crise, se o argumento é válido para o cancelamento do almoço de Natal aos funcionários da autarquia (longe vão os tempos dos convívios e das guitarradas), deveria também merecer pelo menos reflexão, os gastos que se avizinham com o célebre Festival Internacional de Cinema e em mais uma edição da Cidade de Natal em Fátima.

Será que estes gastos não deveriam merecer por parte da nossa autarquia uma mais cuidadosa análise, antes de serem realizados?

Ourém, 22 Novembro de 2011.



publicado por Carlos Gomes às 12:55
link do post | favorito
|

MUSEU DE ARTE POPULAR MOSTRA ARTESANATO E PRODUTOS REGIONAIS DE TODO O PAÍS

A Progestur em parceria com o Museu de Arte Popular (MAP) e com o apoio da Associação de Artesãos da Serra da Estrela desenvolveu a MOART - Mostra de Artesanato e Produtos Regionais, que se irá apresentar ao público no MAP nos dias 8, 9, 10, 11, 17 e 18 de Dezembro.

capture1

Pretende-se com esta iniciativa criar uma oportunidade de trazer até Lisboa e juntar num espaço de excelência como é o MAP, o melhor do artesanato português, os nossos produtos regionais mais relevantes e uma dinâmica de animação diária, com actuações de grupos etnográficos, música tradicional, exposições, ateliês, provas de produtos DOP, magustos, entre muitas outras acções.

Na MOART, daremos visibilidade tanto ao melhor do nosso artesanato tradicional como ao New Craft, apresentando em simultâneo as novas tendências da fusão entre artesanato e design e as peças dos grandes mestres da cerâmica, olaria e de muitas outras artes e ofícios.

A programação será dinâmica e diversificada. Venha aprender como se faz uma peça de cerâmica e desfrute de um bom vinho acompanhado por uma fatia de pão alentejano com queijo da serra da estrela. Serão ainda todos os dias sorteados vouchers cujos prémios vão desde a um fim-de-semana na Quinta Nova N.S do Carmo a muitas outras surpresas que estamos a preparar.

É nossa intenção tornar a MOART um evento desejado no calendário da programação de actividades culturais nacionais, contando para isso com a vossa colaboração que será certamente imprescindível ao êxito desta iniciativa.

Este evento é organizado sob a óptica da sustentabilidade das entidades presentes assim como pelo dever, que é de todos, de Responsabilidade Nacional de promoção e valorização do produto português!

Com entrada livre, de 8 a 11 e 17 e 18 de Dezembro, das 10h às 18h excepto Sábados que encerra às 21h, motivos não irão faltar para conhecer e descobrir, viver e saborear Portugal, tudo num só espaço em Lisboa!

capture2



publicado por Carlos Gomes às 07:42
link do post | favorito
|

OURÉM NA INTERNET (XLI)

capture4

A Veolia Águas de Ourém é a empresa responsável pela Exploração e Gestão do Sistema de Captação, Tratamento e Distribuição de Água para consumo público do concelho de Ourém. Em 28 de Junho de 1996, a CGEP e a Câmara Municipal de Ourém assinaram o contrato de concessão da Exploração e Gestão do Sistema de Captação, Tratamento e Distribuição de Água para o Consumo Público do concelho de Ourém, por um período de 25 anos. A 4 de Julho de 2005 foi assinado o Aditamento a este contrato.

O site da Veolia Águas de Ourém encontra-se no endereço http://www.veoliaagua.com.pt/veolia-water-portugal/localizacoes/Aguas_de_Ourem.htm



publicado por Carlos Gomes às 00:05
link do post | favorito
|

TERESA GUILHERME AMANHÃ EM OURÉM VAI SER UMA COMÉDIA

382224_267701616598575_199230630112341_699051_9240


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 00:05
link do post | favorito
|

Terça-feira, 22 de Novembro de 2011
OURÉM RECEBE AMANHÃ OS PILOTOS DO 24 HORAS TT FRONTEIRA

RMULO%~1

Os pilotos oureenses do 24horasTT Fronteira, Bruno Oliveira, Rui Neves, José Ferraz, Hélder Novo e Pedro Silva, vão ser recebidos amanhã em frente aos Paços do Concelho, em Ourém, pelo Presidente da Câmara Municipal, Dr. Paulo Fonseca, antes de partirem para a competição, no próximo fim-de-semana na prova 24horas TT Fronteira. A recepção terá lugar pelas 15 horas, ocasião em que os pilotos apresentarão as suas equipas e viaturas. Espera-se a afluência de muitos oureenses para assistir à cerimónia, contemplar as viaturas com que vão participar nas provas e sobretudo desejar-lhes os melhores sucessos.

brunooliveira

Apresentação da Mazda Açores TT Team

Liderado pelo pilotoBruno Oliveira, oprojecto Mazda Açores TT Team nasce do desejo do gestor da equipa em desenvolver um projecto desportivo diferentede todos osexistentes até então na Europa. Desta forma, com o apoio da Mazda Motor Portugal, surgiu a ideia de introduzir na competição Todo o Terreno um veículo Mazda B2500.

Em Maio de 2005,Bruno Oliveira começoua dar os primeiros passos na construção de um projecto que rapidamente adquiriu solidez. Foi neste ano que se iniciou a transformação do veículo e em Novembro a equipa participou nas 24 Horas TT Vodafone em Fronteira.

Esta foi a prova de fogo da Mazda B2500 de competição. O veículo, pilotado porBruno Oliveira,Jorge Natário,José FerrazeRogério Ferrazconseguiu terminar a prova mas, teve de ultrapassar as dificuldades associadas à juventude do produto nas lides da competição.

Em Fevereiro de 2006, em Arraiolos, foi feita a apresentação do projecto Mazda Açores TT Team à rede de concessionários, com uma demonstração da máquina em pista eem Novembro a Mazda B2500 estava pronta para participar em mais um desafio em Fronteira nas 24 Horas TT Vodafone.

Depois desta competição e ao longo de 2007 o projecto foi desenvolvido e melhorado através da participação em várias provas do campeonato Nacional de Todo o Terreno.

Assim, depressa o projecto ganhou dinamismo passando a ser gerido numa dupla perspectiva, a saber: a desportiva e a promocional, tendo como principais caracteristicas promover a Mazda e também os Açores enquanto destino turístico muito associado ao desporto, à aventura e à natureza.

Mas, foi em 2008 que os resultados se fizeram notar. A equipa venceu o entretando criado Desafio ELF Mazda tendoBruno Oliveira sido oprimeiro açoriano a conquistar um título nacional na modalidade de Todo-o-Terreno.

Neste momento, a equipa participa nas várias provas do campeonato nacional de todo o terreno tendo em vista dar continuidade a este projecto desportivo.

Currículo

2005

Desenvolvimento do projecto Mazda

22º lugar nas 24 horas TT Vodafone em Fronteira.

2006

apresentação do projecto Mazda Açores TT Team

Participação no Rali Vodafone Transibérico,

Participação nas 24 Horas TT Vodafone

2007

Participação no campeonato Nacional de Todo o Terreno

2008

Vencedor do Desafio ELF Mazda
12º lugar no Rali TT Serras do Norte (Lígia Albuquerque/ Vânia Paim). 1º lugar do Desafio Elf Mazda

10º lugar no Baja Serras de Monchique. 1º lugar do Desafio Elf Mazda

7º lugar Baja cidade de Beja. 1º lugar no Desafio Elf Mazda

13º lugar Rali TT de Castelo Branco. 1º lugar no Desafio Elf Mazda

1º lugar no Desafio Elf Mazda na Baja BP Ultimate Portalegre 500.

24 Horas TT Vodafone de Fronteira

2009

2º lugar no Desafio Elf Mazda

1º lugar no Desafio Elf Mazda Ervideira Rali TT.

1º lugar no Desafio Elf Mazda no Rali TT Serras do Norte.

16º Rali Transibérico. 2º lugar no Desafio Elf Mazda

1º lugar no Desafio Elf Mazda no Rali TT Terras da Raia

Participação no Baja BP Ultimate Portalegre 500

24 Horas TT Vodafone de Fronteira

2010

2º lugar no Desafio Elf Mazda Rali TT Serras do Norte

Rómulo Branco

Perfil

Nome: Rómulo Filipe Alves Branco

Data e local de nascimento: 9 de Julho de 1980 - Tomar

Residência actual: Luanda - Angola

 

Apesar da sua juventude, Rómulo Branco é já um experiente piloto. Iniciou a sua carreira em 2002 na disciplina de Rallycross, onde realizou 3 épocas consecutivas neste competitivo campeonato.

No ano de 2008, as suas ambições desportivas voltaram-se para o Todo-o-Terreno, a “Baja Portalegre2008”, foi o palco da sua estreia, Rómulo Branco, liderou desde o inicio da corrida a classificação da sua classe, até que um pequeno problema mecânico o obrigou à desistência a 30kms do final, mas mesmo esta desistência não tirou o brilho à sua estreia, pois a sua performance demonstrou as capacidades deste novo piloto.

Durante a época seguinte, “2009”, participou em algumas corridas do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, deixando sempre muito bons registos, ganhando quase sempre a sua Classe e lutando por lugares cimeiros à geral.

Palmarés:

RallyCross

2002

6º Classificado - Campeonato Nacional de Rallycross – Divisão 2

2003

6º Classificado - Campeonato Nacional de Rallycross – Divisão 2

2005

6º Classificado - Campeonato Nacional de Rallycross – Divisão 2

Todo-o-Terreno

2008 

Estreiaem Todo-o-Terreno– Baja Portalegre

2009 

Rally Serras do Norte 1º Classe T8; 5ºGeral

Baja Terras Del Rei 1º Classe T8; 5ºGeral

Baja Portalegre (desistência, era na altura 1º Classe T8 12ºGeral)

2011

Baja España Aragon

Estreia da Isuzo DMax e estreiaem corridas da Taçado Mundo FIA

3º Classe T2; 23º Geral

Baja Portalegre

Programa 2012

WCCCR - Taça do Mundo de Todo-o-Terreno

O projecto desportivo de Rómulo Branco para 2012, passa pela sua participação na WCCCR -Taça do Mundo de Todo-o-Terreno. Para este campeonato, Rómulo Branco conta já com uma Isuzu DMax, vencedora da classe T2 da Taça do Mundo de Todo-o-Terreno 2010.

Rómulo Branco pôde já testar este carro em duas provas da Taça do Mundo de 2011, na Baja Espanha e Baja Portalegre, nestas duas corridas, a prestação do carro e do piloto foram notáveis, deixando um registo muito positivo e muito promissor para a próxima época desportiva.

WCCCR - Taça do Mundo de Todo-o-Terreno 2012 tem um calendário provisório de 10 corridas, 6 Bajas e 4 Rallie Raids e será disputada em 3 diferentes Continentes, Europa, África e Ásia.

CALENDÀRIO

 2012 FIA World Cup for Cross Country Rallies

 15-18/03

Italian Baja

30/03-06/04

Abu Dhabi Desert Challenge

01-07/05

Rallye International de Tunisie

25/05-02/06

Rally TT Estoril – Marrakech

20-22/07

Baja España Aragon

23-26/08

Hungarian Baja

05-08/09

Baja Poland*

29/09-06/10

Pharaohs Rally

01-03/11

26th Baja Portalegre 500

25-26/11

Baja Qatar*

Isuzu D-Max

Ficha Técnica:

Motor

  • 3000 c.c.
  • Turbo Geometria Variável
  • 205 H.P.
  • 360 N.M. 

Transmissão

  • Caixa Manual de 5 Velocidades

Suspensão

  • 8 ÖHLINS (2 por roda)
  • Tripla Afinação

Travões

  • Frente - 2 Discos Ventilados c/ Bombas de 2 Pistons
  • Trás - Tambores

Outras informações

  • Depósito de Combustível FIA FT3 170 lts.
  • 6 Jantes BRAID Mono Bloco
  • Snorkel Safari
  • Easy Trip

Equipa de Hélder Novo

Viatura: Nissan Navarra, cat.1

Pilotos:António Silva, Hélder Novo, Armando Rodrigues, Roberto Ferreira

Palmarés:

Participação nas 24 horas Fronteira em 2008 com Suzuki Jimmy e em 2009 e 2010 com Nissan Navarra, o mesmo carro que participará nesta edição da prova em 2011.



publicado por Carlos Gomes às 18:51
link do post | favorito
|

APOLLO LEVA TEATRO AO CASTELO

TerraSonhos1


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 00:01
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 21 de Novembro de 2011
RESULTADOS DA OURÉMVIVA FORAM HOJE APRESENTADOS EM CONFERÊNCIA DE IMPRENSA

Em conferência de imprensa que teve lugar esta manhã, Paulo Honório, da empresa ValorGest, que presta serviços de assessoria em gestão à OurémViva, fez a análise dos resultados daquela Empresa Municipal, os quais a seguir se publicam.

*

Ourémviva – Análise aos pontos levantados em reunião de Câmara

1. Aumento do número de funcionários

O aumento no número de funcionários é maioritariamente justificado pela decisão do Município de atribuição de novas áreas de atividade à Ourémviva, não decorrendo deste modo do processo de fusão das empresas. Com efeito, dos 55 novos funcionários, 37 entraram para novas áreas como Vigilantes das escolas (31), Acção social (2), Animação eventos e desporto (2), e ainda Comunicação e imagem (2).

Os restantes funcionários contratados ingressaram nos quadros da empresa essencialmente para suprir necessidades resultantes do aumento do âmbito dos serviços de outras áreas, tais como Promoção do desenvolvimento rural e Limpeza e pequenas reparações e vigilância em edifícios e sanitários públicos.

A decomposição dos funcionários por área de atividade e a correspondente justificação encontra-se no quando seguinte (de acordo com os relatórios e contas apresentados):

capture1

2. Gastos com pessoal

Ao contrário do que é afirmado, o acréscimo de 55 funcionários representa um aumento de 36% (e não de 25% como é referido no artigo), sendo deste modo proporcional ao aumento de 35,5% dos gastos com pessoal. Fica deste modo demonstrado que, globalmente, não se registaram aumentos da massa salarial por via de incrementos nos vencimentos, mas sim pelo acréscimo do número de funcionários

3. Gastos com fornecimentos e serviços externos

O aumento apontado nos gastos com fornecimentos e serviços externos resulta em grande parte (77% do aumento) do acréscimo registado em gastos com subcontratos, rubrica relacionada com a prestação dos serviços da Insignare relativos à confeção das refeições para as crianças do ensino pré-escolar e 1º ciclo do ensino básico. Com efeito, a partir do início do ano letivo 2010-2011, a Ourémviva deixou de confecionar as refeições, deixando de ter os gastos com o pessoal da cozinha central e com os respetivos produtos confecionados. Assim, para uma análise mais correta da situação, deve-se ter em conta a redução de 62% dos gastos com produtos consumidos em geral (cerca de 53.425 euros) e de 99% nos mesmos na área de Complemento de apoio à Família (CAF).

De salientar que o aumento com os encargos com refeições resulta também de um aumento do número de refeições servidas às crianças.

O quadro seguinte apresenta o detalhe por rubricas comparando o 1.º semestre de 2011 com o 1.º semestre de 2010.

capture2

4. Perdas com juros e gastos similares suportados

Ao contrário do que é afirmado, o acréscimo em perdas com juros e gastos similares suportados foi de 62% e não 94%, correspondendo a um aumento de 3.809 euros (representando 0,26% do volume de negócios). Este aumento é essencialmente justificado pelos encargos registados na Ambiourém, decorrentes dos cancelamentos dos contratos de financiamento que esta empresa tinha e que, por via da sua extinção, tiveram de ser cancelados.

5. Evolução do prazo médio de pagamento a fornecedores

Na análise da evolução deste indicador deve-se ter em conta que, no período em reporte, devido à necessidade de cancelamento dos financiamentos bancários existentes na Ambiourém (decorrente do seu processo de extinção), os fundos disponibilizados pelos recebimentos de exploração foram maioritariamente destinados para liquidação dos financiamentos bancários, provocando um aumento de curto prazo nos saldos em aberto com fornecedores.

Adicionalmente, deverá ter-se em conta que parte significativa da dívida a fornecedores é relativa a saldos com o Município, em regra regularizados com base em encontro de contas com saldos a receber. Se retirarmos este montante do saldo de fornecedores, o prazo médio (real) é reduzido para 174 dias.

A Administração tem feito entretanto todos os esforços para reduzir significativamente este prazo no 2º semestre de 2011. 

6. Análise do Passivo

Tendo em conta que à data de 30 de Junho de 2011 a Ourémviva incluía no seu Balanço as responsabilidades assumidas decorrentes da atividade das anteriores 3 empresas, não nos parece correto comparar o passivo da empresa com o registado apenas na Ourémviva a 31 de Dezembro de 2011. Assim apresentamos essa mesma análise, mas comparando com a soma das 3 empresas à data de 31de Dezembro de 2010.

Algumas conclusões:

• O aumento do passivo não foi de 782.091 euros, mas sim de 323.190 euros. Desse montante:

o 209.162 euros (equivalendo a 65% do total) diz respeito a saldos com o Município de Ourém, entretanto maioritariamente regularizados até à data, por encontro de contas;

o 103.581 euros são relativos a saldos correntes em aberto com o estado (retenções de IRS, encargos sociais com empregados e IVA a pagar), devidamente liquidados dentro dos prazos legais nos meses seguintes. Este aumento resulta essencialmente do maior volume de funcionários e de correspondente atividade da nova empresa, quando comparado com a soma das anteriores;

o 100.952 euros são referentes ao reconhecimento contabilístico das remunerações a pagar (férias e natal), reconhecidos no balanço de acordo com as políticas contabilísticas em vigor, mas que não representam saldos em dívida à data de 30 de Junho de 2011. Este aumento resulta essencialmente do maior volume de funcionários da nova empresa, quando comparado com a soma das anteriores;

• Tendo em conta o exposto no ponto anterior e no mapa em baixo, podemos constatar que a variação real do passivo que representa dívida realmente exigível por terceiros (Fornecedores, outros credores e financiamentos bancários) é negativa e não positiva, tendo esta dívida reduzido em 6 meses 89.934 euros.

No mapa seguinte apresentamos a evolução do passivo, quando comparado com as três empresas a 31 de Dezembro de 2011.

capture1



publicado por Carlos Gomes às 18:24
link do post | favorito
|

INSIGNARE assina protocolo com a Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril

A INSIGNARE e a Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril, com vista à realização conjunta de variadas iniciativas de interesse mútuo, irão assinar um protocolo de colaboração no próximo dia 30 de Novembro, pelas 11:30h, no auditório da Escola Profissional de Hotelaria de Fátima, uma das Escolas da INSIGNARE.

O referido protocolo prevê:

- a cooperação no desenvolvimento de projectos de interesse recíproco na área da formação, da investigação e dos estudos;

- a promoção de acções de formação conjuntas entre a ESHTE e as Escolas e os centros de formação que constituem propriedade da INSIGNARE, com particular incidência na Escola Profissional de Hotelaria de Fátima e no Centro de Formação Contínua;

- a realização de Cursos de Especialização Tecnológica;

 - a articulação no desenvolvimento de projectos de investigação aplicada à hotelaria e ao turismo, onde a parceria poderá ser estendida a outras entidades de direito privado ou público e que prossigam objectivos e fins comuns;

- a realização conjunta de seminários e colóquios sobre temas relevantes do sector;

- o intercâmbio de boas práticas no domínio do ensino em hotelaria e turismo, bem como de experiências no âmbito da aproximação ao tecido empresarial e aos demais agentes turísticos



publicado por Carlos Gomes às 15:38
link do post | favorito
|

“TODA A GENTE SABE QUE TODA A GENTE SABE” NO CINE-TEATRO DE OURÉM

É já nos próximos dias 25 e 26 de Novembro que a comédia “Toda a gente sabe que toda a gente sabe”, vai estar em cena no Cine-teatro de Ourém. Da autoria de Miguel Fallabela e de Maria Carmem Barbosa, conta com a participação em palco de actores bem conhecidos do público como Manuela Maria, Teresa Guilherme, Heitor Lourenço, Paula Luiz e Rui Neto. A encenação é de Celso Cleto. A peça que vai ser levada à cena no Cine-teatro de Ourém é uma sátira da decadência de uma família disfuncional, complementada pela vivacidade inigualável dos seus diálogos.

ng1460448


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 00:14
link do post | favorito
|

Domingo, 20 de Novembro de 2011
OURÉM REALIZA OFICINA DE FELTRO ARTESANAL

A Oficina de Artes em Vale da Perra, na Atouguia, leva a efeito entre os dias 3 e 10 de Dezembro, a Oficina de Feltro Artesanal. Oficina prática, dividida em 2 sessões, é ministrada por Graça Costa e dirigida a pessoas de todas as idades a partir dos 6 anos. Os participantes ficarão com os trabalhos realizados.

381472_276994232344458_100001016504360_793791_2132

O Feltro foi o primeiro tecido produzido pela humanidade, antes mesmo das técnicas de tecelagem. A feltragem, técnica ancestral de transformação de lã em feltro, pode ser obtida através de vários métodos e só é possível porque a lã pura possui pequenas películas que, quando atritadas com uma agulha, com as mãos ou água quente, condensam-se formando uma superfície densa. Ficam tão aglomeradas que é possível até cortar com tesoura em formas diferentes, como se fosse um tecido. Diz-se que a melhor fibra de lã é de ovelha Merino, que produz uma fibra bastante uniforme, fina e macia.

A Oficina de Feltro Artesanal funcionará no horário entre as 10h e as 13 horas. As inscrições podem ser efectuadas directamente no Museu Municipal de Ourém ou através do telefone 249540900 (extensão: 6831), pelo telemóvel 919585003 ou ainda através do e-mail museu@mail.cm-ourem.pt



publicado por Carlos Gomes às 11:48
link do post | favorito
|

OFICINA DE CERÂMICA OCUPA FÉRIAS DE NATAL

As crianças entre os 6 e os 12 anos vão poder ocupar as suas férias de Natal construindo os seus próprios presentes. Trata-se da Oficina de Cerâmica que vai funcionar nos próximos dias 19 e 20 de Dezembro, na Oficina de Artes em Vale da Perra, na Atouguia.

380037_276991292344752_100001016504360_793778_5069

Oficina prática para os mais novos, ministrada por Graça Costa, a Oficina de Cerâmica é dividida em 2 sessões. Os participantes ficarão com os trabalhos realizados.

A Oficina de Cerâmica funcionará no horário entre as 14h e as 17 horas. As inscrições podem ser efectuadas directamente no Museu Municipal de Ourém ou através do telefone 249540900 (extensão: 6831), pelo telemóvel 919585003 ou ainda através do e-mail museu@mail.cm-ourem.pt



publicado por Carlos Gomes às 11:22
link do post | favorito
|

BASÍLICA E CAPELA DA APARIÇÃO EM POSTAL DOS ANOS SESSENTA

img262

A foto reproduz a Basílica e a Capela da Aparição, no Santuário de Fátima, segundo num postal editado na década de sessenta do século passado. Trata-se de uma edição da “Postais de Portugal, Ldª”.



publicado por Carlos Gomes às 00:05
link do post | favorito
|

Sábado, 19 de Novembro de 2011
OURÉM JOGO AMANHÃ COM A-DOS-FRANCOS NO CAMPO DA CARIDADE

CARTAZ A-DOS- FRANCOS



publicado por Carlos Gomes às 00:34
link do post | favorito
|

COMEÇAM HOJE AS JORNADAS DA FLORESTA EM OURÉM

297441_261994217169315_199230630112341_680497_4344



publicado por Carlos Gomes às 00:10
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 18 de Novembro de 2011
MINISTÉRIO DA SAÚDE GARANTE QUE EXTENSÕES DE SAÚDE NO CONCELHO DE OURÉM NÃO SERÃO ENCERRADAS… MAS NÃO SERÁ POSSÍVEL MANTÊ-LAS TODAS ABERTAS!

Em resposta à pergunta do deputado António Filipe, do PCP, o Gabinete do Ministro da Saúde informou por escrito o seguinte: 

  1. “Têm-se procurado manter a oferta assistencial dentro de parâmetros de qualidade e proximidade, porém este objectivo não é de fácil execução dada a acentuada diminuição de recursos humanos.
  2. A Direcção Executiva do ACES Serra D’Aire não determinou o encerramento das Extensões de Saúde referidas, porém face à actual gravíssima carência de recursos humanos, não será possível mantê-las todas abertas, com a mesma frequência e horário.
  3. Na referida reunião, que teve lugar em 27 de Outubro p.p., para além da análise da situação, foi afirmado o papel estratégico da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, I. P., no acompanhamento deste assunto”

capture1

capture3


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 10:03
link do post | favorito
|

COMEÇAM AMANHÃ EM OURÉM AS JORNADAS DA FLORESTA

297441_261994217169315_199230630112341_680497_4344



publicado por Carlos Gomes às 00:53
link do post | favorito
|

REALIZA-SE AMANHÃ EM FÁTIMA COLHEITA DE SANGUE

315046_211446252257057_170907499644266_484162_1810



publicado por Carlos Gomes às 00:39
link do post | favorito
|

CONSERVATÓRIO DE MÚSICA REALIZA CONCERTO

309096_238929306168180_131553580239087_648177_5692



publicado por Carlos Gomes às 00:26
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 17 de Novembro de 2011
OURÉM INAUGURA NOVOS CENTROS ESCOLARES

O Município de Ourém vai proceder à inauguração de quatro novos Centros Escolares que já se encontram em funcionamento desde o início do ano lectivo.

No próximo dia 26 de Novembro serão inaugurados os Centros Escolares de Nossa Senhora das Misericórdias e da Caridade. No dia 10 de Dezembro, será a vez do Centro Escolar Beato Nuno e do Centro Escolar da Cova da Iria



publicado por Carlos Gomes às 18:25
link do post | favorito
|

SANTUÁRIO DE FÁTIMA CONVIDA PARA JORNADA DE APRESENTAÇÃO DO 2º ANO DE PREPARAÇÃO DO CENTENÁRIO DAS APARIÇÕES

A temática e as principais celebrações e iniciativas que o Santuário de Fátima proporá no próximo ano pastoral serão apresentadas publicamente a 1 de Dezembro de 2011, numa jornada que decorrerá na Capela da Morte de Jesus, na Igreja da Santíssima Trindade, no Santuário de Fátima.

Fatima.jpg

Nas palavras do Reitor do Santuário de Fátima, Padre Carlos Cabecinhas, o convite à participação nesta jornada é destinado em especial a “organizadores de peregrinações, jornalistas, guias, sacerdotes, religiosos, entidades civis, directores de colégios de Fátima, e a outras entidades que possam ter interesse em conhecer a temática do Santuário neste ano pastoral que se vai iniciar”.

O próximo ano pastoral inicia a 27 de Novembro e, em Fátima, evocará a primeira aparição de Nossa Senhora, a 13 de Maio de 1917, na Cova da Iria. Todas as celebrações e iniciativas, os vários textos de reflexão teológica, os subsídios catequéticos e os esquemas de oração, terão como tema a pergunta feita pela Virgem nessa primeira aparição: “Quereis oferecer-vos a Deus?”.

Em texto-editorial publicado na edição de 13 de Novembro do boletim internacional do Santuário de Fátima “Fátima Luz e Paz”, o Reitor recorda que a caminhada celebrativa do centenário das aparições iniciou em Dezembro de 2010 e terminará em 2017 (1917-2017).

O Padre Carlos Cabecinhas destaca ainda que estes sete anos celebrativos pretendem ser, em primeira instância, “ocasião para divulgar e reavivar a consciência da riqueza e actualidade da mensagem de Fátima”.

Em jeito de balanço, o Reitor recorda, no mesmo texto, o ano pastoral que agora termina: “Neste primeiro ano do septenário, o acontecimento que inspirou o itinerário temático foram as aparições do Anjo aos três Pastorinhos, em 1916. Com o tema 'Santíssima Trindade, adoro-Vos profundamente', pretendeu-se focar a atenção na centralidade de Deus na mensagem de Fátima, e motivar à atitude de adoração por parte dos peregrinos e devotos de Nossa Senhora de Fátima. O tema do ano guiou as grandes celebrações, de modo especial as grandes peregrinações dos dias 12 e 13 de Maio a Outubro. Além disso, foram muitas as iniciativas que se realizaram no Santuário neste contexto”.

A sessão do dia 1 de Dezembro de 2011 terá lugar na Capela da Morte de Jesus, no piso inferior da Igreja da Santíssima Trindade, com o seguinte programa:

14:30 | Abertura da Exposição “No trilho da Luz – As Aparições de Fátima”, no vestíbulo do Convivium de Santo Agostinho

15:00 |Momento musical

15:15 |Palavra inicial do Reitor do Santuário, P. Carlos Cabecinhas

15:30 |Apresentação do tema do ano pela Prof.ª Doutora Isabel Varanda, UCP

16:15 |Intervalo

16:45 |Momento musical

17:00 |“Entrega de si a Deus. Viver em oferecimento pela salvação do mundo”, conferência proferida pelo P. Manuel Morujão, SJ

17:45 |Momento musical

Edição de Novembro de 2011 do boletim internacional “Fátima Luz e Paz”, em sete idiomas: http://www.fatima.pt/portal/index.php?id=2417

LeopolDina Simões



publicado por Carlos Gomes às 17:23
link do post | favorito
|

FÁTIMA CIDADE NATAL ESTÁ DE REGRESSO

O programa de “Fátima Cidade Natal” vai este ano apresentar novidades. A cidade de Fátima vai ter iluminação, comboio de Natal, II Concurso de Presépios,o grandepresépio do concelho, árvore de Natal, pista de gelo, casa do pai natal e casa das pinturas faciais.

fatimacidadenatal-net

Fátima é uma cidade especial, centro de atenções nacionais e internacionais. Por conseguinte, Ourém aposta no projecto “Fátima Cidade Natal”, uma iniciativa que deu os primeiros passos no ano passado e que promoveu uma dinâmica diferenciadora, potenciando um maior número de visitantes à cidade Altar do Mundo, numa época considerada de sazonalidade baixa.

 “Fátima Cidade Natal” é um projecto que será comparticipado em 80% através de uma candidatura denominada “Mais Turismo Mais Centro”, do Turismo de Portugal.

O vereador com o pelouro de Fátima,Nazareno do Carmo, sublinha “que, para Fátima, o Natal não é um luxo, tratando-se antes de um investimento, gerador de mais-valia e de protagonismo do concelho de Ourém”.

Fatima-CidadeNatal 2010



publicado por Carlos Gomes às 12:26
link do post | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

BLOGUE "AUREN" SUSPENDE A...

A INQUISIÇÃO EM OURÉM

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

GRUPOS LINGUÍSTICOS APRES...

PONTIFICIA ACADEMIA MARIA...

D. ANTÓNIO MARTO COMPARA ...

LEIRIA MOSTRA TRAJE TRADI...

BISPO DE SETÚBAL PRESIDE ...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA PROMO...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA APRES...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

PAN QUER DISCUTIR MOBILID...

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

OURÉM: OS MISTÉRIOS DA SI...

FAPWINES ACRESCENTA ROSÉ ...

ESTUDO REVELA QUE 62% DOS...

“UM LOUVOR A MARIA” LEVA ...

MADRE TERESA ERA TANTO DE...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

AUTORIDADES DE OURÉM FELI...

DEPUTADO MENDES CORREIA E...

OURIENSES FAZEM EXCURSÃO ...

ALVAIÁZERE: PUSSOS REALIZ...

OURÉM: RIBEIRA DO FÁRRIO ...

OURÉM: OLIVAL ESTÁ EM FES...

QUANDO VISITA OFICIALMENT...

CAÇADORES MARCAM ENCONTRO...

OURÉM TEM FESTA GRANDE NO...

OURÉM EVOCA DIÁSPORA E CU...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

O ZOROASTRISMO E A SUA IN...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA PROMO...

OURÉM: RIBEIRA DO FÁRRIO ...

ALVAIÁZERE: PUSSOS REALIZ...

OURIENSES FAZEM EXCURSÃO ...

PAPA ENVIA CARTA AO 24º C...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA CELEB...

OURÉM LEVA MÚSICA, DANÇA,...

OURÉM REGRESSA À IDADE MÉ...

OURÉM: FREIXIANDA ESTÁ EM...

ALVAIÁZERE REALIZA FESTIV...

RIO DE COUROS REALIZA FEI...

ALVAIÁZERE: PELMÁ ESTÁ EM...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

PARTIDO "OS VERDES" COLOC...

SINDICATO DOS TRABALHADOR...

OURÉM REGRESSA À IDADE MÉ...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

SINDICATO DOS TRABALHADOR...

arquivos

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

tags

todas as tags

links
Twitter
blogs SAPO
subscrever feeds