Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Ourém.
Sábado, 31 de Maio de 2014
HOMENS DO MAR REZAM EM FÁTIMA

‘Dia Nacional do Pescador’

Cerca de duzentos pescadores portugueses - ligados à Associação de Pescadores Profissionais do Concelho de Esposende, Minho; à Associação de Armadores de Pesca da Fuzeta, Algarve; e à Associação de Pescadores e Armadores de Pesca da Nazaré - peregrinaram hoje, Dia Nacional do Pescador, ao Santuário de Fátima. 

Nas intenções de oração trazidas a Nossa Senhora o grupo lembrou sobretudo os companheiros já falecidos, em especial os da comunidade piscatória de Caxinas, Vila do Conde, e os da comunidade de Castelo do Neiva, Viana do Castelo, mais recentemente falecidos na faina do mar.

O grupo participou na Eucaristia oficial celebrada às 11:00 na Basílica da Santíssima Trindade, a que presidiu o padre Emanuel Matos Silva, vice-reitor do Santuário de Fátima.

Durante a celebração eucarística, no momento  da oração dos fiéis, rezou-se em Fátima “por todos os que saem diariamente para a faina, para que contem com a proteção de Nossa Senhora" e também pelos defuntos, "para que sejam acolhidos por Deus, principalmente os defuntos que são representados na 'Cruz dos Ausentes' (cujos corpos não foram encontrados) em cada cemitério à beira-mar”.

LeopolDina Simões



publicado por Carlos Gomes às 18:56
link do post | favorito
|

BISPO DE LEIRIA-FÁTIMA EXORTA A IGREJA A UMA REVOLUÇÃO DA TERNURA

Entre 30 de maio e 1 de junho

Santuário de Fátima realiza simpósio teológico-pastoral 

“Envolvidos no amor de Deus pelo mundo”. Experiência de Deus e responsabilidade humana

- emissão online http://www.fatima2017.org/pt/menu-topo/simposio-online

Retomou esta manhã no Santuário de Fátima, o simpósio teológico-pastoral “Envolvidos no amor de Deus pelo mundo”. Experiência de Deus e responsabilidade humana, uma iniciativa do Santuário de Fátima, organizada sob a coordenação científica da Faculdade de Teologia da Universidade Católica. 

Para D. António Marto, em palavras na sessão de abertura realizada ontem, o título e lema do simpósio sintetiza bem a mensagem deixada por Nossa Senhora em Fátima na aparição de 13 de junho de 1917, aquela que considera “a mais importante das seis aparições”, aquela em que foi revelado o chamado “Segredo de Fátima” que “nas suas três partes é expressão deste amor de Deus ao mundo num momento periclitante que ameaçava afundar a humanidade no abismo da ruína”: a Primeira Grande Guerra Mundial.

Na sua reflexão, o bispo de Leiria-Fátima apresentou Maria como mensageira e ícone do Amor de Deus pelo mundo e exortou a Igreja a olhar as pessoas e o mundo com esse olhar de amor e de misericódia, e a realizar, segundo a própria exortação do Papa Francisco, “a revolução da ternura nas periferias existenciais”.

No contexto da interpelação feita por Nossa Senhora na Cova da Iria, o bispo de Leiria-Fátima apresenta Maria como “eco e mensageira do amor de Deus pelo mundo em relação a uma hora histórica que ameaçava aniquilar a humanidade e a própria Igreja” e, em simultâneo, como “portadora do anúncio da graça e da misericórdia divina como limite ao poder avassalador do mal e da promessa do triunfo do amor nos dramas da história”.

Ao reiterar as palavras do Papa Francisco sobre o “estilo mariano da atividade evangelizadora da Igreja”, D. António Marto destacou que, neste momento atual da história da humanidade, “a Igreja é chamada a olhar as pessoas e o mundo com um olhar de amor e misericórdia, a cuidar da humanidade com ternura, a ser uma Igreja amiga e companheira dos homens: a aproximar-se deles com um sentido grande e profundo de humanidade, que acolhe, escuta, compreende e assume as alegrias e as esperanças, as dores e as angústias dos outros”.

Esta Igreja “que se põe ao lado e ao serviço dos homens no seu caminho”, acrescentou D. António Marto, deve ser uma Igreja que “encurta circunstâncias, dialoga e conversa com o coração de mãe”.

Nas palavras do prelado, como aspeto de particular atualidade e urgência para a Igreja está, em primeiro lugar, a necessidade do “testemunho da força  do amor como antídoto à nova banalidade do mal (…) contemplada na mensagem de Fátima sob o nome insistente de pecado, o pecado do mundo, o anti-amor”, que sobressai em três frentes: na “perda da generalidade do sentido do dever”, no “alijar a responsabilidade própria sobre os outros, mecanismo da desculpe, da desresponsabilização e da ilusão da inocência” e no “crescimento do desinteresse pelo bem comum, que é talvez a doença da alma mais insidiosas para a nossa sociedade”.

“A corrupção é pior que o pecado porque provoca a erosão profunda da consciência moral e leva à banalidade do mal”, afirmou D. António Marto.

Uma outra missão da Igreja entendida como urgente por este bispo é a de "testemunhar o amor misericordioso de Deus pelo mundo levando-o de modo concreto às periferias onde há sofrimento, solidão, exclusão, violência, degradação humana, desespero", isto é, a concretização de uma "revolução da ternura nas periferias existenciais "da alma, da existência e sociais”. 

“A Igreja é chamada a cuidar da humanidade ferida e frágil, a sair de si e a ir ao encontro das periferias existenciais com a proposta de um novo humanismo em que a pessoa humana volte a ser o centro da reflexão e da convivência social”, afirmou o bispo de Leiria-Fátima, que concluiu que esta forma de ação “implica dizer um não a uma economia de exclusão e de desigualdades gritantes, economia que mata; um não à idolatria do dinheiro que escraviza e marginaliza; um não à globalização da indiferença e do descartável para dizer um sim à economia de inclusão e à globalização da fraternidade, da solidariedade e da paz”.

Os trabalhos do simpósio teológico-pastoral, que reflete sobre alguns núcleos temáticos relacionados com a aparição de Nossa Senhora aos três Pastorinhos no mês de julho de 1917, decorrem no Salão do Bom Pastor, no Centro Pastoral de Paulo VI.  A quem não for possível estar em Fátima pode acompanhar o simpósio através da transmissão web, pelo acesso http://www.fatima2017.org/pt/menu-topo/simposio-online

LeopolDina Simões



publicado por Carlos Gomes às 11:39
link do post | favorito
|

FESTA DOS TABULEIROS REGRESSA A TOMAR EM 2015



publicado por Carlos Gomes às 11:35
link do post | favorito
|

CAXARIAS VAI PEDALAR EM BTT



publicado por Carlos Gomes às 11:33
link do post | favorito
|

FREIXIANDA RECEBE RALLY DO CATREPE



publicado por Carlos Gomes às 11:28
link do post | favorito
|

JOANA LOPES EXPÕE PINTURA NA GALERIA MUNICIPAL DE OURÉM

Inauguração dia 07 de junho às 17h00

Joana Lopes, natural da Sertã, nasceu em 1984. Como formação académica possui o grau de mestre em Animação Artística sendo licenciada em Animação Cultural pela Escola Superior de Educação de Castelo Branco.

Desde cedo manifestou interesse pela arte em particular pela pintura. Esta paixão levou-a a desenvolver um percurso autodidata enriquecido ao longo da sua formação no âmbito da animação artística. Joana Lopes caracteriza as suas obras como livre expressão do consciente/ inconsciente através da exploração instintiva de diferentes materiais. 
Atualmente dedica grande parte do seu tempo à pintura, sendo que, o seu percurso artístico inclui exposições individuais e coletivas.

Entrada LIVRE

Horário: de terça a domingo das 09h30 às 13h00 e das 14h30 às 19h00



publicado por Carlos Gomes às 00:00
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 30 de Maio de 2014
NOVOS BISPOS AUXILIARES PORTUGUESES PRESIDEM ÀS PRÓXIMAS PEREGRINAÇÕES ANIVERSÁRIAS

D. José Augusto Traquina Maria e D. Francisco José Senra Coelho

Recentemente nomeados bispos, D. José Augusto Traquina Maria, bispo auxiliar do patriarcado de Lisboa, e D. Francisco José Senra Coelho, bispo auxiliar da arquidiocese de Braga, serão, respetivamente, os presidentes das peregrinações aniversárias de junho e de julho no Santuário de Fátima, sempre a 12 e 13.

D. José Augusto Traquina: “Fátima, lugar privilegiado do encontro com Deus

Em declarações à Sala de Imprensa do Santuário, D. José Augusto Traquina, cuja ordenação episcopal está marcada para amanhã, dia 1 de junho, em Lisboa, e que virá a Fátima poucos dias após receber o múnus episcopal, sublinha: “Aceitei presidir à peregrinação de junho com a esperança de crescer na responsabilidade de partilhar com o Povo de Deus o sentimento comum de que o Santuário de Fátima é de facto um lugar privilegiado do Encontro com Deus”.

Nas suas intenções de oração, o novo bispo auxiliar de Lisboa espera em Fátima “pedir a intercessão de Nossa Senhora por todas as pessoas que ultimamente tanto têm rezado pedindo pela Igreja e pelos novos bispos portugueses nomeados pelo Papa Francisco”.

Nas mesmas declarações, D. José Traquina referiu as ideias-chave que pensa trazer aos peregrinos: “No dia 12 de junho procurarei valorizar o Encontro com Cristo no seu Coração, no qual encontramos purificação, nos refazemos e decidimos a vida. No dia 13, a ideia-força será Celebrar para testemunhar, a sugestão de celebrar a Consolação para que o sofrimento esteja espiritualmente identificado e se transforme em testemunho de vida pela redenção do mundo, em comunhão com Cristo e acompanhados pela Virgem Mãe”. 

LeopolDina Simões



publicado por Carlos Gomes às 21:55
link do post | favorito
|

SANTUÁRIO PUBLICA “A CONSAGRAÇÃO COMO DEDICAÇÃO NA MENSAGEM DE FÁTIMA”

“A consagração como dedicação na mensagem de Fátima” é o título da nova publicação editada pelo Santuário de Fátima, o número 3 da coleção “Fátima Mensagem e Teologia”.

Sob a coordenação de José Carlos Carvalho, da Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, o livro, em português, apresenta-se como uma breve antologia de contributos sob o tema da consagração a Nossa Senhora.

Sendo um dos contributos inédito, os demais são apresentados em tradução portuguesa. Os seus autores são: José Carlos Carvalho (inédito); Joseph de Finance, Karl Rahner, Stefano di Fiores, J. Rovira, A. Oberti, Joseph Jost, Adélio Torres Neiva, João Duque e Sarah Jane Boss.

Nas primeiras páginas da obra, é apresentada a pertinência da publicação: “A temática da consagração é recorrente na Mensagem de Fátima, sobretudo a consagração ao Imaculado Coração de Maria, tema que será objeto de uma reflexão mais alargada no último ano de preparação para o centenário das Aparições”.

Quanto aos contributos selecionados, é anunciado que a obra procurou apresentar “reflexões das várias sensibilidades linguísticas e teológicas e com perspetivas diferentes, e de várias nacionalidades. Organizaram-se os textos, exceto o primeiro devido à sua perspetiva mais bíblica e fundamental, e por ser inédito, segundo um critério cronológico e linguístico. Tentou-se conjugar estes critérios com as diferentes aproximações teológicas ao tema, que incluem abordagens mais na dimensão histórica, ou bíblica, ou espiritual, ou dogmática, ou sociológica, e mesmo pastoral”.

A publicação é ainda enriquecida com vários apêndices, apresentados por ordem cronológica, nomeadamente os textos de oração de consagração mariana mais significativos da história do Santuário de Fátima.

Está à venda na Livraria do Santuário de Fátima, por 12 euros.

L.S.

Uma edição Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja / Turismo de Portugal:

Para peregrinos da religião ou forasteiros da cultura, «Caminhos Marianos» em roteiro 

“Caminhos Marianos” é o título do roteiro publicado no âmbito de uma parceria estabelecida entre o Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja (SNBCI) e o Turismo de Portugal, cuja apresentação pública aconteceu a 26 de maio, na Igreja dos Grilos, no Porto, ocasião em que também foram apresentados o roteiro “Caminhos de Santiago” e um “Guia de Boas Práticas de Interpretação do Património Religioso”. 

Na apresentação desta iniciativa, Sandra Costa Saldanha, diretora do SNBCI, sublinhou que os roteiros dão a conhecer um património religioso “riquíssimo” com “elevada relevância” devocional, cultural e artística.

No que respeita em concreto ao roteiro “Caminhos Marianos”, onde também tem espaço uma referência para o Santuário de Fátima, o autor do roteiro, Marco Daniel Duarte, diretor do Serviço de Estudos e Difusão do Santuário de Fátima, destaca que “Portugal é, nas expressões da fé e nas expressões da cultura, território de Santa Maria, uma constelação de incontáveis luzeiros, compostos por ermidas, igrejas, santuários, altares e outros monumentos de ordem diversa e com expressão física diferenciada”.

A publicação é apresentada desta forma: “Os Caminhos Marianos constituem, assim, mais que um mapeamento desses pontos geográficos, um roteiro que pretende fomentar a peregrinatio dos diferentes tipos de “romeiros” do século XXI. Não pretende favorecer tão-somente uma visita a imagens de devoção, mas contribuir para a fruição de todo um conjunto de construções que proporcionam uma interpeladora experiência, normalmente decorrente dessas imagens cultuadas, na maioria dos casos, consideradas milagrosas e que são veneradas no contexto de uma excecional paisagem natural e de uma singular paisagem edificada”.

Para Marco Daniel Duarte o que se propõe vai também para além do simples percurso pelo território português: “Ao percorrer os Caminhos Marianos, o viajante, seja peregrino da religião ou forasteiro da cultura, fará o trilho por uma estrada marcada pela cultura religiosa e artística de um País que, desde cedo, se sentiu, de forma especial, território de Santa Maria. É um estímulo para encetar uma viagem pela história, arte e memórias do culto mariano em Portugal, num território em que de múltiplas formas a Mãe de Deus é venerada e intitulada”.

L.S



publicado por Carlos Gomes às 21:50
link do post | favorito
|

SANTUÁRIO DE FÁTIMA EDITA REVISTA CULTURAL

Fátima XXI Revista Cultural do Santuário de Fátima já disponível para venda

Esta manhã, na sessão de abertura do simpósio teológico-pastoral que decorre até ao próximo domingo no Santuário de Fátima, no qual participam 330 pessoas, foi apresentado o mais recente projeto cultural da instituição: a revista “Fátima XXI Revista Cultural do Santuário de Fátima”, já dada a conhecer aos jornalistas na conferência de imprensa realizada a 12 de maio. 

O número 1, com 145 páginas, foi agora publicado e já está disponível para venda na Livraria do Santuário de Fátima, por 9 euros por exemplar (livraria@fatima.pt). 

Pensada no contexto da celebração dos 100 anos das aparições de Fátima, a revista, em português, terá caráter semestral, estará disponível em maio e em outubro, e pretende ser, nas palavras do padre Carlos Cabecinhas, reitor do Santuário de Fátima, “uma revista de índole cultural, que procura, precisamente, fazer-se eco desta dimensão cultural de Fátima”, juntando-se assim aos projetos informativos periódicos da instituição: o jornal mensal, em português, “Voz da Fátima”, e o boletim trimestral internacional “Fátima Luz e Paz”, em sete idiomas.

Este projeto deseja também “ser espaço de reflexão, abordando temas relacionados com a história, a mensagem e a cultura de Fátima, através de leituras que se pretendem pluridisciplinares, envolvendo perspetivas diferentes mas complementares”.

“O Centenário dá-nos a oportunidade de experimentar caminhos novos, que enriquecem a reflexão sobre Fátima e a propõem numa linguagem renovada, quer na forma de fazer as leituras quer na forma de as expor, como acontece na presente publicação”, explica o reitor, diretor da publicação. 

No momento de apresentação, Marco Daniel Duarte, diretor-adjunto da publicação, deu a conhecer as principais rúbricas da publicação e alguns dos temas do número 1.

“Este número inaugural colhe importantes testemunhos de figuras conhecidas do panorama cultural nacional e eclesial; e assim podemos ouvir Gianfranco Ravasi dizer que «Fátima é um lugar materno da

civilização europeia»; e assim podemos ouvir o cardeal Tarcisio Bertone dizer que Fátima é «apelo à comunidade e à humanidade»; e assim ouvimos Adriano Moreira dizer que Fátima é «um dos lugares do

mundo de mais forte inspiração»”, referiu.

Para este responsável, as páginas de Fátima XXI “entrecruzam olhares e saberes, colhendo marcantes ideias dos protagonistas de Fátima, mas, sobretudo, fomentando renovadas aproximações a este tema inesgotável, lido de forma poliédrica”.

“A primeira edição de Fátima XXI teria de escolher como tema do seu Caderno Temático um dos assuntos maiores deste lugar e por isso dedica o seu primeiro caderno temático ao Segredo de Fátima”, referiu Marco Daniel Duarte, sublinhando que neste tópico “diferentes investigadores produziram olhares diversos que se foram buscar à História, à Teologia, à Literatura, à Linguística, à Diplomática, às Artes plásticas... Quis-se uma abordagem rigorosa, não tanto académica, mas sobretudo cultural”.

Nas páginas do número 1, entram ainda vários ‘flahes’ do Centenário das Aparições e recorda-se através da fotografia e do texto o acontecimento mais especial do último ano: a visita da Imagem da Capelinha a Roma. Todos os números terão uma rubrica intitulada “Fragmentos de História”, que no número 1 mostra um documento muito especial: o manuscrito do celebrado “Ave de Fátima”, escrito em 1929 por Afonso Lopes Vieira.



publicado por Carlos Gomes às 21:46
link do post | favorito
|

OURÉM EXPÕE “ILUSTRAÇÃO INFANTIL”

“Ilustração infantil” de Roberto Chichorro no Museu Municipal de Ourém

O Museu Municipal de Ourém recebe a partir do próximo domingo, dia Mundial da Criança, a exposição temporária “Ilustração Infantil” de Roberto Chichorro, um dos maiores pintores do mundo lusófono.

A exposição ficará patente até 30 de setembro e apresenta uma retrospetiva dos trabalhos de ilustração de livros infantis, designadamente das obras “O pássaro da primavera” de Pedro Saraiva; a “Caçada Real” de Zetho Cunha Gonçalves; “O coelho que falava latim” de Luís Carlos Patraquim, “Estória, Estória…, do tambor a Blimundo” de Celina Pereira e, finalmente, “Sebastião Toupeira” de António Laíns Galamba, que será apresentado juntamente com a inauguração da exposição, pelas 16:00h.

Durante quatro meses as ilustrações de Roberto Chichorro vão habitar a Casa do Administrador, comunicando com a coleção de brinquedos, transportando o visitante numa viagem pelo imaginário infantil e a multiculturalidade.

Destaque para as obras da coleção “Sebastião Toupeira” que estarão à venda por um preço especial, tendo o pintor decidido que metade do valor angariado reverterá a favor de três instituições de caráter social do concelho de Ourém, nomeadamente a Fundação Dr. Agostinho Albano de Almeida, o Centro de Recuperação Infantil Ouriense e o Centro de Reabilitação e Integração de Fátima.

Desde a fixação de residência em Ourém, mais concretamente em Vale da Perra, freguesia de Atouguia, o reconhecido pintor Roberto Chichorro tem contribuído voluntaria e ativamente para a dinâmica cultural do concelho, especificamente no domínio das Artes. A título de exemplo, o programa da RTP2, “Agora” dedicou uma completa reportagem ao pintor, exibindo imagens do castelo de Ourém.

O artista, nascido em Moçambique e radicado em Portugal desde 1986, dedicou-se desde cedo à pintura, onde expressa toda a magia das velhas histórias que foi ouvindo na sua infância. Notabilizou-se como ilustrador e desenhista e é hoje amplamente reconhecido no contexto dos países de língua oficial portuguesa, entre outros.



publicado por Carlos Gomes às 13:05
link do post | favorito
|

SANTUÁRIO DE FÁTIMA REALIZA SIMPÓSIO TEOLÓGICO-PASTORAL

Entre os dias 30 de maio e 1 de junho

 “Envolvidos no amor de Deus pelo mundo”. Experiência de Deus e responsabilidade humana

Com transmissão on line

Iniciou esta manhã em Fátima, pelas 10:00, o simpósio teológico-pastoral “Envolvidos no amor de Deus pelo mundo”. Experiência de Deus e responsabilidade humana, uma iniciativa do Santuário de Fátima, organizada sob a coordenação científica da Faculdade de Teologia da Universidade Católica.

Os trabalhos do simpósio teológico-pastoral, que refletirá sobre alguns núcleos temáticos relacionados com a aparição de Nossa Senhora aos três Pastorinhos no mês de julho de 1917, decorrem no Salão do Bom Pastor, no Centro Pastoral de Paulo VI. Até ao momento estão inscritos 330 participantes.

A quem não for possível estar em Fátima pode acompanhar o simpósio através da transmissão web, pelo acesso http://www.fatima2017.org/pt/menu-topo/simposio-online As duas conferências da manhã de hoje estarão a cargo, respetivamente, de Franco Manzi, de Milão, Itália, e do teólogo português João Duque: “O mistério do amor de Deus pelo mundo na mensagem de Fátima” e “O mistério de Deus na sua misericórdia e na sua justiça”.



publicado por Carlos Gomes às 11:49
link do post | favorito
|

ALVAIÁZERE PREPARA FESTIVAL DO CHÍCHARO

1620664_683729595011222_1701209419_n



publicado por Carlos Gomes às 00:00
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 29 de Maio de 2014
A FESTA DO RALI E DA CIDADE: DOIS DIAS DE EMOÇÕES NA MARINHA GRANDE A 6 E 7 DE JUNHO

O Rali Vidreiro Centro de Portugal 2014, prova pontuável para o Campeonato Nacional de Ralis e para o Campeonato de Ralis Centro, realiza-se já nos próximos dias 6 e 7 de Junho. Neste momento, o Clube Automóvel da Marinha Grande está a ultimar os pormenores para que nada falhe em mais uma edição. Aproveitamos este comunicado para enviar alguns documentos e informações relativas à quinta etapa da temporada no Campeonato Nacional.



publicado por Carlos Gomes às 23:18
link do post | favorito
|

APRESENTAÇÃO DE PATINAGEM ARTÍSTICA E HÓQUEI EM PATINS NA UNIÃO DESPORTIVA DE GONDEMARIA

No passado Sábado dia 17 Maio, foi um dia diferente na União Desportiva de Gondemaria, com a preciosa colaboração da Juventude Ouriense, mais conhecida por JO, saltou aos nossos olhos a beleza da Patinagem artística, com a atuação das meninas e meninos, vestidos a rigor para o efeito, tivemos oportunidade de ver o colorido dos vestidos, bem como dos penteados.

10390435_734915839885720_5117204524349534000_n

Temos que agradecer aquelas Mães que tão cedo se levantaram para nos "oferecer" todo aquele glamour, de que a patinagem é feita, e aos participantes, a magia da música que transportam para o movimento do corpo, lindo de se ver.

Entretanto, seguiu-se o hóquei, um desporto dinâmico, em que os jogadores, com o respectivo capacete, em cima de um patins e com um taco, se movimentam a grande velocidade, e em que a participação feminina foi nula, é caso para dizer, "menina não entra", porque será??,  e onde pudemos ver um Gondemariense, que há muito se movimenta nestas lides do hóquei, o Leandro, esperamos que para a próxima sejam muitos mais.

Depois, foi a vez de todos, mesmo todos, Gondemarienses entre outros, tiveram a oportunidade de andar em cima de uns patins, uma experiencia inesquecível para alguns que nunca o tinham feito por certo.

Todo o equipamento foi gentilmente cedido pela Juventude Ouriense, onde estiveram sempre presentes dois treinadores, bem como mais dois elementos da direção que nos deram todo apoio, desde as 10h até às 16hrs, horário em que decorreu o evento.

Comprometemo-nos a realizar mais eventos em conjunto, em breve damos notícias, e obviamente que contamos com a participação de todos.

Olinda Pereira

16023_734911743219463_1749599203717985820_n

1010087_734915183219119_8776478739732525881_n

1513785_734915816552389_5172137056743608318_n

10252004_734915116552459_1110659762422837343_n

10253932_734916039885700_863306991829379308_n

10292167_734914936552477_5782641865089605743_n

10294279_734915053219132_535511117274036734_n

10307186_734915519885752_5398639862252086679_n

10366050_734911953219442_5149794020239727881_n

10373618_734916059885698_2286392366189150117_n



publicado por Carlos Gomes às 22:28
link do post | favorito
|

ARQUIVO HISTÓRICO DA MARINHA REALIZA MOSTRA DOCUMENTAL

O seu acervo documental possui elevado interesse para os estudiosos e investigadores da nossa região

O Arquivo Histórico da Marinha leva a efeito durante o próximo mês de junho uma mostra documental subordinada ao tema “A Marinha e os Arquivos”. Com elevado interesse também no que à nossa região diz respeito, mormente os concelhos da Beira Litoral e toda a atividade marítima e piscatória com ela relacionada, o Arquivo Histórico da Marinha constitui um importante lugar de memória cuja consulta se aconselha vivamente aos estudiosos e investigadores da nossa região.

Para melhor entendimento da sua importância, transcreve-se com a devida vénia a apresentação que é feita no site oficial da Marinha Portuguesa.

 

“O Arquivo Histórico conserva registada a memória da Marinha, nas suas múltiplas atividades ao longo dos últimos 250 anos.

Integrado na Biblioteca Central de Marinha, o Arquivo Histórico assegura a guarda, conservação e divulgação do património documental e arquivístico, de natureza histórica, da Marinha enquanto fundamento da memória coletiva e individual, e ainda como fonte de investigação.

O Arquivo Histórico conserva registada a memória da Marinha, nas suas múltiplas atividades ao longo dos últimos 250 anos.

A área presentemente ocupada pelo Arquivo é superior a 2000 m2. Os serviços, que incluem gabinetes, salas de avaliação, catalogação, restauro, conservação, e a sala de leitura ocupam cerca de 380 m2 sendo a restante área destinada ao acervo documental.

A documentação mais antiga existente remonta ao século XVII, no entanto a documentação relativa aos séculos XIX e XX é que forma o principal espólio.

A escassez ou mesmo, nalguns casos, a inexistência de documentos deve-se a vicissitudes várias, sendo as principais: o terramoto de 1755, incêndios, a saída da corte para o Brasil, as invasões francesas e as guerras liberais.

A tipologia documental é variada e altamente especializada, obviamente virada para a História Marítima, agrupando-se em documentação avulsa, códices, documentação encadernada, fotografias, cartografia e planos de navios.

O Arquivo Histórico da Marinha regista a memória da Marinha ao longo dos últimos 250 anos, ocupando uma área superior a 1600 m2, o que equivale a cerca de 13 quilómetros de prateleiras com documentação.”

Fonte: http://www.marinha.pt/pt-pt/servicos/cultura/Paginas/Arquivo-Historico.aspx



publicado por Carlos Gomes às 21:52
link do post | favorito
|

GONDEMARIA DISTRIBUI JORNAL "A VOZ DA ALDEIA"



publicado por Carlos Gomes às 20:53
link do post | favorito
|

“FÁTIMA NO MUNDO” EXIBE-SE NA MADEIRA E NOS VOOS DA TAP

O filme é uma oportunidade de se conhecer o impacto da mensagem de Fátima fora de Portugal

O filme-documentário “Fátima no Mundo”, uma produção conjunta do Santuário de Fátima e da empresa produtora Adonai, com realização do escritor Manuel Arouca, tem exibição agendada para o Funchal, Madeira, a pedido da Associação Cristã de Empresários e Gestores (ACEGE) da Madeira.

O filme estará em cartaz nos dias 10, 14 e 15 de junho, para uma sessão única diária, às 19:00, nas salas da Lusomundo/NOS do Fórum Madeira. Isto após uma primeira rodagem em várias salas de cinema da Lusomundo/NOS de Portugal Continental durante o mês de maio.

Também a companhia aérea TAP Portugal exibirá o filme, nos meses de agosto e de setembro, a bordo dos seus aviões.

O documentário estará também em cartaz nas salas da Lusomundo/NOS de Moçambique, no mês de junho, em datas ainda a anunciar.

Recorde-se que o documentário "Fátima no Mundo" (90 minutos) foi filmado um pouco por toda a parte, desde a Coreia do Sul ao Hawai, dos EUA a África, no Brasil e na Polónia, entre muitos outros países, de todos os continentes, dando oportunidade de se conhecer o impacto internacional, nalguns casos inesperado, que a história e a mensagem de Fátima têm na vida de milhares de pessoas e de comunidades fora de Portugal. 

Este documentário foi produzido no contexto das várias iniciativas culturais e de divulgação da Mensagem de Fátima com vista à preparação e celebração do Centenário das Aparições, em 2017. 

Tailler: https://www.youtube.com/watch?v=DUJ49S4ZXD4



publicado por Carlos Gomes às 15:56
link do post | favorito
|

OURÉM INAUGURA EXPOSIÇÃO DE ROBERTO CHICHORRO

Vai ter lugar no próximo dia 1 de junho, pelas 16.00h, a inauguração da exposição "Ilustração Infantil" de Roberto Chichorro e a apresentação do livro "Sebastião Toupeira" de António Lains Galamba, por José Casanova. O evento terá lugar na Casa do Administrador -Museu Municipal que estará patente até 30 de setembro.

As ilustrações do livro "Sebastião Toupeira" estarão à venda pelo valor de 2000€ até ao dia 1 de julho. Com o objetivo de apoiar as crianças carenciadas do concelho, 50% do valor das vendes reverterá a favor das instituições: CRIO, CRIF e Fundação Dr. Agostinho Albano de Almeida (Casa da Criança).



publicado por Carlos Gomes às 15:16
link do post | favorito
|

OURÉM SENSIBILIZA PARA A PRESERVAÇÃO DA ARQUITETURA TRADICIONAL

O Município de Ourém em conjunto com a Universidade do Minho, o Centro da Terra e o CEPAE, vai realizar o Workshop Introdução à construção e reabilitação de edifícios em taipa, nos dias 27 e 28 de junho de 2014.

Confere o direito a certificado de participação.

Destinatários: Profissionais e estudantes das áreas de construção civil, engenharia civil, arquitetura e património, bem como todos os interessados na construção em terra.

Data limite de inscrição: 13/06/2014

O número de inscrições é limitado, sendo as mesmas confirmadas mediante pagamento.

 A comissão organizadora reserva-se ao direito de adiar ou cancelar o evento caso o número de inscrições não atinja o mínimo requerido ou por motivos de força maior, sendo o valor de inscrição devolvido na totalidade.

As desistências devem ser comunicadas por escrito, implicando a perda de 50% do valor de inscrição quando comunicadas entre 16 e 25 de junho ou a totalidade do valor quando comunicadas depois desta data ou caso o participante não compareça.



publicado por Carlos Gomes às 15:12
link do post | favorito
|

HOJE É DIA DA ESPIGA!

Hoje é Quinta-feira da Ascensão. Assim se denomina este dia em virtude de no calendário litúrgico se comemorar a ascensão de Jesus Cristo ao Céu, encerrando um ciclo de quarenta dias que se seguem à Páscoa. Mas, este dia tem a particularidade de se celebrar também o "dia da espiga" ou "quinta-feira da espiga". Manhã cedo, rapazes e raparigas vão para o campo apanhar a espiga e flores campestres. Formam um ramo com espigas de trigo, rosmaninho, malmequeres e folhagem de oliveira que pode incluir centeio, cevada, aveia, margaridas, pampilhos e papoilas. Depois, o ramo é guardado ao longo de um ano, pendurado algures dentro de casa.

dia da espiga

Crê-se que este costume, com mais incidência nas regiões a sul de Portugal, tenha as suas raízes num antigo ritual cristão que consistia na bênção dos primeiros frutos, mas as suas características fazem-nos adivinhar origens bem mais remotas, muito provavelmente em antigas tradições pagãs naturalmente associadas às festas consagradas à deusa Flora que ocorriam por esta altura e a que a tradição dos maios e das maias também não é alheia.

É crença do povo que a espiga apanhada na quinta-feira da Ascensão proporciona felicidade e abundância no lar. Aliás, a espiga de trigo propriamente dita representa a abundância de pão, o ramo de oliveira simboliza a paz, as flores amarelas e brancas respetivamente o ouro e a prata que significam a fartura e a prosperidade.

Noutros tempos, era costume na cidade, as moças que estavam de criadas de servir, ainda arreigadas a antigas usanças das suas terras de origem, pedirem às patroas para que lhes concedessem licença nesse dia para irem apanhar a espiga... Não raras as vezes, um bom pretexto para irem ao encontro do namorico, pois quase sempre apenas tinham permissão de folga ao domingo. Aliás, devido em grande medida à liberdade que a festa proporcionava aos jovens nesse dia, a apanha da espiga adquiriu bem depressa um sentido mais malicioso sempre que as pessoas a ela se referem.

Atualmente, algumas ruas de Lisboa enchem-se de vendedeiras de ramos de espigas, as quais são cada vez mais solicitadas inclusivamente por pessoas cujas raízes culturais já nada tem a ver com tais costumes mais próprios do meio rural. Provavelmente, atraídas pela beleza com que se apresentam os ramos. Em todo o caso, procurando cumprir um ritual que ajuda a preservar uma tradição!

Carlos Gomes in http://www.folclore-online.com/



publicado por Carlos Gomes às 09:35
link do post | favorito
|

GONDEMARIA ORGANIZA TORNEIO FUTSAL



publicado por Carlos Gomes às 08:50
link do post | favorito
|

GONDEMARIA TIRA-FERRUGEM



publicado por Carlos Gomes às 00:10
link do post | favorito
|

OUREENSES VÃO À PESCA Á BARRAGEM DO CARRIL



publicado por Carlos Gomes às 00:02
link do post | favorito
|

MUSEU MUNICIPAL DE OURÉM EXPÕE ILUSTRAÇÃO INFANTIL



publicado por Carlos Gomes às 00:00
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 28 de Maio de 2014
DEPUTADO ANTÓNIO FILIPE (PCP) QUESTIONA GOVERNO SOBRE REORGANIZAÇÃO HOSPITALAR NO MÉDIO TEJO


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 23:17
link do post | favorito
|

OURENSES VÃO COMPRAR PRODUTOS HORTOFRUTÍCULAS DIRETAMENTE AO PRODUTOR

“PROVE” a partir de 30 de maio em Ourém

Vai ter início em Ourém o projeto “PROVE – Promover e Vender” que irá disponibilizar cabazes de produtos hortofrutícolas adquiridos diretamente aos produtores, sem intermediários. A partir de 30 de maio os oureenses poderão adquirir produtos hortofrutícolas locais e da época, entregues ao consumidor pelo produtor, em nome da qualidade e da sustentabilidade.

z1

O “PROVE – Promover e Vender” pretende estimular o desenvolvimento de processos territoriais de proximidade e contribuir para o escoamento de produtos locais, fomentando as relações entre quem produz e quem consome, estabelecendo circuitos curtos de comercialização entre pequenos produtores agrícolas e consumidores. Para efetuar a sua encomenda basta aceder à página www.prove.com.pt ou dirigir-se ao Serviço de Apoio à Atividade Produtiva no Mundo Rural, no Centro de Negócios de Ourém, e indicar os produtos que não deseja receber, bem como a periodicidade de entrega do seu cabaz.

A entrega de cabazes será realizada no Mercado Municipal Manuel Prazeres Durão e para mais informações poderá contactar o Serviço de Apoio à Atividade Produtiva no Mundo Rural (Edifício do Centro de Negócios, 2º Piso), com horário das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 18h00, ou através dos contactos: 249 541 676 e apoio.agricultores@ouremviva.pt.

Este projeto é promovido pelo Município de Ourém, pela empresa municipal OurémViva e pela ADIRN (Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Norte).



publicado por Carlos Gomes às 14:33
link do post | favorito
|

JORGE PALMA ATUA EM OURÉM

A próxima proposta do cine teatro municipal de Ourém é um concerto intimista de Jorge Palma, no próximo dia 06 de junho, pela 21:30h. Vicente Palma e Gabriel Gomes (ex-Madredeus e Sétima Legião), são os dois músicos que o acompanham no seu formato acústico. Vicente surge na guitarra, no piano ou na voz, acompanhando Jorge Palma em alguns dos temas que juntos já tocam há mais de uma década. Gabriel Gomes oferece a sonoridade do seu acordeão para criar ambientes verdadeiramente íntimos e especiais.

Jorge Palma dispensa apresentações. Com mais de 40 anos de carreira é um nome incontornável do panorama musical português. Compositor, poeta, intérprete e exímio pianista, Jorge Palma começou a dar cartas logo cedo, quando aos 13 anos venceu o segundo prémio e uma menção honrosa num Concurso Internacional das Juventudes Musicais, realizado em Palma de Maiorca.

Aprendendo piano desde os seis anos, o percurso de vida de Jorge Palma observa-se sempre a par da música, sua maior forma de expressão. Correu a Europa de guitarra em punho tocando nas ruas de cidades como Paris e Copenhaga, terminou o Curso Superior de Piano em 1990 e editou vários discos de originais, compondo êxitos, somando discos de ouro, tendo atingindo a marca da dupla platina com Voo Nocturno. Venceu o prémio José Afonso em 2002, e em 2008 e 2012 foi o vencedor do Globo de Ouro na categoria de melhor intérprete. Pelo seu último disco «Com Todo o Respeito» foi ainda galardoado pela SPA com o prémio Pedro Osório.

Desde os anos 70 que esgota salas um pouco por todo o país, desde as mais emblemáticas, até aos palcos mais intimistas, tendo também passado por festivais como o Meo Sudoeste, Super Bock Super Rock e Rock in Rio.

Os bilhetes encontram-se à venda no local, nos dias úteis, entre as 14h e as 20h.

Bilhetes: 14 €

Informações e reservas: 249 543 666 / 916 591 231



publicado por Carlos Gomes às 14:19
link do post | favorito
|

NAZARÉ ORGANIZA COLÓQUIO SOBRE “MEMÓRIAS, TURISMO E TRAJES TRADICIONAIS”

Memórias, Turismo e Trajes tradicionais

31 maio | 15 horas

Local: Auditório da Biblioteca Municipal da Nazaré

Oradores:

Paulo Ferreira da Costa | Direção Geral do Património Cultural

João Alpuim Botelho | Museu Bordalo Pinheiro – Câmara Municipal de Lisboa

Madalena Braz Teixeira | Investigadora sobre traje tradicional

José Maria Trindade | Instituto Politécnico de Leiria

Cristina Luz | Câmara Municipal da Nazaré – Turismo

Presença de costureiras do traje tradicional da Nazaré.

Organização: Museu Dr. Joaquim Manso – Nazaré

Colaboração: Câmara Municipal da Nazaré, CEPAE – Centro de Património da Estremadura

Encontro dedicado ao traje tradicional em Portugal, promovendo a reflexão sobre o seu papel identitário e de construção memorial, bem como os seus usos turísticos, o que se articula com as vivências comunitárias e as preocupações subjacentes ao inventário do património cultural imaterial.

Este colóquio insere-se na exposição “Como se veste a Nazaré? A tradição hoje”, organizada pelo Museu Dr. Joaquim Manso / Museu da Nazaré e patente ao público entre 18 de maio e 15 de junho, no Centro Cultural da Nazaré.



publicado por Carlos Gomes às 14:07
link do post | favorito
|

OFERTAS DE EMPREGO GIP DE OUREM (27 DE MAIO)

A INSIGNARE tem a funcionar desde maio de 2012, um Gabinete de Inserção Profissional (GIP) cujo objetivo é trazer para mais perto da população algumas das valências do IEFP- Centro de Emprego e Formação Profissional do Médio Tejo Serviço de Emprego de Tomar. Realizamos serviços de apoio a pessoas em situação de desemprego e a empresas através de medidas do IEFP.

image001

Oferta Nº: 588424319 - Cozinheiro (M/F) – FÁTIMA - Descrição do Perfil: Habilitações Mínimas: 12º Ano, Nível: 4. Preparação e empratamento de toda a nossa carta e buffet. Boa capacidade de comunicação e aptidão para trabalho em equipa boa capacidade de organização, metódico e sistemático.

Oferta Nº: 588424131- Outros Trabalhadores dos Cuidados Pessoais e Similares nos Serviços de Saúde (M/F) - U.F. DE MATAS E CERCAL - Medida de Apoio à Contratação Estimulo 2013+ via Reembolso da TSU. Descrição do Perfil: Gosto e aptidão para trabalhar com utentes idosos; Capacidade de trabalhar em grupo; Dinamismo e motivação; Observações: A instituição tem sistema de haccp implementado. Hab min. 6º.

Oferta Nº: 588424122 - Operador de Máquinas de Escavação, Terraplenagem e Similares (M/F) – ATOUGUIA - Medida de Apoio à Contratação Estimulo 2013+ via Reembolso da TSU. Carta Condução: Ligeiros, Pesados Mercadorias. Hab min. 9º.

Oferta Nº: 588424060 - Contabilista, Auditor, Revisor Oficial de Contas e Similares (M/F) U.F. DE MATAS E CERCAL - Medida de Apoio à Contratação Estimulo 2013+ via Reembolso da TSU Descrição do Perfil: Contabilista, formado, boa apresentação, dinâmica, ambicioso. Carta Condução: Ligeiros. Hab min Licenciatura.

Oferta Nº: 588423418 - Técnico Florestal (Inclui Cinegético) (M/F) – ATOUGUIA- Formação Profissional: Engenharia e Técnicas Afins - programam não classificados noutra área de formação. Hab min Bacharelato, Max. Licenciatura. Carta Condução: Ligeiros.

Oferta Nº: 588421719 - Empregado de Bar (M/F) ESPITE - Medida Estimulo 2013: Descrição do Perfil: Dinâmica, versátil e responsável. Carta Condução: Ligeiros.

Oferta Nº: 588420903 - Cozinheiro (M/F) -U.F. DE GONDEMARIA E OLIVAL – Descrição do perfil: pessoa experiente na cozinha tradicional portuguesa; dinâmico, com boa apresentação, gosto por atendimento ao cliente. 2 Meses de prática.

Oferta Nº: 588417582 - Cozinheiro (M/F) FÁTIMA - Descrição do Perfil: cozinheiro (a), confeção de refeições.

Oferta Nº:588413791 - Esteticista (M/F) – FÁTIMA-Descrição do perfil: esteticista/cosmetologista/massagista. Conhecimentos nas áreas de epilação, manicura, pedicure, massagem, unhas de gel, limpezas de pele. Conhecimentos de informática na ótica do utilizador formação profissional: serviços pessoais. Observações: simpatia, disponibilidade, higiene, proatividade.



publicado por Carlos Gomes às 14:00
link do post | favorito
|

FOLHAS SOLTAS

1376504_742877535729618_1252360448_n

O título do texto desta semana – “Folhas Soltas” – poderia muito bem ser um título de um livro, mas, ao invés, tem a ver com os meus tempos na Escola Secundária de Ourém e com aquele ano em que o professor Manuel Dias, de Jornalismo, incentivou toda a turma a criar o jornal do liceu. Vai daí, eu, o Valentim Silva, o Jorge Neto, o Luís Filipe Cabral e o Paulo Gonçalves desenvolvemos um trabalho de grupo (10º Ano, turma D1, ano lectivo de 1987-1988) e criámos o “Folhas Soltas”, uma brochura artesanal e minimalista (cujo único exemplar, presumo, fui descobrir nos confins do meu arquivo), criada a partir de folhas A4, previamente dactilografadas em máquinas de escrever de teclado “AZERT”, depois recortadas e coladas em folhas de tamanho A3, para finalmente serem fotocopiadas e distribuídas por todo o liceu. Esta miscelânea de técnicas e colagens, e de criatividade, deu origem ao Jornal “Folhas Soltas” e valeu, pelo menos para mim, uma nota bastante razoável no final do ano. Aqui ficam, resumidamente, duas das notícias que por lá apareceram naquele ano de 1988.

1. «Estudantes universitários sabem mal português, indica um estudo sobre recém-chegados às universidades. Segundo um recente inquérito efectuado pelo sindicato dos professores na cidade de Setúbal, os mais de mil alunos inquiridos não atingiram o nível mínimo exigível após 12 anos de escolaridade, no que se refere ao domínio da expressão escrita. Este estudo baseia-se num inquérito a 1412 alunos do primeiro ano de 14 instituições do ensino superior de 12 cidades do país, todos com cadeiras na área linguística. Os alunos tratados pertencem ao conjunto dos que conseguiram entrar no ensino superior – presumivelmente estão entre os que obtiveram maior sucesso no ensino secundário. As perguntas incidiram sobre áreas consagradas nos programas de português do ciclo preparatório e secundário, mas, mesmo assim, verifica-se que os alunos não reconhecem unidades, nem tipos de construção, como pronomes relativos e orações relativas. Os resultados do inquérito parecem mostrar que não se atingiu um domínio da língua que permita reflectir sobre ela ou analisá-la. A maior parte dos alunos não achou o inquérito particularmente difícil e 58 por cento classificaram-no de dificuldade média, enquanto 21 por cento de grande dificuldade. As regiões do país que maiores percentagens conseguiram nos testes foram Coimbra (Faculdade de Letras) e Aveiro (Universidade) com 61,4 e 60,9 por cento, respectivamente. Mais abaixo ficou Lisboa (Faculdade de Letras e Universidade Nova) com 55,7 por cento. Perante estes resultados, ocorre perguntar: foram os conteúdos programáticos cumpridos durante os 12 anos de escolaridade? O que é que falhou na relação ensino-aprendizagem a que seja imputável o “esquecimento” de conceitos básicos sobre a língua? (este trabalho foi realizado com base numa notícia do “Diário de Notícias”)».

2. «A criminalidade em Portugal. O crime já se torna hábito da vida em sociedade, do dia-a-dia de cada povo, de cada nação. Também em Portugal o crime se desenvolve de forma semelhante a outros países europeus. Mas, de certa forma, não podemos negar que os há, mas também não podemos afirmar que Portugal se equipare a outros países. Podemos dizer que no nosso país o crime mantém-se pelas pequenas zangas familiares, ou seja, assuntos de pouco interesse e comuns a todas as sociedades. É certo que crimes acontecem, temos aí um exemplo recente e marcante, evidenciando a violência que existe nas pessoas: o caso do Osso da Baleia, violento e até mortal. Todos nós seguimos este trágico incidente com muito interesse, não por se tratar de mais um mero problema para a história deste país, mas sim pelo seu “preço”, pela sua grande preocupação, que marcará certamente durante muitos anos a vida de todos nós. Quando um homem mata 7 pessoas e é condenado a menos de três anos por cada vida ceifada, algo não corre de feição…».

João Pereira



publicado por Carlos Gomes às 08:23
link do post | favorito
|

OURÉM RECEBE RALLYE VIDREIRO



publicado por Carlos Gomes às 00:03
link do post | favorito
|

RIO DE COUROS FESTEJA A SÃO ROMÃO



publicado por Carlos Gomes às 00:00
link do post | favorito
|

Terça-feira, 27 de Maio de 2014
FREIXIANDA PREPARA RALLY DO CATREPE



publicado por Carlos Gomes às 23:43
link do post | favorito
|

OURÉM: CAXARIAS REALIZA PROVA DE BTT



publicado por Carlos Gomes às 23:40
link do post | favorito
|

FESTA DOS TABULEIROS REGRESSA A TOMAR NO PRÓXIMO ANO



publicado por Carlos Gomes às 22:26
link do post | favorito
|

SANTUÁRIO DE FÁTIMA REALIZA SIMPÓSIO TEOLÓGICO-PASTORAL

Entre os dias 30 de maio e 1 de junho

 “Envolvidos no amor de Deus pelo mundo”. Experiência de Deus e responsabilidade humana

Informação sobre inscrições para participação

Recordamos que, numa iniciativa do Santuário de Fátima, inserida no programa preparatório do Centenário das Aparições, sob a coordenação científica da Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, entre os dias 30 de maio e 1 de junho decorrerá, no Centro Pastoral de Paulo VI, em Fátima, o simpósio teológico-pastoral “Envolvidos no amor de Deus pelo mundo”. Experiência de Deus e responsabilidade humana. 

A poucos dias do início do simpósio, a Comissão Organizadora informa que apenas se aceitam inscrições para participação através da internet ou realizadas de modo pessoal junto dos serviços do Santuário de Fátima até às 18:30 do dia de amanhã, 28 de maio, e, depois, no primeiro dia do simpósio, 30 de maio, neste caso, já apenas pessoalmente, junto do secretariado do congresso, que funcionará junto do Salão do Bom Pastor, no Centro Pastoral de Paulo VI.

Assim, por motivos relacionados com a boa preparação e organização do simpósio teológico-pastoral, não serão possíveis inscrições no dia anterior ao início da iniciativa, a 29 de maio.

Mais informações: Programa/Inscrições 



publicado por Carlos Gomes às 22:12
link do post | favorito
|

OURÉM DEBATE FUTURO DA SOCIEDADE PORTUGUESA

1ª Conferência “Que país será este em 2020? Um olhar intergeracional”

O Município de Ourém associou-se ao ciclo de conferências "40 Portugal 1974-2014: O que Queremos para Nós" e vai receber na próxima segunda-feira, dia 02 de junho, pelas 19h00, no auditório dos paços do concelho a primeira de várias conferências sobre o tema “Portugal, que país será este em 2020? Um olhar intergeracional”. Com quarenta anos de democracia e desenvolvimento, uma reflexão coletiva para o futuro de Portugal.

O debate contará com a participação de Diogo Freitas do Amaral, professor universitário e ex-Ministro dos Negócios Estrangeiros; Joel Hasse Ferreira, engenheiro, professor universitário, ex-deputado da Assembleia da República e Parlamento Europeu e Telmo Faria, ex-presidente da Câmara Municipal de Óbidos, investigador do Instituto de História Comparada da Universidade Nova e empreendedor no setor do turismo sustentável.

Trata-se de uma organização do ISLA; ISLA Business School; Revista Invest, aberta a especialistas, empresários, cidadãos e estudantes.

Entrada livre.



publicado por Carlos Gomes às 22:09
link do post | favorito
|

MUNICÍPIO DE OURÉM CELEBRA DOIS PROTOCOLOS DE CEDÊNCIA DE EDIFÍCIOS PÚBLICOS

O Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Paulo Fonseca, celebrou no passado dia 22 de maio dois protocolos de cedência de edifícios públicos: a Escola Básica do 1º Ciclo e Jardim de Infância de São Jorge e a Escola do 1º Ciclo da Mata do Fárrio. Estes dois edifícios encontravam-se desativados e o primeiro foi cedido à União de Freguesias de Freixianda, Ribeira do Fárrio e Formigais, enquanto o segundo passará a ser um espaço do Agrupamento de Escuteiros 1263 Ribeira do Fárrio do Corpo Nacional de Escutas.

AssinaturasProtocolos_22-05-2014 (11)

Com estes protocolos o Município de Ourém contribui para a realização de projetos culturais, recreativos, sociais e desportivos de qualidade e de interesse para o concelho. Neste sentido a Escola Básica do 1º Ciclo e Jardim de Infância de São Jorge foi cedida à União de Freguesias de Freixianda, Ribeira do Fárrio e Formigais por ser esta a entidade mais ajustada para o seu usufruto, procurando tirar o maior proveito da mesma em função da população da freguesia. Pretende-se assim que este edifício se torne um pólo agregador de sinergias que poderão trazer contributos positivos para o desenvolvimento social, cultural, desportivo, social e recreativo da freguesia.

A Escola do 1º Ciclo da Mata do Fárrio ao estar inserida num espaço rural, configura um espaço de excelência para o desenvolvimento da atividade escutista. Deste modo e na medida em que não existe na União das Freguesias de Freixianda, Ribeira do Fárrio e Formigais qualquer outro agrupamento de escuteiros ativo, contando o Agrupamento de Escuteiros 1263 Ribeira do Fárrio com cerca de 50 crianças oriundas da União de Freguesias, a realização de atividades neste espaço acaba por promover a adesão de crianças e jovens da Mata do Fárrio a este movimento. O protocolo assinado entre Câmara Municipal de Ourém, União das Freguesias de Freixianda, Ribeira do Fárrio e Formigais e o Agrupamento de Escuteiros 1263 Ribeira do Fárrio do Corpo Nacional de Escutas, cede a título gratuito o edifício escolar do 1º Ciclo da Mata do Fárrio para a prática do escutismo, um movimento de educação não formal para jovens, não político e independente, baseado na adesão voluntária e acessível a todos, tendo em vista a construção de um mundo melhor.

AssinaturasProtocolos_22-05-2014 (5)


tags:

publicado por Carlos Gomes às 22:04
link do post | favorito
|

CONFRARIAS DIVULGAM COZINHA PORTUGUESA

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DAS CONFRARIAS GASTRONÓMICAS

capture2

MAPA DE EVENTOS 2014

Eventos da FPCG

5 de Julho – “Caminhar com a Gastronomia.”

Capítulos das Confrarias Federadas – 2014:

7 de Junho - IX Capítulo da Confraria Gastronómica da Gândara.

7 de Junho - XV Capitulo da Confraria Gastronómica do Mar.

21 de Junho - VIII CAPÍTULO DA Confraria Gastronómica O Moliceiro.

28 de Junho - Confraria da Broa de Avintes.

12 de Julho – Confraria da Broa de Avanca.

12 de Julho - Confraria do Anho Assado com Arroz de Forno. Marco de Canaveses

27 de Setembro - VIII Capítulo da Confraria Papas de S. Miguel

4 de Outubro – Confraria Gastrónomos do Algarve

5 de Outubro – Confraria do Chícharo.

11 de Outubro - Real Confraria da Matança do Porco - Parque Biológico da Serra da Lousã.

22 de Novembro – IV Capítulo da Confraria da Marmelada de Odivelas.

29 de Novembro- Confraria da Raça Arouquesa.

29 de Novembro - Confraria Nabos e Companhia.

6 de Dezembro - Confraria Gastronómica do Cabrito e da Serra do Caramulo.

Capítulos Internos – 2014:

14 de Junho - Confraria Gastro. do Concelho de Ovar. (Capítulo Interno)

28 de junho - Confraria Gastronómica dos Velhotes - X Capítulo - II Interno

26 de Julho – IX Capítulo da Confraria do Bodo. (Capítulo Interno)

14 de Setembro – Confraria da Chanfana (Capítulo Interno)

18 de Outubro - Real Confraria do Maranho (Capitulo Interno)

11 de Dezembro – Confraria do Arroz e do Mar (Capítulo Interno).

Capítulos das Confrarias Não Federadas – 2014:

31 de Maio – Confraria do Arinto de Bucelas.

8 de Junho – Confraria Gastronómica de Arroz de Aba de Cinfães.

14 de Junho – Confraria Camoniana.

22 de Junho – Confraria do Granito - Alpendurada

4 de Outubro - Confraria Gastronómica dos Carolos e Papas de Milho.

25 de Outubro – Confraria da Pedra - na Madalena, em V. N. de Gaia.

8 de Novembro – Confraria Gastronómica do Frango do Campo

Capítulos das Confrarias Não Federadas – 2015:

15 de Abril – Confraria dos Amigos do Negalho e da freguesia de Almalaguês

Capítulos de Confrarias Estrangeiras – 2014:

31 de Maio – Confradia Dona Controdo – Oviedo.

7 de Junho - Confrérie du Biétrumé et de la Blanche de Namur. Bélgica

8 de Junho - Confrérie du Franc Thour Nostre-Damme de Chiney.

07 a 10 de Junho - SERRA COM SABORES - 8ª. Semana Gastronómica do Cabrito e da Serra do Caramulo – XV Feira de Artesanato e Produtos Locais.

15 de Junho - I Encontro da Associação de Confrarias da Rota de Cister em Arouca.

29 de Junho - Bênção e Venda dos Bolinhos de S.Pedro (repôr uma tradição), no lugar de S.Pedro, Águeda - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

6 de Julho - Passeio gastronómico em barco moliceiro - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”

2ª quinzena de Julho, dias 19 e 20 - “ Arroz a Gosto” – Confraria das Papas de S. Miguel.

2 de Agosto - Passeio gastronómico em barco moliceiro - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”

23 e 24 de Agosto - Festival Romaria Nª Srª da Guia - Milagre da Urgueira (em colaboração com a Associação Etnográfica Os Serranos), nas aldeias caramulenhas de Urgueira e Macieira de Alcoba - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

Setembro 4,5,6 e 7 - Festa do Leitão – Águeda - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

6 de Setembro - A Confraria vai jantar à Festa do Leitão e convida as Confrarias - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

20 de Setembro - CAMINHADA “o Campo e a Ria” - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”.

11 de Outubro - VIII FESTIVAL GASTRONÓMICO DA ENGUIA - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”

29 de Novembro - Ceia Serrana, numa aldeia da encosta ocidental da Serra do Caramulo a designar - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

14 de Dezembro - Almoço de Natal - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.



publicado por Carlos Gomes às 08:51
link do post | favorito
|

JOVENS DE GONDEMARIA PARTICIPAM NO WORKSHOP ORGANIZADO PELOS BOMBEIROS DE OURÉM



publicado por Carlos Gomes às 00:00
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 26 de Maio de 2014
ALUNO DA ESCOLA DE HOTELARIA DE FÁTIMA SELECIONADO PARA A FASE FINAL DO CONCURSO JUVEM TALENTO DA GASTRONOMIA

Guilherme Gaspar, aluno do 2.º ano do curso de Cozinha-Pastelaria da Escola de Hotelaria de Fátima saiu vencedor da etapa regional do Centro do Concurso Jovem Talento da Gastronomia, na categoria Harmonizações com Cerveja Super Bock.

image001

A 3.ª e última etapa do concurso Jovem Talento da Gastronomia decorreu nas instalações da Escola de Hotelaria de Fátima onde estiveram 27 concorrentes de escolas da região centro do país para participarem em várias categorias: Artes da Mesa Água das Pedras, Barmen Schweppes, Cozinha Makro, Harmonizações com Cerveja Super Bock e Pastelaria.

O jovem aluno da EHF, Guilherme Gaspar,  concorreu na categoria Harmonizações com Cervej Super Bock juntamente com Teresa Mata da Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste – Óbidos, Alexandre Nunes e Vânia Varela do Centro de Formação do Setor Alimentar da Pontinha, Luís Branco e Mariana Canuto da Escola Profissional Gustave Eiffel. Confecionou o prato Lombo de Borrego sobre Crosta de Azeitonas, o Ratatui e o Creme de Grão Harmonizado que lhe valeu a passagem à fase final do concurso.

O Guilherme estará, assim, presente na final deste concurso que se realizará, em novembro, e tentará obter o 1.º lugar nacional nesta categoria.



publicado por Carlos Gomes às 18:56
link do post | favorito
|

FÁTIMA COMEMORA DIA MUNDIAL DA CRIANÇA

O MASE – Museu de Arte Sacra e Etnologia, dos Missionários da Consolata, em Fátima, irá promover diversas iniciativas no âmbito das comemorações do “Dia Mundial da Criança” no próximo domingo, dia 1 de junho.

As atividades decorrerão a partir das 15h00, na “Esplanada Missionária da Consolata”, onde estarão ao dispor das crianças “Oficinas de Pinturas Faciais” realizadas a partir de fotografias de povos autores dalgumas coleções etnográficas do MASE oriundas dos diversos continentes e “Oficinas de pintura criativa em papel” a partir do tema «Se fosse em Missão pelo mundo queria estar com o povo…».

Já pelas 16h00, abrirá a oficina de “Danças Tradicionais do Mundo” onde as crianças poderão aprender coreografias de várias danças, instruídas pelas alunas do curso de Desporto e Bem Estar do Instituto Politécnico de Leiria.



publicado por Carlos Gomes às 16:47
link do post | favorito
|

OURÉM INAUGURA EXP0SIÇÃO DE ROBERTO CHICHORRO

O Museu Municipal de Ourém inaugura a exposição temporária "Roberto Chichorro - Ilustração Infantil" e apresentação do livro "Sebastião Toupeira" de António Laíns Galamba, no próximo dia 01 de junho, pelas 16:00h.

"Roberto Chichorro - Ilustração Infantil"

"PERMANENTE EXALTAÇÃO DA VIDA

Privilégio ou sortilégio? Nascer em África e nos arredores da antiga Lourenço Marques, hoje Maputo, deu a Roberto Chichorro marcas no ADN, de indelével COR, RITMO, FORÇA.

Quem não sabe que a cor é força?

Quem não sabe que o ritmo é força?

Quem não sabe que África é sinónimo de força, ritmo, cor, VIDA?

Contemplando as obras de Roberto Chichorro estamos em permanente atitude de exaltação da VIDA contida nesses elementos.

Vida que vem desse mágico continente, donde veio também toda a música, e de cujo chamamento telúrico nunca nos conseguimos desviar.

Nas obras deste mestre de quem os melhores críticos de arte já disseram, falaram e escreveram melhor que eu, há um lado onírico e de permanente ligação à infância e à sua distante Malhangalene. Cada pintura conduz-nos também a uma prazeirosa viagem, de mãos dadas com um menino descalço, de calções, de fisga na mão, e correndo sem parar atrás de pássaros coloridos, mas contemplando ninhos em árvores gigantescas.

Cada obra contém elementos construtivos de uma estória, ou de várias estórias com pormenores e movimentos próprios..

Na fina sensibilidade, arte e poesia que imprime nas suas pinceladas, Roberto Chichorro "embrulha-nos" numa permanente "FESTA DA VIDA" que cada quadro seu descreve.

Ouçamos as estórias, e sonhemos com o pintor, ouvindo e dançando a mesma música!"

Celina Pereira

"Sebastião Toupeira" de António Laíns Galamba

«E, vou contar-te, a leitura deste livro, pelo alcance das metáforas, pela beleza da construção literária, pela melodia da narrativa e pela intensidade das emoções contadas, invadiu-me, tocou-me e sensibilizou-me. Trouxe-me a emoção à flor da pele e momentos houve em que senti lágrimas a dançarem-me nos olhos, tal a força da realidade. (...) Mas desta vez, e mais uma vez, o António superou-se. Superou-se em genialidade descritiva e narrativa de um povo na sua vertente mais ousada e desafiante. A vertente dirigida àqueles que são o esteio e o alicerce do futuro de Aljustrel: as nossas crianças. (...) António, pergunto-te: como é possível transformar histórias tão duras de vida e de trabalho, e até agonizantes, em histórias tão delicadas, sensíveis e tocantes?»

Paula Lampreia



publicado por Carlos Gomes às 15:22
link do post | favorito
|

Domingo, 25 de Maio de 2014
AS FESTAS A NOSSA SENHORA DOS ALTOS CÉUS E AS DANÇAS TRADICIONAIS DA LOUSA, EM CASTELO BRANCO

Existem no concelho de Castelo Branco tradições bastante peculiares que permanecem desconhecidas da maioria do povo português. Tratam-se das Danças das Virgens, Danças dos Homens e Danças das Tesouras que se realizam no âmbito das Festas em Honra de Nossa Senhora dos Altos Céus que têm lugar na freguesia de Lousa, por ocasião do 3º domingo do mês de maio.

_MG_0213

Reza a tradição que as festas em honra de Nossa Senhora dos Altos Céus tiveram origem numa promessa feita pelos habitantes de Lousa para que os livrasse de uma praga de gafanhotos que assolou a região em 1640, curiosamente o ano em que ocorreu a Restauração da Independência.

Tendo os gafanhotos desaparecido e, por conseguinte, sido obtida a graça pedida, consta que em gesto de agradecimento, um casal de agricultores e as suas oito filhas dançaram no adro da igreja, tendo a partir de então, dado origem à “Dança das Virgens” que até há relativamente pouco tempo era executada por rapazes. Por sua vez, também os homens organizaram a sua própria dança, a qual ficou conhecida por “Dança dos Homens”.

No domingo, após a celebração da eucaristia e realizada a procissão solene, oito “madamas”, atualmente raparigas solteiras, trajando vestidos brancos, ornamentadas com flores e ouro, acompanhadas pelo respetivo guardião que, de espada à cintura zela pela virtude das dançarinas, tocam trinchos e levam na mão um lenço branco com o qual acenam à Nossa Senhora dos Altos Céus e dançam ao som da viola beiroa. Os homens, envergando calça e camisa branca com cinta azul, apresentam-se com uma curiosa tiara ornamentada florida da qual pendem fitas de várias cores. Tocam genebres e tangem a viola beiroa ou bandurra, propositadamente desafinadas, apenas produzindo sons metálicos.

Pese embora a origem de tais tradições se encontrarem identificadas com ocorrências que se terão verificado em meados do século XVII, elas terão certamente raízes bem mais remotas à semelhança do que se verifica noutras culturas, muito provavelmente associados a ritos de fertilidade e de adoração de divindades associadas à Mãe Natureza, cristianizadas sob a forma do culto mariano e celebradas precisamente durante o mês de maio, na Lousa sob a invocação de Nossa Senhora dos Altos Céus.

A Lousa é uma pequena localidade recentemente integrada na freguesia de Escalos de Cima, dista cerca de 20 quilómetros de Castelo Branco e pertenceu outrora à Ordem dos Pobres Cavaleiros de Cristo e do Templo de Salomão, vulgo Ordem dos Templários.

Fotos: https://sites.google.com/site/alousarte/home

Carlos Gomes / http://www.folclore-online.com/

_MG_0095

2013-DSC00705



publicado por Carlos Gomes às 15:28
link do post | favorito
|

JOANA LOPES EXPÕE PINTURA NA GALERIA MUNICIPAL DE OURÉM

Inauguração dia 07 de junho às 17h00

Joana Lopes, natural da Sertã, nasceu em 1984. Como formação académica possui o grau de mestre em Animação Artística sendo licenciada em Animação Cultural pela Escola Superior de Educação de Castelo Branco.

Desde cedo manifestou interesse pela arte em particular pela pintura. Esta paixão levou-a a desenvolver um percurso autodidata enriquecido ao longo da sua formação no âmbito da animação artística. Joana Lopes caracteriza as suas obras como livre expressão do consciente/ inconsciente através da exploração instintiva de diferentes materiais. 
Atualmente dedica grande parte do seu tempo à pintura, sendo que, o seu percurso artístico inclui exposições individuais e coletivas.

Entrada LIVRE

Horário: de terça a domingo das 09h30 às 13h00 e das 14h30 às 19h00



publicado por Carlos Gomes às 09:59
link do post | favorito
|

RIO DE COUROS FESTEJA A S. ROMÃO



publicado por Carlos Gomes às 00:00
link do post | favorito
|

Sábado, 24 de Maio de 2014
ORQUESTRA TÍPICA DE OURÉM OFERECE HOJE "MÚSICA DOS NOSSOS AVÓS"



publicado por Carlos Gomes às 08:16
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 23 de Maio de 2014
PORTUGUESES (NÃO) VOTAM PARA O PARLAMENTO EUROPEU

Eleições para o Parlamento Europeu podem transformar-se em plebiscito à União Europeia

No próximo dia 25 de maio, os portugueses vão ser chamados a votar para eleger deputados ao parlamento europeu. À semelhança de anteriores atos eleitorais, tudo leva a crer que a maioria dos eleitores se irá abster de participar na referida eleição, revelando um claro desinteresse e até rejeição relativamente a um projeto político em relação ao qual não foi consultado na altura em que foi decidida a adesão.

CAPDEVILLA1

Constituindo o Parlamento Europeu a única instituição da União Europeia que resulta da eleição por sufrágio universal direto dos cidadãos dos estados membros, não deixa de ser sintomática a falta de participação que a eleição dos seus membros regista. Nas últimas eleições ocorridas em 2009, a taxa de abstenção em Portugal cifrou-se em 63,22%.

O descontentamento em relação à atual situação económica do país e o descrédito em que caíram os políticos e os partidos, as consequências nefastas da adesão à moeda única, o desmantelamento das estruturas produtivas imposto ao longo das últimas décadas desde a adesão à CEE, nomeadamente nos setores da agricultura, indústria e pescas, o desgoverno na gestão de fundos comunitários canalizados para a construção de estádios de futebol e autoestradas desnecessárias constituem, entre outros aspetos, fatores que poderão conduzir a uma abstenção esmagadora nas próximas eleições para o parlamento europeu, transformando-as num verdadeiro plebiscito relativamente à permanência de Portugal na moeda única e na própria União Europeia.

Cresce na sociedade portuguesa a convicção de que, a saída para a atual situação de crise que o país atravessa apenas será possível através do regresso à soberania monetária e também à revisão de diversos tratados estabelecidos com a União Europeia, nomeadamente o artigo do Tratado de Lisboa celebrado em 2007 que transfere para Bruxelas a competência exclusiva relativamente à “conservação dos recursos biológicos do mar”. Mais ainda, torna-se a cada passo mais claro que toda a estratégia de desenvolvimento de Portugal deve assentar em dois pilares fundamentais – o Mar e a Lusofonia – o que pressupõe o reforço dos laços históricos que nos unem não apenas aos países lusófonos como também em relação a outras nações com que no passado estabelecemos contato privilegiado e que no presente possuem o maior interesse no seu aprofundamento, nomeadamente em África e na Ásia.

Por conseguinte, a próxima eleição de deputados ao parlamento europeu pode vir a tornar decisivo o futuro dos países membros na medida em que o nível de participação dos cidadãos pode ser indicador do caminho a seguir, transformando o ato eleitoral num verdadeiro referendo à própria União Europeia.



publicado por Carlos Gomes às 22:17
link do post | favorito
|

IMAGEM DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA ENTRONIZADA NO SANTUÁRIO DE APARECIDA

Santuários de Aparecida e de Fátima: Jubileus de Bênçãos

Reportagem por LeopolDina Simões

Os dias 17 e 18 de maio foram particularmente ricos quer na promoção da devoção a Maria, quer no estreitamento dos laços de fraternidade e de amizade entre os santuários de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, no Brasil, e de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, em Portugal.

matriz basílica

Numa iniciativa conjunta do arcebispo de Aparecida, D. Raymundo Damasceno, e do bispo de Leiria-Fátima, D. António Marto, colocada em prática pelos reitores dos dois santuários marianos, o Santuário de Fátima ofereceu ao Santuário de Aparecida uma imagem de Nossa Senhora do Rosário de Fátima. 

A entrega da escultura, do mesmo modelo da Imagem da Capelinha das Aparições, aconteceu em Aparecida, na tarde de 17 de maio. O momento revestiu-se de um ambiente de grande devoção, bem demostrativo do grande amor que o povo brasileiro nutre por Nossa Senhora. No domingo, 18 de maio, a Imagem de Fátima foi entronizada em local de destaque no Santuário de Aparecida. Logo a partir desse momento, o monumento, erguido propositadamente para acolher a escultura, passou a ser lugar de visita e de oração, sobretudo para a recitação do Rosário.

A receção à Imagem

A chegada da Imagem de Nossa Senhora de Fátima a Aparecida, levada de Portugal pelo bispo de Leiria-Fátima e pelo reitor do Santuário de Fátima, padre Carlos Cabecinhas, aconteceu às 16:30 (hora de Aparecida), junto da Capela de S. Benedito. A Imagem foi colocada num carro dos bombeiros e levada, por entre uma multidão de gente que engrossava à passagem da procissão, até à Igreja Matriz-Basílica de Aparecida, para a entrega oficial ao Santuário de Aparecida. O acolhimento teve lugar no adro da igreja, até porque o interior, em obras, seria demasiado pequeno para acolher tão grande número de pessoas.

O momento seguinte foi de louvor e de oração com a recitação do Rosário por todos os presentes. O acolhimento à comitiva portuguesa, que integrava a diretora do Serviço de Peregrinos e a responsável pelo Centro de Comunicação Social do Santuário de Fátima, não poderia ter sido mais caloroso e emocionante. Nos vários lugares onde esteve, a delegação recebeu o agradecimento dos responsáveis da diocese e do santuário e também o dos peregrinos-romeiros devotos, que lhes confiavam mensagens de oração para Fátima, para serem colocadas aos pés da Imagem de Nossa Senhora de Fátima, na Capelinha das Aparições.

Após a recitação do Rosário, numa grandiosa procissão de velas, ao som de cânticos marianos, a Imagem de Nossa Senhora de Fátima, num andor também iluminado e decorado com rosas brancas, atravessou a ponte – conhecida como Passarela – que liga a cidade ao santuário de Aparecida, onde já muitos outros milhares de peregrinos e o arcebispo de Aparecida esperavam a imagem vinda de Fátima. 

A entrega aconteceu na grandiosa Basílica de Aparecida, com capacidade para um total de 45 mil pessoas. O momento foi de aclamação e de louvor a Deus e a Sua Mãe, à boa maneira do hospitaleiro povo brasileiro, com “vivas”, palmas, canções e lenços brancos, verdes, vermelhos e azuis a acenar no ar. No altar, o sacerdote recordava os laços históricos e os da devoção mariana que ligam Portugal e o Brasil. 

Antes da celebração da missa, presidida por D. Raymundo Danasceno, entoava-se em Aparecida o Hino do Centenário das Aparições de Fátima, além de outros cânticos marianos como o Ave de Fátima ou outros dedicados a Nossa Senhora Aparecida ou de Nazaré. 

A celebração Eucarística foi concelebrada pelo bispo de Leiria-Fátima, D. António Marto, pelo bispo auxiliar de Aparecida, D. Darci Nicioli, pelo reitor do Santuário de Aparecida, padre Domingos Sávio da Silva, e pelo reitor do Santuário de Fátima, padre Carlos Cabecinhas. 

Nas palavras do arcebispo de Aparecida, “Fátima tem uma grande relação com Aparecida. (…) Fazemos votos para que essa relação, que a presença da Imagem de Fátima, que é sempre a mesma Mãe invocada por milhares de filhos no mundo, que é a nossa Mãe, nos faça todos, seus devotos, cada vez mais discípulos e missionários de Nosso Senhor Jesus Cristo, ela que é Mãe, que é a verdadeira discípula e missionária”.

O cardeal pediu para que a Virgem Maria favoreça a paz e um “mundo de concórdia, onde as pessoas se amem e se respeitem como verdadeiros filhos”.

Nesse momento, também o Bispo de Leiria-Fátima frisou a alegria de estar em Aparecida e de ter trazido de Portugal a Imagem de Fátima. Sobre o acolhimento que recebeu em terras brasileiras, D. António Marto destacou que foi “tão filial e tão entusiasta que ficará para sempre gravado no íntimo do coração. Verdadeiramente, foi algo surpreendente e admirável, mostra como é admirável a vossa fé e o vosso amor à Mãe Santíssima”. 

Durante a Missa, na procissão das oferendas, foi feita memória do encontro da Imagem de Aparecida, por três pescadores, e das aparições de Nossa Senhora em Fátima aos três Pastorinhos; mais uma forma de vincar a união destas histórias de fé e de devoção a Maria. 

Após a celebração da Eucaristia, que terminou com a consagração a Nossa Senhora de Fátima, repetindo-se a oração do ato de entrega realizado pelo Papa Francisco em outubro de 2013, no Vaticano, rezou-se de novo o Terço, que foi intitulado “Terço da Esperança”. Juntando-se aos milhares de peregrinos presentes, diversos cantores e artistas brasileiros e também representantes da Comunidade Portuguesa e Luso-Brasileira no Brasil recitaram e cantaram neste rosário. 

entronização 1

A Missa da entronização 

A manhã de domingo, após a Vigília de Oração que se prolongou pela noite dentro, iniciou com a celebração da Eucaristia, de novo na Basílica de Aparecida, sob a presidência do bispo de Leiria-Fátima. Terminaria com a entronização da Imagem de Fátima no monumento especialmente para si erguido no exterior da Basílica.

Durante a homilia, D. António Marto recordou o que significa para o mundo a espiritualidade e a devoção ao Coração Imaculado de Maria: “A autêntica espiritualidade e a devoção ao Coração Imaculado de Maria são uma grande atualidade e beleza”. 

Maria, afirmou o prelado, é a “testemunha mais alta e mais surpreendente da habitação íntima de Deus no nosso coração”, por isso, “o Coração fala ao coração, e é a linguagem que todo o povo entende, que toda a gente entende. O mistério do amor entra pelo coração, pois a linguagem do amor é a linguagem do coração”.

“A devoção ao Coração Imaculado de Maria indica-nos o caminho para nos tornarmos também nós templos do Senhor; sua morada, sua casa, lugar em que o bem deve estar e repousar”, afirmou D. António Marto, que recordou o apelo que a devoção a Maria pede: “antes de tudo o mais, o sim a Deus semelhante ao do seu Coração”. 

Aparecida em Fátima em 2015

Numa nova etapa no caminho da celebração conjunta dos jubileus de Aparecida e de Fátima – já que, em 2017 o Santuário de Fátima celebrará os 100 anos das Aparições e o Santuário de Aparecida os 300 anos do encontro da Imagem de Nossa Senhora da Conceição no Rio Paraíba do Sul, na zona do Porto de Itaguassu – o Santuário de Aparecida oferecerá ao Santuário de Fátima, em maio de 2015, uma imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida.

No momento do acolhimento da Imagem de Fátima em Aparecida, o cardeal arcebispo de Aparecida anunciou que em 2015 “espera poder retribuir essa visita fraterna” da delegação do Santuário de Fátima e levar a Imagem de Aparecida para ser entronizada em Fátima.

Ao referir os jubileus de 2017, D. Raymundo Damasceno fez votos “para que as celebrações desses jubileus sejam um verdadeiro kairós, um tempo especial da misericórdia de Deus, da sua bondade e ternura, e um tempo de conversão e oração para todos os peregrinos que visitarão esses dois santuários”.

“Que Maria seja esse caminho; que ela nos conduza a esse verdadeiro e único caminho que é Jesus Cristo”, concluiu. 



publicado por Carlos Gomes às 21:21
link do post | favorito
|

BISPO DE VIANA DO CASTELO PRESIDE À PEREGRINAÇÃO DAS CRIANÇAS NO SANTUÁRIO DE FÁTIMA

9 e 10 de junho

D. Anacleto Cordeiro Gonçalves de Oliveira, bispo de Viana do Castelo preside este ano à Peregrinação das Crianças, uma iniciativa promovida e organizada pelo Santuário de Fátima que se realiza anualmente há mais de três décadas, sempre a 9 e a 10 de junho. D. Anacleto de Oliveira, natural da diocese de Leiria-Fátima, quando ainda sacerdote, integrou, durante vários anos, a Comissão Organizadora desta peregrinação.

Este ano, conforme o projeto pastoral do Santuário de Fátima, na rota da celebração do Centenário das Aparições, o acontecimento de referência da peregrinação será a aparição de Nossa Senhora em julho de 1917. Como frase inspiradora e tema da peregrinação escolheu-se parte da oração ensinada na terceira aparição aos Pastorinhos: “Ó Jesus é por vosso amor”.

Recorde-se que a Peregrinação das Crianças a Fátima é; logo após as peregrinações internacionais de 12 e 13 de maio, agosto e outubro; a maior peregrinação realizada no Santuário de Fátima.

O programa previsto para este ano é o seguinte:

Dia 9 de junho

18:00 Visita aos locais das Aparições do Anjo: Loca do Cabeço e Aljustrel. (livre)

21:00 Preparação da celebração, na Capelinha das Aparições.

21:15 Os sinos convidam à oração.

21:30 Celebração da noite – Os mistérios da reparação e oferta das flores.

Dia 10 de junho

09:00 Oferta de flores a Nossa Senhora, na Capelinha das Aparições.

09:30 Encenação: Ó Jesus, é por vosso amor, Basílica da Santíssima Trindade.

10:00 Rosário, na Capelinha das Aparições.

11:00 Missa, no Recinto – Em Jesus Eucaristia, Deus é amor reparador.

15:00 Encenação: Ó Jesus, é por vosso amor, Basílica da Santíssima Trindade. (repetição)

16:00 Celebração de despedida, na Basílica da Santíssima Trindade

Mais informações, cartaz, cânticos: www.fatima.pt/portal/index.php

Fotografias da Peregrinação das Crianças de 2013: http://www.fatima.pt/portal/index.php?id=64243



publicado por Carlos Gomes às 09:39
link do post | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

BLOGUE "AUREN" SUSPENDE A...

A INQUISIÇÃO EM OURÉM

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

GRUPOS LINGUÍSTICOS APRES...

PONTIFICIA ACADEMIA MARIA...

D. ANTÓNIO MARTO COMPARA ...

LEIRIA MOSTRA TRAJE TRADI...

BISPO DE SETÚBAL PRESIDE ...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA PROMO...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA APRES...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

PAN QUER DISCUTIR MOBILID...

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

OURÉM: OS MISTÉRIOS DA SI...

FAPWINES ACRESCENTA ROSÉ ...

ESTUDO REVELA QUE 62% DOS...

“UM LOUVOR A MARIA” LEVA ...

MADRE TERESA ERA TANTO DE...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

AUTORIDADES DE OURÉM FELI...

DEPUTADO MENDES CORREIA E...

OURIENSES FAZEM EXCURSÃO ...

ALVAIÁZERE: PUSSOS REALIZ...

OURÉM: RIBEIRA DO FÁRRIO ...

OURÉM: OLIVAL ESTÁ EM FES...

QUANDO VISITA OFICIALMENT...

CAÇADORES MARCAM ENCONTRO...

OURÉM TEM FESTA GRANDE NO...

OURÉM EVOCA DIÁSPORA E CU...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

O ZOROASTRISMO E A SUA IN...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA PROMO...

OURÉM: RIBEIRA DO FÁRRIO ...

ALVAIÁZERE: PUSSOS REALIZ...

OURIENSES FAZEM EXCURSÃO ...

PAPA ENVIA CARTA AO 24º C...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA CELEB...

OURÉM LEVA MÚSICA, DANÇA,...

OURÉM REGRESSA À IDADE MÉ...

OURÉM: FREIXIANDA ESTÁ EM...

ALVAIÁZERE REALIZA FESTIV...

RIO DE COUROS REALIZA FEI...

ALVAIÁZERE: PELMÁ ESTÁ EM...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

PARTIDO "OS VERDES" COLOC...

SINDICATO DOS TRABALHADOR...

OURÉM REGRESSA À IDADE MÉ...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

SINDICATO DOS TRABALHADOR...

arquivos

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

tags

todas as tags

links
Twitter
blogs SAPO
subscrever feeds