Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Ourém.
Domingo, 21 de Novembro de 2010
Fernando Mangas Catarino: um biólogo oureense (IV)

Quantos professores nos marcam ao longo de uma vida? Poucos, muito poucos. Mas há alguns que não esquecemos, nunca. [...] Da passagem pela faculdade, onde já cheguei tarde depois de um atribulado e kafkiano percurso para desistir do curso de Medicina e abraçar o de Biologia, ficou-me, entre muitos, a recordação de um professor. Das suas aulas. Das vezes que com ele saí para o campo. E da cumplicidade que nos permitiu voltar a trabalhar juntos mais tarde, já eu era jornalista a tempo inteiro e ele apresentador de televisão por uns dias.

Para mim, não foi apenas um professor. Foi, talvez, "o" professor. O que era capaz de manter em silêncio, como que hipnotizada pelas suas palavras, a assembleia de alunos que enchia o velho anfiteatro de Botânica da Faculdade, nas instalações meio ardidas, meio recuperadas, da Rua da Escola Politécnica. O que nos apresentava a taxonomia levando-nos pelos caminhos da ecologia - ainda hoje guardo, em lugar de honra da biblioteca, o compêndio que seguia, "Botany: An Ecological Approach" - e fazendo-nos ver como e porquê as espécies tinham evoluído. O que nos levava ao Jardim Botânico, mostrando-nos o segredo de cada planta, revelando o mistério de cada árvore, entusiasmando-se em cada aula como se fosse a primeira que dava na vida, transmitindo-nos o calor com que vivia cada descoberta - e por mais de mil vezes que percorresse o secular jardim, havia sempre algo de novo que ele descobria, algo que não estava lá na véspera, algo que quase o distraía do que estava ali a fazer, à frente de um bando de alunos com um bloco na mão

Mais tarde, quando o voltei a ter como professor em anos adiantados do curso, foi a Arrábida que nos levou a conhecer como poucos conhecem. Fora das estradas. Pelo meio das matas onde tínhamos de abrir caminho para seguir as regras do trabalho prático. Na sombra acolhedora, cativante, misteriosa, da Mata Coberta. Ou trepando pela "cascalheira", ele sempre à frente, impondo um ritmo que poucos eram capazes de seguir. Essa energia contagiante, ao mesmo tempo física e intelectual, a capacidade de comunicar, de encontrar o exemplo certo para explicar o fenómeno mais complexo, de partilhar com os alunos o seu entusiasmo, de impor uma disciplina serena a par com uma exigência firme, tudo isso faz de Fernando Mangas Catarino, o Catarino para os alunos, o Mangas, para os amigos, o paradigma do professor.

A lei impõe que se jubile, mas a última vez que estive com ele percebi como se mantêm intactas todas as suas qualidades. Não sei, nem lhe perguntei, se gostaria de continuar. Mas sei - sei mesmo - que ao deixar de dar aulas deixa a Universidade de Lisboa, todas as Universidades, mais pobres. Porque são raros os grandes professores. Como ele sempre foi.

 

JOSÉ MANUEL FERNANDES, in Jornal Público Domingo, 10 de Novembro de 2002

 

citações: http://o.castelo.vai.nu/miradouro/



publicado por Carlos Gomes às 00:05
link do post | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

BLOGUE "AUREN" SUSPENDE A...

A INQUISIÇÃO EM OURÉM

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

GRUPOS LINGUÍSTICOS APRES...

PONTIFICIA ACADEMIA MARIA...

D. ANTÓNIO MARTO COMPARA ...

LEIRIA MOSTRA TRAJE TRADI...

BISPO DE SETÚBAL PRESIDE ...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA PROMO...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA APRES...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

PAN QUER DISCUTIR MOBILID...

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

OURÉM: OS MISTÉRIOS DA SI...

FAPWINES ACRESCENTA ROSÉ ...

ESTUDO REVELA QUE 62% DOS...

“UM LOUVOR A MARIA” LEVA ...

MADRE TERESA ERA TANTO DE...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

AUTORIDADES DE OURÉM FELI...

DEPUTADO MENDES CORREIA E...

OURIENSES FAZEM EXCURSÃO ...

ALVAIÁZERE: PUSSOS REALIZ...

OURÉM: RIBEIRA DO FÁRRIO ...

OURÉM: OLIVAL ESTÁ EM FES...

QUANDO VISITA OFICIALMENT...

CAÇADORES MARCAM ENCONTRO...

OURÉM TEM FESTA GRANDE NO...

OURÉM EVOCA DIÁSPORA E CU...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

OURÉM RECEBE EXPOSIÇÃO DE...

O ZOROASTRISMO E A SUA IN...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA PROMO...

OURÉM: RIBEIRA DO FÁRRIO ...

ALVAIÁZERE: PUSSOS REALIZ...

OURIENSES FAZEM EXCURSÃO ...

PAPA ENVIA CARTA AO 24º C...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA CELEB...

OURÉM LEVA MÚSICA, DANÇA,...

OURÉM REGRESSA À IDADE MÉ...

OURÉM: FREIXIANDA ESTÁ EM...

ALVAIÁZERE REALIZA FESTIV...

RIO DE COUROS REALIZA FEI...

ALVAIÁZERE: PELMÁ ESTÁ EM...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

PARTIDO "OS VERDES" COLOC...

SINDICATO DOS TRABALHADOR...

OURÉM REGRESSA À IDADE MÉ...

OFERTAS DE EMPREGO DA LIF...

SINDICATO DOS TRABALHADOR...

arquivos

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

tags

todas as tags

links
Twitter
blogs SAPO
subscrever feeds