Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Ourém.

Segunda-feira, 6 de Junho de 2016
PORTUGAL HOMENAGEIA GÉRALD BLONCOURT

O Presidente da República vai condecorar com o grau de comendador da Ordem do Infante D. Henrique o fotógrafo francês de origem haitiana Gérald Bloncourt. Trata-se do fotógrafo que mais retratou a situação difícil vivida pelos portugueses nos bairros de lata periféricos da cidade de Paris, entre os anos cinquenta e setenta do século passado, contribuindo dessa forma para dar visibilidade à situação miserável em que se encontravam e contribuir para a sua mudança e melhoria das condições de vida no país de acolhimento.

16557198_GO0hr (2).jpeg

A homenagem terá lugar em Champigny, símbolo da presença portuguesa, onde aliás o associativismo das nossas gentes continua a registar presença marcante e a Rádio Alfa possui os seus estúdios a emitir diariamente para toda a comunidade portuguesa.

Apesar dos progressos entretanto verificados, a emigração continua a ser um flagelo na sociedade portuguesa. Calcula-se em mais de meio milhão o número de portugueses que nos últimos anos terá emigrado em consequência da catastrófica situação do país, da falta de emprego e perspetivas.

Partem sobretudo os mais jovens e com melhores qualificações. Para trás deixam a família e os amigos e consigo levam a saudade e a esperança do regresso. Mas, tal como sucedeu com outras gerações de emigrantes que os antecederam no exílio, acabarão por se fixar nos países de acolhimento onde começam uma nova vida e virão a educar os seus filhos.

Vendo partir os seus filhos, Portugal empobrece e despovoa-se. A partida dos jovens, somada ao acentuado declínio demográfico em breve tornará os portugueses uma espécie em extinção.

Para que a memória não se apague, publicamos algumas fotos da autoria do fotógrafo francês Gérald Blonclourt, que documentam tempos difíceis da emigração portuguesa para frança, precisamente um dos países da então CEE.

Fotos: Gérald Bloncourt / http://bloncourt.over-blog.net/ 

16557166_pTLpZ (1).jpeg

16557169_0bhFw.jpeg



publicado por Carlos Gomes às 14:22
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 3 de Junho de 2016
PRESIDENTE DA REPÚBLICA HOMENAGEIA EMIGRANTES PORTUGUESES

No próximo dia 10 de Junho, o Presidente da República vai homenagear os cidadãos portugueses emigrados em França que aquando dos últimos atentados em Paris arriscaram as suas vidas para ajudar as vítimas dos atentados terroristas ocorridos no passado dia 13 de novembro.

ng5740229

A cerimónia vai decorrer na Mairie de Paris, no âmbito das comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, e os nossos compatriotas serão agraciados com a Ordem da Liberdade.

Os portugueses que vão ser condecorados pelo Presidente da República são Manuela Gonçalves, natural de Fafe, Margarida dos Santos Sousa, de Penafiel e Natália Teixeira Syed, de Alvaiázere.



publicado por Carlos Gomes às 07:11
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 2 de Junho de 2016
ALVAIAZERENSE NATÁLIA TEIXEIRA SYED VAI SER CONDECORADA PELO PRESIDENTE DA REPÚBLICA COM A ORDEM DA LIBERDADE



publicado por Carlos Gomes às 15:03
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 28 de Janeiro de 2016
FAFE E PENAFIEL HOMENAGEARAM OS SEUS CONTERRÂNEOS QUE ARRISCARAM A VIDA PARA SOCORRER AS VÍTIMAS DOS ATENTADOS TERRORISTAS EM PARIS: ESPERA-SE QUE ALVAIÁZERE SIGA O SEU EXEMPLO!

Apenas Alvaiázere ainda não homenageou Natália Teixeira Syed

Foi aprovado, na última reunião de Câmara, em Fafe, um voto de louvor a Manuela Gonçalves, fafense residente em Paris, que, nos mais recentes atentados terroristas em França, no dia 13 de Novembro de 2015, acolheu, em sua casa, dezenas de vítimas, oferecendo-lhes guarida.

ng5740229

A Câmara Municipal de Fafe também decidiu remeter um voto de louvor à fafense, considerando a sua ação solidária e o facto de ter-se colocado em risco em prol das vítimas que sobreviveram aos atentados de Paris.

Raúl Cunha, Presidente da Câmara de Fafe, entende “que a postura solidária e humanista de Manuela Gonçalves não podia passar sem um voto de louvor por parte do Município e da terra de onde é natural.

A ação da fafense deixa Fafe orgulhoso e aproveitámos para manifestá-lo, como de resto temos feito perante a boa postura e o sucesso dos filhos da terra.”

Também o município de Penafiel aprovou um voto de louvor à sua conterrânea, Margarida dos Santos Sousa, pelo gesto de coragem e abnegação demonstrado no auxílio às vítimas do atentado ocorrido na sala de espetáculos Bataclan, em Paris.

Resta saber se, a exemplo daqueles municípios, Alvaiázere sentirá idêntico orgulho pelos seus filhos, neste caso Natália Teixeira Syed e seu marido, Gabriel Syed.



publicado por Carlos Gomes às 18:44
link do post | favorito
|

Sábado, 23 de Janeiro de 2016
ALVAIAZERENSE CONDECORADA PELA MAIRE DE PARIS

Natalia Teixeira Syed e seu marido, Gabriel Syed, foram hoje condecorados pela Maire de Paris, juntamente com mais 6 porteiros parisienses, como gesto de homenagem pela sua coragem no auxílio prestado às vítimas por ocasião dos recentes atentados terroristas que tiveram lugar sobretudo na sala de espetáculos Le Bataclan.

A cerimónia teve lugar no salão nobre da Mairie e as condecorações foram entregues pela presidente da edilidade parisiense, Anne Hidalgo, na foto junto da família Syed.

Esperamos que também o Alvaiázere saiba reconhecer os seus filhos, aliás á semelhança do que já se verificou em relação a outros porteiros de Paris agora homenageados, nas suas terras de origem.

ng5740229



publicado por Carlos Gomes às 22:04
link do post | favorito
|

PARIS HOMENAGEIA PORTEIROS PORTUGUESES

A alvaiazerense Natalia Syed encontra-se entre os agraciados

A Mairie de Paris vai hoje condecorar com a medalha de bronze do município, 7 porteiros que se distinguiram no auxílio prestado às vítimas por ocasião dos recentes atentados terroristas que tiveram lugar sobretudo na sala de espetáculos Le Bataclan.

A cerimónia decorre no salão nobre da Mairie e as condecorações serão entregues pessoalmente pela presidente da edilidade, a franco-espanhola, Anne Hidalgo, que será acompanhada na ocasião pelo seu adjunto para o alojamento, Ian Brossat, e pelo franco-português Hermano Sanches Ruivo, seu conselheiro delegado para os assuntos europeus.

A maior parte dos agraciados são portugueses ou luso-descendentes, entre as quais refira-se Natália Syed, de Pelmá, no vizinho concelho de Alvaiázere. Na ocasião, vão também ser homenageados pelo município parisiense 600 porteiros com o diploma “Porteiro da Cidade de Paris”.

As portarias constituem, desde há muito tempo, uma das ocupações escolhidas pelos emigrantes portugueses que vivem na região parisiense. O realizador Rúben Alves, também ele de ascendência portuguesa, transmitiu-nos recentemente a propósito um excelente retrato através do seu filme “A Gaiola Dourada”.

As porteiras existem em Paris desde os finais da Idade Média, tendo sido celebrizadas nas obras de grandes escritores como Emile Zola, Eugène Sue e Robert Doisneau. Após o término da Segunda Guerra Mundial, existiam em Paris cerca de quarenta mil concierges.

Entretanto, com o aparecimento dos códigos digitais e dos videofones, a maior parte dos proprietários de imóveis em Paris têm vindo a prescindir dos seus serviços, não existindo atualmente mais do que dez mil. Porém, além dos inúmeros serviços que prestam aos locatários, as concierges são frequentemente uma espécie de “anjo-da-guarda” de pessoas idosas que vivem por vezes em situação de isolamento, fenómeno cada vez vais comum nas grandes cidades. E, uma vez mais, revelou-se que as tecnologias não substituem os seus préstimos, incluindo a coragem e o auxílio humanitário às vítimas de um atentado terrorista.



publicado por Carlos Gomes às 12:56
link do post | favorito
|

Sábado, 5 de Dezembro de 2015
LIVRO “GÉRALD BLONCOURT – O OLHAR DE COMPROMISSO COM OS FILHOS DOS GRANDES DESCOBRIDORES” LANÇADO EM PORTUGAL

Teve ontem lançamento em Fafe o livro Gérald Bloncourt – O olhar de compromisso com os filhos dos Grandes Descobridores”.

1

A obra, concebida e realizada pelo historiador português Daniel Bastos a partir do espólio do conhecido fotógrafo que imortalizou a história da emigração portuguesa para França nos anos 60, foi apresentada em Fafe, cidade que alberga o Museu das Migrações e das Comunidades, numa sessão que encheu por completo o auditório da Biblioteca Municipal e que esteve a cargo da conhecida socióloga das migrações Maria Beatriz Rocha – Trindade.

2

Além das imagens históricas que o fotógrafo de 89 anos captou sobre a vida dos emigrantes portugueses nos bidonvilles de Paris, que já integraram várias exposições em Portugal e França, a obra traduzida para português e francês pelo docente Paulo Teixeira, e prefaciada pelo consagrado ensaísta e pensador Eduardo Lourenço, reúne memórias, testemunhos e mais de centena e meia de fotografias originais da maior importância para a história portuguesa do último meio século.

Impossibilitado de estar presente na sessão de lançamento, o fotógrafo francês, cavaleiro da Ordem Nacional da Legião de Honra francesa, a mais alta distinção civil de França, enviou uma mensagem afirmando: “as fotografias do livro do meu amigo Daniel Bastos são testemunho da aventura extraordinária que passei ao lado dos emigrantes portugueses que partiram para França entre 1954 e 1974. Agradeço ao Daniel Bastos, ao Paulo Teixeira, ao Eduardo Lourenço, à Conceição Tina, à Maria Beatriz Rocha-Trindade, e a todos que apoiaram este livro de registo de momentos inesquecíveis de dignidade e fraternidade com os filhos dos grandes descobridores”.

No decurso da sessão, Maria Beatriz Rocha – Trindade, autora de uma vasta bibliografia internacional sobre matérias relacionadas com as migrações, afirmou que embora sendo um olhar retrospetivo sobre o fenómeno da emigração portuguesa, a obra mantém plena atualidade e pertinência perante o drama dos migrantes e refugiados que comove a Europa.

4

Refira-se que a obra é patrocinada por duas dezenas de empresas representativas do tecido socioeconómico luso-francês. Como o Hipermercado E.Leclerc, rede de hipermercados de origem francesa que irá comercializar a obra em várias superfícies comerciais em Portugal, estando agendado para 12 de dezembro (sábado) a apresentação do livro no E.Leclerc de Chaves, distrito de Vila Real.

O livro será também comercializado pela cadeia de lojas FNAC, estando agendado para 19 dezembro (sábado) às 21h00 a apresentação da obra na FNAC em Guimarães, e no dia 22 de janeiro (sábado) às 21h30 na FNAC em Braga, sessão que assinalará a inauguração de uma exposição fotográfica evocativa da ligação de Gérald Bloncourt a Portugal e que circulará de três em três por todos os espaços culturais da FNAC no território nacional.

No início de 2016 estão agendadas várias sessões de apresentação da obra junto das comunidades portuguesas residentes no estrangeiro, em particular da numerosa comunidade portuguesa radicada em Paris, uma sessão carregada de grande simbolismo que contará com a presença do fotógrafo que durante mais de vinte anos escreveu com luz a vida dos portugueses em França e em Portugal.

11



publicado por Carlos Gomes às 22:13
link do post | favorito
|

Sábado, 14 de Novembro de 2015
PORTUGUESES ESTÃO DE LUTO PELA FRANÇA



publicado por Carlos Gomes às 13:30
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 3 de Novembro de 2014
GEMINAÇÃO UNE OURÉM E LOURDES

Uma delegação de Ourém deslocou-se recentemente a Lourdes para a conclusão do processo de geminação que oficializa a aproximação entre estes dois municípios. O documento foi assinado no passado dia 25 de outubro, pelo presidente do Município de Ourém, Paulo Fonseca, e pela presidente do Município de Lourdes, Josette Bordeu.

DSC_0256

Esta delegação, liderada pelo presidente da Câmara Municipal de Ourém, integrou a presidente da Assembleia Municipal de Ourém, Deolinda Simões, o presidente e vice presidente da direção da ACISO – Associação Empresarial de Ourém e Fátima -, Francisco Vieira e Amorim Gonçalves, respetivamente, e um elemento do executivo da Junta de Freguesia de Fatima, Carlos Neves.

Esta deslocação, que surge após um primeiro momento em Ourém, em novembro do ano passado, permitiu o conhecimento da realidade turística de Lourdes, em muito semelhante à de Fátima.

Para grande satisfação da comunidade portuguesa, que se fez representar, este documento pretende desenvolver laços entre os dois municípios, com vista ao diálogo, intercâmbio de experiências e implementação de ações conjuntas.

Como referiu Paulo Fonseca, esta geminação só “peca por ser tardia”. Ainda que a colaboração entre Ourém e Lourdes já se verificasse no passado, esta geminação visa construir uma colaboração que contrarie a diminuição de peregrinos e construir uma plataforma conjunta de promoção turística, nomeadamente nos Estados Unidos, América Latina e Ásia. No entanto, como referiu Paulo Fonseca, esta parceria pretende alargar-se, por exemplo, a áreas como a cultura, desporto e juventude.

Para o desenvolvimento deste trabalho, foi ainda assinado pelos dois municípios um documento técnico de parceria que visa lançar as bases para um projeto de promoção internacional, que envolva Lourdes, Fátima e Santiago de Compostela. Neste sentido, os serviços dos dois municípios estão a desenvolver um trabalho que permita definir as ações de promoção e assegurar a sua concretização e financiamento, na medida em que se pretende aproveitar fundos comunitários para este efeito.

DSC_0404



publicado por Carlos Gomes às 14:57
link do post | favorito
|

Terça-feira, 28 de Outubro de 2014
ALUNOS DA ESCOLA PROFISSIONAL DE OURÉM PARTICIPAM EM MOBILIDADES EM FRANÇA E INGLATERRA

Na senda da estratégia da INSIGNARE em possibilitar experiências internacionais aos seus alunos, 20 jovens da Escola Profissional de Ourém, das turmas de Gestão, Informática e Design, acompanhados por 4 professoras, regressaram na passada sexta-feira, dia 24 de Outubro, da sua viagem a Eastbourne, no sul de Inglaterra.

untitled

Entre os dias 13 e 24 de Outubro os alunos ficaram alojados em casa de famílias dos alunos do Sussex Downs College, a escola Inglesa envolvida neste intercâmbio, o que lhes possibilitou o contacto direto com diferentes culturas escolares e vivências familiares, desenvolvendo relações interpessoais de convívio e amizade. De entre os objetivos deste projeto é de destacar que os alunos também exercitaram competências ao nível linguístico e das novas tecnologias, tendo desenvolvido um glossário de termos técnicos de gestão em ambas as línguas, integrados em equipas de alunos luso-inglesas.

De referir que, no mesmo enquadramento educativo internacional do anterior, outro grupo, constituído por 4 alunos da turma de Gestão, uma professora e o coordenador do departamento LIFE, esteve em França entre os dias 11 e 17 de Outubro, onde, depois de uma breve estada cultural em Paris, se dirigiu para Maule, uma pequena cidade próxima. Ali, com os colegas das cinco escolas de diferentes países (Espanha, França, Itália, Polónia e Turquia), que fazem parte deste projeto, participaram em diversas atividades, possibilitando o contacto direto de diferentes culturas escolares e juvenis. Nesse âmbito, exercitaram também competências ao nível linguístico e das novas tecnologias: em equipas multinacionais, realizaram pesquisas sobre datas e monumentos nacionais com impacto europeu; destes últimos, tendo tirado previamente fotografias, editaram-nas e ilustraram um calendário com menção às datas importantes de cada país e à Europa.

O desenvolvimento destes projetos internacionais é apoiado pela AN PROALV, no âmbito do programa comunitário Programa Aprendizagem ao Longo da Vida.



publicado por Carlos Gomes às 16:29
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 22 de Setembro de 2014
ESCOLA DE HOTELARIA CELEBRA PROTOCOLO COM ESCOLA DE PASTELARIA FRANCESA

A Escola de Hotelaria de Fátima, através da sua entidade proprietária, a Insignare, celebrou recentemente um protocolo de colaboração com a Escola Nacional Superior de Pastelaria (ENSP), sediada em Yssingeaux, tendo por objetivo o apoio técnico e científico desta escola francesa ao novo curso de Pastelaria/Padaria que tem vindo a ser construído pela EHF, em colaboração com o Departamento de Formação do Turismo de Portugal.

unnamed (1)

Para além deste apoio, a ENSP irá desenvolver conjuntamente com a EHF um plano de formação nas áreas da pastelaria e padaria, com ações a realizar em Fátima e vocacionadas exclusivamente para os profissionais destes setores de atividade. Esta formação será ministrada por pasteleiros que integram os quadros desta prestigiada escola francesa e permitirá o desenvolvimento de ações especiais vocacionadas para os alunos da Escola de Hotelaria.

O protocolo prevê ainda a atribuição de um estágio em França ao “Aluno do Ano da EHF” e um esforço conjunto em eventuais atividades a desenvolver noutros países. A Escola Nacional de Pastelaria Francesa é hoje presidida por duas das maiores referências mundiais da cozinha e pastelaria, os Chefs Alain Ducasse e Yves Thuriès, garante da superior qualidade da formação desenvolvida.

Este protocolo integra-se no esforço de afirmação da EHF enquanto escola regional de referência, na procura constante de uma melhoria da qualidade da sua formação, quer ao nível dos jovens, quer dos profissionais das fileiras da hotelaria, restauração e turismo.



publicado por Carlos Gomes às 18:09
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 28 de Julho de 2014
DESCENDENTE DE OUREENSES É AUTARCA NA FIGUEIRA DA FOZ

“Da França só tenho saudade da minha família”

A história desta família de emigrantes de Ourém começou com o avô paterno de Isabel Pereira, que na segunda década do século passado emigrou para aquele país, para trabalhar na construção de uma linha ferroviária.

Casada com um natural de Bom Sucesso, Figueira da Foz, que emigrou pela primeira vez para terras gaulesas em criança, Isabel Pereira não se sente uma emigrante, mas uma francesa que regressou às suas origens, em 1996. Quando se instalou no território da antiga “Rainha das praias de Portugal”, deu continuidade à atividade empresarial que exercia em França: construção civil. Lembra, aliás, com orgulho, que se iniciou no mundo empresarial aos 19 anos, sempre neste setor.

“Vim para Portugal porque o meu marido fez questão de regressar e eu não quis proibi-lo de realizar os seus sonhos”, conta Isabel Pereira. E não se arrependeu. “Vim com expectativas negativas, em relação à adaptação profissional, mas rapidamente se revelaram positivas, nomeadamente no que respeita à qualidade de vida. Ganhamos menos dinheiro, mas ganhamos mais em qualidade de vida”, acrescenta.

Quando fala de qualidade de vida, refere-se, também, à sensação de segurança, que não sentia quando residia na zona de Paris. “Não tem preço os nossos filhos, com seis ou oito anos, poderem ir ao minimercado comprar pão, sem temermos pela sua segurança”, exemplifica.

Adaptação fácil

O tempo foi passando e as crianças que brincavam e se movimentavam livremente na bucólica aldeia de Bom Sucesso ou na pacata cidade da Figueira da Foz transformaram-se em adultos. “Os meus filhos não querem voltar, porque gostam imenso de Portugal”, afirma Isabel. E a mãe deles também não quer regressar ao país onde nasceu.“O meu marido gostava de voltar, mas eu nunca pensei em regressar”, diz.

Saudade, essa palavra lusitana que expressa uma nostalgia do tamanho de todos os mares e carrega o peso do mundo e do tempo, uma ausência sentida ou uma presença desejada. “De França, só tenho saudades da família [da parte dos pais]”, assevera. E nem a crise que entrementes se instalou no setor da construção a faz desejar regressar à vasta França.

Voltando ao início, Isabel Pereira confessa, porém, que durante a fase de adaptação a Portugal não sentiu o choque da mudança. E explica porquê: “estava muito ocupada com a atividade empresarial” que começara a exercer na Figueira da Foz “e a cuidar dos filhos, que ainda eram pequenos”.

Autarca que não gosta de política

O tempo passa depressa. Quando deu conta, o português sobrepôs-se ao francês, mas ainda conserva o sotaque gaulês. E sem se aperceber que o tempo havia passado, mas sem deixar de sentir o esforço de uma empresária, mãe e estudante, Isabel Pereira licenciou-se em direito. Neste momento, encontra-se a concluir o estágio de advocacia, profissão que quer exercer.

Do direito para a política, foi um passo. Não há, aqui, porém, uma sequência ou uma consequência lógica, mas uma mera coincidência cronológica. É que, entretanto, Isabel Pereira foi-se afirmando como uma empresária dinâmica e uma munícipe empenhada no exercício da cidadania. O convite para integrar a lista de um movimento independente à Junta de Bom Sucesso surgiu em 2009 e acabou por integrar o executivo.

Nas últimas eleições autárquicas, voltou a candidatar-se, de novo por uma lista independente, e ocupa o lugar de secretária do executivo da mesma junta. “Entrei na política talvez por ter sentido de justiça social e por me preocupar com a comunidade onde vivo. A primeira vez aceitei o convite porque queria conhecer a realidade da freguesia com os meus próprios olhos”, afiança. Apesar de se candidatar em dois atos eleitorais autárquicos consecutivos, Isabel Pereira afirma que não gosta de política.

Fonte: http://www.asbeiras.pt/



publicado por Carlos Gomes às 09:45
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 5 de Maio de 2014
NOSSA SENHORA DE FÁTIMA JUNTA PORTUGUESES EM FRANÇA



publicado por Carlos Gomes às 19:51
link do post | favorito
|

Domingo, 2 de Fevereiro de 2014
PORTUGUESES FORÇADOS A ABANDONAR O SEU PAÍS!

Calcula-se em mais de meio milhão o número de portugueses que terá emigrado nos últimos cinco anos em consequência da catastrófica situação do país, da falta de emprego e perspetivas. Partem sobretudo os mais jovens e com melhores qualificações. Para trás deixam a família e os amigos e consigo levam a saudade e a esperança do regresso. Mas, tal como sucedeu com outras gerações de emigrantes que os antecederam no exílio, acabarão por se fixar nos países de acolhimento onde começam uma nova vida e virão a educar os seus filhos.

ob_d7154f_1119-10a-immigre-portugais

Vendo partir os seus filhos, Portugal empobrece e despovoa-se. A partida dos jovens, somada ao acentuado declínio demográfico em breve tornará os portugueses uma espécie em extinção.

Insensíveis à tragédia que se abate sobre a sociedade portuguesa em consequência da sua má governação, apelam os políticos a que os portugueses emigrem deixando a “zona de conforto”, justificando o Acordo de Schengen como uma oportunidade de qualificação no contato com outros países e outras culturas. Argumentos que só podem ser proferidos por indivíduos incompetentes que nunca viveram as agruras da emigração, por mais qualificada que a mesma seja.

Para que a memória não se apague, publicamos algumas fotos da autoria do fotógrafo francês Gérald Blonclourt, que documentam tempos difíceis da emigração portuguesa para frança, precisamente um dos países da então CEE.

Fotos: Gérald Bloncourt / http://bloncourt.over-blog.net/

ob_ce7844_1104-16-immigre-s-copie

ob_eeec09_1115-11-immigre-s-portugais

ob_b7c4aa_1106-16a-immigre-portugais

ob_aec4e7_1298-17-bidonville-champign

ob_6115a4_1106-34a-dans-les-pyrennees-copie

ob_2114e0_1107-b22a-petites-immigre-es

ob_1a2699_1135-19-immigre-s-aux-abords

ob_1998d2_1110-8-immigre-s-portugais

ob_84c850_1118-17a-boites-aux-lettres

ob_8e96e4_1135-18-corve-e-d-eau-t

ob_0dc19d_1090-21-bidonville-de-nante

ob_6ad7f0_1106-22a-bidonville-portugais

ob_4eeadf_1143-20a-les-boites-a-lettres

ob_086ea2_1309-camp-de-l-abbe-pierre

ob_0a1ee9_1097-14a-passage-clandestin



publicado por Carlos Gomes às 00:49
link do post | favorito
|

Terça-feira, 28 de Janeiro de 2014
PRIMEIRA GRANDE GUERRA COMEÇOU HÁ CEM ANOS


publicado por Carlos Gomes às 21:20
link do post | favorito
|

Terça-feira, 14 de Janeiro de 2014
NAS TRINCHEIRAS DA FLANDRES, A GUERRA NÃO ROUBA AOS OUREENSES A VONTADE DE VIVER!

 

A revista “Ilustração Portugueza”, na sua edição de 27 de Agosto de 1917, publicou uma página com fotos de vários soldados portugueses que então se encontravam mobilizados na Flandres, integrados no Corpo Expedicionário Português, aparecendo em destaque uma curiosa fotografia de um “casal” de soldados com a seguinte legenda:

“Soldado de infantaria, José Batista, natural de Vila Nova de Ourem. Que é rapaz folgazão, o prova esta fotografia tirada juntamente com o seu camarada Lopes, vestindo este um fato de mulher. O Lopes é também do concelho de Vila Nova d'Ourem.”.

- Mesmo nos momentos mais adversos, os oureenses não perdem a sua alegria e sentido de humor!



publicado por Carlos Gomes às 00:05
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 13 de Janeiro de 2014
MONUMENTO EM OURÉM AOS ANTIGOS COMBATENTES DA GRANDE GUERRA FOI CONSTRUÍDO EM 1991

Em 9 de Abril de 1918, os soldados do Corpo Expedicionário Português que combatiam nas trincheiras do norte da França, no sector de Ypres, no vale de La Lys, sofreram a investida de oito divisões do 6º Exército Alemão. Em escassas quatro horas de combates encarniçados, foram mortos, feridos ou feitos prisioneiros perto de oito mil portugueses, sendo considerado o maior desastre militar desde a batalha de Alcácer-Quibir.

Entre as diversas causas que concorreram para este desfecho conta-se a capitulação russa após a revolução ocorrida em 1917, o que possibilitou aos alemães transferirem as forças militares que até então combatiam na frente oriental.

Desde então, o dia 9 de Abril passou a ser evocado em memória daqueles que tombaram nos campos da Flandres, entre os quais se contam muitos filhos de Ourém.

Recorde-se ainda a profunda ligação entre a Primeira Guerra Mundial e as aparições de Nossa Senhora na Cova da Iria.

capture3

O monumento aos antigos combatentes foi erigido em 1991.

capture1

A imagem regista o momento em que se preparavam os alicerces para a edificação do monumento aos antigos combatentes em Ourém. Á direita, o sargento José Santos, colaborador do AUREN, comandando as operações.

Este local foi cedido pela Câmara Municipal de Ourém, à altura presidida pelo Dr. Mário Albuquerque, que também cedeu a máquina para abrir as fundações. A construção foi patrocinada pela empresa Aquinos e Rodrigues, a carpintaria do ex-Capitão Oliveira e uma loja de ferragens entretanto extinta, as quais forneceram nomeadamente o material e a mão-de-obra. A Liga dos Combatentes facultou o emblema.

capture4

A imagem respeita à homenagem prestada em Ourém aos antigos combatentes por um grupo de sargentos do Exército Português. A contar da esquerda, o nosso colaborador Sr. José Santos, sargento Brito, o segundo-sargento jerónimo Nunes Pontes que foi um antigo combatente da Primeira Guerra e ainda os sargentos Alberto e Bicho.

Fotos: José Santos



publicado por Carlos Gomes às 00:05
link do post | favorito
|

Domingo, 12 de Janeiro de 2014
QUEM SÃO OS COMBATENTES DA PRIMEIRA GRANDE GUERRA QUE REPOUSAM NO CEMITÉRIO DE OURÉM?

Ourém conserva condignamente a memória dos seus filhos que, tendo um dia chamados a cumprir o seu dever, tombaram nos campos da Flandres durante a Primeira Grande Guerra cujo centenário agora se comemora.

Ourem30JUL11 120

No talhão dos antigos combatentes existentes no cemitério de Ourém é possível identificar as seguintes lápides:

Das lápides funerárias que ali se encontram foi possível recolher os seguintes registos:

MANUEL S.E.GOMES

Nasceu? Faleceu-27/05/1982. Combateu: França

JOAQUIM G.JÚNIOR

Nasceu? Faleceu? Combateu: último sobrevivente do Navio Carvalho Araújo (teve honras militares prestada por Fuzileiros Navais)

MANUEL NUNES

Nasceu em 04/11/1894 Faleceu em 16/06/1988 Combateu: França

JOAQUIM GASPAR

Nasceu em 02/05/1896 Faleceu em 23/03/1995 Combateu: França

FRANCISCO DAVID (conhecido por “papo seco”)

Nasceu? Faleceu em 1988/89 (não se encontra no Talhão dos Combatentes mas na parte civil)

Fotos: Jsé Santos

Ourem30JUL11 119

Ourem30JUL11 117

Mortos_1GuerraMundial

Placa existente no monumento aos antigos combatentes na cidade de Ourém.

Monumento aos antigos combatentes em Ourém.



publicado por Carlos Gomes às 10:49
link do post | favorito
|

Sábado, 11 de Janeiro de 2014
NOS INTERVALOS DA GUERRA, MINHOTOS CANTAM E DANÇAM O VIRA NAS TRINCHEIRAS DA FLANDRES

As imagens registam momentos breves de distração ocorridos nos intervalos dos confrontos durante a primeira grande guerra, retirados das primeiras linhas de combate nos campos entrincheirados da Flandres ou em trânsito para os antigos territórios ultramarinos a fim de garantir a soberania portuguesa.

735231_468154363233743_572336949_n

Sem alegria a vida não faz o menor sentido para o minhoto. No trabalho da lavoura ou em dia de romaria, quando a colheita é abundante ou mesmo quando o pão escasseia na mesa, é com Fé e um sorriso largo no rosto que enfrenta os bons e maus momentos da vida e os supera, por vezes sabe Deus com que dificuldades.

Uma vez chamado a cumprir o seu dever – aquele que os políticos ditaram como sendo do interesse nacional! – o minhoto troca a enxada pela espingarda que leva ao ombro ou à bandoleira e, juntamente com ela, a concertina, o bombo e o cavaquinho. É que, nas breves pausas ocorridas entre os combates, o espírito jovial do minhoto constitui um tónico a levantar o moral dos soldados, fazendo-os reviver a alegria das romarias da sua aldeia, lembrando-os da família e das namoradas que ansiosamente os aguardam e despertando em todos que os rodeiam uma enorme vontade de lutar e vencer para poderem, enfim, regressar.

Fotos: Liga dos Combatentes

Fonte: http://bloguedominho.blogs.sapo.pt/

312301_468155286566984_137305557_n

64659_468155279900318_211489415_n



publicado por Carlos Gomes às 15:59
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 3 de Janeiro de 2014
PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL COMEÇOU HÁ CEM ANOS

MINHOTOS DA BRIGADA DO MINHO FORAM MÁRTIRES E HERÓIS NA FLANDRES

Comemora-se este ano o centenário da Primeira Guerra Mundial. Faz no próximo dia 28 de julho que as grandes potências europeias se envolveram num conflito que custou mais de 9 milhões de mortos em combate e 22 milhões de incapacitados e feridos graves, para além da fome, miséria e doença causada às populações civis de ambos os lados do conflito.

De um lado a Alemanha, o Império Austro-Húngaro e a Itália. Do outro, a França, o Reino Unido e o Império Russo. Em Portugal, após uma posição inicial de defesa dos territórios ultramarinos das intromissões alemãs, o governo da República viria em 1917 a decidir-se pelo envio de tropas portuguesas para o teatro de guerra europeu, tendo o Corpo Expedicionário Português (CEP) atingido perto de 200 mil mobilizados.

Com destino ao campo de batalha foi constituída a 4ª Brigada do Corpo Expedicionário Português, a célebre “Brigada do Minho” que, no dia 9 de abril de 1918, haveria de bater-se de forma heroica pela defesa das suas posições, acabando impiedosamente massacrada com um elevado número de mortos.

 CCF18052009_000004

IV Brigada, o Minho em nós confia

Seu nome honrado entrega em nossas mãos

E seu nome, que soou, de sempre, a valentia

Aos quatro batalhões, - unidos como irmãos

Tudo a mesma Família - há-de servir de guia

Canção da “Brigada do Minho”

França - Julho de 1917

 

“A 4ª Brigada de Infantaria que desde 7 de Fevereiro do corrente ano de 1918 guarnecia e tinha a seu cargo a responsabilidade do sector de “Fauquissart”, tendo a cooperar com ela tacticamente o 6º Grupo de Metralhadoras Pesadas e as 4ªs baterias de morteiros médios e morteiros pesados, tinha as suas forças distribuídas no referido sector no dia 8 de Abril da seguinte forma.

Batalhão Infantaria 20: com sede do comando em Temple-Bar, ocupava o S.S.1. (Fauquissart I) com 3 companhias na 1ª linha e uma em apoio.

Batalhão Infantaria 8: com a sede do comando em Hyde-Park, ocupava o S.S.2. (Fauquissart II) com 3 companhias em 1ª linha e uma em apoio.

Batalhão Infantaria 29: com sede do comando em Red-House, constituía o apoio dos batalhões em primeira linha, tendo as suas companhias distribuídas pelos postos de apoio da 2ª linha.

Batalhão Infantaria 3: com sede do comando em “Laventie” constituía a Reserva tendo todas as companhias acantonadas nesta posição.

Morteiros médios e pesados, 4ª B.M.L., grupo de metralhadoras pesadas, achavam-se distribuídos pelas respectivas dos dois sub-sectores.

A 4ª Brigada de Infantaria ligava-se no seu flanco direito com a 6ª Brigada de Infantaria e no flanco esquerdo com uma Brigada Escocesa (119ª Brigada da 40ª Divisão Britânica) que havia dias ocupava o sector de "Fleurbaix", vinda da ofensiva do "Somme" de 21 de Março.

O efectivo da brigada achava-se extremamente reduzido, pois em principio de Abril faltavam-lhe em pessoal e animal, para o seu completo, aproximadamente 51 oficiais, 1300 praças e 85 solípedes, o que era devido não só ás baixas que dia a dia a brigada vinha sofrendo nas operações com o inimigo nas ainda ao rigor do clima a que os Portugueses não estavam habituados e ao violentos e árduos trabalhos que sem descanso eram exigidos ás tropas da Brigada, desde que seguiu da zona da retaguarda para a frente em 21 de Julho de 1917, primeiro para instrução em 1ª linha por enquadramento sucessivo de companhias, e depois de batalhões sem e com responsabilidade, nos sectores ocupados por tropas inglesas desde "Fleurbaix" a "Armentiére" e em "Beuvry" depois nas reparações do sector "Neuv-Chapelle", ocupado pela 2ª Brigada, durante o período intensivo de instrução no mês de Agosto e parte de Setembro de 1917; mais tarde na ocupação do sector de “Ferme du Bois” desde o dia 23 de Setembro, emq eu se rendeu a primeira B.I. até 30 de Dezembro porque foi rendida pela 2ª B.I., vindo, então, constituir a reserva da 2ª Divisão, e, logo em seguida além da instrução, empregada para o enterramento do cabo, e execução de urgentes reparações dos postos da linha das aldeias, do corpo, e ocupação efectiva de alguns dos mesmos, que eram batidos com insistência pelo inimigo e finalmente na ocupação do sector de “Fauquissart”, desde 7 de Fevereiro, em que rendeu a 6ª B.I., até ao dia 9 de Abril em que se deu a ofensiva alemã contra a frente portuguesa.

Durante todo este período de tempo, em que decorreu de 21 de Julho de 1917 a 9 de Abril de 1918, comportaram-se as tropas da Brigada sempre de molde a merecer o elogio e louvor das instâncias superiores, quer Portuguesas quer Inglesas, repelindo com energia todos os "raids" e ataques inimigos e tendo evidenciado sempre uma alto espírito ofensivo, sempre que se encontrava em 1ª linha. É uma prova flagrante o enorme dispêndio de munições de metralhadoras, e de muitos morteiros especialmente em permanência no sector de “Ferme du Bois”, em que chegou a atingir o extraordinário consumo de 1352 projécteis de morteiros ligeiros no prazo de 24 horas, como deve constar dos mapas estatísticos existentes no C.E.P.

Não obstante a impecável disciplina e boa vontade sempre manifestada pelas tropas das unidades da Brigada no cumprimento dos seus deveres, era bem evidente o cansaço e a fadiga física das tropas, especialmente nos últimos tempos e, já, na ocupação do sector de “Fauquissart”, resultante do progressivo acréscimo de actividade de operações de bombardeamentos por parte do inimigo, especialmente de bombardeamentos a todo o momento, que demoliam quási por completo as trincheiras, impedindo a continuidade e regularidade das operações e aumentando o já de si duro, extremamente fatigante, trabalho das tropas da Brigada, sendo cada vez maiores as faltas no pessoal em virtude das baixas e dos doentes por fadiga, evacuados para os hospitais e, não sendo as mesmas preenchidas, resultava com o decréscimo dos efectivos num excessivo trabalho para os restantes, a acrescentar ao que já lhes competia”.

- Relatório da 4ª Brigada de Infantaria (do Minho). Corpo Expedicionário Português – 2ª Divisão.

Fonte: http://bloguedominho.blogs.sapo.pt/

img659



publicado por Carlos Gomes às 19:35
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 22 de Novembro de 2013
OURÉM ESTEVE REPRESENTADO EM BUSSY SAINT-GEORGES (FRANÇA) NAS COMEMORAÇÕES DO ARMISTÍCIO DA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL

No âmbito da política de internacionalização definida pelo executivo camarário, o Chefe do Gabinete da Presidência, João Heitor, representou o Município de Ourém em Bussy Saint-Georges (França) nas cerimónias relativas à Comemoração do fim da I Grande Guerra Mundial. Estas cerimónias decorreram no dia 11 de novembro, com especial destaque para o momento em que foram recordados os 7500 portugueses mortos nesta localidade, aquando da presença portuguesa na I Grande Guerra.

O momento foi partilhado com o Presidente do Município de Bussy Saint-Georges, Hugues Rondeau, que manifestou vontade de iniciar uma relação oficial entre as duas edilidades, nomeadamente pela mensagem de fé e tolerância que Ourém e Fátima representam, reconhecida por milhões de pessoas em todo o mundo. Mostrou também disponibilidade para fomentar relações entre os dois municípios nas áreas sociais, de planeamento e ordenamento do território, consolidando dinâmicas turísticas e culturais entre as duas comunidades. Além da vontade expressa pelo Presidente Hugues Rondeau, o contacto com o Cônsul de Portugal em Paris, Pedro Lourtie, com o Parlamentar da Assembleia da República, Carlos Gonçalves, várias entidades municipais e associativas, assim como todos os membros da comunidade portuguesa que ali residem e trabalham, colocou em perspetiva a possibilidade de desenvolvimento de um acordo de cooperação entre os dois municípios.

O Município de Bussy Saint-Georges é composto por cerca de 27 mil habitantes, situando-se entre Paris e a Disneyland, com uma relevante e dinâmica atividade empresarial, protagonizada por alguns emigrantes portugueses. Possui uma comunidade composta por outros cidadãos do mundo, com diferentes crenças e credos, existindo assim diversas igrejas, templos e locais de culto de forma harmoniosa e tolerante.

Esta visita respondeu a um convite endereçado pelo Município de Bussy Saint-George, que suportou as despesas da viagem e da estadia da representação oureense.

IMG_0106



publicado por Carlos Gomes às 15:52
link do post | favorito
|

Terça-feira, 12 de Novembro de 2013
OURÉM E LOURDES SÃO CIDADES IRMÃS!

Geminação Ourém/Fátima – Lourdes: “Um dia histórico para o concelho de Ourém”

Foi com estas palavras que o Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, iniciou o seu discurso a propósito da assinatura do acordo de geminação entre Ourém-Fátima e Lourdes, no passado sábado, dia 09 de novembro. “Um dia histórico porque nos permite articular melhor e consolidar os laços de uma parceria já muito antiga”, lembrou Paulo Fonseca, fazendo referência aos primeiros contactos estabelecidos com Lourdes, que remontam à década de 90, aquando da criação de uma rede europeia de santuários marianos.

GeminaçãoOurém_Lourdes4

Mais do que um simples “acordo de geminação” este é sobretudo um “acordo de interesses” e de “sobrevivência”, afirmou Paulo Fonseca. “Atendendo a que vivemos numa globalização, temos de traçar novos caminhos, desenvolver novos projetos em conjunto para que as nossas escolas, IPSS´s e empresas possam ter várias portas abertas”, defendeu. “As afinidades entre estas duas cidades são notórias, e por isso esta geminação assume um formato de ‘parceria estratégica’ na área económica e particularmente no setor do turismo” que é, aliás, uma das grandes prioridades da dinamização de um trabalho comum na área da promoção internacional.
A partir de agora Fátima e Lourdes poderão beneficiar, em conjunto, de apoios financeiros da União Europeia que permitam criar uma plataforma comum para a promoção internacional em mercados estratégicos. Neste sentido está já a ser preparado um programa de promoção conjunta de Fátima e Lourdes nos Estados Unidos da América. “Ninguém vem dos EUA só para visitar Fátima. É necessário inventar soluções alternativas que sejam sedutoras para as pessoas virem”, defende Paulo Fonseca.

Os dois autarcas selaram o compromisso de trabalho futuro perante o olhar de vários presidentes de Junta, vereadores, uma comitiva francesa e do vice-reitor do Santuário de Fátima.

Resumo sobre a geminação

Desde os anos 90 foi sendo desenvolvida uma rede intensa de contactos entre as mais importantes cidades de peregrinação europeias, o que conduziu à criação, em 1996, do projeto europeu “Shrines of Europe”. A este projeto associaram-se, entre outras, as cidades marianas de Ourém / Fátima e Lourdes.

Este grupo de trabalho cujo principal objetivo é a troca de experiências a nível municipal levou a cabo já diversos congressos internacionais dedicados às questões relacionadas com uma maior colaboração entre a igreja e os municípios dos locais de peregrinação,

O constante crescimento da peregrinação religiosa é um fator que deixa antever um futuro positivo.

GeminaçãoOurém_Lourdes

Esta geminação surge assim de uma forma natural e resulta da vontade comum destes dois municípios de trabalharem em conjunto. As semelhanças e afinidades entre estas duas cidades são notórias, e por isso esta geminação assume um formato de “parceria estratégica” na área económica e particularmente no setor do turismo que é uma das grandes prioridades da dinamização de um trabalho comum na área da promoção internacional. Esta cooperação poderá beneficiar de apoios financeiros da União Europeia que permitam criar uma plataforma comum de promoção internacional em mercados estratégicos.

Em 18/06/2013 a Câmara Municipal de Ourém deliberou por unanimidade aprovar o texto de geminação com Lourdes e remeter o mesmo à Assembleia Municipal para conhecimento e aprovação. Em 28 de junho de 2013 o referido texto foi aprovado pela Assembleia Municipal e remetido para o município de Lourdes.

Estando reunidas as condições, celebra-se hoje, nesta cerimónia, a formalização desta geminação, dando início a uma nova etapa de cooperação entre os dois municípios.

GeminaçãoOurém_Lourdes3



publicado por Carlos Gomes às 19:43
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 8 de Novembro de 2013
OURÉM E LOURDES (FRANÇA) CEEBRAM AMANHÃ ACORDO DE GEMINAÇÃO

z



publicado por Carlos Gomes às 00:14
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 6 de Novembro de 2013
VINHO MEDIEVAL DE OURÉM PROMOVIDO EM PARIS

Ourém e o vinho Medieval presentes no FESTAFILME, em Paris.

Decorrerá no próximo fim-de-semana o FESTAFILME, um festival que tem por objetivo promover a cultura lusófona e criação de contactos entre francófonos e lusófonos através do cinema.

Entre outros filmes, será exibido o documentário Mother Vine – A Mátria do Vinho, do realizador norte-americano Ken Payton, com a participação do Professor Vergílio Loureiro. Uma viagem por várias regiões vitivinícolas de Portugal, onde o vinho Medieval de Ourém tem grande destaque.

No final haverá uma prova de vinhos Medievais da Quinta do Montalto e do produtor Carlos de Sousa.

http://zarpante.wordpress.com/2013/11/05/festafilm-sur-paris/

z1

z2



publicado por Carlos Gomes às 19:56
link do post | favorito
|

OURÉM E LOURDES CELEBRAM ACORDO DE GEMINAÇÃO

Duas das principais cidades de peregrinação europeias, Fátima e Lourdes, vão celebrar um acordo de geminação no próximo sábado, dia 09 de novembro, pelas 11h00, no auditório dos paços do concelho. O documento será assinado pelo presidente da Câmara Municipal de Ourém, Paulo Fonseca, e pelo presidente da Câmara de Lourdes, Jean-Pierre Artiganave.

Sobre a geminação

Desde os anos 90 foi sendo desenvolvida uma rede intensa de contactos entre as duas cidades, o que conduziu à criação, em 1996, do projeto europeu “Shrines of Europe”. A este projeto associaram-se, entre outras, as cidades marianas de Ourém / Fátima e Lourdes.

Este grupo de trabalho cujo principal objetivo é a troca de experiências a nível municipal levou a cabo já diversos congressos internacionais dedicados às questões relacionadas com uma maior colaboração entre a igreja e os municípios dos locais de peregrinação,

O constante crescimento da peregrinação religiosa é um fator que deixa antever um futuro positivo.

Esta geminação surge assim de uma forma natural e resulta da vontade comum destes dois municípios de trabalharem em conjunto. As semelhanças e afinidades entre estas duas cidades são notórias, e por isso esta geminação assume um formato de “parceria estratégica” na área económica e particularmente no setor do turismo que é uma das grandes prioridades da dinamização de um trabalho comum na área da promoção internacional. Esta cooperação poderá beneficiar de apoios financeiros da União Europeia que permitam criar uma plataforma comum de promoção internacional em mercados estratégicos.

Em 18/06/2013 a Câmara Municipal de Ourém deliberou por unanimidade aprovar o texto de geminação com Lourdes e remeter o mesmo à Assembleia Municipal para conhecimento e aprovação. Em 28 de junho de 2013 o referido texto foi aprovado pela Assembleia Municipal e remetido para o município de Lourdes.



publicado por Carlos Gomes às 12:08
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 1 de Novembro de 2013
OURÉM GEMINA-SE COM LOURDES (FRANÇA)

z



publicado por Carlos Gomes às 11:12
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 18 de Julho de 2013
BISPO DE TARBES E LOURDES PEREGRINAM A FÁTIMA

D. Nicolas Brouwet, bispo da diocese francesa de Tarbes e Lourdes, à qual pertence o Santuário de Nossa Senhora de Lourdes, está em peregrinação a Fátima. Esta tarde, na Missa a que presidiu na Capelinha das Aparições, D. Nicolas Brouwet falou das semelhanças entre os dois santuários marianos. “Tal como em Lourdes, Maria visitou este lugar [Fátima] para falar aos pobres, aos pequenos, aos que não têm lugar no mundo, aos que não têm poder; é através deles que Maria fala à humanidade”, disse.

Na mesma Eucaristia mas durante a homilia, o bispo francês destacou a mensagem de Fátima como mensagem “de conversão”, em que Maria, com a sua “solicitude”, se faz presente junto da humanidade para a acompanhar.

“Maria visitou os três Pastorinhos nesta pobre região como que para mostrar que toda a gente é capaz, para mostrar que não há ninguém que seja tão pobre que não possa conhecer o Evangelho”, afirmou.

Como resposta às dúvidas e interrogações que os peregrinos trazem nas suas peregrinações a Fátima, muitas vezes relacionadas com situações de grande dificuldade, D. Nicolas Brouwet falou da necessidade da entrega a Deus, numa atitude de “doçura”, aquela que perante a violência “desarma tudo”, e de “humildade de coração”, à semelhança de Jesus.

LeopolDina Simões



publicado por Carlos Gomes às 19:00
link do post | favorito
|

Terça-feira, 7 de Maio de 2013
COMUNIDADE PORTUGUESA EM FRANÇA ORGANIZA FESTA A NOSSA SENHORA DE FÁTIMA



publicado por Carlos Gomes às 19:46
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 13 de Fevereiro de 2013
PORTUGAL, ESPANHA, FRANÇA, ITÁLIA E BRASIL NA ROTA DA IMAGEM PEREGRINA DE FÁTIMA

Treze peregrinações já confirmadas para este ano de 2013

Para este ano de 2013, estão já programadas diversas peregrinações das imagens peregrinas de Nossa Senhora de Fátima, em Portugal e noutros países.

A arquidiocese de Évora tem uma longa tradição, vinda do século passado, de realizar missões populares com a presença da imagem peregrina de Fátima. No início do pontificado do atual arcebispo, D. José Francisco Sanches Alves, este retomou essa tradição, pedindo todos os anos a visita da imagem, para percorrer as vigararias da arquidiocese. Neste ano, a visita será à vigararia de Arraiolos, com início no dia 16 de fevereiro e término a 8 de junho.

No dia 8 de março, a imagem peregrina n.º 5 partirá para a vigararia de Mafra, da arquidiocese de Lisboa, para uma visita que perdurará até ao dia 7 de julho.

Segue-se uma visita da imagem n.º 4 a várias dioceses de Itália, coordenada pelo Movimento Mariano Mensagem de Fátima, desde o início de abril até ao fim de setembro. Esta peregrinação, que tem como tema “Com Maria, a caminho da Eucaristia”, pretende ser uma jornada de fé para levar Cristo ao mundo, através do Coração Imaculado de Maria.

Também em Itália e no mesmo período de abril a setembro andará a imagem peregrina n.º 11, numa missão que compreenderá várias dioceses. O pedido foi apresentado por D. Diego Bona e confirmado por D. Mário Russotto, anterior e atual presidente da Secção Italiana do Apostolado Mundial de Fátima.

De 2 a 16 de abril, a imagem peregrina n.º 6 visitará a paróquia de Quinta do Anjo, da diocese de Setúbal, por ocasião dos 25 anos da sua ereção.

No dia 13 de maio, cumprem-se 25 anos do decreto do cardeal-arcebispo Lustiger que erigiu a basílica de Maria-Médiatrice em Paris, como santuário de Nossa Senhora de Fátima, confiando-a aos portugueses, embora ao serviço da diocese. O santuário foi oficialmente inaugurado em 2 de outubro de 1988, com missa presidida pelo arcebispo de Paris e concelebrada pelo cardeal-patriarca de Lisboa, D. António Ribeiro. Segundo palavras do atual reitor, P. Nuno Aurélio, é intenção assinalar a efeméride procurando reforçar a devoção a Nossa Senhora nesta sua invocação tão querida do povo de Deus, “Senhora de Fátima” e “Rainha do Rosário”, mesmo naquela terra multicultural. Para tal, foi programada uma visita da imagem peregrina n.º 2 a este santuário parisiense, no período de 1 a 13 de maio. O programa contará com a presença de alguns bispos e cardeais, ligados de algum modo ao santuário e aos acontecimentos nele evocados.

Para o mês de maio, estão ainda agendadas outras peregrinações. A imagem n.º 7 visitará a paróquia de Nossa Senhora de Fátima da Boa Viagem, da arquidiocese de Olinda e Recife, Brasil, nos dias 1 a 18.

De 4 a 26, está prevista a presença da imagem n.º 6 na paróquia de Nossa Senhora de Fátima, em Lisboa, por ocasião das comemorações do seu 75.º aniversário.

A imagem n.º 10 visitará a basílica de Santa Maria All’Impruneta (santuário mariano diocesano da arquidiocese de Florença), de 19 a 26.

A imagem n.º 2 estará na paróquia de Nossa Senhora da Luz, Maceira, da diocese de Leiria-Fátima, nos dias 24 a 26.

Nos mesmos dias 24 a 26, uma peregrinação com a imagem n.º 7 decorrerá em Espanha, na diocese de Getafe, coordenada pelo Apostolado Mundial de Fátima.

Já quase no final do mês de maio, mais precisamente no dia 30, a imagem n.º 10 seguirá para Itália, para uma visita à paróquia-santuário de S. Maria a Pancole, da diocese de Siena-Colle di Val d’Elsa-Montalcino, que decorrerá até ao dia 17 de junho.

Por último, a imagem n.º 2 estará na vigararia de Cascais, no período de 13 a 20 de outubro. É desejo da vigararia encerrar o ano da fé com a proteção maternal de Maria.

António Valinho



publicado por Carlos Gomes às 20:43
link do post | favorito
|

Terça-feira, 5 de Fevereiro de 2013
OURÉM RECEBE COMITIVA DE PLESSIS-TRÉVISE

O Município de Ourém recebeu a visita de uma comitiva com representantes de Plessis-Trévise, no âmbito do apoio às vítimas dos incêndios ocorridos em Ourém em setembro de 2012. A cerimónia de receção da comitiva ocorreu no passado dia 2 de fevereiro e o momento foi aproveitado para realizar a apresentação pública do diagnóstico dos incêndios e do plano de intervenção adotado, a estratégia de gestão dos donativos existentes e a celebração do Protocolo de Intervenção Pós-incêndios.

PT 1

A comitiva de Plessis-Trévise contou com a presença do chefe de gabinete do Presidente da Câmara Municipal de Plessis-Trévise, Didier Dousset, Laurentino Vieira e Fernanda Vieira enquanto representantes do Clube Robert Schuman e Maria José Órfão e Laura Santos que colaboraram nas ações de solidariedade para com as vítimas dos incêndios no Concelho de Ourém. Após a receção oficial nos Paços do Concelho pelo Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, e pela Presidente da Assembleia Municipal, Drª Deolinda Simões, os representantes de Plessis-Trévise participaram na cerimónia de receção que decorreu no Centro de Negócios de Ourém. Aqui, o vereador Dr. José Alho fez um retrato de todos os desenvolvimentos desde os incêndios até ao momento atual, com especial incidência no plano de intervenção e nos apoios comunitários e governamentais solicitados para responder às mais diversas necessidades. Após este momento, debruçou-se sobre o Protocolo de Intervenção Pós-incêndios celebrado entre o Município de Ourém, a empresa municipal Ourémviva, IPSS’s do Concelho e as Juntas de Freguesia afetadas, que pretende articular as responsabilidadesde todos osintervenientes e o método de aplicação dos apoios financeiros na recuperação e ordenamento da área ardida e recuperação dos vários danos decorrentes dos incêndios. Neste protocolo está contemplada a estratégia de gestão de donativos onde o Município de Plessis-Trévise participou com uma doação de 50 000€ e o Clube Robert Schuman juntamente com alguns donativos particulares, contribuiu com cerca de 10 000€.

PT 2

O Presidente da edilidade, Dr. Paulo Fonseca manifestou “grande alegria com a presença dos amigos de Plessis-Trévise e com a transformação de um problema numa oportunidade” devido ao protocolo celebrado. Reiterou ainda a “relação permanente e de grande amizade” que une o Município de Ourém e Plessis-Trévise desde o acordo de geminação que completa agora 20 anos. Defendeu por fim que “não nos podemos resignar face ao que foi feito na altura dos incêndios, mas sim tentar sempre melhorar” e para isso anunciou a preparação de um colóquio com a Autoridade Nacional da Proteção Civil para realização de um balanço sobre o que foi, e poderia ter sido feito, na catástrofe que assolou o Concelho de Ourém. O representante do Município de Plessis-Trévise, Didier Dousset, usou também da palavra e em português assumiu ter ficado “muito sensibilizado com a presença de Paulo Fonseca em Plessis-Trévise para a celebração dos 20 anos de geminação” o que ficou patente na “aprovação por unanimidade da ajuda concedida”. 

Com o término da cerimónia de receção no Centro de Negócios, seguiu-se uma visita às instalações do Serviço Municipal de Proteção Civil de Ourém onde os convidados conheceram as instalações e equipamentos existentes, seguindo-se uma visita ao território afetado pelos incêndios. Para finalizar o dia, a comitiva visitou as instalações dos Bombeiros Voluntários de Ourém. Esta visita serviu também para confirmar a presença do Presidente do Município de Plessis-Trévise, Jean-Jacques Jégou, aquando das celebrações do Dia do Município de Ourém e para definir pormenores sobre a realização de um workshop entre empresários locais e franceses para troca de experiências e contactos.

PT 3

PT 4



publicado por Carlos Gomes às 18:55
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2013
OURÉM RECEBE COMITIVA EM REPRESENTAÇÃO DE PLESSIS-TRÉVISE

Ourém vai receber a comitiva de Plessis-Trévise, município de França com o qual o Concelho de Ourém está geminado. A receção está agendada para o próximo sábado, dia 2 de fevereiro, no Centro de Negócios de Ourém, pelas 14h30, no âmbito do apoio às vítimas dos incêndios de 2012 no Concelho de Ourém.

O programa oficial terá início às 14h30 e terminará pelas 19h00.

Programa

14h30 - Cerimónia de receção da Comitiva de Plessis-Trévise

Apresentação do Diagnóstico Incêndios 2012

Plano de Intervenção

Estratégia Gestão dos Donativos

15h30 - Assinatura de Protocolo de Intervenção Pós-Incêndios

16h00 - Visita ao Serviço Municipal de Protecção Civil

16h30 - Visita ao território afetado pelos incêndios

18h00 - Receção no Quartel de Bombeiros Voluntários de Ourém



publicado por Carlos Gomes às 21:03
link do post | favorito
|

Domingo, 20 de Janeiro de 2013
PADRE DAVID BARREIRINHAS CONVIVE EM FRANÇA COM OS EMIGRANTES DE OURÉM

As gentes de Ourém que habitam na região parisiense viveram hoje um dia grande de animada confraternização. O Padre David Barreirinhas, pároco de Rio de Couros, Formigais e Ribeira do Fárrio deslocou-se propositadamente a França para conviver com os nossos emigrantes numa festa aberta a toda a comunidade portuguesa ali radicada.

485916_4918717098282_879544351_n

O encontro começou com a celebração de uma missa solene na Eglise Sainte Bernardette, em Champigny-sur-marne, uma localidade desde sempre conhecida pela forte representatividade da comunidade portuguesa, a que se seguiu um almoço de confraternização que teve lugar na salle G. Brassens, em Villiers-sur-marne.

Num ambiente de alegria e boa disposição e apesar do forte nevão que se fez sentir, largas centenas de oureenses e outros compatriotas conviveram durante todo o dia, tendo a festa acabado ao som de música de baile.

Esta deslocação a frança foi programada pelo Padre David Barreirinhas para se encontrar com os naturais das três paróquias que dirige, emigrados naquele país, a fim de estreitar os laços que os unem às respetivas comunidades paroquiais.

Fotos: António Ferraz

734500_4918716498267_951013716_n

553655_4918709298087_279871767_n

553470_4918719058331_54413586_n

554465_4918709818100_1718438587_n

554440_4918719778349_679513879_n

603016_4918721298387_63328921_n

550455_4918715778249_1319182118_n

321306_4918723778449_1462652682_n

395527_4918704777974_1820821941_n

395464_4918736938778_551158042_n

601317_4918791660146_42815962_n

582377_4918791140133_484506111_n

19515_4918770739623_1872966510_n

29587_4918773099682_331719474_n

601159_4918771579644_1181460479_n

148373_4918752659171_1975103770_n

29591_4918742378914_2050363380_n

554281_4918750219110_1861866184_n

149516_4918741378889_1734323773_n

379367_4918783099932_903291413_n

185570_4918745979004_1583709099_n

486134_4918779619845_536756507_n

424183_4918778379814_1703795533_n

408570_4918794740223_593092031_n

408295_4918782219910_1407774272_n



publicado por Carlos Gomes às 20:34
link do post | favorito
|

Sábado, 19 de Janeiro de 2013
PADRE DAVID BARREIRINHAS VAI A FRANÇA CONVIVER COM EMIGRANTES DE OURÉM



publicado por Carlos Gomes às 00:35
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 7 de Janeiro de 2013
EMIGRANTES DE OURÉM JUNTAM-SE EM FRANÇA



publicado por Carlos Gomes às 21:36
link do post | favorito
|

EMIGRANTES DE OURÉM CONVIVEM EM FRANÇA



publicado por Carlos Gomes às 21:29
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 17 de Outubro de 2012
COMUNIDADE PORTUGUESA EM FRANÇA PROMOVE ESPETÁCULO DE SOLIDARIEDADE COM AS VÍTIMAS DOS INCÊNDIOS EM OURÉM

image001

image004



publicado por Carlos Gomes às 19:08
link do post | favorito
|

MUSEU DAS MIGRAÇÕES (FAFE) PARTICIPA NAS COMEMORAÇÕES DO CINQUENTENÁRIO DA EMIGRAÇÃO PORTUGUESA PARA FRANÇA QUE SE REALIZAM EM BORDÉUS

A exposição de fotografia ‘Por uma vida melhor’, do fotógrafo Gérald Bloncourt, no RAHMI – Réseau aquitain pour l’histoire et la mémoire de l’immigration (Musée d’Aquitaine) vai ser inaugurada no próximo dia 19 de Outubro, em Bordéus, França, contando com a presença do autor. A exposição é composta por 50 obras da colecção que Gérald Bloncourt doou ao Município de Fafe em 2009 para integrar o acervo do Museu das Migrações e das Comunidades.

‘Por uma vida melhor’ estará patente no Musée d’Aquitaine no âmbito de um protocolo de cooperação entre o Município de Fafe e aquele Museu e conta com o apoio do Comité Aristides de Sousa Mendes. A exposição integra o programa do evento ‘Bons baisers du Portugal’, iniciativa comemorativa do Cinquentenário da Emigração Portuguesa para França, a decorrer de 19 a 21 de Outubro naquela cidade francesa. O programa inclui ainda cinema, dança, música, performance e poesia com a presença de vários artistas e entidades portuguesas.

No âmbito desta iniciativa de estudo e divulgação da presença portuguesa em França, a exposição de fotografia ‘Por uma vida melhor’ seguirá para Hendaya, e estará patente no Espace Culturel Mendi-Zolan, Sokoburu. A inauguração terá lugar no dia 16 de Novembro na abertura do colóquio ‘Immigation portugaise des années 1960 vers la France et l’Europe’, que contará com a participação de vários investigadores portugueses e franceses, em particular pela importância desta emblemática cidade de Hendaya no fenómeno migratório português naquele período. Este colóquio é organizado pelo Comité Aristides de Sousa Mendes e pelo RAHMI, e conta com o apoio do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Ministère des Affaires Etrangères, Cité Nationale de l’histoire de l’immigration e Município de Fafe - Museu das Migrações e das Comunidades.

Estes eventos luso-franceses visam dar a conhecer a participação portuguesa na reconstrução da França no pós 2ª Guerra Mundial, valorizando a presença e integração da comunidade portuguesa, hoje parte integrante daquele país.

Fonte: http://bloguedominho.blogs.sapo.pt/



publicado por Carlos Gomes às 18:44
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 4 de Outubro de 2012
CONFRARIAS GASTRONÓMICAS PREPARAM CONGRESSO

capture2

MAPA DE EVENTOS 2012

04-10-2012

26 de Outubro de 2012 – Vº Congresso Nacional da

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DAS CONFRARIAS GASTRONÓMICAS

Capítulos das Confrarias Federadas – 2012

_ 06 de Outubro – Confraria Gastronómica “Gastrónomos dos Açores” – S. Miguel – Açores

_ 06 de Outubro – Confraria dos Gastrónomos do Algarve – Portimão

_ 13 de Outubro – Real Confraria da Matança do Porco – Miranda do Corvo

_ 27 de Outubro - Confraria Saberes e Sabores da Beira “Grão Vasco” – Viseu

_ 09, 10 e 11 de Novembro – Confraria do Bucho de Arganil - S. Martinho da Cortiça – Arganil

_ 17 de Novembro – Confraria da Gastronomia do Ribatejo – Santarém

_ 17 de Novembro – Confraria do Medronho – Avô

_ 24 de Novembro – Confraria Queirosiana – Vila Nova de Gaia

_ 24 de Novembro – Confraria da Marmelada de Odivelas – Odivelas

_ 01 de Dezembro – Confraria dos Nabos e Companhia – Carapelhos

_ 01 de Dezembro – Confraria da Raça Arouquesa – Arouca

_ 08 de Dezembro – Confraria Gastronómica do Cabrito e Serra do Caramulo

_ 15 de Dezembro – Confraria dos Ovos Moles de Aveiro – Aveiro

_ Real Confraria do Maranho – Capítulo Interno

_ Confraria Gastronómica Pinhal do Rei – Capítulo Interno

_ Confraria do Bolo de Ançã – Capítulo Interno

_ Confraria do Bodo – Capítulo Interno

_ Confraria do Queijo Rabaçal – Capítulo Interno

_ Confraria do Velhote – Capítulo Interno

Capítulos das Confrarias Não Federadas – 2012:

_ 13 de Outubro – Confraria das Couves de Castelo Viegas – Castelo Viegas

_ 13 de Outubro – Confraria Gastronómica dos Carolos e Papas de Milho – Tondela

_ 14 de Outubro – Confraria do Bolo Podre e Gastronomia de Montemuro – Castro Daire

_ 27 de Outubro – Confraria da Pedra – Madalena – VN Gaia

Eventos 2012:

_ 09 a 11 de Novembro – I ENCONTRO IBÉRICO DE CONFRARIAS – GUIMARÃES

_ 29 de Setembro a 07 de Outubro – VI Festival Gastronómico do Achigã – Vila de Rei

_ 03 a 07 de Outubro – Feira Nacional dos Frutos Secos – Torres Novas

_ 05 a 07 de Outubro – VII Feira do Feijão Frade – Lardosa – Castelo Branco

_ 05 a 07 de Outubro – Porto.come – Porto

_ 05 a 07 de Outubro – Festa das Vindimas – Ponte da Barca

_ 05 a 07 de Outubro – IV Mostra de doçaria Conventual e Regional de Coimbra – Quartel da Brigada de Intervenção – Coimbra

_ 05 a 07 de Outubro – Festival Islâmico – Marvão

_ 05 a 14 de Outubro – 1ª Semana Gastronómica da Quinta do Conde – Sesimbra

_ 06 Outubro – XVII Feira da Maçã Bravo de Esmolfe – Penalva do Castelo

_ 06 e 07 de Outubro – I Edição da Rota do Cabrito – Sever do Vouga

_ 06 e 07 de Outubro – Festa das Colheitas – Castro Daire

_ 07 de Outubro – Feira de Mel Monofloral de Eucalipto – Antuã

_ 12 de Outubro – Jornadas do medronho – Escola Superior Agrária de Coimbra – Coimbra

_ 12 de Outubro – Fórum Regional dos Vinhos Verdes – Ponte de Lima

_ 12 a 14 de Outubro – Festa da Maçã – Camacha – Madeira

_ 13 de Outubro – VI Festival Gastronómico da Enguia – Confraria Gastronómica O Moliceiro

_ 13 e 14 de Outubro – 4º Festival do Casqueiro – Pão, Bolos e Tradições – Idanha-a-Nova

_ 13 e 14 de Outubro – XI Festa da Castanha – Oliveira do Hospital

_ 13 a 21 de Outubro – Festa das Adiafas – festival nacional do Vinho Leve – Cadaval

_ 16 de Outubro - O Futuro da Alimentação: Ambiente, Saúde e Economia – Ciclo de Conferências – Alimentação, Agricultura e Ambiente - Fundação Calouste Gulbenkian – Lisboa

_ 16 a 21 de Outubro – Festival da Sopa – Góis

_ 17 a 21 de Outubro – Alentejo das Gastronomias Mediterrânicas – Portalegre

_ 19 a 21 de Outubro – IV Mostra Gastronómica “Sabores de Ansião” – Ansião

_ 19 a 21 de Outubro – Festival Vinícola da Região do Douro Superior – Foz Côa

_ 21 de Outubro – III Mostra de Doçaria Conventual – Pereira - Montemor-o-Velho

_ 26 a 28 de Outubro – Festa da Castanha – Vinhais

_ 26 a 28 de Outubro – Wine in Azores 2012 fish and meat – Portas do Mar – Açores

_ 27 de Outubro – Sopas, condutos, doces e paladares dos nossos bisavós – Mealhada

_ 27 e 28 de Outubro – Festival do Negalho da Bairrada – Murtede – Cantanhede

_ 27 de Outubro a 04 de Novembro – Feira dos Santos à Mesa – Mangualde

_ 28 de Outubro – Programa do Magusto – Góis

_ 28 de Outubro – Feira da Castanha – Mortágua

_ 29 a 30 de Outubro - Feira Nacional de Doçaria Tradicional – Abrantes

_ 29 de Outubro a 01 de Novembro – III Festa da Truta – Góis

_ Outubro – Mostra de Frutos Secos – Paderne – Albufeira

_ Outubro – Festa das Colheitas – Pampilhosa – Mealhada

_ Outubro – Passeio Gastronómico – Carregal do Sal

_ Outubro/Novembro – Feira de Gastronomia de Santarém – Casa do Campino – Santarém

_ Outubro/Novembro – 6ª Festival Gastronómico da Broa d’Avanca – Estarreja

_ 01 de Novembro – Festa da Castanha – Curral das Freiras – Madeira

_ 01 de Novembro – Feira dos Santos, do Mel e da Castanha – Góis

_ 01 a 04 de Novembro – VII Feira de Doçaria Conventual – Figueiró dos Vinhos

_ 01 a 04 de Novembro – Fim-de-semana da Lampantana – Mortágua

_ 01 a 30 de Novembro – Festival do Cogumelo – Alcaide – Fundão

_ 01 de Novembro a 15 de Dezembro – Mês dos Míscaros e do Sarrabulho – Penacova

_ 02 de Novembro - O Futuro da Alimentação: Ambiente, Saúde e Economia – Ciclo de Conferências – Alimentação, Agricultura e Ambiente - Fundação Calouste Gulbenkian – Lisboa

_ 02 a 04 de Novembro – V Feira da Azeitona – Malpica do Tejo – Castelo Branco

_ 02 a 04 de Novembro – Mercado Magriço – Penedono

_ 02 a 05 de Novembro – Fim-de-Semana do Arroz de Bucho e dos Negalhos – Vila Nova de Poiares

_ 02 a 11 de Novembro – Festival Gastronómico do Mel e da Castanha – “Sabores de Outono” – Lousã

_ 03 de Novembro – Matança do porco à moda antiga – S. Martinho, castanhas e Vinho – Mealhada

_ 03 e 04 de Novembro – VI Mostra Gastronómica do Medronho e da Castanha – Oleiros

_ 08 a 11 de Novembro – Feira do Chocolate – Grândola

_ 09 a 11 de Novembro – Feira do Mel e da Castanha e Festival de Gastronomia – Lousã

_ 09 a 11 de Novembro – 16º Congresso de Obesidade – Hotel Olissippo Oriente – Lisboa

_ 09 a 11 de Novembro – Feira Nacional do Mel e Fórum nacional de Apicultura 2012 – Luso

_ 10 de Novembro – XV Festa da Castanha e do Vinho – Penalva do Castelo

_ 10 de Novembro – Encontro de Sopas – Oliveira do Bairro

_ 10 e 11 de Novembro – XIV Festa da Castanha e do Mel – S. Pedro do Sul

_ 11 de Novembro – IX Festa de S. Martinho – S. Pedro do Sul

_ 11 de Novembro - “Desfile Etnográfico alusivo ao Vinho e às Vindimas” e “Rainha das Vindimas de Alenquer” – Alenquer

_ 12 e 13 de Novembro – 10ª Feira do Porco e do Enchido – Oliveira do Hospital

_ 17 e 18 de Novembro – Feira do Mel e do Campo – Penacova

_ 24 e 25 de Novembro – Rota da Doçaria Serrana – As Tigelada, Bolo de Azeite e as Filhós – Pampilhosa da Serra

_ 25 a 27 de Novembro - 1.º Festival do Vinho, do Bordado e do Artesanato da Madeira – Madeira

_ 30 de Novembro a 02 de Dezembro - IX edição da Festival do Arroz Doce e da Doçaria Tradicional – Torres Novas

_ Novembro – Encontro Micológico – Pampilhosa – Mealhada

_ Novembro – Festa da Castanha – Carregal do Sal

_ 01 e 02 de Dezembro – VI Feira das Sopas – Escalos de Cima – Castelo Branco

_ 01 a 31 de Dezembro – Sabores de Inverno – Dezembro Gastronómico – Castanheira de Pêra

_ 01 a 31 de Dezembro – Mês do Cabrito – Penacova

_ 07 a 09 de Dezembro – Fim-de-semana Gastronómico Vivó Porco – Miranda do Corvo

_ 07 a 09 de Dezembro – Festa da Doçaria Tradicional de Natal – Vila Nova de Poiares

_ 07 a 09 de Dezembro – Mostra de Artes e Ofícios da Lousã e Gastronomia e Doçaria – Lousã

_ 08 e 09 de Dezembro – Fim de Semana do Cabrito – Penalva do Castelo

_ 13 de Dezembro - O Futuro da Alimentação: Ambiente, Saúde e Economia – Ciclo de Conferências – Alimentação, Cultura e Ética - Fundação Calouste Gulbenkian – Lisboa

_ 15 de Dezembro - Tertúlias Gastronómicas – Ovar

_ 22 e 23 de Dezembro – Feira de Natal/Feira da Filhó – Proença-a-Nova

_ Dezembro – mês do Cabrito – Penacova

Eventos 2013:

_ 11 a 21 de Janeiro – Semana da Chanfana – Vila Nova de Poiares

_ 01 de Fevereiro – XXI Feira/Festa do Pastor e do Queijo – Penalva do Castelo

_ 02 e 03 de Fevereiro – II Caça Sabores – Cantanhede

_ 08 a 10 de Fevereiro – Mostra Gastronómica “Sabores da Época em Terras do Demo – Vila Nova de Paiva

_ 23 e 24 de Fevereiro – XVI Festival da Lampreia de Penacova – Penacova

_ Fevereiro – Festa da Cabra: Chanfana, negalhos e ensopado de arroz – Mealhada

_ Fevereiro – Festa do Caldo e do Enchido – Carregal do Sal

_ 09 e 10 de Março – XXIV Feira do Queijo, dos Enchidos e do Mel e IV

Mostra de Gastronomia e Artesanato das Freguesias do Concelho – Tábua

_ 09 a 17 de Março – Rota da Lampreia e da Vitela – Sever do Vouga

_ 10 de Março – II Feira do Fumeiro – Vila Nova de Paiva

_ 16 e 17 de Março – XXII Festa do Queijo Serra da Estrela – Oliveira do Hospital

_ 23 de Março – IV Feira Gastronómica “Sabores Pascais” – Vila Nova de Paiva

_ 23, 24, 30 e 30 de Março – V Festival Gastronómico do Cabrito Estonado e do Maranho – Oleiros

_ 24 de Março – Feiro do Bolo de Ançã – Ançã

_ 26 de Março – Feira dos Nógados, pantufas e Bolo Finto – Vila Velha de Ródão

_ 27 a 31 de Março – Páscoa de Sabores – Góis 30 e 31 de Março e 05 a 07 de Abril – Fim-de-semana do Cabrito – Miranda do Corvo

_ 30, 31 de Março e 01 de Abril – Mostra Gastronómica “Sabores da Época em terra do Demo” - Vila Nova de Paiva

_ 30 de Março a 07 de Abril – Semana do Cabrito – Vila Nova de Poiares

_ Março – Festa do Folar – Pampilhosa – Mealhada

_ 01 a 30 de Abril – Mês do Cabrito – Castanheira de Pêra

_ 19 a 21 de Abril – 19ª Festa da Queijada de Pereira – Pereira - Montemor-o-Velho

_ 20 de Abril – Festival das Sopas – Alameda da Carvalha – Sertã

_ 25 de Abril a 01 de Maio – Semana Gastronómica da Chanfana – Miranda do Corvo

_ 26 a 28 de Abril – XV Mostra de Produtos regionais e III Feira do Petisco – Pedrógão Grande

_ 28 de Abril – Feira de Usos e Costumes – Mortágua

_ 25 e 26 de Maio – XI Feira da Doçaria Conventual de Tentúgal – Tentúgal - Montemor-o-Velho

CAPÍTULOS de Confrarias – Cabo Verde:

_ 31 de Março de 2013 – Confraria Congrog - Ilha de Santo Antão

CAPÍTULOS de Confrarias - Espanha:

_ 13 de Outubro – Cofradia Vino de Cangas - Cangas de Narcea - Astúrias

_ 20 de Outubro – Cofradia Queso Manchego – Toledo

_ 20 de Outubro - Cofradía de la Alubia de La Bañeza – La Baneza

_ 25 de Outubro a 01 de Novembro – Ordem del Camino de Santiago – Angola

_ 28 de Outubro – Cofradia de Aceite de Oliva de Navarra - Fontellas

_ Outubro – Cofradia del Queso de Gamoneu – Cangas de Onis - Asturias

_ Outubro – Cofradia do Centolo Larpeiro do Grove – Pontevedra

_ Outubro – Cofradia dos Vinos Rias Baixas, sserenisima Orde do Lagarino – Ribadumia – Pontevedra

_ 01 a 04 de Novembro – ExpoGalaecia – Feira Anual de Turismo de Vigo – Vigo

_ 03 de Novembro – Cofradia Aceite de Oliva de Navarra – Cascante – Navarra

_ 04 de Novembro – Cofradia l’Aigua – Caldas de Malavella – Girona

_ 10 e 11 de Novembro – Lo Mejor de la Gastronomia – Elche

_ 24 de Novembro – Cofradia de Vino de Rioja – Logrono – La Rioja

_ 25 de Novembro – Cofradia de Bacalao – Eibar

_ 02 de Dezembro – Cofradia Queimada en el Pais Vasco – Donostia – Gipuzkoa

_ 02 de Dezembro – Cofradia Euskal Herriko Bildotsa – Vitoria – Gasteiz

_ 16 de Dezembro – Cofradia Vasca de Gastronomia – Donostia – Gipuzkoa

_ 16 de Dezembro – Amigos do Vino da Ribeira Sacra – Monforte de Lemos – Lugo

CAPÍTULOS de Confrarias – França:

_ 14 de Outubro – Confrérie Palombe de Sara – Sara

_ 28 de Outubro – Confrérie Piment d’Espelette – Espelette

_ 04 de Novembro – Confrérie l’Operne – Biarritz

CAPÍTULOS de Confrarias – Bélgica:

_ 10 de Novembro – Confrérie des Wiyinmes de Méan – Leignon



publicado por Carlos Gomes às 11:50
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 3 de Outubro de 2012
COMUNIDADE PORTUGUESA EM FRANÇA SOLIDÁRIA COM VÍTIMAS DOS INCÊNDIOS EM OURÉM



publicado por Carlos Gomes às 19:00
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 14 de Setembro de 2012
CONFRARIAS PROMOVEM GASTRONOMIA PORTUGUESA

capture2

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DAS CONFRARIAS GASTRONÓMICAS

MAPA DE EVENTOS 2012

26 de Outubro de 2012 – Vº Congresso Nacional da FPCG

Capítulos das Confrarias Federadas – 2012

_ 29 de Setembro – Confraria Gastronómica da Panela ao Lume – Guimarães

_ 29 de Setembro – Confraria das Papas de S. Miguel – Oliveira de Azeméis

_ 05 de Outubro – Confraria Gastronómica “Gastrónomos dos Açores” – S. Miguel – Açores

_ 06 de Outubro – Confraria dos Gastrónomos do Algarve – Portimão

_ 13 de Outubro – Real Confraria da Matança do Porco – Miranda do Corvo

_ 09, 10 e 11 de Novembro – Confraria do Bucho de Arganil - S. Martinho da Cortiça – Arganil

_ 17 de Novembro – Confraria da Gastronomia do Ribatejo – Santarém

_ 24 de Novembro – Confraria Queirosiana – Vila Nova de Gaia

_ 24 de Novembro – Confraria da Marmelada de Odivelas – Odivelas

_ 01 de Dezembro – Confraria dos Nabos e Companhia – Carapelhos

_ 01 de Dezembro – Confraria da Raça Arouquesa – Arouca

_ 01 de Dezembro – Confraria dos Ovos Moles de Aveiro – Aveiro

_ 08 de Dezembro – Confraria Gastronómica do Cabrito e Serra do Caramulo

_ Real Confraria do Maranho – Capítulo Interno

_ Confraria Gastronómica Pinhal do Rei – Capítulo Interno

_ Confraria do Bolo de Ançã – Capítulo Interno

_ Confraria do Bodo – Capítulo Interno

_ Confraria do Queijo Rabaçal – Capítulo Interno

_ Confraria do Velhote – Capítulo Interno

Capítulos das Confrarias Não Federadas – 2012:

_ 13 de Outubro – Confraria das Couves de Castelo Viegas – Castelo Viegas

_ 14 de Outubro – Confraria do Bolo Podre e Gastronomia de Montemuro – Castro Daire

_ 27 de Outubro – Confraria da Pedra – Madalena – VN Gaia

Eventos 2012:

_ 09 a 11 de Novembro – I ENCONTRO IBÉRICO DE CONFRARIAS – GUIMARÃES

_ 01 a 16 de Setembro – Festival das Caldeiradas – Figueira da Foz

_ 01 a 30 de Setembro – Festa das Vindimas – Curia

_ 13 a 16 de Setembro – 15ª Mostra Gastronómica da Região da Gândara – Praia de Mira – Mira

_ 13 a 16 de Setembro – 5ª Mostra de Cultura, Artesanato e Gastronomia de Cedrim – Sever do Vouga

_ 14 a 16 de Setembro – Artcolheitas – Ponte de Lima

_ 15 de Setembro – II Festival Ibérico da Sardinha – Confraria dos Aromas e Sabores Raianos - Fuentes de Onoro – Fronteira de Espanha

_ 15 e 16 de Setembro – Feira de S. Mateus – Feira do Pão e dos Bolos Tradicionais – Vila Velha de Ródão

_ 15 e 16 de Setembro – Festival Gastronómico do Maranho e da Truta – Real Confraria do Maranho – Pampilhosa da Serra e Fajão

_ 15 e 16 de Setembro – II Feira da Tigelada, Arroz Doce, Broa de Mel e Bolo de Azeite – Castelo Branco

_ 15 e 16 de Setembro – Festa do Pêro – Ponta do Pargo – Madeira

_ 15 e 16 de Setembro – Festival do Maranho e da Truta – Pampilhosa da Serra

_ 21 de Setembro - VI Conferência da Sopa Regional, Nacional e Internacional – Fajã de Baixo – Ponta Delgada – Açores

_ 21 a 23 de Setembro – Festa do Sardoal – 6ª Edição da Feira Nacional do Fumeiro, Queijo e Pão – Sardoal

_ 21 a 23 de Setembro – Cestada de Venade – Caminha

_ 22 de Setembro – Festival da Sopa – Fajã de Baixo – Ponta Delgada – Açores

_ 22 de Setembro - 1º Encontro das Confrarias da Beiras – Confraria das Sardinhas Doces de Trancoso

_ 22 e 23 de Setembro – Mostra da Sidra – Madeira

_ 27 e 28 de Setembro – Dia Mundial do Turismo - Esposende

_ 27 a 30 de Setembro – Feira das Colheitas de Arouca – Arouca

_ 27 a 30 de Setembro – Feira à Moda Antiga 2012 – Braga

_ 28 a 30 de Setembro – Feira de São Miguel e das Nozes – Penela

_ 29 de Setembro – 1º Bodo de Leite – Confraria do Leite dos Açores – Arrifes, Açores

_ 29 e 30 de Setembro – Colheitas de Setembro – Esposende

_ 29 de Setembro a 07 de Outubro – VI Festival Gastronómico do Achigã – Vila de Rei

_ Setembro – Festa do Pescador – Albufeira

_ Setembro - Feira de Artesanato e Gastronomia - Vila Nova de Famalicão

_ Setembro – XXXI FICABEIRA e Feira do Mont’alto – Arganil

_ Setembro – Mostra de Produtos Naturais, Tradicionais, Gastronómicos e Medicinais alternativas – Pampilhosa – Mealhada

_ 03 a 07 de Outubro – Feira Nacional dos Frutos Secos – Torres Novas

_ 05 a 07 de Outubro – VII Feira do Feijão Frade – Lardosa – Castelo Branco

_ 05 a 07 de Outubro – Porto.come – Porto

_ 05 a 07 de Outubro – Festa das Vindimas – Ponte da Barca

_ 06 Outubro – XVII Feira da Maçã Bravo de Esmolfe – Penalva do Castelo

_ 06 e 07 de Outubro – I Edição da Rota do Cabrito – Sever do Vouga

_ 06 e 07 de Outubro – Festa das Colheitas – Castro Daire

_ 12 a 14 de Outubro – Festa da Maçã – Camacha – Madeira

_ 13 de Outubro – VI Festival Gastronómico da Enguia – Confraria Gastronómica O Moliceiro

_ 13 e 14 de Outubro – 4º Festival do Casqueiro – Pão, Bolos e Tradições – Idanha-a-Nova

_ 13 e 14 de Outubro – XI Festa da Castanha – Oliveira do Hospital

_ 16 de Outubro - O Futuro da Alimentação: Ambiente, Saúde e Economia – Ciclo de Conferências – Alimentação, Agricultura e Ambiente - Fundação Calouste Gulbenkian – Lisboa

_ 16 a 21 de Outubro – Festival da Sopa – Góis

_ 19 a 21 de Outubro – IV Mostra Gastronómica “Sabores de Ansião” – Ansião

_ 21 de Outubro – III Mostra de Doçaria Conventual – Pereira - Montemor-o-Velho

_ 26 a 28 de Outubro – Festa da Castanha – Vinhais

_ 27 de Outubro – Sopas, condutos, doces e paladares dos nossos

bisavós – Mealhada

_ 27 e 28 de Outubro – Festival do Negalho da Bairrada – Murtede –

Cantanhede

_ 27 de Outubro a 04 de Novembro – Feira dos Santos à Mesa – Mangualde

_ 28 de Outubro – Programa do Magusto – Góis

_ 28 de Outubro – Feira da Castanha – Mortágua

_ 29 a 30 de Outubro - Feira Nacional de Doçaria Tradicional – Abrantes

_ 29 de Outubro a 01 de Novembro – III Festa da Truta – Góis

_ Outubro – Mostra de Frutos Secos – Paderne – Albufeira

_ Outubro – Festa das Colheitas – Pampilhosa – Mealhada

_ Outubro – Passeio Gastronómico – Carregal do Sal

_ Outubro/Novembro – Feira de Gastronomia de Santarém – Casa do Campino – Santarém

_ Outubro/Novembro – 6ª Festival Gastronómico da Broa d’Avanca –

Estarreja

_ 01 de Novembro – Festa da Castanha – Curral das Freiras – Madeira

_ 01 de Novembro – Feira dos Santos, do Mel e da Castanha – Góis

_ 01 a 04 de Novembro – VII Feira de Doçaria Conventual – Figueiró dos Vinhos

_ 01 a 04 de Novembro – Fim-de-semana da Lampantana – Mortágua

_ 01 a 30 de Novembro – Festival do Cogumelo – Alcaide – Fundão

_ 01 de Novembro a 15 de Dezembro – Mês dos Míscaros e do Sarrabulho – Penacova

_ 02 de Novembro - O Futuro da Alimentação: Ambiente, Saúde e Economia – Ciclo de Conferências – Alimentação, Agricultura e Ambiente - Fundação Calouste Gulbenkian – Lisboa

_ 02 a 04 de Novembro – V Feira da Azeitona – Malpica do Tejo – Castelo Branco

_ 02 a 05 de Novembro – Fim-de-Semana do Arroz de Bucho e dos Negalhos – Vila Nova de Poiares

_ 02 a 11 de Novembro – Festival Gastronómico do Mel e da Castanha – “Sabores de Outono” – Lousã

_ 03 de Novembro – Matança do porco à moda antiga – S. Martinho, castanhas e Vinho – Mealhada

_ 03 e 04 de Novembro – VI Mostra Gastronómica do Medronho e da Castanha – Oleiros

_ 09 a 11 de Novembro – Feira do Mel e da Castanha e Festival de Gastronomia – Lousã

_ 09 a 11 de Novembro – 16º Congresso de Obesidade – Hotel Olissippo Oriente – Lisboa

_ 10 de Novembro – XV Festa da Castanha e do Vinho – Penalva do Castelo

_ 10 de Novembro – Encontro de Sopas – Oliveira do Bairro

_ 10 e 11 de Novembro – XIV Festa da Castanha e do Mel – S. Pedro do Sul

_ 11 de Novembro – IX Festa de S. Martinho – S. Pedro do Sul

_ 11 de Novembro - “Desfile Etnográfico alusivo ao Vinho e às Vindimas” e “Rainha das Vindimas de Alenquer” – Alenquer

_ 12 e 13 de Novembro – 10ª Feira do Porco e do Enchido – Oliveira do Hospital

_ 17 e 18 de Novembro – Feira do Mel e do Campo – Penacova

_ 24 e 25 de Novembro – Rota da Doçaria Serrana – As Tigelada, Bolo de Azeite e as Filhós – Pampilhosa da Serra

_ 25 a 27 de Novembro - 1.º Festival do Vinho, do Bordado e do Artesanato da Madeira – Madeira

_ Novembro – Encontro Micológico – Pampilhosa – Mealhada

_ Novembro – Festa da Castanha – Carregal do Sal

_ 01 e 02 de Dezembro – VI Feira das Sopas – Escalos de Cima – Castelo Branco

_ 01 a 31 de Dezembro – Sabores de Inverno – Dezembro Gastronómico – Castanheira de Pêra

_ 01 a 31 de Dezembro – Mês do Cabrito – Penacova

_ 07 a 09 de Dezembro – Fim-de-semana Gastronómico Vivó Porco – Miranda do Corvo

_ 07 a 09 de Dezembro – Festa da Doçaria Tradicional de Natal – Vila Nova de Poiares

_ 07 a 09 de Dezembro – Mostra de Artes e Ofícios da Lousã e Gastronomia e Doçaria – Lousã

_ 08 e 09 de Dezembro – Fim de Semana do Cabrito – Penalva do Castelo

_ 13 de Dezembro - O Futuro da Alimentação: Ambiente, Saúde e Economia – Ciclo de Conferências – Alimentação, Cultura e Ética - Fundação Calouste Gulbenkian – Lisboa

_ 15 de Dezembro - Tertúlias Gastronómicas – Ovar

_ 22 e 23 de Dezembro – Feira de Natal/Feira da Filhó – Proença-a-Nova

_ Dezembro – mês do Cabrito – Penacova

Eventos 2013:

_ 11 a 21 de Janeiro – Semana da Chanfana – Vila Nova de Poiares

_ 01 de Fevereiro – XXI Feira/Festa do Pastor e do Queijo – Penalva do Castelo

_ 02 e 03 de Fevereiro – II Caça Sabores – Cantanhede

_ 08 a 10 de Fevereiro – Mostra Gastronómica “Sabores da Época em Terras do Demo – Vila Nova de Paiva

_ 23 e 24 de Fevereiro – XVI Festival da Lampreia de Penacova – Penacova

_ Fevereiro – Festa da Cabra: Chanfana, negalhos e ensopado de arroz – Mealhada

_ Fevereiro – Festa do Caldo e do Enchido – Carregal do Sal

_ 09 e 10 de Março – XXIV Feira do Queijo, dos Enchidos e do Mel e IV Mostra de Gastronomia e Artesanato das Freguesias do Concelho – Tábua

_ 09 a 17 de Março – Rota da Lampreia e da Vitela – Sever do Vouga

_ 10 de Março – II Feira do Fumeiro – Vila Nova de Paiva

_ 16 e 17 de Março – XXII Festa do Queijo Serra da Estrela – Oliveira do Hospital

_ 23 de Março – IV Feira Gastronómica “Sabores Pascais” – Vila Nova de Paiva

_ 23, 24, 30 e 30 de Março – V Festival Gastronómico do Cabrito Estonado e do Maranho – Oleiros

_ 24 de Março – Feiro do Bolo de Ançã – Ançã

_ 26 de Março – Feira dos Nógados, pantufas e Bolo Finto – Vila Velha de Ródão

_ 27 a 31 de Março – Páscoa de Sabores – Góis 30 e 31 de Março e 05 a 07 de Abril – Fim-de-semana do Cabrito – Miranda do Corvo

_ 30, 31 de Março e 01 de Abril – Mostra Gastronómica “Sabores da Época em terra do Demo” - Vila Nova de Paiva

_ 30 de Março a 07 de Abril – Semana do Cabrito – Vila Nova de Poiares

_ Março – Festa do Folar – Pampilhosa – Mealhada

_ 01 a 30 de Abril – Mês do Cabrito – Castanheira de Pêra

_ 19 a 21 de Abril – 19ª Festa da Queijada de Pereira – Pereira - Montemor-o-Velho

_ 20 de Abril – Festival das Sopas – Alameda da Carvalha – Sertã

_ 25 de Abril a 01 de Maio – Semana Gastronómica da Chanfana – Miranda do Corvo

_ 26 a 28 de Abril – XV Mostra de Produtos regionais e III Feira do Petisco – Pedrógão Grande

_ 28 de Abril – Feira de Usos e Costumes – Mortágua

_ 25 e 26 de Maio – XI Feira da Doçaria Conventual de Tentúgal – Tentúgal - Montemor-o-Velho

CAPÍTULOS de Confrarias – Cabo Verde:

_ 31 de Março – Confraria Congrog - Ilha de Santo Antão

CAPÍTULOS de Confrarias - Espanha:

_ 15 de Setembro – III Festa e Capítulo de la Vendimia de Baena – Cofradia Vina y Vino de baena – Baena

_ 22 de Setembro – Cofradia Queso Manchego – Toledo

_ 22 de Setembro – Confradia Hongo y Seta de Navarra – Elgorriaga – Navarra

_ 22 de Setembro – Cofradia Vino de Cangas - Cangas de Narcea - Astúrias

_ 22 de Setembro – Cofradia Dona Gontrodo – Oviedo - Astúrias

_ 28 de Outubro – Cofradia de Aceite de Oliva de Navarra - Fontellas

_ 30 de Setembro – Cofradia Vinos y Viandas de Castilla – Leon - Valladolid

_ 01 a 04 de Novembro – ExpoGalaecia – Feira Anual de Turismo de Vigo – Vigo

_ 04 de Novembro – Cofradia l’Aigua – Caldas de Malavella – Girona

_ 10 e 11 de Novembro – Lo Mejor de la Gastronomia – Elche

_ 24 de Novembro – Cofradia de Vino de Rioja – Logrono – La Rioja

_ 25 de Novembro – Cofradia de Bacalao – Eibar

_ 02 de Dezembro – Cofradia Queimada en el Pais Vasco – Donostia – Gipuzkoa

_ 02 de Dezembro – Cofradia Euskal Herriko Bildotsa – Votoria – Gasteiz

_ 16 de Dezembro – Cofradia Vasca de Gastronomia – Donostia – Gipuzkoa

_ 16 de Dezembro – Amigos do Vino da Ribeira Sacra – Monforte de Lemos – Logo

CAPÍTULOS de Confrarias – França:

_ 30 de Setembro – Confrérie Corsaires Basques - St. Jean de Luz

_ 28 de Outubro – Confrérie Piment d’Espelette – Espelette

_ 04 de Novembro – Confrérie l’Operne – Biarritz



publicado por Carlos Gomes às 16:11
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 12 de Setembro de 2012
PRESIDENTE DA CÂMARA DE LOURDES (FRANÇA) ENCONTRA-SE EM FÁTIMA

Jean-Pierre Artiganave, maire do município francês de Lourdes, encontra-se em Fátima. No próximo dia 20 de setembro, pelas 20h00, realiza-se no Hotel Santa Maria um jantar-conferência subordinado ao tema “ Lourdes – Os Desafios de uma Cidade-Santuário”, iniciativa que contará com a sua participação.

113623jeannpierrenartiganave

Neste encontro serão abordados temas como: os principais desafios em matéria de turismo na cidade de Lourdes; a importância da colaboração entre entidades públicas e privadas e as oportunidades de parceria entre as cidades de Lourdes e Fátima.

O jantar terá um custo de 25 euros por pessoa e as inscrições deverão ser remetidas para o e-mail: gapae@ouremfatima.com ou pelo telemóvel 911 750 298, até ao próximo dia 17 de setembro.

O jantar/conferência é uma iniciativa conjunta do Município de Ourém e da ACISO – Associação Empresarial de Ourém e Fátima.



publicado por Carlos Gomes às 18:27
link do post | favorito
|

Terça-feira, 11 de Setembro de 2012
OURÉM E LE PLESSIS TRÉVISE CELEBRAM 20 ANOS DE GEMINAÇÃO

O Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca, participou este fim-de-semana nas comemorações oficiais dos 20 anos de geminação Ourém-Plessis Trévise, organizadas em parceria com o Clube Robert Schumann desta cidade francesa.

presidente 623

Segundo o Dr. Paulo Fonseca “não podíamos deixar de aceitar o convite para estarmos presentes, apesar das dificuldades financeiras que atravessamos”, pois “o município de Ourém atribui a maior importância a esta ligação pelo fato de haver uma comunidade emigrante nesta região de França que está devidamente integrada e que pode potenciar outro tipo de ligações que são absolutamente essenciais à Europa, quer na vertente cultural quer económica”.

Do programa de comemorações destacou as campanhas de angariação de fundos que a comunidade de emigrantes da região e a Câmara Municipal de Le Pléssis Trévise vão levar a cabo para ajudar as vítimas dos incêndios em Ourém e ainda o encontro com empresários locais, bem como com o conselho municipal e representantes da comunidade; o “Fórum das Associações” com alguns materiais promocionais de Ourém e a cerimónia de “renovação das assinaturas do juramento de geminação”.

As comemorações dos 20 anos de geminação vão prolongar-se até ao próximo ano com a assinatura da renovação do acordo em Ourém, por ocasião das Festas do Município.

O acordo de Geminação com Le Plessis-Trévise foi assinado a 13 de junho de 1992, em Ourém, pelo então Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Mário Albuquerque, e pelo Presidente da Câmara de Le Plessis-Trevise, Jean-Jacques Jégou. Em1993 foi feita assinatura semelhante na cidade de Le Plessis-Trévise.

presidente 606

presidente 586



publicado por Carlos Gomes às 19:06
link do post | favorito
|

Terça-feira, 14 de Agosto de 2012
OURÉM HOMENAGEIA COMENDADOR ARMANDO LOPES

O Município de Ourém prestou homenagem ao Comendador Armando Lopes com a atribuição do seu nome na toponímia da freguesia de Caxarias, sua terra natal. Na ocasião, o Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Dr. Paulo Fonseca valorizou a “forma simbólica” com que Armando Lopes foi homenageado, “perpetuando-se o seu nome nesta terra”, destacando a sua “força, energia e capacidade de ultrapassar obstáculos” e manifestando-se muito orgulhoso por o nome de Ourém ser levado pelo mundo fora pelas mãos deste ilustre oureense.

Por seu turno, o homenageado a quem coube descerrar a placa toponímica, num discurso visivelmente emocionado, agradeceu o empenho de todos “que não se esqueceram do filho que nasceu nesta terra”, lembrando que “um homem de Caxarias e do concelho de Ourém tem sempre motivos para não esquecer a terra”.

Armando Lopes recordou os tempos passados em Caxarias e fez uma retrospetiva pela sua vida até chegar a França, país onde “atravessei o deserto com muitas dificuldades”, circunstância que lhe permitiu crescer pois, como ele próprio considera, “é isso que forma os homens”.

Prestigiado empresário português em frança, Armando Lopes recebeu do Presidente da República Portuguesa, Dr. Mário Soares, o título de Comendador. Jacques Chirac, então Presidente da República Francesa, concedeu-lhe o título de Cavaleiro da Legião de Honra.

Armando Lopes é Presidente da OSA da US Créteil Lusitanos futebol (Liga 2 na França) e, entre os inúmeros projetos que abraçou, conta-se a Rádio ALFA de que é seu Presidente.

Natural de Urqueira, é o mais velho de uma família de três filhos. E, conforme ele próprio conta, “muito jovem acompanhou o seu avô na venda das feiras de gado, essas rotas de caminhadas de vários quilómetros de seis anos criança ouvindo seu avô falar-lhe da sua campanha militar durante a primeira Guerra Mundial”. Escutava com curiosidade “as descrições de um país enorme, aos olhos de paisagens exuberantes, onde monumentos históricos de insuperável beleza retratam o poderio histórico e político de povo e de um país, a França”. E é esse fascínio que sente por esse país que, aos dezassete anos de idade, o encaminham rumo a França, desembarcando na gare d’Austerlitz, iniciando uma nova vida plena de esforço mas coroada de glória.

388070_401192646594872_1528601597_n

555610_401192363261567_1436023460_n

599918_401192336594903_1983953555_n

430296_401192529928217_1868309548_n

483927_401192446594892_210068641_n

308976_401192589928211_870908387_n

484583_401192149928255_1021819897_n



publicado por Carlos Gomes às 12:17
link do post | favorito
|

Terça-feira, 10 de Julho de 2012
RÉPLICAS DAS LÂMPADAS PORTUGUESAS ROUBADAS POR NAPOLEÃO VÃO SER OFERECIDAS À CATEDRAL DE SANTIAGO DE COMPOSTELA

Teve lugar no passado fim-de-semana uma peregrinação organizada pela Real Irmandade de San Miguel del Ala, uma associação de fiéis canonicamente ereta na Arquidiocese de Santiago de Compostela e que juntou membros espanhóis e portugueses e Damas e Cavaleiros das Ordens Dinásticas e também representantes das Ordens da Santa Sé; de São João de Malta e da Santa Maria Teutónica e do Laicado Carmelitano.

OSEIRA - SANTIAGO 2012 068

A Real Irmandade de São Miguel da Ala é uma de oito associações da mesma soberana invocação que desde 2001 têm vindo a ser criadas em várias Dioceses do mundo e reunidas em Federação. A Real Irmandade toma o nome e os símbolos da antiga Ordem de São Miguel da Ala, a primeira Ordem Militar Portuguesa fundada por D. Afonso Henriques após o auxílio prestado por Cavaleiros da Ordem de Santiago Espanhola na tomada de Santarém aos Mouros em 1147. A Ordem foi aprovada mais tarde pelo Papa Alexandre III em 1171 e manteve a sua sede no Mosteiro Cisterciense de Alcobaça com uma Comenda no Mosteiro Cisterciense de Santa Maria de Oseira, na Galiza. A antiga Ordem Monástica Militar teve atividade registada em Portugal até 1834 altura em que todas as ordens religiosas foram extintas no reinado da Rainha D. Maria II. Pouco depois, a Ordem foi refundado no Vaticano pelo Rei D. Miguel I como Ordem Dinástica condecorativa da Casa Real Portuguesa.

A peregrinação que teve início no Mosteiro de Santa Maria de Oseira onde os Confrades foram recebidos pelos Monges de Cister contou com uma Missa para grupo e almoço convívio no Claustro para os convidados que incluíram Sua Alteza Real, o Duque de Bragança, Dom Duarte Pio, um grupo de religiosas Portuguesas e vários nobres e grandes de Espanha além dos Confrades.

Antes de partirem o grupo visitou a biblioteca e a famosa Botica do Mosteiro onde existem armas esculpidas da Ordem de São Miguel e onde os principais mentores da restaurada Botica de São João no Castelo de Ourém, nomeadamente Carlos Evaristo, Paulo Falcão Tavares e José António da Cunha Coutinho puderam deixar um exemplar do catálogo da exposição Ouriense.

A Fundação Histórico – Cultural Oureana sediada em Ourém, em nome do grupo, ofereceu à Comunidade Cisterciense uma especial Custódia para expor o Santíssimo Sacramento desenhada em forma de Nossa Senhora do Leite, Padroeira do Mosteiro.

Depois da estadia em Oseira o grupo partiu para Compostela onde foi recebido pelo Chanceler da Arquidiocese na Igreja de São Fructuoso onde presidiu a uma Velada de Armas para os novos Confrades da Real Irmandade Diocesana e onde houve um memorial e Guarda de Honra ao Rei Dom Manuel II, no 80º Aniversário do seu falecimento.

A peregrinação culminou com uma Missa Solene presidida pelo Senhor Arcebispo de Santiago de Compostela D. Julian Barrio Barrio, logo após uma receção no Paço Episcopal onde teve lugar a celebração de um Protocolo ente a Real Irmandade e a Arquidiocese sob o Alto Patrocínio da Casa Real Portuguesa. O Protocolo destina-se ao patrocínio do restauro e conservação do património histórico da Catedral, de preferência o de origem Portuguesa, e ainda à angariação de fundos para obras liturgicas ou de arte sacra para o Santuário.

Carlos Evaristo, Presidente da Fundação Oureana e Secretário Geral da Federação das Reais Irmandades na presença do Deão da Catedral, do Vigário Geral e do Chanceler da Diocese, do Juiz da Real Irmandade Luís de Castro Valle e Vice-Juiz Juan de Castro Valle e dos membros da Real Irmandade, anunciou que o primeiro contributo seria a oferta de duas lâmpadas em prata para a Capela do Santíssimo Sacramento da Catedral, réplicas das que foram oferecidas pelo Rei D. Dinis e a Rainha Santa Isabel e pela Rainha D. Maria I. Ambas as lâmpadas originais foram roubadas pelas tropas Francesas de Napoleão e derretidas aquando das invasões.

As réplicas em prata elaboradas por Carlos Evaristo terão cada uma delas um medalhão com as Armas da Casa Real, da Real Irmandade e as efígies da Rainha Santa Isabel e do Santo Condestável, dois dos maiores devotos Portugueses do Apóstolo São Tiago.

O dinheiro para as lâmpadas foi entregue na ocasião pela Real Irmandade ao Deão da Catedral que juntamente com o Presidente da Comissão do Património, irá supervisionar a fundição das mesmas em prata de lei.

Durante a Santa Missa presidida pelo Senhor Arcebispo, Carlos Evaristo, em nome do grupo, leu a invocação ao Senhor Santiago, pedindo por Portugal e os Portugueses nesta presente crise e pela Casa de Bragança, devota há séculos do Apóstolo e representada na celebração por Sua Alteza o Duque de Coimbra, D. Henrique de Bragança.

Já de regresso a Portugal os peregrinos visitaram o Santuário de Nossa Senhora de Fátima em Pontevedra onde renovaram a consagração à Virgem Santa Maria dos membros do Exército Azul.

A acompanhar os peregrinos estiveram as Relíquias Insignes do Santo Condestável São Frei Nuno de Santa Maria Álvares Pereira e uma Relíquia de São Tiago Apóstolo da Lipsanoteca da Fundação Oureana.

Gabinete de Relações Públicas
Ourem Castle Information Centre

ouremcastleinfocentre@gmail.com
096

IMG_1793

IMG_4463



publicado por Carlos Gomes às 13:21
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 25 de Junho de 2012
ESCRITORA JUDITE DA CRUZ APRESENTA O SEU LIVRO “AS TRADIÇÕES PORTUGUESAS EM FRANÇA”

A editora Tradisom Produções Culturais acaba de publicar o livro “As tradições portuguesas em França – A história do Folclore Português em Terras de França”, da autoria de Judite da Cruz. O livro será apresentado ao público no Consulado-Geral de Portugal em Paris, em sessão a ter lugar no próximo dia 29 de junho, a partir das 18 horas.

Entretanto, a escritora é hoje a convidada do programa “Alfa 19”, da Rádio ALFA, coordenado e apresentado por Artur Silva e a transmitir a partir das 19 horas (hora de França) dos seus estúdios nos arredores de Paris. A emissão pode ser seguida em direto através do seu site em http://www.radioalfa986.net/



publicado por Carlos Gomes às 17:54
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 15 de Junho de 2012
FRANÇA: RADIO ALFA ORGANIZA FESTA DOS SANTOS POPULARES EM CRÉTEIL, NOS ARREDORES DE PARIS



publicado por Carlos Gomes às 18:01
link do post | favorito
|

Domingo, 29 de Abril de 2012
VINHOS DE OURÉM DÃO-SE A PROVAR E A CONHECER ATRAVÉS DO CINEMA EM MONTPELLIER (FRANÇA)

O vinho Medieval de Ourém vai estar em destaque na cidade francesa de Montpellier. No próximo dia 8 de maio, vai ser exibido o filme “Mother Vine” do realizador americano, Ken Payton no qual o Medieval de Ourém é um dos vinhos focados neste documentário sobre alguns vinhos de Portugal.

O Engº André Gomes Pereira, Administrador da Quinta do Montalto, no Olival, vai estar presente para dar a provar aos presentes no certame os vinhos da nossa região.



publicado por Carlos Gomes às 22:10
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 17 de Fevereiro de 2012
ORQUESTRA TÍPICA DE OURÉM: TRINTA ANOS DE EXISTÊNCIA AO SERVIÇO DA MÚSICA TRADICIONAL DA NOSSA REGIÃO

Constituído em 1982, a Orquestra Típica de Ourém tem sido, ao longo de 30 anos de existência, um dos agrupamentos que melhor tem interpretado a música tradicional do Concelho de Ourém.

430900_252975404781043_179435872134997_593941_1102

Envergando os trajes caraterísticos da nossa região, a Orquestra Típica de Ourém é constituída por um coro misto, com cerca de 25 elementos, esquematizados a quatro vozes e por uma componente instrumental de 25 executantes, comportando vários naipes: bandolins, bandolas, bandoloncelo, guitarras, clarinetes, flauta, acordeão e percussão. Alguns dos temas são cantados a solo por elementos integrantes do coro.

Sob a regência do Maestro José António Santos, a orquestra tem vindo a recolher temas do folclore do concelho de Ourém, compondo novos arranjos para orquestra.

Ao longo da sua existência, a Orquestra Típica de Ourém tem sido um lídimo embaixador de Ourém no país e no estrangeiro onde tem apresentado condignamente a nossa música, nomeadamente em França e Espanha onde atuou respetivamente em Aulnay-sous-Bois, Plessis-Trévisse e no Festival Internacional de Instrumentos de Corda de Villarreal.

Em julho de 2005, esteve em digressão no arquipélago dos Açores, nas ilhas das Flores, Terceira e S. Miguel. Em 2010, esteve presente em Itália, no 47º Festival de Música Popular Europeia, EUROPEADE.

Em 2001, sob a regência do maestro Sérgio Poupado, a Orquestra Típica editou o seu primeiro cd. É composto maioritariamente por temas de autores oureenses, destacando-se Graziela Vieira, autora de cinco poemas e Armando Rodrigues, responsável pela composição e arranjo da maioria dos temas.

Em 2009 lançamos o CD Memórias. É o mais recente trabalho discográfico da Orquestra Típica de Ourém. Uma recolha do Cancioneiro popular oureense com novos arranjos do maestro José António Santos.

316358_179526228792628_179435872134997_401217_1416

307123_179952062083378_179435872134997_403009_1196

315826_179437598801491_179435872134997_400816_2130

309403_179952208750030_179435872134997_403011_7207

422478_252014824877101_179435872134997_591970_1987

298735_179952135416704_179435872134997_403010_9481

Fotos: Orquestra Típica de Ourém



publicado por Carlos Gomes às 02:00
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 30 de Janeiro de 2012
FADO JUNTA EMIGRANTES PORTUGUESES EM PARIS



publicado por Carlos Gomes às 18:56
link do post | favorito
|

Domingo, 22 de Janeiro de 2012
VINHOS DE OURÉM PRESENTES EM MONTPELLIER

A partir de amanhã e até à próxima quarta-feira, a Quinta do Montalto vai estar presente na MillesimeBio 2012, em Montpellier, a maior reunião do mundo de vinhos Bio. Criada em 1993 por meia dúzia de produtores com o intuito de divulgar os seus produtos, esta feira conta este ano com 580 produtores da Argentina, Áustria, Bulgária, Egipto, França, Alemanha, Itália, Roménia, África do Sul, Espanha, Suíça, Estados Unidos da América e claro está… Portugal!



publicado por Carlos Gomes às 19:59
link do post | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

PORTUGAL HOMENAGEIA GÉRAL...

PRESIDENTE DA REPÚBLICA H...

ALVAIAZERENSE NATÁLIA TEI...

FAFE E PENAFIEL HOMENAGEA...

ALVAIAZERENSE CONDECORADA...

PARIS HOMENAGEIA PORTEIRO...

LIVRO “GÉRALD BLONCOURT –...

PORTUGUESES ESTÃO DE LUTO...

GEMINAÇÃO UNE OURÉM E LOU...

ALUNOS DA ESCOLA PROFISSI...

ESCOLA DE HOTELARIA CELEB...

DESCENDENTE DE OUREENSES ...

NOSSA SENHORA DE FÁTIMA J...

PORTUGUESES FORÇADOS A AB...

PRIMEIRA GRANDE GUERRA CO...

NAS TRINCHEIRAS DA FLANDR...

MONUMENTO EM OURÉM AOS AN...

QUEM SÃO OS COMBATENTES D...

NOS INTERVALOS DA GUERRA,...

PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL C...

OURÉM ESTEVE REPRESENTADO...

OURÉM E LOURDES SÃO CIDAD...

OURÉM E LOURDES (FRANÇA) ...

VINHO MEDIEVAL DE OURÉM P...

OURÉM E LOURDES CELEBRAM ...

OURÉM GEMINA-SE COM LOURD...

BISPO DE TARBES E LOURDES...

COMUNIDADE PORTUGUESA EM ...

PORTUGAL, ESPANHA, FRANÇA...

OURÉM RECEBE COMITIVA DE ...

OURÉM RECEBE COMITIVA EM ...

PADRE DAVID BARREIRINHAS ...

PADRE DAVID BARREIRINHAS ...

EMIGRANTES DE OURÉM JUNTA...

EMIGRANTES DE OURÉM CONVI...

COMUNIDADE PORTUGUESA EM ...

MUSEU DAS MIGRAÇÕES (FAFE...

CONFRARIAS GASTRONÓMICAS ...

COMUNIDADE PORTUGUESA EM ...

CONFRARIAS PROMOVEM GASTR...

PRESIDENTE DA CÂMARA DE L...

OURÉM E LE PLESSIS TRÉVIS...

OURÉM HOMENAGEIA COMENDAD...

RÉPLICAS DAS LÂMPADAS POR...

ESCRITORA JUDITE DA CRUZ ...

FRANÇA: RADIO ALFA ORGANI...

VINHOS DE OURÉM DÃO-SE A ...

ORQUESTRA TÍPICA DE OURÉM...

FADO JUNTA EMIGRANTES POR...

VINHOS DE OURÉM PRESENTES...

arquivos

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

tags

todas as tags

links
Twitter
blogs SAPO
subscrever feeds