Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Ourém.

Segunda-feira, 5 de Setembro de 2016
“UM LOUVOR A MARIA” LEVA CÂNTICOS MARIANOS À BASÍLICA DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DE FÁTIMA

Concerto inserido no programa oficial do Centenário das Aparições, integra o Ciclo Ouvir Fátima.

O Grupo Vocal Ançãble, dirigido por Pedro Miranda, vai apresentar o concerto “Um Louvor a Maria”, no dia  9 de setembro pelas 21h00, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário, em Fátima. 

santfa (1).jpg

Este evento, que  integra o Ciclo Ouvir Fátima promovido no âmbito do programa celebrativo do Centenário das Aparições, apresentará várias expressões musicais com as quais os crentes têm expressado o seu louvor à Virgem Maria.

O programa proposto tem como ideia central percorrer as antífonas marianas, presentes na Liturgia das Horas para a hora de Completas.

Ocorrendo este ano o centenário da Aparição do Anjo, vão ser apresentadas, também,  duas obras dedicadas ao Anjo Custódio de Portugal, uma do séc. XVIII e outra do séc. XX.

Este espetáculo musical, pelo seu simbolismo e pela intima relação com uma dimensão mariana, é uma das propostas para um dos serões do Congresso Mariológico-Mariano Internacional, promovido pela Pontifícia Academia Mariana Internacional, com o apoio do Santuário de Fátima, que decorre na Cova da Iria de 6 a 11 setembro.

«A dimensão cultural é própria dos santuários cristãos, os quais têm sido e continuam a ser “centros de cultura” de inegável importância. Esta dimensão cultural configura-se como dimensão complementar àquela que é a identidade primordial de qualquer santuário como lugar de culto. Culto e cultura não são concorrentes e menos ainda se excluem mutuamente; e o Santuário de Fátima tem, ao longo dos anos, procurado conjugar ambos os aspetos, nunca perdendo de vista a sua missão eminentemente cultual e de evangelização», afirma o Pe. Carlos Cabecinhas, reitor do Santuário de Fátima.

O Pe. Vítor Coutinho, coordenador da Comissão Organizadora do Centenário das Aparições de Fátima, considera por seu lado que «As iniciativas culturais que aqui se apresentam são parte de um programa mais vasto que poderá ir ao encontro dos interesses de muitos homens e mulheres de boa vontade, proporcionando momentos de contemplação e de fruição estética contribuindo para uma reflexão fecunda e renovada”, promovendo uma aproximação a Deus.

O Grupo Vocal Ançãble, constituído por uma família de Ançã, dedicado sobretudo à Música Sacra Portuguesa, tem-se apresentado em público com uma frequência regular em Portugal, registando também intervenções em Itália, Espanha e Brasil.

O seu regente- Pedro Carlos Lopes de Miranda- é presbítero da diocese de Coimbra. Licenciado em História da Arte pela Universidade de Coimbra, completou o curso de flauta transversal no Conservatório de Música de Coimbra com o professor Bernard Ravel-Chapuis, em 1987. Atualmente é professor de Iniciação à Harmonia e Direção Coral na Escola Diocesana de Música Sacra. Dirige desde 1989 o Grupo Vocal Ançãble, com o qual se dedica especialmente à recuperação e promoção do património histórico e contemporâneo da música sacra portuguesa. Tem feito estrear diversos compositores em audição moderna ou absoluta.

A sua atividade de compositor foi publicamente reconhecida pelo segundo prémio no 1.º Concurso Nacional de Composição Coral, organizado pelo Coro Misto da Universidade de Coimbra, em 1987, e pela publicação de obras suas na revista da Academia Martiniana e ultimamente na Revista Libellus Usualis.



publicado por Carlos Gomes às 10:30
link do post | favorito
|

Domingo, 4 de Setembro de 2016
TOCADORES DE CONCERTINA RUMAM A PORTO DE MÓS

14045642_1107925055960885_6125870327084735008_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 13:09
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 29 de Agosto de 2016
OURÉM LEVA MÚSICA, DANÇA, ARTESANATO E GASTRONOMIA AO CONVENTO DE CRISTO NO PRÓXIMO DIA 4 DE SETEMBRO

No próximo domingo, dia 04 de setembro, o Convento de Cristo de Tomar é dinamizado pelo Município de Ourém. O programa de animação inclui música e dança, artesanato, gastronomia tradicional local, a cargo de agentes culturais de Ourém.

Ourém no Convento de Cristo_2.jpg

A iniciativa decorre  do protocolo celebrado entre a Comunidade Intermunicipal Médio Tejo e a Direção Geral do Património Cultural - Convento de Cristo - para o desenvolvimento de ações de promoção turística e cultural da região do Médio Tejo neste Monumento Património Mundial.

Em destaque, estará a promoção do Festival de Setembro na Vila Medieval de Ourém, nos dias 10 e 11 de setembro sob o tema “diáspora e cultura judaica”.

Esta mostra cultural é um aliciante cartão-de-visita aos patrimónios do concelho de Ourém e um óptimo pretexto para as pessoas visitarem este imponente Monumento Mundial. A visita é gratuita.

Programa

10h00 - 17h00: Recitais de música no Convento; mostra e venda de gastronomia tradicional local, de gastronomia de inspiração judaica e de artesanato; promoção cultural e turística de Ourém

11h00: Oficina pedagógica "A Moura Oureana" pelo Museu Municipal de Ourém

15h00: Espectáculo dança pela Arabesque - Academia de Dança e Representação

16h00: Concerto pela  Sociedade Filarmónica Ouriense



publicado por Carlos Gomes às 15:22
link do post | favorito
|

Sábado, 27 de Agosto de 2016
TOCADORES DE CONCERTINA RUMAM A PORTO DE MÓS

14045642_1107925055960885_6125870327084735008_n (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 09:58
link do post | favorito
|

Domingo, 21 de Agosto de 2016
DJUMBAI DJAZZ REALIZA CONCERTO EM OURÉM

Concerto com Djumbai Djazz

Dia 27 de agosto às 21h30

No Castelo de Ourém - Vila Mdieval de Ourém

Maio Coopé fundou o seu Djumbai Djazz corria o ano de 1999, em Lisboa, como um projecto de pesquisa intencionado a revisitar os ritmos sonâmbulizados na sua história pessoal com a sua Guiné-Bissau natal.

Ingresso: 5€ (Gratuito a crianças até 12 anos)

Bilhetes limitados à lotação do espaço

Reserva de bilhetes no Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

Horário de funcionamento: terça-feira a domingo – das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Contactos: tel.: 249540900 (6831) | tlm: 919585003 | 910502917 | museu@mail.cm-ourem.pt | www.museu.cm-ourem.pt

Concerto Djumbai Djazz agosto 2016.jpg



publicado por Carlos Gomes às 21:11
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 18 de Agosto de 2016
CORO DE BORDÉUS ATUA NO SANTUÁRIO DE FÁTIMA

Coro de Bordéus anima tarde do dia 21 de agosto na Basílica de Nossa Senhora Rosário de Fátima. Iniciativa insere-se no âmbito de um intercâmbio com o coro infanto juvenil do Santuário de Fátima

No âmbito do projeto de intercâmbio com a Schola Cantorum Pastorinhos de Fátima, o Santuário de Fátima apresenta no dia 21 de agosto, pelas 15h30 um concerto com o Choeur des Filles de la Maitrise de Bordeaux na Basílica de Nossa Senhora do Rosário. Sob direção de Alexis Duffaure, este coro feminino infanto-juvenil vai apresentar obras de J.S Bach, M.A. Charpentier, G.F. Telemann, Purcell, B.Britten e J. Rutter.

O coro feminino infanto-juvenil Choeur des Filles de la Maitrise de Bordeaux, criado em 2004 por Alexis Duffaure, é composto por 70 raparigas, com idades entre 8 a 20 anos. O coro conta com participantes oriundas de diferentes escolas de Bordéus.

Em 2014, o coral participou no Congresso Internacional dos Pueri Cantores em Paris, com mais de 5.000 jovens cantores de todo o mundo.

O seu repertório é focado principalmente na música sacra, e também dá espaço para obras seculares ou tradicionais de diferentes países do mundo.

Já a  Schola Cantorum Pastorinhos de Fátima, criada em 2001, é um projeto sob a coordenação do maestro e professor Paulo Lameiro, e conta com cerca de 40 crianças.
Com provas dadas nos muitos espetáculos e animações litúrgicas já realizados, os pequenos grandes artistas que tiveram como um dos momentos altos do seu currículo a saudação de acolhimento ao Papa Bento XVI, em 2010. 



publicado por Carlos Gomes às 08:10
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 15 de Agosto de 2016
VILA MEDIEVAL DE OURÉM RECEBE CONCERTO DE DJUMBAI DJAZZ

13939420_831661180267938_2482162044586027355_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 00:51
link do post | favorito
|

Terça-feira, 9 de Agosto de 2016
RODRIGO LEÃO ATUA NA VILA MEDIEVAL DE OURÉM EM SETEMBRO

Diáspora e cultura judaica é o tema que inspira a próxima edição do Festival de Setembro de 2016,” que decorre nos dias 10 e 11 de setembro no Centro Histórico de Ourém. Durante dois dias, a Vila Medieval vai ter uma cenografia que transporta os públicos para a herança histórica e as marcas culturais deixadas pelos judeus em Ourém. Este projeto cultural parte da forte base identitária de Ourém, valorizando o património e a história da Vila Medieval, e cruza-se com outras culturas e trajetórias identitárias, no país e no mundo, através da diáspora e do transnacionalismo.

Cartaz Festival Setembro 2016.jpg

Rodrigo Leão, referência incontornável no panorama musical português, Melech Mechaya e Pás de Problème, são as bandas nacionais de uma vasta programação que inclui concertos, dança, cinema, literatura, conferências, gastronomia, caça ao tesouro para os mais novos e visitas guiadas pelos patrimónios da Vila Medieval.

Destacam-se as conferências sobre a herança judaica, por Saul António Gomes, Carlos Veloso e Gabriel Steinhardt (presidente da direção da Comunidade Israelita de Lisboa); o lançamento do livro “A Inquisição em Ourém”, de Jorge Martins; a mostra de cinema e cultura "Judaica”, com a presença da sua diretora, Elena Piatok; e o espetáculo de dança contemporânea “diáspora e cultura judaica” pela Arabesque.

A dinamização nas ruas é contínua! À música antiga sefardita trazida pelas Louçanas, juntam-se os “dramaticamente rejubilantes” Drama e Beiço, e sucessivos concertos, em vários locais do burgo, que incluem participações das três bandas filarmónicas de Ourém, da AMBO e da Ourearte. Os restaurantes, as praças e o castelo vão ter gastronomia de inspiração judaica servida por restaurantes e coletividades.

A organização é do Município de Ourém. Associam-se várias parcerias, como as da OurémViva, Fundação da Casa de Bragança, Turismo do Centro, Instituto Politécnico de Tomar, Juntas de Freguesia de Nossa Senhora das Misericórdias e Piedade, Restaurantes da Vila Medieval e coletividades participantes no evento.

Trânsito condicionado na Vila Medieval

O Festival irá obrigar a medidas restritivas durante esse fim-de-semana, designadamente o corte de trânsito e restrições de estacionamento (salvaguardando emergências e situações fundamentadas). Os moradores/proprietários de estabelecimentos poderão levantar livros de trânsito na Galeria da Vila Medieval – Junta de Freguesia de Nossa Senhora das Misericórdias entre os dias 1 e 8 de setembro. Poderão utilizar estritamente o estacionamento municipal situado na encosta poente do castelo, excepto para cargas e descargas até 15 minutos para abastecimentos necessários no âmbito do evento. 

Pedimos antecipadamente compreensão pelos constrangimentos que estas medidas possam causar, assim como solicitamos o melhor envolvimento nesta iniciativa que se propõe dinamizar a Vila Medieval potenciando as suas melhores qualidades patrimoniais e históricas e valorizando a comunidade de Ourém.

Neste contexto, o Município de Ourém disponibilizará transporte gratuito de passageiros nos dias 10 e 11 de setembro, a partir do Centro de Negócios de Ourém até à Vila Medieval.

Ourém – Vila Medieval em Setembro

Património - História do Lugar – Multiculturalismo

Tema 2016: Diáspora e cultura judaica

10 e 11 de setembro na Vila Medieval de Ourém

Nos dias 10 e 11 de setembro, a Vila Medieval de Ourém vai ter uma cenografia que nos transporta para a herança histórica e cultural judaica em Ourém. Este projeto cultural parte da forte base identitária de Ourém, valorizando o património e a história da Vila Medieval, e cruza-se com outras culturas e trajetórias identitárias, no país e no mundo, através da diáspora e do transnacionalismo.

Rodrigo Leão é referência de uma vasta programação que inclui concertos, dança, cinema, literatura, conferências, gastronomia, caça ao tesouro para os mais novos e visitas guiadas pelos patrimónios da Vila Medieval. Nas ruas, à sefardita juntam-se danças e concertos. Nos restaurantes, nas praças e no castelo há sabores de inspiração judaica prontos a servir!

Dia 10 - Sábado

11h00 - Visita encenada à cripta do Conde de Ourém

             Local: Largo da Colegiada

15h00 - Abertura oficial 

               Sabores de inspiração judaica

               Música - Drama e Beiço

               Local: Largo da Colegiada

15h30 - Conferências sobre a herança judaica

             Saul António Gomes: “A presença judaica em Terras de Ourém”

             Carlos Veloso (Instituto Politécnico de Tomar): “Imagem do Judeu na Cultura Portuguesa”

             Gabriela J. Benner: "A imagem do judeu na arte medieval na Península Ibérica"             

             Local: Galeria da Vila Medieval

16h30 - Música - Drama e Beiço

               Local: Castelo

17h15 - Música - Associação Filarmónica 1.º de Dezembro     

              Local: Largo do Pelourinho

17h30 -  Judaica, Mostra de Cinema e Cultura

            Direção de Elena Piatok

            Documentário: A Escandalosa Sophie Tucker

            Realizador: William Gazecki

            EUA I 2015 I 96’

            Inglês; leg. português

           Local: Galeria da Vila Medieval

18h00 - Música - Drama e Beiço

               Local: Largo da Colegiada

18h30 - Danças tradicionais da Europa

              Local: Largo da Colegiada

20h00 - Música - Sociedade Filarmónica Ouriense

               Local: Largo da Colegiada

21h00 Música - Drama e Beiço

              Local: Largo do Pelourinho

 

22h00 - Concerto Mellech Mechaya

23h30 - Concerto Pás de Problème

               Local: Castelo

Dia 11 - domingo

9h30 - Curto-circuito “As vinhas do Vale das Silveiras”

             Local: Largo do Pelourinho

10h00 - Caça ao tesouro “Houve sinagoga em Ourém!”

               Local: Largo da Colegiada

12h00 - Sabores de inspiração judaica (início)

14h00 - Música sefardita - As Louçanas

               Local: Largo da Colegiada

15h00 - Espetáculo de dança contemporânea Diáspora e cultura judaica - Arabesque

               Local: Castelo

15h45 - Música de inspiração judaica - AMBO

               Local: Largo D. João Manso

16h00 - Lançamento do livro A Inquisição em Ourém, de Jorge Martins

               Intervenção do Presidente da direção da Comunidade Israelita de Lisboa, Gabriel Steinhardt

               Local: Pousada Conde de Ourém

17h00- Música sefardita - As Louçanas

              Local: Castelo

17h30 - Música Ourearte

               Local: Largo do Pelourinho

18h00 - Judaica, Mostra de Cinema e Cultura  

              Direção de Elena Piatok

              Documentário: Faça Hummus, Não Guerra

              Realizador: Trevor Graham

              Austrália | 2012  |77'

              Inglês, árabe e hebraico; leg. português

18h30 - Danças tradicionais da Europa

               Local: Largo da Colegiada

 19h30 - Música sefardita - As Louçanas

               Local: Largo da Colegiada

21h30 - Concerto Rodrigo Leão (Castelo)

Concertos, dança, cinema, literatura, conferências, gastronomia e visitas guiadas

Transfer entre o Centro de Negócios (cidade) e o Largo da Colegiada (Vila Medieval) durante o horário do festival.

Organização: Município de Ourém

Parceiros:

- OurémViva

- Fundação da Casa de Bragança

- Turismo do Centro

- Rede Portuguesa de Judiarias

- Instituto Politécnico de Tomar

- JUDAICA

- Junta de Freguesia de Nossa Senhora das Misericórdias

- Junta de Freguesia de Nossa Senhora da Piedade

- Pousada Conde de Ourém

- Restaurantes da Vila Medieval e coletividades participantes

Agradecimentos: Menemsha Fils; Yarra Bank Films



publicado por Carlos Gomes às 14:32
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 8 de Agosto de 2016
ORGANISTA GIAMPAOLO DI ROSA REALIZA CONCERTO NO SANTUÁRIO DE FÁTIMA

100 anos de Melodias Marianas no 5º concerto do Ciclo de Órgão na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

Concerto de Giampaolo Di Rosa realiza-se no dia 14 de agosto, pelas 15h30

O quinto concerto do Ciclo do Órgão, promovido pelo Santuário de Fátima no âmbito do Centenário das Aparições de Fátima, será realizado por Giampaolo Di Rosa, este domingo, dia 14 de agosto, pelas 15h30, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima.

concerpaolo.jpg

Giampaolo Di Rosa é o organista titular da Igreja de Santo António dos Portugueses, em Roma e da Catedral de Vila Real. O programa vai ser composto, na sua totalidade, por improvisações sobre hinos e melodias relacionados com Fátima, compostos e cantados ao longo destes 100 anos de história.

Giampaolo Di Rosa é doutorado em análise musical, completou na Europa os estudos de piano, órgão, cravo, música de câmara, interpretação historicamente informada, composição, teoria e análise.

Com um repertório que abrange todas as épocas históricas, para além da improvisação das próprias obras e transcrições para órgão, o músico interpreta ciclos integrais de alguns compositores, entre os quais Johann Sebastian Bach, desenvolve atividade de concertista no mundo inteiro e dedica-se, também, ao ensino, investigação e assessoria para diferentes instituições, como a Santa Casa da Misericórdia de Guimarães e a Catedral de León em Espanha. Assumiu, desde 2008, a direção artística para a atividade musical do Instituto Português de Santo António, em Roma. O Presidente da República conferiu-lhe, em 2010, o grau de Oficial do Infante D. Henrique

Giampaolo Di Rosa é um dos seis organistas convidados pelo Santuário de Fátima para o Ciclo do órgão, composto por seis concertos e que integra o vasto programa musical oferecido pelo Santuário da Cova da Iria no âmbito do Centenário das Aparições de Fátima, propondo um repertório criado em diversas épocas e geografias, com estilos variados.

Os peregrinos de Fátima podem escutar obras que representam períodos de 100 anos de música alemã, francesa, música sacra, música contemporânea e, ainda, hinos marianos.

Estes concertos, que permitirão a fruição das capacidades expressivas do órgão de tubos da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, re-estruturado, prolongam-se até outubro.

No próximo, a 9 de outubro, o organista titular do Santuário de Fátima, João Santos, interpretará 100 Anos de Música Francesa, encerrando este Ciclo.



publicado por Carlos Gomes às 14:12
link do post | favorito
|

Sábado, 6 de Agosto de 2016
MUSEU MUNICIPAL DE OURÉM DÁ MÚSICA ÀS QUINTAS-FEIRAS

Quintas com música agosto 16.jpg



publicado por Carlos Gomes às 12:30
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 21 de Julho de 2016
AMANHÃ HÁ JAZZ NA PRAÇA EM OURÉM

JazznaPraca (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 00:02
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 20 de Julho de 2016
TÓ TRIPS E JOÃO DOCE ATUAM NA VILA MEDIEVAL DE OURÉM

Tó Trips, fundador de vários projetos musicais de sucesso e considerado um dos músicos portugueses mais respeitados da atualidade, está de volta à Vila Medieval de Ourém. No próximo dia 23 de julho, pelas 21h30, o Castelo Medieval vai receber o fundador dos Dead Combo, desta vez acompanhado pelo percussionista angolano João Doce.

Cartaz_Tó_Trips_e_João_Doce (2).jpeg

João Doce conheceu Tó Trips em 2004, na tour dos Wraygunn e aí nasceu uma forte amizade. “Sumba” nasce da necessidade criativa de dois músicos talentosos que, acima de tudo, são amigos. É um exercício livre, espontâneo, experimental e tribalista. Tal como a Ilha de Sumba na Indonésia, também estes 5 temas primam pela biodiversidade.

Os bilhetes que dão acesso ao concerto têm o custo de 5€ e são limitados à lotação do espaço. Pode garantir o seu presencialmente, no Museu Municipal de Ourém - Casa do Administrador, ou através dos contactos telefónicos 249 540 900 (ext. 6831) e 910 502 917, ou ainda, se preferir, realizar a reserva através do e-mail museu@mail.cm-ourem.pt.

Mais informações sobre a temporada de concertos na Vila Medieval de Ourém aqui: http://www.ourem.pt/attachments/article/2382/Flyer%20Concertos%20Vila%20Medieval%20Verso%202016%20copiar.pdf

 



publicado por Carlos Gomes às 14:29
link do post | favorito
|

Terça-feira, 19 de Julho de 2016
OURÉM TEM “MÚSICAS NA PRAÇA” DURANTE TODO O VERÃO

O Município de Ourém vai proporcionar aos ourienses concertos com diferentes sonoridades que vão animar as noites de verão, na Praça Dr. Agostinho Albano de Almeida. Nas próximas sextas-feiras de julho e agosto (excluindo o dia 5 de agosto em que se celebra a Festa das Comunidades Portuguesas), os ourienses terão a oportunidade de usufruir de concertos de jazz, fado, música popular portuguesa e música pop/alternativa, numa iniciativa que pretende dinamizar as Praças da Cidade.

JazznaPraca.jpg

O primeiro espetáculo está agendado para o próximo dia 22 de julho com a atuação da banda de jazz “Lady Sunday”, a partir das 22h30. A fechar o mês de julho, segue-se no dia 29 a banda de covers “Zukutru”. A 12 de agosto será dado destaque à música popular portuguesa, com a atuação dos ourienses “Romeiros”. Na sexta-feira, dia 19 de agosto, o palco da Praça Dr. Agostinho Albano de Almeida será a casa de uma noite de fados, e a finalizar a programação a banda “Sigma” de covers alternativos atuará a 26 de agosto.

A programação da iniciativa “Músicas na Praça” tem por objetivo animar as ruas da Cidade de Ourém e proporcionar oferta cultural diversificada e de qualidade durante todo o verão, a todos os munícipes. A entrada nos espetáculos é livre.



publicado por Carlos Gomes às 21:21
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 18 de Julho de 2016
SANTUÁRIO DE FÁTIMA REALIZA OFICINAS MUSICAIS CRIATIVAS

Segunda edição das Oficinas Musicais Criativas 2016 terminou este domingo

Atividade inserida nas comemorações do Centenário das Aparições contou com oito crianças dos 7 aos 10 anos

ofimusicriat.jpg

A segunda edição das Oficinas Musicais Criativas(OMC) de 2016 terminou este domingo com um espetáculo de música e teatro de sombras apresentado às famílias, no Centro Pastoral de Paulo VI, em Fátima, onde decorreu a iniciativa nos últimos quatro dias.

Inseridas na celebração do Centenário das Aparições, as OMC que se realizam pelo quarto ano consecutivo, repartidas este ano em três edições, permitiram, uma vez mais, desenvolver diferentes actividades, todas elas procurando aliar à componente musical a leitura e o  teatro, a dança e a pintura, ajudando as crianças a contactar de modo informal e de forma lúdica com os conteúdos da Mensagem de Fátima, num contexto de grande espiritualidade.

“Este ano apostámos particularmente na expressão dramática porque sentimos que as crianças estavam mais confortáveis” disse à Sala de Imprensa Helena Brites.

“Cada grupo é muito específico e temos de nos ajustar a ele. Este em particular não tinha grande experiência dos instrumentos musicais e por isso optámos por outras manifestações, mas estamos muito satisfeitas porque o objetivo foi plenamente alcançado”, disse ainda a monitora que juntamente com Tania Lhera orienta estas oficinas, contando com a colaboração das irmãs da Aliança de Santa Maria.

Privilegiando as atividades ao ar livre, os vários ateliês decorreram por todo o santuário mariano, desde o recinto aos Valinhos, Casa Museu, Casa das Candeias, exposições, Capelinha, Basílica de Nossa Senhora do Rosário e Basílica da Trindade, tornando as crianças verdadeiras protagonistas de aventuras, proporcionando-lhes diversão num contexto cristão e espiritualmente enriquecedor.

A sessão de encerramento da 2ª edição das OMC 2016, já com a presença dos pais, começou com a interpretação do Avé de Fátima, seguiu-se uma dança de grupo, e prosseguiu com um teatro de sombras, durante o qual foi narrada a história das aparições de Nossa Senhora. Terminou com um momento musical improvisado com declamação de algumas poesias feitas e ditas pelas próprias crianças.

Estas Oficinas realizam-se pelo quarto ano consecutivo, este ano com a particularidade de terem sido alargadas a bébés e crianças com menos de oito anos.

A experiência com os mais pequenos decorreu em abril e circunscreveu-se a 45 minutos por sessão com crianças entre os 4 meses e os sete anos de idade.

A terceira edição deste ano tem o inicio agendado para a próxima quinta feira, dia 21 de julho, prolongando-se até domingo e já conta com 17 jovens inscritos, com idades compreendidas entre os 11 e os 14 anos.



publicado por Carlos Gomes às 22:46
link do post | favorito
|

OURÉM REALIZA FESTA DAS COMUNIDADES PORTUGUESAS

Ourém promove Festa das Comunidades Portuguesas com Roberto Leal e Clemente

É já no próximo dia 5 de agosto que Ourém vai receber os artistas Roberto Leal e Clemente, dois nomes consagrados do panorama musical português que vão animar a Festa das Comunidades Portuguesas. Com este evento, o Município de Ourém pretende homenagear as comunidades portuguesas espalhadas pelo Mundo e, em particular, as comunidades ourienses que nesta altura do ano vêm até à sua terra natal.

FestaComunidadesPortuguesasagosto2016 (1).jpg

Ourém quer receber os seus conterrâneos de braços abertos com um grande programa festivo que contemplará a celebração do 45º aniversário de carreira dos artistas Roberto Leal e Clemente, e ainda as atuações do Grupo de Cantares Populares de Fontainhas de Seiça – ASCF e do Grupo de Cavaquinhos da Associação, Cultural, Recreativa e Desportiva de Moita Redonda.

A Festa das Comunidades Portuguesas decorrerá no Parque da Cidade António Teixeira com serviço de bar e restauração no recinto do espetáculo. Esta iniciativa de entrada livre é uma organização do Município de Ourém, em parceria com a empresa municipal OurémViva e a Fundação Histórico - Cultural Oureana.



publicado por Carlos Gomes às 22:35
link do post | favorito
|

Sábado, 16 de Julho de 2016
TÓ TRIPS E JOÃO DOCE REALIZAM CONCERTO NO CASTELO DE OURÉM

Concerto To Trips abril 2016.jpg



publicado por Carlos Gomes às 13:45
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 13 de Julho de 2016
TÓ TRIPS E JOÃO DOCE ATUAM NA VILA MEDIEVAL DE OURÉM

Tó Trips, fundador de vários projetos musicais de sucesso e considerado um dos músicos portugueses mais respeitados da atualidade, está de volta à Vila Medieval de Ourém. No próximo dia 23 de julho, pelas 21h30, o Castelo Medieval vai receber o fundador dos Dead Combo, desta vez acompanhado pelo percussionista angolano João Doce.

Cartaz_Tó_Trips_e_João_Doce (1).jpeg

João Doce conheceu Tó Trips em 2004, na tour dos Wraygunn e aí nasceu uma forte amizade. “Sumba” nasce da necessidade criativa de dois músicos talentosos que, acima de tudo, são amigos. É um exercício livre, espontâneo, experimental e tribalista. Tal como a Ilha de Sumba na Indonésia, também estes 5 temas primam pela biodiversidade.

Os bilhetes que dão acesso ao concerto têm o custo de 5€ e são limitados à lotação do espaço. Pode garantir o seu presencialmente, no Museu Municipal de Ourém - Casa do Administrador, ou através dos contactos telefónicos 249 540 900 (ext. 6831) e 910 502 917, ou ainda, se preferir, realizar a reserva através do e-mail museu@mail.cm-ourem.pt.

Mais informações sobre a temporada de concertos na Vila Medieval de Ourém aqui: http://www.ourem.pt/attachments/article/2382/Flyer%20Concertos%20Vila%20Medieval%20Verso%202016%20copiar.pdf



publicado por Carlos Gomes às 14:03
link do post | favorito
|

Terça-feira, 12 de Julho de 2016
SANTUÁRIO DE FÁTIMA ORGANIZA OFICINAS MUSICAIS

Santuário de Fátima promove Oficinas Musicais Criativas para crianças dos 8 aos 10 anos

Iniciativa realiza-se pelo quarto ano consecutivo e insere-se nas celebrações do Centenário das Aparições

sant2fat.jpg

O Santuário de Fátima realiza entre 14 e 17 de julho a quarta edição das Oficinas Musicais Criativas, destinadas a crianças entre os 8 e os 10 anos de idade.

O acolhimento das crianças decorrerá no dia 14 de julho a partir das 17h00, no Centro Pastoral de Paulo VI, em Fátima, onde decorrerá esta oficina, a segunda a ter lugar este ano.

Durante estes três dias, os jovens são convidados a partir à descoberta da mensagem e do fenómeno de Fátima através das artes performativas- teatro, dança e música- acompanhados de forma permanente pelas monitoras Helena Brites e Tânia Lhera e pelas religiosas da Aliança de Santa Maria.

Privilegiando as atividades ao ar livre, os vários ateliês decorrem por todo o santuário mariano, desde o Recinto aos Valinhos, Casa Museu, Casa das Candeias, Exposições, Capelinha, Basílica de Nossa Senhora do Rosário e Basílica da Trindade, para que os participantes se sintam verdadeiros protagonistas de aventuras e se possam divertir num contexto cristão e espiritualmente enriquecedor.

De 21 a 24 de julho realiza-se uma nova Oficina com crianças entre os 11 e os 14 anos de idade. Recorde-se que em abril o Santuário promoveu, pela primeira vez, uma oficina para bébés e crianças, entre os 4 meses e os sete anos, com uma duração mais reduzida.

Esta iniciativa insere-se no programa comemorativo do Centenário das Aparições, utilizando as artes como mediadores ilustrativos da vivência da mensagem de Fátima.

Para mais informações contactar comunicacaosocial@fatima.pt

 



publicado por Carlos Gomes às 16:40
link do post | favorito
|

Sábado, 2 de Julho de 2016
TÓ TRIPS E JOÃO DOCE REALIZAM CONCERTO NO CASTELO DE OURÉM

Concerto com Tó Trips e João Doce

Castelo de Ourém – Vila Medieval de Ourém

23 de julho - 21h30

Ingresso: 5€ (crianças até 12 anos gratuito)

Bilhetes limitados à lotação do espaço

Inscrições: Museu Municipal de Ourém, de terça a domingo das 9h às 13h e das 14h às 18h.

Tel: 249 540 900 (ext. 6831) ׀ tlm: 919 585 003 ׀ e-mail: museu@mail.cm-ourem.pt | www.museu.cm-ourem.pt

Co‐fundador de marcos da recente música nacional,como é o caso dos Dead Combo. Tó Trips lançou em 2009 o seu primeiro álbum a solo, ‘Guitarra66’. Regressou em 2015 com o novo disco “Guitarra Makaka Danças a um Deus Desconhecido”. Ao vivo, na senda de levar 3o “Guitarra Makaka” pelo país fora, Tó convidou e construiu um espectáculo cúmplice e entusiasmante com o percussionista João Doce, reputado músico angolano residente em Esmoriz, Aveiro, sobejamente (re)conhecido como membro dos Wray Gunn e colaborador de The Legendary Tigerman.

Concerto To Trips abril 2016.jpg

 



publicado por Carlos Gomes às 18:53
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 30 de Junho de 2016
SANTUÁRIO DE FÁTIMA REALIZA CICLO DE ÓRGÃO NA BASÍLICA DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DE FÁTIMA

100 anos de Música Sacra no 4º concerto do Ciclo de Órgão na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

Concerto de Filipe Veríssimo realiza-se no dia 10 de julho, pelas 15h30

O quarto concerto do Ciclo do Órgão, promovido pelo Santuário de Fátima no âmbito do Centenário das Aparições de Fátima, será realizado por Filipe Veríssimo, no próximo dia 10 de julho pelas 15h30, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima.

fatima100.jpg

 

Para além de duas obras referenciando temas marianos – A Tocata, Fuga e Hino sobre o Ave maris stella (1931) de Flor Peeters e Salve Regina (1877) de Franz Liszt - o organista titular da Igreja de Nossa Senhora da Lapa, no Porto, interpretará ainda a monumental Sinfonia da Paixão de Marcel Dupré, obra emblemática do início do séc. XX.

Filipe Veríssimo nasceu no Porto, em 1975. É licenciado em Música Sacra pela Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa, onde estudou Órgão (literatura e improvisação), Direção de Coro e Direção de Orquestra. Posteriormente aperfeiçoou os estudos de órgão em Paris com Olivier Latry e Eric Lebrun.

Em 2002 foi nomeado Mestre de Capela e Organista Titular da Igreja de Nossa Senhora da Lapa, no Porto. Desde então tem uma intensa atividade como organista e diretor de coro e de orquestra, promovendo e desenvolvendo a música para órgão e a música coral sacra e litúrgica em Portugal.

Realizou concertos nos principais festivais de música portugueses e europeus. Integrou uma equipa internacional de organistas que apresentou em diversos locais da Europa a obra La Revolte des Orgues para grande órgão, oito órgãos positivos e percussão do célebre organista e compositor Jean Guillou. Neste contexto destacam-se os concertos realizados na Catedral de Bordéus (2009), na Philharmonie em Gasteig de Munique (2010), na Philharmonie de Colónia (2010) e na Philharmonie de Gdansk (2011).

Enquanto Mestre de Capela, desenvolve um intenso trabalho que visa dotar a Igreja de Nossa Senhora da Lapa de uma estrutura musical ao nível das maiores Basílicas e Catedrais europeias, interpretando grandes temas da música internacional. Tem-se dedicado, ainda, à estreia de várias obras do Cónego Ferreira dos Santos e foi o organista da eucaristia presidida pelo Papa Bento XVI na Avenida dos Aliados, no Porto em 2010.

Em 2003, fundou o Porto Galante Ensemble, conjunto vocal e instrumental que se dedica à prática musical historicamente informada. Tem dirigido com regularidade a orquestra Concilium Musicum de Viena e a Orquestra Clássica da Madeira.

Filipe Veríssimo é um dos seis organistas convidados pelo Santuário de Fátima para o Ciclo do órgão, composto por seis concertos e que integra o vasto programa musical oferecido pelo Santuário da Cova da Iria no âmbito do Centenário das Aparições de Fátima, propondo um repertório criado em diversas épocas e geografias, com estilos variados.

Os peregrinos de Fátima podem escutar obras que representam períodos de 100 anos de música alemã, francesa, música sacra, música contemporânea e, ainda, hinos marianos.

Estes concertos, que permitirão a fruição das capacidades expressivas do órgão de tubos da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, re-estruturado, prolongam-se até outubro.

No próximo, a 14 de agosto, Giampaolo Di Rosa percorre 100 Anos de Melodias Marianas, com recurso a improvisações, e a 9 de outubro, o organista titular do Santuário de Fátima, João Santos, interpretará 100 Anos de Música Francesa, encerrando este Ciclo.

Os concertos são abertos ao público em geral.



publicado por Carlos Gomes às 20:48
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 8 de Junho de 2016
MUSEU MUNICIPAL DE OURÉM DÁ MÚSICA ÀS QUINTAS-FEIRAS

Quintas com Música no Museu

23 de JUNHO às 19h00

No Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

No próximo dia 23 de junho o Museu Municipal de Ourém levará a cabo mais uma edição da rubrica “Quintas com música no Museu”, com atuação da Associação Filarmónica 1º de Dezembro, numa iniciativa gratuita.

ENTRADA LIVRE

Horário de funcionamento: terça-feira a domingo – das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Contactos: tel.: 249540900 (6831) | tlm: 919585003 | 910502917 | museu@mail.cm-ourem.pt |www.museu.cm-ourem.pt

13346422_797044403729616_3571493179091555095_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 19:17
link do post | favorito
|

Terça-feira, 7 de Junho de 2016
ALBURITEL REALIZA FESTIVAL SONS DA SERRA

13014898_10209786502643168_729028882_n (1).png

 

 



publicado por Carlos Gomes às 23:58
link do post | favorito
|

Domingo, 5 de Junho de 2016
ALBURITEL RECEBE FESTIVAL SONS DA SERRA



publicado por Carlos Gomes às 10:56
link do post | favorito
|

RANCHO FOLCLÓRICO “MOLEIROS” DA RIBEIRA, DO OLIVAL E “ROMEIROS” DE OURÉM PARTICIPAM NA FEIRA INTERNACIONAL DE ARTESANATO EM LISBOA

À semelhança de anos anteriores, os “Artesãos Oureenses” vão levar à Feira Internacional de Artesanato os tecidos e os bordados típicos da nossa região, marcando desse modo presença e dando a conhecer os talentos artísticos da nossa região naquele que é considerado um dos maiores certames da especialidade. Pena é que não se verifique uma presença mais evidente de outros artesãos do concelho de Ourém e também na semana de gastronomia tradicional que decorre paralelamente a este evento, dando a conhecer as especialidades da nossa terra. A animar, vão estar presentes o Rancho Folclórico “Moleiros” da Ribeira, do Olival, e o Romeiros – Grupo de Música Tradicional de Ourém.

FIArtesanato 037

A Feira Internacional do Artesanato conta na sua 29ª edição com Alto Patrocínio do Presidente da República

De 25 de Junho a 3 de Julho a FIL, Fundação AIP, organiza a Feira Internacional de Artesanato e, pelo primeiro ano, conta com o Alto Patrocínio do Presidente da República. A maior festa intercultural na Península Ibérica e a segunda maior da Europa, organizada pela Fundação AIP com o apoio do IEFP, e que durante a sua história tem promovido todas as regiões e suas culturas, mobilizando as especificidades locais em prol do desenvolvimento nacional e crescimento económico, congratula-se com este acto de relevante simbolismo que, mais do que incentivar, responsabiliza a organização da FIA na continuação de um trabalho em que as tradições e o futuro crescem lado a lado.

Trechos Ourem2014 001

A 29ª edição da FIA Lisboa 2016 terá, como é habitual, um vasto programa em que constam exposições temáticas, prémios e concursos, ateliers, workshops, actuações musicais, jogos tradicionais e conferências. A FIA Lisboa 2016 assume-se como uma plataforma de excelência para a promoção do desenvolvimento regional e das culturas locais por via do artesanato, da gastronomia, das actividades culturais e turísticas, do património e recursos naturais e fontes de sustentabilidade da economia local, tendo aperfeiçoado, ao longo dos seus 28 anos de história, a simbiose entre economia e cultura, tradição e inovação.

A FIA traz à capital, durante 9 dias, profissionais e apreciadores dos ofícios artesanais, artes e design, agentes da área da gastronomia tradicional, bem como interessados no artesanato enquanto manifestação cultural. Como tal, a FIA Lisboa 2016 regressa à FIL com novidades. Em destaque estarão novas áreas de exposição como o Espaço Design Nacional by LxD – Lisboa Design Show, que irá promover peças de joalharia, vestuário, calçado, mobiliário, entre outros, de origem nacional e também terá o Espaço Mixmarket, dirigido ao sector multiproduto e de origem não étnica.

Por mais um ano consecutivo FIA Lisboa 2016 conta com a Semana da Gastronomia Tradicional, que salienta o atractivo turístico-cultural da gastronomia e vinhos de Portugal e que integra o 3º Festival de Carnes Portuguesas Certificadas (DOP) e a 2ªedição do Mercado da Cerveja Artesanal.



publicado por Carlos Gomes às 00:32
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 26 de Maio de 2016
OURÉM REALIZA ENCONTRO DE MÚSICA TRADICIONAL

13244636_506783116192274_1047001755225810820_n



publicado por Carlos Gomes às 11:07
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 25 de Maio de 2016
BASÍLICA DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DE FÁTIMA REALIZA CONCERTO DE MÚSICA CONTEMPORÂNEA

100 anos de Música Contemporânea preenchem 3º concerto do Ciclo de Órgão na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

Concerto de António Mota realiza-se no dia 5 de junho

O terceiro concerto do Ciclo do Órgão, promovido pelo Santuário de Fátima no âmbito do Centenário das Aparições de Fátima, será realizado por António Mota, no próximo dia 5 de junho pelas 15h30, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima.

unnamed

O organista, que é também docente de Órgão na Universidade de Aveiro, mantém uma intensa atividade académica materializada em diversos artigos e estudos relacionados com o órgão. O repertório abordará 100 anos de música contemporânea, incluindo no programa a significativa Suite Mariale de Maleingreau.

O Ciclo do Órgão, composto por seis concertos, integra o vasto programa musical oferecido pelo Santuário de Fátima no âmbito do Centenário das Aparições de Fátima e propõe um repertório criado em diversas épocas e geografias, com estilos variados.

Assim, todos os peregrinos de Fátima podem escutar obras que representam períodos de 100 anos de música alemã, francesa, música sacra, música contemporânea e, ainda, hinos marianos.

Estes concertos, que permitirão uma fruição das capacidades expressivas do órgão de tubos da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, re-estruturado, prolongam-se até outubro. O próximo - 100 Anos de Música Sacra - será empreendido pelo organista Filipe Veríssimo a 10 de julho; a 14 de agosto Giampaolo Di Rosa percorre 100 Anos de Melodias Marianas, com recurso a improvisações, e a 9 de outubro, o organista titular do Santuário de Fátima, João Santos, interpretará 100 Anos de Música Francesa, encerrando este Ciclo. Recorde-se que foi inaugurado por Olivier Latry, organista titular da Catedral de Notre-Dame de Paris, com a estreia mundial da obra encomendada pelo Santuário de Fátima para a inauguração do Órgão de tubos da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, Hû yeshûphekâ rô´sh, do compositor João Pedro Oliveira, baseada na primeira profecia sobre Maria, no Livro do Génesis.



publicado por Carlos Gomes às 10:02
link do post | favorito
|

Domingo, 22 de Maio de 2016
ALBURITEL REALIZA FESTIVAL SONS DA TERRA



publicado por Carlos Gomes às 16:32
link do post | favorito
|

Sábado, 14 de Maio de 2016
ALBURITEL REALIZA FESTIVAL SONS DA TERRA



publicado por Carlos Gomes às 21:49
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 11 de Maio de 2016
ALBURITEL REALIZA FESTIVAL SONS DA TERRA

PROMOTOR

Associação Cultural e Recreativa de Alburitel

PRODUÇÃO

Andamentos Produções

FICHA ARTÍSTICA

Amor Electro - 11 de Junho

Pedro Cazanova - 10 de Junho

David Antunes & Midnight Band + Pedro Fernandes - 10 de Junho

Menasso - 11 de Junho

Funkoff - 11 de Junho

The Peorth - 10 de Junho

PRÉ VENDA

Passe Geral - 10€ (Limitado ao stock existente)*

Passe Geral - 12€

*O Passe Geral a preço reduzido é limitado às unidades disponíveis para esta fase.

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

Inclui:

- Acesso ao Parque de Campismo

- Acesso dia 09 de Junho - Festa de Recepção ao Campista

- Acesso dias 10 e 11 de Junho - Festival



publicado por Carlos Gomes às 13:40
link do post | favorito
|

Terça-feira, 10 de Maio de 2016
OURÉM REALIZA NO OLIVAL ENCONTRO DE TOCADORES DE CONCERTINA



publicado por Carlos Gomes às 10:07
link do post | favorito
|

Sábado, 7 de Maio de 2016
OURÉM: OLIVAL JUNTA TOCADORES DE CONCERTINA E CANTADORES AO DESAFIO



publicado por Carlos Gomes às 15:34
link do post | favorito
|

Segunda-feira, 2 de Maio de 2016
OURÉM REALIZA ENCONTRO DE CONCERTINAS



publicado por Carlos Gomes às 22:51
link do post | favorito
|

Sábado, 30 de Abril de 2016
RODRIGO AMADO MOTION REALIZA CONCERTO NO TORREÃO DO CASTELO DE OURÉM

Rodrigo Amado Motion Trio realiza o seu próximo concerto no Torreão do Castelo de Ourém, o qual terá lugar no dia 14 de maio, no Torreão do Castelo da Vila Medieval de Ourém às 21h30.

Ingresso: 5€ (Gratuito a crianças até 12 anos)

Bilhetes limitados à lotação do espaço

Reserva de bilhete no Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

Horário de funcionamento: terça-feira a domingo – das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Contactos: tel.: 249540900 (6831) | tlm: 919585003 | 910502917 | museu@mail.cm-ourem.pt | www.museu.cm-ourem.pt

Próximas atuações:

23 julho – Tó Trips

27 agosto – Djumbai Djazz

https://youtu.be/6B99PZ4dbGE

Foi há pouco mais de dez anos que Rodrigo Amado iniciou discograficamente uma das mais sólidas carreiras do jazz português. Inaugurou os seus Lisbon Improvisation Players em 2002 e, desde então, exibe uma impressionante coleção de gravações e concertos que provam o seu poder de fogo criativo e a sua fácil amizade musical com importantes músicos nacionais e internacionais.

Desde a gravação do seu primeiro disco, “Live LxMeskla”, gravado em 2000, que Amado não reunia um projecto composto exclusivamente por músicos nacionais. Oito anos mais tarde, após inúmeros concertos realizados com formações ad-hoc, sentiu finalmente que estavam reunidas as condições para formar uma verdadeira “working band”. Foi assim que surgiu o Motion Trio, partilhado com o violoncelista Miguel Mira e o baterista Gabriel Ferrandini, projecto no qual uma profunda empatia musical projecta claro o som do grupo – o espírito do bop e o fogo do free unidos sob o signo da improvisação livre e da composição em tempo real.

Com o primeiro álbum do trio, editado em 2009, aclamado de imediato como um dos seus melhores trabalhos, e os quatro seguintes albuns a recolherem o aplauso unânime da crítica especializada internacional, com textos entusiásticos publicados em publicações de referência como as revistas Wire ou Signal to Noise, e ainda com colaborações bem sucedidas com os trombonistas Jeb Bishop e Steve Swell, o trompetista Peter Evans ou o pianista Matthew Shipp, o Motion Trio ganha velocidade e arrisca tornar-se a mais emblemática formação de Amado.



publicado por Carlos Gomes às 19:28
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 28 de Abril de 2016
ALBURITEL ORGANIZA FESTIVAL SONS DA TERRA

A A.C.R.Alburitel tem vindo a organizar anualmente um festival de música anteriormente designado como (Festa da Cerveja), o qual tem ano após ano vindo a ganhar relevância a nível local quer na oferta musical proposta, quer na quantidade de pessoas abrangidas.

Este ano a A.C.R.Alburitel vai apostar num festival de âmbito regional alterando por completo o figurino. Vamos mudar de nome para Festival Sons da Serra, vamos aumentar para 2 dias o festival (10 e 11 de Junho), e vamos mudar de localização optando por um local mais verde apropriado ao nome do próprio festival. Para além dos dias oficiais de Festival ainda iremos dispor de parque de campismo grátis para todos os Festivaleiros e no dia 9 de Junho haverá uma festa de receção aos campistas, que irá contar com a atuação de DJ's regionais.

O evento realizar-se-á nos dias 10 e 11 de Junho e irá contar com a presença de Amor Electro, David Antunes & the midnight band + Pedro Fernandes apresentador Big Picture, Dj Pedro Cazanova, Dj Menasso, The Peorth rock covers band e os Funkoff!

Os bilhetes gerais já se encontram à venda a preço promocional(10€) em todas as FNAC, Worten, Sportzone, CTT e através do site www.sonsdaserra.bol.pt



publicado por Carlos Gomes às 15:00
link do post | favorito
|

Quarta-feira, 27 de Abril de 2016
OURÉM PRESTA TRIBUTO AOS QUEEN

Kind of Magic & The Flashing Voices – Tribute to Queen em Ourém

Dia 29 de abril, pelas 21.30H, a banda “Kind of Magic & The Flashing Voices”, projeto de tributo aos Queen, traz ao Cineteatro Municipal de Ourém um concerto extra da “Greatest Hits Tour”.

A singularidade deste projeto constituído por 9 músicos, reside na abordagem feita à música dos Queen: a banda produz ao vivo a sonoridade sinfónica original.

Juntos, estes músicos transformam cada concerto, pela grandiosidade da música, energia em palco e envolvimento do público, numa celebração marcante do legado dos Queen.

A entrada tem o custo de 10€. Os bilhetes estão disponíveis no local (14.00H às 20.00H) ou efetuando reserva, através do 916 591 231 ou 249 543 666 (13.00H às 20.00H).

Este espetáculo é promovido pelo Município de Ourém e pela empresa municipal OurémViva.



publicado por Carlos Gomes às 21:08
link do post | favorito
|

ORGANISTA DO MOSTEIRO DOS JERÓNIMOS REALIZA CONCERTO DE MÚSICA ALEMÃ NO SANTUÁRIO DE FÁTIMA

100 anos de Música Alemã inauguram viagem por várias paragens musicais para Orgão. Organista titular da Igreja do Mosteiro de Santa Maria de Belém aborda a música alemã nos séculos XIX e XX

O Santuário de Fátima convida os amantes de órgão a assistir ao concerto do organista titular da Igreja do Mosteiro de Santa Maria de Belém (Mosteiro dos Jerónimos), António Esteireiro, que vai ter lugar no próximo dia 8 de maio, pelas 15h30, na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, onde interpretará várias obras de compositores alemães dos séculos XIX e XX.

unnamed

Trata-se do segundo de um ciclo de seis concertos que decorre neste espaço emblemático do Santuário, que acaba de ser intervencionado, nomeadamente com a re-estruturação do seu Grande Órgão de tubos.

Neste concerto serão apresentados alguns dos grandes clássicos do órgão deste período, como as Ave Maria, de Max Reger e Karg-Elert, mas também  Felix Mendelssohn, Franz Liszt e Julius Reubke.

O Ciclo do Órgão integra o vasto programa musical oferecido pelo Santuário de Fátima no âmbito do Centenário das Aparições de Fátima e propõe um repertório criado em diversas épocas e geografias, com estilos variados.

Assim, nos seis concertos deste ciclo todos os peregrinos de Fátima podem escutar obras que representam períodos de 100 anos de música alemã, francesa, música sacra, música contemporânea e, ainda, hinos marianos.

Estes concertos, que permitirão uma fruição das capacidades expressivas do órgão de tubos da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, prolongam-se até outubro. O próximo - 100 Anos de Música Contemporânea - será empreendido por António Mota no dia 5 de junho; a 10 de julho será a vez dos 100 Anos de Música Sacra, com o organista Filipe Veríssimo; a 14 de agosto Giampaolo Di Rosa percorre 100 Anos de Melodias Marianas e a 9 de outubro, o organista titular do Santuário de Fátima, João Santos, interpretará 100 Anos de Música Francesa.

Este Ciclo foi inaugurado por Olivier Latry, organista titular da Catedral de Notre-Dame de Paris, com a estreia mundial da obra encomendada pelo Santuário de Fátima para a inauguração do Órgão de tubos da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, Hû yeshûphekâ rô´sh, do compositor João Pedro Oliveira, baseada na primeira profecia sobre Maria, no Livro do Génesis.



publicado por Carlos Gomes às 16:27
link do post | favorito
|

OURÉM REALIZA FESTIVAL SONS DA TERRA

PROMOTOR

Associação Cultural e Recreativa de Alburitel – Ourem

PRODUÇÃO

Andamentos Produções

FICHA ARTÍSTICA

Amor Electro - 11 de Junho

Pedro Cazanova - 10 de Junho

David Antunes & Midnight Band + Pedro Fernandes - 10 de Junho

Menasso - 11 de Junho

Funkoff - 11 de Junho

The Peorth - 10 de Junho

PRÉ VENDA

Passe Geral - 10€ (Limitado ao stock existente)*

Passe Geral - 12€

*O Passe Geral a preço reduzido é limitado às unidades disponíveis para esta fase.

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

Inclui:

- Acesso ao Parque de Campismo

- Acesso dia 09 de Junho - Festa de Recepção ao Campista

- Acesso dias 10 e 11 de Junho - Festival



publicado por Carlos Gomes às 12:22
link do post | favorito
|

Terça-feira, 26 de Abril de 2016
OURÉM JUNTA TOCADORES DE CONCERTINA



publicado por Carlos Gomes às 21:27
link do post | favorito
|

TORREÃO DO CASTELO DE OURÉM RECEBE CONCERTO DE RODRIGO AMADO MOTION TRIO

O Concerto com Rodrigo Amado Motion Trio vai realizar-se no dia 14 de maio, às 21H30 no Torreão do Castelo de Ourém – Vila Medieval de Ourém.

Ingresso: 5€ (Gratuito a crianças até 12 anos)

Bilhetes limitados à lotação do espaço

Reserva de bilhete no Museu Municipal de Ourém – Casa do Administrador

Horário de funcionamento: terça-feira a domingo – das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Contactos: tel.: 249540900 (6831) | tlm: 919585003 | 910502917 | museu@mail.cm-ourem.pt | www.museu.cm-ourem.pt

Próximas atuações:

23 julho – Tó Trips

27 agosto – Djumbai Djazz

Foi há pouco mais de dez anos que Rodrigo Amado iniciou discograficamente uma das mais sólidas carreiras do jazz português. Inaugurou os seus Lisbon Improvisation Players em 2002 e, desde então, exibe uma impressionante coleção de gravações e concertos que provam o seu poder de fogo criativo e a sua fácil amizade musical com importantes músicos nacionais e internacionais. Em 2009, Rodrigo Amado junta o jovem baterista Gabriel Ferrandini ao generoso violoncelista Miguel Mira em Motion Trio, oficializando este título e formação como a sua mais eloquente working band. Depois de confrontar o Motion Trio com Paul Dunmall e Jeb Bishop (com quem gravaram o segundo álbum Burning live at Jazz ao Centro e prepararam The Flame Alphabet para ser editado na editora polaca Not Two durante 2013), chegou a vez de partilhar o palco com Peter Evans, prodígio incontestado do trompete e um dos mais poderosos improvisadores em atividade. Pólo catalisador de todas as atenções no jazz em Nova Iorque, Evans desdobra a sua suprema arte em múltiplos contextos, desde os seus vibrantes recitais a solo, às participações em orquestras de câmara, passando por projetos de arte performativa ou composição electroacústica. Músico completo, domina tanto o rigor clássico do trompete como subverte os limites físicos do instrumento, e quem o já viu tocar, não o esquece.



publicado por Carlos Gomes às 13:44
link do post | favorito
|

Terça-feira, 19 de Abril de 2016
OURÉM REALIZA ENCONTRO DE TOCADORES DE CONCERTINA



publicado por Carlos Gomes às 21:35
link do post | favorito
|

OURÉM REALIZA FESTIVAL SONS DA TERRA

Contacto para mais esclarecimentos: 939431030 (Hélio Oliveira)

Email do evento. festivalsonsdaserra@gmail.com

Bilhetes em : http://sonsdaserra.bol.pt/



publicado por Carlos Gomes às 16:41
link do post | favorito
|

Sábado, 16 de Abril de 2016
MUSEU MUNICIPAL DE OURÉM DÁ MÚSICA ÀS QUINTAS-FEIRAS

Quintas com Música no Museu

28 de abril às 19h00

Na Casa do Administrador – Museu Municipal de Ourém

No próximo dia 28 de abril o Museu Municipal de Ourém levará a cabo mais uma edição da rubrica “Quintas com música no Museu”, com atuação dos Romeiros da AMBO, numa iniciativa gratuita.

ENTRADA LIVRE

Horário de funcionamento: terça-feira a domingo – das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Contactos: tel.: 249540900 (6831) | tlm: 919585003 | 910502917 | museu@mail.cm-ourem.pt | www.museu.cm-ourem.pt



publicado por Carlos Gomes às 19:24
link do post | favorito
|

Terça-feira, 12 de Abril de 2016
OURÉM REALIZA FEIRA DOS PRODUTOS DA TERRA

Ourém recebe a V Feira dos Produtos da Terra a 16 e 17 de abril

Aproxima-se a quinta edição da Feira dos Produtos da Terra em Ourém que contará com a atuação do grande artista popular, Quim Barreiros. Além do espetáculo de Quim Barreiros haverá outras atrações como as atuações da Banda Acesso, do Grupo de Cavaquinhos da Moita Redonda e do Grupo de Concertinas da Conceição – Olival. Este evento contempla ainda a realização de uma garraiada e do “I Passeio Equestre pela Cidade de Ourém e arredores”, num momento que constitui já um marco fundamental na promoção do mundo rural e das suas vertentes no concelho de Ourém.

A V Feira dos Produtos da Terra realiza-se no Centro de Negócios de Ourém e no Parque da Cidade António Teixeira e os visitantes terão acesso aos muitos e bons produtos típicos da região, gastronomia local, animação musical, passeios a cavalo e outras surpresas. Além da atuação de Quim Barreiros, outro ponto alto do evento será o “I Passeio Equestre pela Cidade de Ourém e arredores” que se realizará no dia 17 de abril durante a manhã.

A V Feira dos Produtos da Terra oferece um programa vasto e diversificado ao longo dos dois dias de certame. No dia 16 de abril realizar-se-á mais uma sessão das “Conversas à Volta do Mundo Rural”, esta edição com o tema “A Arca de Noé da Vinha” onde os diferentes oradores irão apresentar as suas visões e experiências sobre a cultura da vinha e do vinho. Após a atuação do Grupo de Cavaquinhos da Moita Redonda, o dia termina com um baile popular protagonizado pela Banda Acesso. No dia seguinte, além do “I Passeio Equestre pela Cidade de Ourém e arredores”, o público poderá participar numa garraiada animada pelo Grupo de Concertinas da Conceição e assistir ao espetáculo de Quim Barreiros. Ao longo dos dois dias do evento será possível realizar batismos a cavalo, adotar animais e apoiar instituições de solidariedade social do concelho. Neste contexto, realce para a dinamização de uma “Quermesse Solidária” pelo Centro Comunitário de Voluntariado de Ourém, com a colaboração do CLDS 3G, que tem por objetivo recolher fundos para apoiar causas sociais no concelho de Ourém.

A V Feira dos Produtos da Terra tem como objetivo estimular e apoiar os agentes económicos, locais e regionais, e divulgar projetos associados ao mundo rural, bem como, os produtos e a gastronomia típica da região. Em exposição estarão representados diversos produtores de vinhos, azeites, doçarias, queijos, enchidos, frutos secos, hortícolas e muito mais, além de um espaço de restauração dinamizado por associações locais. Haverá também um espaço dedicado ao comércio de gado e de máquinas e alfaias agrícolas.

Para mais informações ou qualquer esclarecimento adicional, poderá contactar a organização através dos contactos 915 002 924 ou 915 649 160, e do email eventos@ouremviva.pt

Esta iniciativa é uma organização conjunta do Município de Ourém, OurémViva e ADIRN (Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Norte) e tem entrada livre.

Programa V Feira dos Produtos da Terra

16 de abril

14.00H - Abertura da V Feira dos Produtos da Terra com o Grupo de Concertinas da Conceição – Olival

15.30H - Conversas à Volta do Mundo Rural – “A Arca de Noé da Vinha”

19.30H - Grupo de Cavaquinhos da Moita Redonda

22.00H - Baile Popular com a Banda Acesso

24.00H - Encerramento da V Feira dos Produtos da Terra

17 de abril

08.30H - I Passeio Equestre pela Cidade de Ourém e arredores

10.00H - Abertura da V Feira dos Produtos da Terra

16.00H - Garraiada com o Grupo de Concertinas da Conceição – Olival

16.30H - Concerto com Quim Barreiros

22.00H - Encerramento da V Feira dos Produtos da Terra



publicado por Carlos Gomes às 17:34
link do post | favorito
|

SANTUÁRIO DE FÁTIMA ORGANIZA VII ENCONTRO DE COROS INFANTIS

4 Coros Infantis encontram-se no Santuário de Fátima

Realiza-se no dia 25 de abril pelas 15h30 na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima o VIII Encontro de Coros Infantis do Santuário de Fátima.

unnamed

A edição deste ano do Encontro de Coros Infantis, promovido pelo Santuário de Fátima desde 2009 sob a direção artística de Paulo Lameiro, conta com a participação de quatro coros: Schola Cantorum Pastorinhos de Fátima; Pequenos Cantores do Conservatório Nacional; Coro Infantil do Menino Jesus da Paróquia de Gulpilhares e Coro Preparatório do Coro Infantil da Universidade de Lisboa.

O programa beneficiará de uma variedade musical em que cada coro terá a oportunidade de se apresentar individualmente e interpretar em conjunto duas obras, previamente trabalhadas.

Estes encontros reúnem todos os anos 4 ou 5 formações corais, oriundas do país ou da Europa, procurando mostrar diferentes modelos de trabalho, que vão desde os coros associados à catequese paroquial até às grandes escolas de referência.

Este ano, o programa volta a juntar coros mais pequenos com coros de dimensão nacional, funcionando o coro infantil do Santuário como anfitrião, uma vez mais.

A Schola Cantorum Pastorinhos de Fátima teve o seu início em outubro de 2003, e é constituída por 42 crianças entre os 6 e os 18 anos de idade, que formam o coro residente do Santuário de Fátima. Trata-se de um coro amador sem qualquer formação musical, que tem como principal objetivo a animação das celebrações do Santuário de Fátima, especialmente dedicadas a crianças. É seu fundador e maestro titular Paulo Lameiro e maestrina assistente Carolina Correia, e acompanha-o o organista titular do Santuário de Fátima João Santos.

Os Pequenos Cantores do Conservatório Nacional são um grupo de jovens entre os 10 e os 14 anos, estudantes de vários instrumentos da Escola de Música Conservatório Nacional. Este grupo foi criado em 2006 pelo professor Tiago Marques e é, desde o ano letivo de 2011/2012, dirigido musicalmente pela professora Teresa Cordeiro e orientado cenicamente pelo professor Bruno Cochat. Neste concerto apresentam-se sobre a orientação vocal e musical da Professora Rute Dutra, com quem têm trabalhado desde dezembro de 2015.

O Coro Infantil do Menino Jesus da Paróquia de Gulpilhares iniciou a sua atividade na Páscoa de 1988. Conta com cerca de 40 elementos com idades compreendidas entre os 5 e 18 anos de idade. Foi formado pelo seu atual diretor artístico Fernando Tavares. Este Coro tem como finalidade principal animar as Eucaristias Dominicais na paróquia.

O Coro Preparatório do Coro Infantil da Universidade de Lisboa é um grupo atualmente composto por 49 crianças dos 8 aos 11 anos, que recebe formação para poder ingressar no Coro Infanto-juvenil da Universidade de Lisboa (CIUL), agrupamento de referência nacional e internacional.

O primeiro Encontro de Coros Infantis teve lugar no dia 14 de junho de 2009, em Fátima, com o objetivo de promover uma prática musical religiosa qualitativa na infância. As primeiras edições decorreram no mês de junho, em torno da Peregrinação Nacional das Crianças e agora decorrem sempre no dia 25 de abril, altura de menor intensidade escolar e pastoral para os pequenos cantores.

Para além da apresentação musical das crianças, está igualmente agendado para este dia um encontro de maestros e responsáveis dos coros, para uma troca de experiências e metodologias de trabalho no âmbito da formação musico-coral.



publicado por Carlos Gomes às 10:26
link do post | favorito
|

Terça-feira, 5 de Abril de 2016
JOSEPHINE FOSTER REALIZA CONCERTO EM OURÉM

Concerto com Josephine Foster”, que terá lugar na quarta-feira, 13 de abrilàs 21h30, no Torreão do Castelo na Vila Medieval de Ourém.

Música, vocalista e escritora de canções, norte-americana excepcional e de percurso igualmente invulgar e independente, actualmente sediada na nossa vizinha Andaluzia.

Cantora lírica de formação, dá por si a iniciar o seu percurso público autoral em Chicago vinda do estado do Colorado, a tocar uma canção que vinha tanto do amor pelo repertório da música clássica europeia, dos maravilhosos exemplos dos músicos dos espectáculos de variedades norte-americanos da viragem para o séc. XX, de Karen Dalton, Shirley Collins e de alguns das mais doces pérolas da cultura psicadélica, entre milhentas outras singulares referências.

Não soava, nem soa hoje (cada vez menos, aliás) a nenhuma referência exacta. Depois de um par de discos de tiragem altamente caseira, lança o glorioso álbum homónimo do duo Born Heller, com o hoje reputado baixista Jason Ajemian. Nesse documento, víamos já as características que ainda hoje a distinguem – as suas noções de espaço, respiração, dinâmica, métrica e desenho melódico completamente aparte e de equilíbrio harmónico desarmante.

Após estreia a solo em maior escala, com 'Hazel Eyes, I Will Lead You' (Locust, 2005) passa por um disco em trio de acid rock discordante; um álbum de lieder de Schubert, Schumann e Brahms, escolhidas a dedo; o regresso à base com 'This Coming Gladness'; em 'Graphic As a Star' pega nos colossais poemas de Emily Dickinson, musicando-os; em 2010 fez um álbum com o seu companheiro Victor Herrero e a sua banda, inteiramente dedicado ao cancioneiro de Lorca, banido em Espanha em 1931. E por aí fora. Um percurso tão idiossincrático, todo ele improvavelmente acessível (tendo em conta o currículo), generoso e reluzente. Nesta ocasião apresentar-se-á acompanhada por Victor Herrero, em guitarra portuguesa e Gyða Valtýsdóttir no violoncelo.

Link para videos: https://youtu.be/NfdBZUFWHFs?list=PLFkUbKLm8kUbwjqsOAkNkxvdGXPtSw4bT

Concertos já agendados para a artista:

09 Abril - GNRation, Braga
10 Abril - Vila Real TBC
12 Abril - Teatro Maria Matos, Lisboa
13 Abril - Torreão Medieval do Castelo de Ourém, Ourém
15 Abril - Cinema Passos Manuel, Porto
16 Abril - Convento de São Cristóvão, Coimbra

INGRESSO: 5€

Reservas no Museu Municipal de Ourém, de terça a domingo – das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Contactos: tel.: 249540900 (6831) | tlm: 919585003 | 910502917 | museu@mail.cm-ourem.pt | www.museu.cm-ourem.pt



publicado por Carlos Gomes às 23:45
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 1 de Abril de 2016
SANTUÁRIO DE FÁTIMA REALIZA CICLO MUSICAL

Fátima recebe projeto musical inédito produzido a partir das Memórias da Irmã Lúcia

“Tropário para uma pastora de ovelhas mansas” reúne seis compositores para um espetáculo de coro, acordeão e piano

O Santuário de Fátima apresenta no dia 3 de abril o projeto artístico “Tropário para uma pastora de ovelhas mansas”, uma iniciativa integrada nas comemorações do Centenário das Aparições, que reúne o trabalho de seis compositores contemporâneos desafiados a pensar Fátima do ponto de vista musical.

O projeto inicia o Ciclo Ouvir Fátima, propõe uma leitura musical das Memórias da Irmã Lúcia, e junta um coro- Officium Ensemble- e dois instrumentos: acordeão- Octávio Martins- e piano- João Lucena e Vale, sob a direção artística do maestro Pedro Teixeira.

É um projeto compósito que nasce do desafio de construir uma obra musical a partir das Memórias da Irmã Lúcia, em que cada compositor é desafiado a fazer uma leitura independente destas memórias, mas integrada numa narrativa concreta que dá uma dimensão coletiva à produção. A coordenação do projeto de composição esteve a cargo de Alfredo Teixeira.

Este projeto musical, único, que faz uma leitura musical da Mensagem de Fátima, para além das leituras teológicas habituais, tem no coro o protagonista fundamental, acrescentando-lhe o acordeão e o piano, dois instrumentos improváveis que lhe dão uma dimensão sui generis, mas que assume uma pluralidade dos mundos sociais e culturais que atravessam a história de Fátima, ao longo destes cem anos.

A partir de um argumento próprio, centrado em dois textos fundamentais – as Memórias da Irmã Lúcia e Como vejo a Mensagem através dos tempos e dos acontecimentos- privilegia uma dimensão mais mística, que nos transporta para o mistério de Deus.

Os textos escolhidos remetem para aspetos centrais da Mensagem de Fátima, mas também para as figuras desta narrativa.

O Tropário começa com uma declaração da própria Irmã Lúcia sobre o que é escrever uma memória, segue-se a Aparição do Anjo, os Pastorinhos, a Senhora e, depois, o Adeus, a partir da despedida da Irmã Lúcia da sua terra natal, o que confere a este tropo a própria experiência do peregrino, já que a Cerimónia do adeus é, porventura, a que melhor expressa a relação entre o peregrino e Fátima.

Em cada sequência, a narrativa conhece interpolações diversas, mas todos os elementos textuais, incluindo os poemas criados ou recolhidos, têm origem nas fontes referidas sem que alguma coisa seja acrescentada.

Neste trabalho artístico procurou-se, ainda, tornar o discurso mais direto mantendo a linguagem mística e bucólica de uma pastora vidente que descobre, no que a rodeia, uma transparência sobrenatural.

Cada um dos seis tropos foi pensado e composto por um compositor e o trabalho final desenvolveu-se para Coro, Piano e Acordeão. A formação coro-piano e coro-acordeão alternam sempre ao longo da peça, num verdadeiro diálogo tímbrico.

O primeiro tropo, intitulado Memória, para coro-acordeão foi composto por João Madureira; o segundo “O Anjo”, para coro-piano por Alfredo Teixeira. O terceiro tropo designado “A Senhora”, para coro-acordeão foi desenvolvido por Sérgio Azevedo; o quarto- “Francisco”- para coro-piano foi composto por Nuno Côrte-Real e o quinto- “Jacinta”- para coro-acordeão foi composto por Rui Paulo Teixeira. O sexto e último tropo foi composto por Carlos Marecos, para coro-acordeão e piano e intitula-se “Adeus”.

O projeto será apresentado na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, espaço com o qual apresenta também uma particular relação, no dia 3 de abril, pelas 15h30.



publicado por Carlos Gomes às 13:52
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 24 de Março de 2016
FÁTIMA RECEBE PROJETO MUSICAL INÉDITO PRODUZIDO A PARTIR DAS MEMÓRIAS DA IRMÃ LÚCIA

“Tropário para uma pastora de ovelhas mansas” reúne seis compositores para um espetáculo de coro, acordeão e piano

O Santuário de Fátima apresenta no dia 3 de abril o projeto artístico “Tropário para uma pastora de ovelhas mansas”, uma iniciativa integrada nas comemorações do Centenário das Aparições, que reúne o trabalho de seis compositores contemporâneos desafiados a pensar Fátima do ponto de vista musical.

O projeto inicia o Ciclo Musical Ouvir Fátima, propõe uma leitura musical das memórias da Irmã Lúcia, e junta um coro- Officium Ensemble- e dois instrumentos: acordeão- Octávio Martins- e piano- João Lucena e Vale, sob a direção artística do maestro Pedro Teixeira.

É um projecto compósito que nasce do desafio de construir uma obra musical a partir das memórias da Irmã Lúcia, em que cada compositor é desafiado a fazer uma leitura independente destas memórias, mas integrada numa narrativa concreta que dá uma dimensão coletiva à produção, sob a orientação de Alfredo Teixeira.

Este projeto musical, único, que faz uma leitura musical da Mensagem de Fátima, para além das leituras teológicas habituais, tem no coro o protagonista fundamental, acrescentando-lhe o acordeão e o piano, dois instrumentos improváveis que lhe dão uma dimensão sui generis, mas que assume uma pluralidade dos mundos sociais e culturais que atravessam a história de Fátima, ao longo destes cem anos.

A partir de um argumento próprio, centrado em dois textos fundamentais – as Memórias da Irmã Lúcia e Como vejo a Mensagem através dos tempos e dos acontecimentos- privilegia uma dimensão mais mística, que nos transporta para o mistério de Deus. Os textos escolhidos remetem para aspetos centrais da Mensagem de Fátima, mas também para as figuras desta narrativa.

O Tropário começa com uma declaração da própria Irmã Lúcia sobre o que é escrever uma memória, segue-se a aparição do Anjo, os pastorinhos, a Senhora e, depois, o adeus, a partir da despedida da Irmã Lúcia da sua terra natal, o que confere a este tropo a própria experiência do peregrino, já que a cerimónia do adeus é, porventura, a que melhor expressa a relação entre o peregrino e Fátima.

Em cada sequência, a narrativa conhece interpolações diversas, mas todos os elementos textuais, incluindo os poemas criados ou recolhidos, têm origem nas fontes referidas sem que alguma coisa seja acrescentada.

Neste trabalho artístico procurou-se, ainda, tornar o discurso mais direto mantendo a linguagem mística e bucólica de uma pastora vidente que descobre, no que a rodeia, uma transparência sobrenatural. Cada um dos seis tropos foi pensado e composto por um compositor e o trabalho final desenvolveu-se para Coro, Piano e Acordeão. A formação coro-piano e coro-acordeão alternam sempre ao longo da peça, num verdadeiro diálogo tímbrico.

O primeiro tropo, intitulado Memória, para coro-acordeão foi composto por João Madureira; o segundo “O Anjo”, para coro-piano por Alfredo Teixeira. O terceiro tropo designado “A Senhora”, para coro-acordeão foi desenvolvido por Sérgio Azevedo; o quarto- “Francisco”- para coropiano foi composto por Nuno Côrte-Real e o quinto- “Jacinta”- para coro-acordeão foi composto por Rui Paulo Teixeira.

O sexto e último tropo foi composto por Carlos Marecos, para coro-acordeão e piano e intitula-se “Adeus”. O projeto será apresentado na Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, espaço com o qual apresenta também uma particular relação, no dia 3 de abril, pelas 15h30.



publicado por Carlos Gomes às 11:50
link do post | favorito
|

Terça-feira, 22 de Março de 2016
MUSEU DE OURÉM DÁ MÚSICA ÀS QUINTAS-FEIRAS

Quintas com Música no Museu

24 de março às 19h00

Na Casa do Administrador – Museu Municipal de Ourém

No próximo dia 24 de março o Museu Municipal de Ourém levará a cabo mais uma edição da rubrica “Quintas com música no Museu”, com atuação do Quinteto de Sopros da AMBO – ACADEMIA DE MÚSICA BANDA DE OURÉM, numa iniciativa gratuita.

ENTRADA LIVRE

Horário de funcionamento: terça-feira a domingo – das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Contactos: tel.: 249540900 (6831) | tlm: 919585003 | 910502917 | museu@mail.cm-ourem.pt | www.museu.cm-ourem.pt



publicado por Carlos Gomes às 10:58
link do post | favorito
|

Sexta-feira, 18 de Março de 2016
PAULO DE CARVALHO ATUA EM OURÉM



publicado por Carlos Gomes às 10:23
link do post | favorito
|

Quinta-feira, 17 de Março de 2016
SANTUÁRIO DE FÁTIMA INAUGURA ÓRGÃO COM REALIZAÇÃO DE UM CONCERTO

Concerto inaugural do Órgão da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima estreia peça de João Pedro Oliveira. Composição inédita é baseada na primeira profecia sobre Maria

É já no domingo, dia 20, que o Santuário de Fátima vai inaugurar o órgão da Basílica de Nossa Senhora do Rosário com a estreia mundial da peça Hû yeshûphekâ rô’sh, da autoria do compositor português João Pedro Oliveira, num concerto interpretado por Olivier Latry, organista titular da Catedral de Notre-Dame de Paris.

A inauguração do Órgão, que se realiza às 15h30 e é aberta ao público em geral, começa com a bênção do instrumento pelo Bispo de Leiria-Fátima, D. António Marto, seguindo-se um improviso do organista Olivier Latry, que demonstrará as potencialidades deste instrumento.

O concerto inaugural do órgão estreará a obra de João Pedro Oliveira, baseada na primeira profecia sobre Maria, no Livro do Génesis, encomendada pelo Santuário de Fátima para assinalar esta ocasião, bem como uma improvisação final que será executada tendo como base o Ave-Maria de Fátima.

O objetivo do Santuário foi “devolver” às celebrações que têm lugar nesta  Basílica “a beleza e a imponência do órgão de tubos”, referiu à Sala de Imprensa o Reitor, Pe Carlos Cabecinhas.

O responsável não esconde que a recuperação deste instrumento, o maior do género em Portugal, “ficará para a posteridade como marca da celebração do Centenário das Aparições de Fátima”.

O órgão da Basílica de Nossa Senhora do Rosário, instalado no coro alto, é um instrumento com uma grande presença física no espaço e na memória de muitos peregrinos. Construído em 1951, pela empresa italiana Fratelli Ruffatti, é o maior instrumento do género em Portugal, com 90 registos e cerca de 6.500 tubos.

A reestruturação foi levada a cabo pela empresa italiana Mascioni Organi, que conservou uma parte considerável da tubaria original mas acrescentou alguns registos com o intuito de conferir ao instrumento uma sonoridade homogénea e moderna.

A nova conceção foi idealizada tendo em vista a filosofia de um órgão sinfónico, caracterizando-se pelos detalhes de cada registo em separado, mas também, pela poderosa massa sonora, tornando-o apto para a interpretação de todo o repertório organístico.

A consola de cinco teclados e pedaleira foi restaurada e modernizada. O tubo maior, de madeira, tem cerca de 12 metros de altura e 50 centímetros de largura e os tubos de metal, da fachada, têm cerca de oito metros de altura.

A parte frontal deste instrumento foi redesenhada pela arquiteta Joana Delgado, autora do projeto de reformulação do presbitério da Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, e conta com uma intervenção artística do escultor português Bruno Marques, autor do crucifixo, bem como das obras de arte que materializam os lugares litúrgicos do presbitério da Basílica. Para a restante caixa foi proposto um revestimento em madeira cuidadosamente desenhado em total articulação com os organeiros da Mascioni Organi. Os eco-órgãos, instalados nas galerias, foram também objeto de um trabalho conjunto na definição estética da solução.

O concerto de dia 20 de março é o primeiro de um ciclo de seis concertos para órgão que se realizam até outubro, no âmbito das comemorações que assinalam o Centenário das Aparições de Nossa Senhora de Fátima, com um repertório criado em diversas épocas, regiões geográficas, estilos e atitudes composicionais variadas. Música alemã, música francesa, música sacra, música contemporânea e hinos marianos aludem a um período de tempo centenário e permitem uma perspetiva abrangente das capacidades expressivas do novo órgão.

O primeiro realiza-se a 8 de maio e terá como intérprete António Esteireiro que percorrerá a Música alemã dos séculos XIX e XX, incluindo alguns dos grandes clássicos do órgão deste período, e as Ave-Maria de Max Reger e Karg-Elert.

A 5 de junho António Mota apresentará um programa de cem anos de música contemporânea, incluindo a Suite Mariale de Maleingreau.

A 10 de julho, Felipe Veríssimo interpretará um repertório retratando cem anos de música sacra, incluindo a Sinfonia da Paixão de Marcel Dupré, obra emblemática do início do século XX.

A 14 de agosto, Giampaolo Di Rosa fará Improvisações sobre melodias e hinos ligados à tradição de Fátima, que se tornaram parte da tradição litúrgica e popular e são conhecidas pelo público e fiéis, compostos e cantados durante os últimos cem anos. E, a 9 de outubro, João Santos (organista titular do Santuário de Fátima) interpretará cem anos de música francesa, de César Franck a Messiaen, incluindo vários excertos dos 15 Versets sur les Vêpres du commun des fêtes de la Sainte Vierge.

Recorde-se que quer o concerto inaugural quer o ciclo de órgão foram pensados no âmbito das comemorações do Centenário das Aparições, que terminará com outro grande concerto em que serão interpretadas 13 peças do compositor escossês James McMillan, recentemente nomeado compositor do ano pela Pittsburg Simphony Orchestra, e uma composição de Eurico Carrapatoso, interpretada pelo Coro e Orquestra Gulbenkian, sob a direção da maestrina Joana Carneiro, a 13 de outubro de 2017.

CR



publicado por Carlos Gomes às 10:31
link do post | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

“UM LOUVOR A MARIA” LEVA ...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

OURÉM LEVA MÚSICA, DANÇA,...

TOCADORES DE CONCERTINA R...

DJUMBAI DJAZZ REALIZA CON...

CORO DE BORDÉUS ATUA NO S...

VILA MEDIEVAL DE OURÉM RE...

RODRIGO LEÃO ATUA NA VILA...

ORGANISTA GIAMPAOLO DI RO...

MUSEU MUNICIPAL DE OURÉM ...

AMANHÃ HÁ JAZZ NA PRAÇA E...

TÓ TRIPS E JOÃO DOCE ATUA...

OURÉM TEM “MÚSICAS NA PRA...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA REALI...

OURÉM REALIZA FESTA DAS C...

TÓ TRIPS E JOÃO DOCE REAL...

TÓ TRIPS E JOÃO DOCE ATUA...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA ORGAN...

TÓ TRIPS E JOÃO DOCE REAL...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA REALI...

MUSEU MUNICIPAL DE OURÉM ...

ALBURITEL REALIZA FESTIVA...

ALBURITEL RECEBE FESTIVAL...

RANCHO FOLCLÓRICO “MOLEIR...

OURÉM REALIZA ENCONTRO DE...

BASÍLICA DE NOSSA SENHORA...

ALBURITEL REALIZA FESTIVA...

ALBURITEL REALIZA FESTIVA...

ALBURITEL REALIZA FESTIVA...

OURÉM REALIZA NO OLIVAL E...

OURÉM: OLIVAL JUNTA TOCAD...

OURÉM REALIZA ENCONTRO DE...

RODRIGO AMADO MOTION REAL...

ALBURITEL ORGANIZA FESTIV...

OURÉM PRESTA TRIBUTO AOS ...

ORGANISTA DO MOSTEIRO DOS...

OURÉM REALIZA FESTIVAL SO...

OURÉM JUNTA TOCADORES DE ...

TORREÃO DO CASTELO DE OUR...

OURÉM REALIZA ENCONTRO DE...

OURÉM REALIZA FESTIVAL SO...

MUSEU MUNICIPAL DE OURÉM ...

OURÉM REALIZA FEIRA DOS P...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA ORGAN...

JOSEPHINE FOSTER REALIZA ...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA REALI...

FÁTIMA RECEBE PROJETO MUS...

MUSEU DE OURÉM DÁ MÚSICA ...

PAULO DE CARVALHO ATUA EM...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA INAUG...

arquivos

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

tags

todas as tags

links
Twitter
blogs SAPO
subscrever feeds