Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Ourém.
Sexta-feira, 17 de Janeiro de 2020
ALVAIÁZERE COMBATE INSUCESSO ESCOLAR

Gaspar visita alunos de Alvaiázere: Plano de Combate ao Insucesso Escolar da Região de Leiria

No âmbito da implementação do Plano de Combate ao Insucesso Escolar da Comunidade Intermunicipal de Leiria, com o objetivo de promover o desenvolvimento de competências empreendedoras, está a decorrer mais uma edição da ação que visa a Educação para o Empreendedorismo - A Aventura do Gaspar.

gasparalv.jpg

Assim, a manhã de hoje foi especial para a turma envolvida nesta ação, na medida em que contou com a visita da mascote Gaspar. Depois do intervalo, as crianças foram surpreendidas pela presença do Gaspar no interior da sua sala de aula, que os recebeu com entusiasmo e alegria genuína. O brilho no olhar e o carinho foram constantes, tal como foi extraordinariamente visível o seu orgulho dos alunos pela atividade que estão a preparar para apresentar à comunidade.

Já a terminar a sua visita, não sem antes haver um momento para fotografias e abraços, o Gaspar presenteou as crianças com um puzzle que, como muitas das ações deste projeto, contribuirá sobejamente para a divulgação e conhecimento desta região.



publicado por Carlos Gomes às 19:02
link do post | favorito

ALVAIÁZERE É MUNICÍPIO EMPREENDEDOR

Alvaiázere continua a empreender. Programa de Empreendedorismo nas Escolas da Região de Leiria para o ensino secundário

A Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria e os municípios que a integram continuam a apostar na educação e formação para o empreendedorismo no ano letivo 2019/2020.

empreendedorismoalvai2.jpg

Por essa razão, ontem, dia 16 de janeiro de 2020, teve lugar, no salão nobre da Câmara Municipal de Alvaiázere, uma sessão de apresentação do projeto (destinado aos alunos do Ensino Secundário) aos estabelecimentos de ensino do concelho e aos professores que o dinamizarão em contexto escolar.

A empresa Territórios Criativos, responsável pela sua implementação, deu conta das várias etapas e do cronograma que lhe está associado. O ambiente foi sobretudo marcado pela curiosidade, realçando, o Município, votos de que este segundo trimestre seja potenciador da criatividade dos alunos do concelho para que continuem, de forma brilhante, a inovar e a bem representar o território.



publicado por Carlos Gomes às 18:56
link do post | favorito

Quarta-feira, 15 de Janeiro de 2020
ALVAIÁZERE APOIA FAMÍLIAS CARENCIADAS

Município de Alvaiázere entrega cabazes de Natal às famílias mais carenciadas do concelho

À semelhança do que tem vindo a acontecer nos últimos anos, durante a época natalícia, o Município de Alvaiázere promoveu mais uma vez a entrega de cabazes de Natal, contribuindo, deste modo, para minorar as dificuldades sentidas no maior número possível de famílias carenciadas e em situação de vulnerabilidade, do concelho.

IMG_1563_hdr.jpg

Com a colaboração da maioria das superfícies comerciais do concelho, foi feita a recolha de bens alimentares, através da Campanha “Vamos dar as mãos”. Apelou-se à boa vontade, à generosidade e solidariedade dos cidadãos que a esses espaços comerciais se deslocaram, contando-se, para tal, com a preciosa ajuda de jovens voluntários dos Grupos de Catequese Paroquiais do Concelho e que muito contribuíram para que a iniciativa, mais uma vez, tivesse sido bem acolhida, ficando evidenciada a sensibilidade colocada nestas causas.

As Juntas de Freguesia, conhecedoras mais próximas das realidades locais, ajudaram a sinalizar cerca de 140 famílias do concelho que beneficiaram dos referidos cabazes. Foram evidentes e espontâneos os sorrisos, as alegrias e os agradecimentos que, dadas as dificuldades que sentem, estas famílias manifestaram, fazendo acreditar que a partilha e a fraternidade que todos os que contribuíram colocaram nesta iniciativa, valem a pena e não podem deixar de existir.

A todos os que colaboraram para a concretização desta iniciativa o nosso bem-haja.



publicado por Carlos Gomes às 19:15
link do post | favorito

ESCOLA DE HOTELARIA DE FÁTIMA EM DESTAQUE NA IMPRENSA ESPECIALIZADA FRANCESA

A maior publicação francesa especializada em Hotelaria e Restauração "Lhotellerie-restauration", acaba de noticiar o intercâmbio que tem sido realizado entre a Escola de Hotelaria de Fátima e a Escola Francesa de Lautréamont (Tarbes, região de Lurdes).

unnamed (2)ehfatim.jpg

Trata-se de uma parceria inovadora que envolveu no primeiro MasterClass digital, os alunos do 1º e 2ºanos do curso de Restaurante/Bar, iniciativa desenvolvida após a celebração de um protocolo com esta escola francesa da região de Lourdes – Lautreamont, no passado Abril 2019.

Os alunos puderam ter uma aula ao vivo transmitida através de tecnologias, que permitiu haver professores de ambos os lados das fronteiras, Portugal e França, que interagiram no sentido de ensinar os preparos e requisitos de todo um serviço de mesa à francesa.

A etiqueta e o requinte de um mise-en-place foram transmitidos pelo professor Tony de Freitas, lusodescendente naquela escola, e foram praticados do lado de cá em contexto de sala de aula portuguesa com o formador Jose do Vale, nas artes de mesa, também acompanhado pela professora de francês Sónia Pereira. Uma dupla aprendizagem com este projecto que estreita o relacionamento entre ambas as escolas e torna possível uma experiência de ensino ao vivo e online.

Muita da história das artes de mesa foi apresentada e comentada, desde a criação dos talheres até ao uso do cristal e da porcelana aos dias de hoje nas melhores mesas da restauração e hotelaria, dotando assim os alunos de preciosos conhecimentos para as suas áreas de trabalho futuro.

O plano de sessões começou pelas Artes da Mesa (à lá française) e segue numa próxima aula com a descoberta dos queijos e os seus segredos.

Este projecto insere-se numa continuidade pedagógica para ambas as escolas e terá futuramente mais sessões no mesmo formato, cuja inovação aprofunda os saberes e o conhecimento ao serviço das regiões.

unnamed (1)ehfatim.jpg



publicado por Carlos Gomes às 13:36
link do post | favorito

Terça-feira, 14 de Janeiro de 2020
FREIXIANDA EXPÕE BOMBEIROS EM MINIATURA

81594025_2813249538695180_5556112132401004544_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 17:35
link do post | favorito

MUSEU DE ARTE SACRA E ETNOLOGIA DE FÁTIMA APRESENTA "A MINHA COLEÇÃO"

No próximo dia 18 de janeiro, sábado, pelas 16h00, irá inaugurar em Fátima, no CONSOLATA MUSEU | Arte Sacra e Etnologia, a exposição temporária   "A Minha Coleção".

aminhacolecao.jpg

Após a 2.ª Guerra Mundial, surgem novos colecionadores que são resultado do desenvolvimento do marketing e da publicidade que utilizam o “desejo natural de colecionador” para ampliar a aquisição através de atos colecionistas.

Qualquer que seja o objeto colecionado, no caso concreto desta exposição, Bules, Mochos, Presépios, Marcadores de Livros, Leques, Borrachas, Latas, Pins, Bases de copos, Sinetas, Areias, Colheres e Porta-chaves, ele possui um significado particular para o colecionador, acrescentando ao objeto em si a magia que ele transporta.  Nesta exposição pretende-se questionar e valorizar o ato de “Colecionar”, além do objeto em si.

No momento inaugural irá decorrer um" Chá com Arte", onde após a habitual degustação da infusão dos "Aromas de Oureana" e de bolos regionais, estaremos à conversa com os 12 colecionadores, conhecendo as respetivas coleções, origem e particularidades.

A exposição poderá ser visitada até ao dia 1 de março, de terça-feira a domingo, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h00.

Colecionadores:

Agostinho Pereira

Ana Aleixo

Carolina Neves

Celeste Freitas

Conceição Oliveira

Fernanda Lourenço

Graça França

Helena Aleixo

Isabel Caetano

Joaquim Gaião

Leonel Marques

Lígia Carvalho



publicado por Carlos Gomes às 16:53
link do post | favorito

Segunda-feira, 13 de Janeiro de 2020
CASA DO CONCELHO DE TOMAR PROMOVE CONFRATERNIZAÇÃO EM LISBOA

82135823_2366184690152105_8961993487000010752_o (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 22:10
link do post | favorito

ANTÓNIO GAMEIRO CANDIDATA-SE A PRESIDENTE DA COMISSÃO POLÍTICA CONCELHIA DE OURÉM

António Gameiro é candidato a Presidente da Comissão Política Concelhia de Ourém, nas eleições que irão decorrer no dia 01 de Fevereiro de 2020, sob o lema “Um Novo Rumo - Por uma nova política municipal”.

IMG_2814.JPG

António Gameiro de 49 anos é natural de Urqueira, Doutorado em Direito, é actualmente Professor na Universidade Lusófona e no ISCTE-IUL, Presidente de Federação Distrital de Santarém do Partido Socialista, deputado da Assembleia Municipal de Ourém e Deputado à Assembleia da República, desempenhando as funções de Coordenador da Comissão de Administração Pública, Modernização Administrativa, Descentralização e Poder Local.

António Gameiro, avança para Presidente da Concelhia de Ourém para representar o Partido Socialista na terra onde nasceu e, dessa forma, continuar a enriquecer o debate e a intervenção em questões tão pertinentes como a Saúde, o Ambiente, a Educação, o Turismo e a Competitividade Empresarial. 

O desígnio principal desta candidatura é reforçar o poder do PS no nosso Concelho, “convicto de poder contribuir para a concretização da melhoria das condições de vida de todas e de todos Oureenses”, como em toda a sua vida pública e privada tem procurado fazer.

Esta é uma candidatura que surge no sentido de reerguer e reforçar o PS no Concelho de Ourém, como alternativa para ganhar já, em 2021, as próximas Eleições Autárquicas.



publicado por Carlos Gomes às 17:41
link do post | favorito

Sexta-feira, 10 de Janeiro de 2020
FREIXIANDA INAUGURA MERCADO DO PEIXE

Investimento de 400 mil euros pretende dinamizar economia local e potenciar o turismo da região.

A União das Freguesias de Freixianda, Ribeira do Fárrio e Formigais, inaugura  no próximo dia 16 de fevereiro ( domingo), o Mercado do Peixe, um espaço de referência na vila de Freixianda e no concelho de Ourém.

71950678_2551383521764045_3909602575137112064_o.jpg

A abertura surge após a realização das obras de requalificação do “icónico” edifício, uma ação integrada num investimento global que ascende aos 400 mil euros e que inclui a reconstrução do Mercado do Peixe e a promoção turística da União das Freguesias.

Localizado no centro da vila de Freixianda, o mercado está equipado com mais de três dezenas de bancadas destinadas à realização da feira semanal, que acontece todas as segundas feiras. Quatro destas estruturas destinam-se à venda de peixe, auxiliadas por outras quatro bancadas com lava-loiça, sendo as restantes para venda de produtos locais e afins.

O renovado espaço permite acesso a pessoas com mobilidade reduzida, terá casas de banho de apoio e conta um amplo parque de estacionamento mesmo em frente ao mercado.

O mercado será também um espaço multiusos, assumindo-se como um novo pólo cultural para a comunidade, pois permitirá a realização de vários eventos e espetáculos culturais.

Após 1 ano de encerramento ao público, o Mercado do Peixe volta agora a abrir as suas portas, resultado de um esforço realizado nos últimos meses pela Junta de Freguesia e pela autarquia de Ourém, com o objetivo de poder voltar a disponibilizar uma importantíssima infraestrutura de dinamização da economia local, a quem reside e visita Freixianda. “Temos vindo a verificar um aumento gradual do turismo no nosso território e com a reabertura de Mercado vai ser possível aos nossos produtores e comerciantes, mostrar e vender o que de melhor se produz nas nossas freguesias! Pretendemos dinamizar a nossa economia, alavancar o emprego local, fixar mais população e, consequentemente aumentar a receita noutras áreas de negócio já existentes. Tudo isto será, sem dúvida, uma grande mais-valia para todos nós e para a divulgação dos nossos produtos e serviços”, afirma Abílio Rodrigues, Presidente da Junta de Freguesia da União de Freguesias de Freixianda Ribeira do Fárrio e Formigais.

Este projeto teve o apoio do Turismo de Portugal, com um financiamento de 300 mil euros, e do Município de Ourém em 70.396,42 euros, o que corresponde a 70% do valor suportado pela União das Freguesias.



publicado por Carlos Gomes às 14:38
link do post | favorito

Terça-feira, 7 de Janeiro de 2020
ALVAIAZERENSES CANTAM OS REIS

Município de Alvaiázere promoveu mais uma edição dos “Cantares dos Reis”

Mais uma vez o Município de Alvaiázere promoveu a realização da tradicional noite de “Cantares dos Reis” para cumprir a tradição e, assim, perpetuar a memória coletiva da cultura Alvaiazerense.

DSC_0035.jpg

A iniciativa teve lugar na Praça do Município, na passada noite de domingo, dia 05 de janeiro, entre as 19h00 e as 21h00, e, apesar de os termómetros registarem as baixas temperaturas normais da época, a iniciativa contou com a calorosa e animada participação de diversos grupos, os quais brindaram o executivo municipal e os demais presentes com melodias alusivas ao nascimento e louvor do menino Jesus, bem como desejando votos de um promissor ano novo.

Após a sua participação, cada grupo inscrito foi presenteado com um prémio simbólico, o qual pretende ser um estímulo à manutenção desta tradição cultural secular. Os grupos inscritos foram ainda avaliados por um júri constituído pelos seguintes membros: Fernanda de Jesus Lourenço Silveira, Carla José Alexandre Veríssimo e Carlos Laranjeira Craveiro, com vista à atribuição de prémios especiais aos grupos que se destacaram, tendo sido atribuídos os seguintes prémios: 1º lugar – Alva Canto - Associação de Cultura; 2º lugar – Associação da Casa do Povo de Maçãs de Dona Maria; 3º lugar – Tuna e Cantares da Misericórdia de Alvaiázere. Ainda neste âmbito, o júri fez questão de destacar a originalidade das melodias e respetivas letras apresentadas pelos grupos “Boas Festas” e “Amizade”.

Cumprida, mais uma vez, esta manifestação cultural, o Município de Alvaiázere agradece a participação e mobilização de todos quantos nela participaram sob as suas diversas formas, fazendo votos de que a mesma se mantenha, permitindo que as melodias das suas gentes se continuem a fazer ouvir pelas ruas do concelho nos anos vindouros.



publicado por Carlos Gomes às 15:48
link do post | favorito

Segunda-feira, 6 de Janeiro de 2020
BOMBEIROS DA FREIXIANDA ANGARIAM FUNDOS PARA A REQUALIFICAÇÃO DO QUARTEL

Este final de ano em vez do habitual calendário a Liga de Amigos da Secção de Bombeiros de Freixianda vai colocar há venda miniaturas de tijolos para ajudar a custear as obras de requalificação do quartel dos Bombeiros Voluntários de Ourém -  3ª Companhia - Secção de Freixianda que estarão concluídas no inicio de 2020.

80562073_2546470818919939_8968959258234191872_n.jpg

Estes exemplares terão um custo mínimo de 2 euros e poderão ser encontrados nalguns estabelecimentos comerciais , no quartel de bombeiros em Freixianda e nalgumas saídas das missas. Podem ainda ser feitas encomendas através do email: ligaamigosbfreixianda@gmail.com.

Nesta primeira fase foram feitos 1000 exemplares que serão reforçados sempre que se justificar.

Locais de venda:

- Quartel da 3ª Companhia - Secção de Freixianda

- Edifício Sede da União de Freguesias de Freixianda Ribeira do Fárrio e Formigais

- Balcão da Freixianda da Caixa de Crédito de Leiria

- Talhos Zé Grande - Freixianda

- Acácio Marques Gomes - Bombas Galp - Várzea do Bispo

- Nacsegur - Mediação de Seguros - Freixianda

- Pastelaria Sonho Meu - Rio de Couros

- Posto de Abastecimento Alves Bandeira - Rio de Couros

- Pulso Publicidade . Lda

- Padaria Pastelaria Alurcana - Freixianda

- Café Central - Freixianda

- Super Mercado Murgano - Freixianda

- Restaurante Lena Boça

- Área de Serviço Valente Rosa

- Drogaria Madisanu - Freixianda

- Tecmor Eletrodomésticos - Freixianda

- A Taverna - Freixianda

- Restaurante Marques em Rio De Couros

- Restaurante Palmeiras - Malaguarda

- Combustíveis do Nabão - Arneiro

Paralelamente a LASBF tem em andamento uma campanha de angariação de fundos com o mesmo objectivo.

Os donativos podem ser efectuados directamente no quartel ou através de transferência ou deposito para a seguinte conta bancária:

Iban: PT50 5180 0014 00000720678 54 

CAIXA DE CRÉDITO DE LEIRIA

19431_Cartaz.jpg

80853747_2544871289079892_9103402695355531264_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 14:03
link do post | favorito

Segunda-feira, 30 de Dezembro de 2019
ALVAIÁZERE É “MUNICÍPIO AMIGO DO DESPORTO” 2019

O Município de Alvaiázere foi, pela primeira vez, distinguido pela Associação Portuguesa de Gestão do Desporto – APOGESD, com a Bandeira “Município Amigo do Desporto 2019”, numa cerimónia integrada no XII Seminário “Municípios Amigos do Desporto” que recentemente ocorreu em Vila Franca de Xira.

Capturaralvvvv.PNG

O Programa Nacional “Município Amigo do Desporto” é promovido pela Cidade Social em parceria com a APOGESD, Direção Geral da Saúde, Associação Portuguesa de Direito do Desporto e Associação Nacional de Gerontólogos. Tem ainda o apoio institucional do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto e tem como propósito primordial a partilha de boas práticas, a formação desportiva e o reconhecimento das estratégias municipais implementadas, considerando as mais diversas ações desenvolvidas no âmbito desportivo, as assimetrias de cada território e ainda a excelência e abrangência do modelo desportivo municipal ajustado a todas as idades.

Esta distinção traduz o reconhecimento público ao modelo de intervenção no desenvolvimento da vertente desportiva, em estreita relação com as Associações de cariz desportivo e social, potenciando e promovendo, através de políticas de apoio e proximidade ao desporto, principalmente no que à formação de jovens diz respeito, a sustentabilidade territorial e da sua comunidade, bem como uma sociedade mais solidária, inclusiva e com melhor qualidade de vida.



publicado por Carlos Gomes às 10:21
link do post | favorito

Domingo, 29 de Dezembro de 2019
JANEIRAS E REIS NO NORTE DE PORTUGAL

A convite do diretor deste espaço, Sr. Carlos Gomes, a quem agradeço, irei deixar algumas palavras a todos quantos se predispõem a ler este razorado de questões e visões sobre algo que muito me tem vindo a preocupar.

64806547_2394425373953587_1788178993392910336_o.jpg

De forma indiscutível, no norte de Portugal, a tradição dos Cânticos ao Menino teve uma abrangência geográfica e social quase nula. 

Nos trabalhos que me tenho predisposto realizar para o Orfeão da Feira, descobrimos recentemente que na Freguesia de Sanfins e Rio Meão, em termos religiosos, existiam novenas pelas 06h00 da manhã, na igreja, onde o terço se rezava e caso houvesse gente com alma para tal, alguns momentos eram cantados. Esta tradição ter-se-á perdido por volta da década de 50 do século passado. 

Curioso o facto da hora e do ajuntamento da comunidade ser muito semelhante ao que ainda hoje se vive com enorme fervor na Madeira, com as Missas do Parto. 

Avançando do religioso para o profano, algo me começa a doer e a causar incómodo. A realização de encontros de Janeiras e Reis dentro de templos religiosos. 

É um tema sensível, dado muitos defenderem que com a retirada do Santíssimo do Sacrário, o templo se transforma numa sala de espetáculo, contudo, na minha forma de ver, esta questão está a provocar nos Grupos sérios problemas que passarei a enumerar para mais fácil análise:

  1. Uma mentira contada muitas vezes, torna-se uma verdade ao fim de algum tempo. Estamos a transmitir para as gerações vindouras que os cânticos de Janeiras e Reis não eram cantados, de porta em porta por grupos, unicamente constituídos por homens, mas sim, nas igrejas e com belos arranjos musicais nada chegados à característica do povo d'antanho. 
  2. É impossível dar as boas festas e pedir a esmola do fumeiro ao patrão da casa, com ele pregado na cruz diante do altar. 
  3. À época de representação, a Igreja, era, ao contrário de hoje, extremamente rígida com a música litúrgica e os instrumentos que eram autorizados para o culto religioso. As formas da Viola Braguesa eram comparadas ao corpo desnudo de uma mulher, pelo que, a sua entrada nos templos religiosos era proibida. Hoje, vemos surgir, com ou sem Santíssimo no Sacrário a festada completa. 
  4. A invenção. Temos todos de ser muito honestos neste meio, mas infelizmente não o somos. De ano para ano, cada vez são mais os Grupos a organizar os seus encontros em templos religiosos e como as questões acima enumeradas começam a ser pensadas, à boa maneira portuguesa, dá-se um jeitinho no problema. Grande parte do reportório apresentado nestes encontros, ou é de autor, não sendo assim Folclore ou então são recolhas de Janeiras e Reis "suavizadas" para poderem estar presentes nestes encontros. 

Recordo com saudade o Encontro de Janeiras e Reis do Rancho Regional Recordar é Viver de Paramos - Espinho, onde uma cozinha de lavrador com tudo que esta merece, e uma equipa de gente com uma queda incrível para o Teatro Etnográfico, faziam-nos transportar para o início do séc. XX e ali ouvíamos as belas ladaínhas das saudações acompanhadas pela viola, testos, pinhas e demais instrumentos que o povo improvisava, os cânticos já dentro de casa a vozes, e as despedidas. 

Somos povo.

A dignidade do espetáculo não fica ferida se o espaço onde o realizarmos tiver condições, quer para o público, quer para os grupos não se verem obrigados a alterar aquilo que absorveram do povo que dizem representar.

Para remate, nada tenho contra os encontros nas igrejas, nas localidades e com grupos que tenham tido nas suas comunidades estas tradições. 

Faço votos de um 2020 feliz e pleno de sucesso. 

Este vosso amigo, 

Fábio Pinto

Folclorista

IMG_20191229_164655 (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 16:40
link do post | favorito

Sexta-feira, 20 de Dezembro de 2019
DIOCESE DE LEIRIA-FÁTIMA JÁ TEM COMISSÃO PARA PROTEÇÃO DE MENORES E ADULTOS VULNERÁVEIS

O bispo da Diocese de Leiria-Fátima, o cardeal D. António Marto, publicou hoje o decreto que institui a Comissão para a Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis (CPMAV). Esta decisão, que partiu do prelado, segue as linhas orientadoras do Papa Francisco que, em 9 de maio, publicou uma carta apostólica sob a forma de motu proprio, onde afirma que “a responsabilidade recai, em primeiro lugar, sobre os sucessores dos Apóstolos, colocados por Deus no governo pastoral do seu povo, e exige deles o empenho de seguir de perto os passos do Divino Mestre”. A própria Conferência Episcopal Portuguesa assumiu estas instruções do Santo Padre, pelo que a decisão do prelado de Leiria-Fátima está concertada com todos os membros daquela Conferência.

D. António Marto assina documento decreto nomeação posse.jpg

No preâmbulo do documento, D. António Marto expressa a vontade de cumprir a missão da Igreja através da defesa e do cuidado aos mais frágeis e vulneráveis que corresponde a uma maior consciencialização do dever “de procurar não só conter os gravíssimos abusos de consciência, de poder e sexuais com medidas disciplinares e processos civis e canónicos, mas também enfrentar decididamente o fenómeno dentro e fora da Igreja”.

O documento dá uma atenção especial às palavras do Papa Francisco que considera o problema dos abusos sexuais “uma desumanidade, que se torna ainda mais grave e escandalosa na Igreja, porque está em contraste com a sua autoridade moral e a sua credibilidade ética”.

Para além da identificação dos objetivos que presidem à constituição desta Comissão, e das normas canónicas e civis que a orientam, o Decreto explica sucintamente os procedimentos a efetuar. Assim, a CPMAV “recebe as denúncias que lhe cheguem por qualquer via (pessoal, carta, telefonema ou correio eletrónico), recolhe os depoimentos e encaminha a informação recebida para as autoridades eclesiásticas e civis competentes” para posteriormente oferecer “apoio e acompanhamento às vítimas e denunciantes”.

A composição da Comissão

Juntamente com o Decreto da sua instituição, D. António Marto divulgou os nomes dos elementos que a vão constituir e que são proveniente de diversas áreas de conhecimento e actuação social. Para além da presidência da Comissão ter sido atribuída ao advogado Rui Alberto Rodrigues, o elenco é composto pela psicóloga clínica Lígia Pedrosa, a assistente social Maria da Conceição Lopes, o superintendente da PSP Rafael Marques e, ainda, o padre José Augusto Rodrigues.

A primeira tarefa desta Comissão, que irá tomar posse durante o mês de janeiro de 2020, será a elaboração do regulamento a ser aprovado pelo Bispo, onde estarão expressas as funções a distribuir pelos diversos membros.

Documentos:

Decreto de Instituição da Comissão para a Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis: https://drive.google.com/open?id=1mgERQXemQ2RUg64pebm21kLxE8Ves_-N-C43Y4-F5RY

Decreto de Nomeação da Comissão para a Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis: https://drive.google.com/open?id=1qWnb3ErXJiVTiRLMP-oSYfzHHsEgqAlUEXLy5jcdR2w



publicado por Carlos Gomes às 15:54
link do post | favorito

Quinta-feira, 19 de Dezembro de 2019
BOMBEIROS DA FREIXIANDA ANGARIAM FUNDOS PARA A REQUALIFICAÇÃO DO QUARTEL

Este final de ano em vez do habitual calendário a Liga de Amigos da Secção de Bombeiros de Freixianda vai colocar há venda miniaturas de tijolos para ajudar a custear as obras de requalificação do quartel dos Bombeiros Voluntários de Ourém -  3ª Companhia - Secção de Freixianda que estarão concluídas no inicio de 2020.

Estes exemplares terão um custo mínimo de 2 euros e poderão ser encontrados nalguns estabelecimentos comerciais , no quartel de bombeiros em Freixianda e nalgumas saídas das missas. Podem ainda ser feitas encomendas através do email: ligaamigosbfreixianda@gmail.com.

Nesta primeira fase foram feitos 1000 exemplares que serão reforçados sempre que se justificar.

Paralelamente a LASBF tem em andamento uma campanha de angariação de fundos com o mesmo objectivo.

Os donativos podem ser efectuados directamente no quartel ou através de transferência ou deposito para a seguinte conta bancária:

Iban: PT50 5180 0014 00000720678 54 

CAIXA DE CRÉDITO DE LEIRIA

19431_Cartazfreobomb.jpg



publicado por Carlos Gomes às 17:34
link do post | favorito

Terça-feira, 17 de Dezembro de 2019
FEIRA DAS VELHARIAS NA FREIXIANDA ADIADA PARA JANEIRO

Devido às previsões meteorológicas para o dia de amanhã e pelo facto de termos cerca de 20 expositores inscritos não sendo comportável a sua instalação na totalidade dentro das instalações do Mercado do Peixe somos forçados a adiar a realização da Feira de Velharias para o próximo dia 19 de Janeiro. Esta decisão foi tomada em concordância com a maioria dos expositores inscritos. Agradecemos a compreensão.

O executivo da União de Freguesias de Freixianda Ribeira do Fárrio e Formigais.

79424455_2617104245191972_7735821869210664960_n.jpg



publicado por Carlos Gomes às 10:51
link do post | favorito

Segunda-feira, 16 de Dezembro de 2019
BLOGUE "AUREN" DESEJA BOAS FESTAS AOS SEUS LEITORES

CapturarNTAUREN.PNG


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 18:44
link do post | favorito

NOVOS CORPOS SOCIAIS TOMAM POSSE NA FEDERAÇÃO DO FOLCLORE PORTUGUÊS

A FFP - Federação do Folclore Português, dá posse aos novos corpos sociais eleitos no dia 24 de novembro de 2019, para o triénio de 2020 a 2022, no próximo dia 5 de janeiro de 2020, na sede da Federação do Folclore Português, com o seguinte programa:

10:00 horas - Receção às representações dos Associados

10:30 horas - Receção às Entidades Oficiais, seguido de Porto de Honra e apontamento musical prévio com Cantares dos Reis

11:00 horas - Cerimónia da tomada de posse dos corpos sociais

12:00 horas - Sessão de cumprimentos

Lembramos que a Federação do Folclore Português está neste momento para ser acreditada como ONG da UNESCO.

image005ffporgsociais (1).png



publicado por Carlos Gomes às 17:24
link do post | favorito

O LIVRO "A MENSAGEM DE FÁTIMA - A MISERICÓRDIA DE DEUS: O TRIUNFO DO AMOR NOS DRAMAS DA HISTÓRIA" JÁ SE ENCONTRA ONLINE

Uma das mais abrangentes reflexões teológicas sobre a mensagem de Fátima está disponível em formato digital

Livro “A Mensagem de Fátima – a misericórdia de Deus: O triunfo do amor nos dramas da história”, do teólogo espanhol Eloy Bueno de la Fuente, está à venda nas principais livrarias online.

unnamedmsgfatm.jpg

O Santuário de Fátima acaba de publicar em formato digital o livro: “A Mensagem de Fátima – a misericórdia de Deus: O triunfo do amor nos dramas da história”, do teólogo espanhol Eloy Bueno de la Fuente, encontrando-se à venda, entre outras, nas livrarias online: Wook; Livraria Cultura; Apple Store; LeyaOnline; Barnes & Noble; Amazon e Kobo.

O livro, agora disponibilizado em formato de e-book, foi publicado em outubro de 2013, tendo sido reconhecido como uma das mais abrangentes reflexões teológicas sobre a mensagem de Fátima, onde Eloy Bueno de la Fuente analisa a mensagem de Fátima à luz da documentação histórica, com as ferramentas da teologia atual.

A reflexão de Eloy Bueno de la Fuente é desenvolvida em duas partes. Numa primeira, sob o título “Na carne dorida do mundo”, são apresentados diferentes aspetos do drama vivido a nível individual e coletivo, como as guerras e a violência; numa segunda parte, é apresentado “um testemunho místico e profético” que manifesta e aprofunda o sentido genuíno da Mensagem dirigida a esse mesmo cenário dramático.

No prefácio do livro, o acontecimento-Fátima é descrito como “um fenómeno tão complexo” que se “impõe como um desafio e como uma exigência para a reflexão teológica”. “O núcleo da Mensagem de Fátima reflete, de diferentes pontos de vista, o próprio coração da revelação. Desenvolve com harmonia uma experiência autêntica do mistério cristão nas suas componentes mais genuínas e autênticas. A forma de linguagem e o revestimento simbólico erguem-se como um protesto e como uma proposta em circunstâncias determinadas do mundo e da Igreja”, lê-se, no sumário da obra.

“A Mensagem de Fátima atua como uma interpretação profética da história enquanto denúncia dos infernos que gera o egoísmo humano, (…) e destaca a existência de um amor maior – representado por Maria –, que é garantia de que (o Mundo) não acabará em tragédia, graças a testemunhos como os dos Pastorinhos, que se entregam aos desígnios de misericórdia que lhes foram revelados”, sintetizou o autor, na apresentação do livro, em 2013.

Eloy Bueno de la Fuente nasceu em 1953 e é presbítero da Diocese de Burgos, Espanha, e professor catedrático de Teologia Dogmática da Faculdade de Teologia de Burgos, onde dirigiu o Instituto de Missionologia, e professor no Centro Ecuménico de Madrid. Licenciado em Teologia Dogmática pela Universidade de Santo Tomás, de Roma, e doutorado em Missiologia pela Universidade Urbaniana, de Roma, é um dos mais conceituados teólogos espanhóis e, por isso, frequentemente convidado para atividades científicas e pastorais quer pela sua diocese quer pela Conferência Episcopal Espanhola.



publicado por Carlos Gomes às 14:21
link do post | favorito

Domingo, 15 de Dezembro de 2019
FALECEU O PADRE LUÍS HENRIQUES FRANCISCO - ERA NATURAL DA FREIXIANDA

Na Casa Diocesana do Clero, em Fátima, onde residia, faleceu no 13 de dezembro de 2019, o padre Luís Henriques Francisco, de 82 anos de idade e 58 de sacerdócio. A celebração das exéquias, presidida pelo Cardeal D. António Marto, terá lugar na igreja paroquial de Casal dos Bernardos, na segunda-feira, dia 16, às 10h30, seguindo-se o enterro no cemitério local.

imagepadrenecrologiafreix.png

Luís Henriques Francisco, o mais novo de 11 irmãos, nasceu no dia 8 de fevereiro de 1937, em Casal dos Bernardos, na época da freguesia da Freixianda, filho de José António Francisco e de Emília Henriques. Entrou para o Seminário de Leiria em 1948. Concluído o curso de teologia, foi ordenado sacerdote no dia 15 de agosto de 1961, pelo bispo D. João Pereira Venâncio, na catedral de Leiria.

Em 1961, foi nomeado coadjutor da paróquia da Marinha Grande. Daqui transitou para a Batalha, em 1964, também como coadjutor. No início de 1967, recebeu a nomeação de pároco de Nossa Senhora dos Prazeres de Aljubarrota. No ano seguinte, deixou a paróquia para assumir a missão de capelão militar em Timor. Em 1971, foi nomeado pároco de Rio de Couros e de Formigais, no concelho de Ourém, onde exerceu o ministério pastoral até 2011. Nesse ano, por motivos de saúde, deixou esse serviço e passou a residir na Casa Diocesana do Clero. Por alguns anos, enquanto pôde, continuou a auxiliar alguns colegas, especialmente na celebração de missas dominicais. De 1996 a 2000, exerceu a missão de vigário da Vigararia de Caxarias. Em 2002, foi nomeado membro do Conselho Presbiteral.

O padre Luís Henriques era um homem de poucas palavras e com grande sentido de retidão, verdade e justiça. Levando vida moderada e simples, cultivou a curiosidade intelectual através da leitura e da reflexão. Nos tempos livres, gostava de jogar cartas, xadrez e damas, alcançando notável qualidade como jogador. No ministério pastoral, privilegiou o apoio às famílias, na vivência e educação religiosa, a celebração da liturgia e a promoção do serviço de confissões, especialmente em ordem à celebração do Natal e da Páscoa.

Ao comunicar o falecimento deste dedicado sacerdote, a Igreja diocesana de Leiria-Fátima agradece a Deus o dom da sua vida e ministério, confia-o à misericórdia divina, manifesta gratidão à Casa do Clero que dele cuidou com zelo e competência, especialmente nos últimos anos com o agravar-se do seu estado de saúde. Aos familiares e amigos apresenta sentidas condolências. A todos os fiéis recomenda a oração perseverante pelo dom de novas vocações sacerdotais, para que não faltem à Igreja os pastores de que ela necessita para guiarem as comunidades cristãs e ajudarem espiritualmente as pessoas na sua busca do divino e da santidade.



publicado por Carlos Gomes às 14:33
link do post | favorito

Sábado, 14 de Dezembro de 2019
UNESCO RECONHECE FEDERAÇÃO DO FOLCLORE PORTUGUÊS COMO ORGANIZAÇÃO NÃO GOVERNAMENTAL (ONG) PARA A SALVAGUARDA DO PATRIMÓNIO CULTURAL IMATERIAL

A Federação de Folclore Português recebeu a acreditação, da UNESCO, enquanto Organização Não Governamental (ONG) no âmbito da Convenção para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial.

Com este reconhecimento institucional a FFP recebe a alta distinção da UNESCO para os assuntos do património cultural imaterial e valida a nossa instituição enquanto entidade de reconhecido mérito neste campo da cultura.

É o reconhecer do trabalho árduo de um movimento de gente que ama a sua pátria e o ser Português.

Agradecemos o apoio da Fundação INATEL neste processo, que se tornou fulcral para que tal fosse possível.

Portugal está de parabéns! Os folcloristas portugueses estão de parabéns!

Prof. Dr. Daniel Calado Café

Presidente da Direção

pixlr_20191214184303300 (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 19:28
link do post | favorito

PAN QUER QUE TITULARES DE CARGOS POLÍTICOS DECLAREM LIGAÇÕES A ORGANIZAÇÕES “DISCRETAS”

·      Projeto de Lei tem como objetivo estabelecer deveres acrescidos de transparência aos titulares de cargos políticos ou altos cargos públicos com filiação ou ligação a organizações “discretas”, como é o caso da maçonaria

·      São considerados titulares de cargos políticos ou altos cargos públicos os mencionados nos artigos 2º e 3º da Lei 52/2019

O Grupo Parlamentar do PAN (Pessoas- Animais-Natureza) vai dar entrada no Parlamento, na próxima segunda-feira, de um projeto de lei que determina a declaração, em sede de obrigações declarativas, da filiação ou ligação a organizações ou associações “discretas”.

Este projeto de lei vem cumprir uma das medidas do programa eleitoral do PAN e consiste na inclusão de um campo de preenchimento facultativo no âmbito da declaração de rendimentos, património, interesses, incompatibilidades e impedimentos dos titulares de cargos políticos ou altos cargos públicos, que permita a menção à filiação ou ligação com associações ou organizações que exijam aos seus aderentes a prestação de promessas de fidelidade ou que, pelo seu secretismo, não assegurem a plena transparência sobre a participação dos seus associados.

O objetivo desta iniciativa é assegurar um princípio de transparência perante os cidadãos e identificar possíveis conflitos de interesses garantindo que, no exercício das suas funções, os titulares de cargos políticos e altos cargos públicos estão comprometidos com a prossecução do interesse público.

Vivemos numa sociedade democrática evoluída em que a liberdade de associação é um direito adquirido. Mas também vivemos num contexto em que os cidadãos portugueses são cada vez mais exigentes com os titulares de cargos políticos e de altos cargos públicos, impondo-lhes deveres acrescidos de transparência. Os partidos representados na Assembleia da República têm o dever de dar resposta a esta exigência. É inconcebível que os titulares destes cargos continuem a não declarar a sua filiação em organizações marcadas por uma forte opacidade, por um grande secretismo e que apelam a fortes laços de hierarquia.”, afirma André Silva, porta-voz e deputado do Grupo Parlamentar do PAN.

Depois de dados avançados pela comunicação social* durante a XII Legislatura, relativamente a titulares de cargos políticos e públicos com ligação a organizações maçónicas, várias personalidades defenderam publicamente a necessidade de declaração da filiação maçónica no registo de interesses dos titulares deste tipo de cargos. Foi o caso de Augusto Santos Silva que afirmou que “quem não estiver em condições de poder revelar este tipo de interesses não tem condições para o exercício de cargos públicos” e de José Matos Correia que declarou que numa democracia aberta os titulares de cargos políticos “não deviam poder pertencer a associações secretas” uma vez que isso “contradiz o principio da transparência” que deve pautar a ação política. Também Marcelo Rebelo de SousaLuís Marques Mendes ou Teresa Leal Coelho se pronunciaram neste sentido.

(Nota*: Informação disponível em Rui Pedro Antunes, Carlos Rodrigues Lima e Rui Marques Simões (2012), “O poder da maçonaria portuguesa”, 2.ª edição, Gradiva, página 17)

Esta iniciativa não pretende alterar o funcionamento destas organizações nem proibir a participação nas mesmas. No entanto, uma exigência de declaração de interesses que não tem uma orientação concreta quanto às questões a declarar tem-se traduzido num convite à indiferença do declarante e falta de transparência relativamente à filiação neste tipo de organizações que pode interferir com a imparcialidade com que exerce o seu cargo público ou político”, acrescenta André Silva.



publicado por Carlos Gomes às 08:58
link do post | favorito

Sexta-feira, 13 de Dezembro de 2019
PAN ANTECIPA MEDIDAS DO ORÇAMENTO DE ESTADO

Orçamento do Estado 2020: PAN antecipa acolhimento de medidas

Em vésperas da entrega da proposta de Orçamento do Estado para 2020 na Assembleia da República, e no seguimento das negociações ocorridas, o PAN (Pessoas-Animais-Natureza) antecipa um conjunto de medidas que deverão ser acolhidas pelo Governo.

Como resultado das conversações realizadas, prevemos o bom acolhimento na proposta de orçamento de um conjunto de prioridades e medidas que consideramos fundamentais para responder a algumas das necessidades e preocupações dos cidadãos”, afirma o porta-voz e deputado do PAN, André Silva. Para o OE 2020, o PAN apresentou ao Governo um pacote de mais de 50 medidas em áreas que considera de extrema relevância, como sejam o combate às alterações climáticas, a saúde, a educação, o emprego, a habitação, a proteção e bem-estar animal ou a cultura.

Entre as medidas relativamente às quais o Governo sinalizou convergência, o PAN antecipa poderem vir a constar da proposta de OE as seguintes:

Direitos Sociais

  • A alocação de verba de 7 milhões de euros para criação de uma rede nacional de respostas de alojamento a pessoas em situação de sem abrigo, através de projetos como o housing first;
  • Aumento da oferta pública de rendas acessíveis;
  • Aumento do número de pessoas abrangidas pela tarifa social na fatura da eletricidade;
  • Equipas especializadas em necessidades educativas especiais em todos os estabelecimentos do ensino superior;

Alterações Climáticas

  • Estender os ecovalores a todos os bens que geram resíduos (ex.: cápsulas de café, roupas, cigarros, óleos alimentares, etc.);
  • O fim da fatura em papel, exceto nos casos em que é pedido expresso do sujeito passivo;
  • Executar 29 milhões de euros do PDR 2020 em medidas de apoio à agricultura biológica, designadamente para ações de apoio técnico e certificação na transição para a agricultura biológica;

Violência Doméstica

  • Apoio jurídico para vítimas de violência doméstica, com reforço das bolsas de horas de apoio judiciário gratuito;
  • A consagração de um modelo de baixa (10 dias), integralmente remunerada, para pessoas vítimas de violência doméstica ou violação;

Direitos Laborais

  • Estudo para a requalificação profissional dos trabalhadores das centrais a carvão de Pego e de Sines, a encerrar, respetivamente, em 2021 e 2023;
  • Reforço dos meios técnicos e humanos para a Polícia Judiciária e para as Forças de Segurança, incluindo equipas de psicólogos;
  • Aumentar o número de auxiliares de ação educativa nas escolas, ajustado às reais necessidades das mesmas;

Proteção e Bem-estar animal

  • Implementação de uma estratégia nacional para os animais errantes e abandonados, com cabimentação orçamental adequada, em que se inclui o aumento das verbas previstas para a rede de Centros de Recolha Oficial, alargamento às associações zoófilas, as campanhas de esterilização e de identificação;

Saúde

  • Atribuição de uma verba de 10 milhões de euros para implementação do Programa Nacional da Saúde Mental, que passará, nomeadamente pela contratação de psicólogos para as Unidades de Saúde Familiar;
  • Contratação de nutricionistas para os quadros do Ministério da Educação;

Fiscalidade

  • A subida do valor de isenção prevista no art.º 53º do Código do IVA, para prestadores de serviços, de 10.000€ para 12.000€;
  • O aumento do IVA para a taxa máxima da bilhética nos espetáculos tauromáquicos;
  • Taxa mínima de IVA dos serviços prestados por intérpretes de Língua Gestual Portuguesa (atualmente é de 23%);
  • Redução do IVA da alimentação dos animais de companhia para a taxa intermédia.

O sentido de voto à proposta de OE 2020 só será definido depois de efetivamente conhecida, por um lado, a aceitação que as medidas do PAN mereceram ao Governo e, por outro, depois de apreciado o documento na sua globalidade”, refere ainda André Silva.



publicado por Carlos Gomes às 17:18
link do post | favorito

Quinta-feira, 12 de Dezembro de 2019
MENSAGEM DE NATAL DO BISPO D. ANTÓNIO MARTO: O PRESÉPIO COMO LUGAR DE TERNURA, FRATERNIDADE E ALEGRIA

O Bispo da diocese de Leiria-Fátima, D. António Marto, publicou no dia 12 de dezembro a sua mensagem de Natal intitulada “O Presépio, sinal da ternura, da fraternidade e da alegria do Natal“. Como tem sido habitual, o documento inspira-se carta apostólica que o Papa Francisco escreve na quadra natalícia e que, este ano, é dedicada ao significado e valor Presépio.

645776.png

António Marto começa por chamar a atenção para a celebração do Natal, que não deve ser “reduzida a uma mera comemoração social, nem desfocada por uma visão comercial”, para centrar a quadra com “a presença do festejado”, pois “Trata-se de celebrar o grande encontro de Deus com a humanidade no rosto humano de Jesus”.

Depois do preâmbulo, o Bispo da Diocese faz uma breve síntese da carta apostólica “O Sinal Admirável” que, no seu entender, ajuda a “descobrir e a saborear a beleza e a riqueza da espiritualidade do Natal, através da meditação das várias cenas e figuras do Presépio”. Para o prelado, “o Presépio coloca-nos diante do grande mistério da nossa fé, o mistério da Encarnação em que Deus manifesta até que ponto vai o seu amor partilhando a nossa humanidade e a nossa vida”.

De todas as figuras do Presépio, há um particular destaque para dois tipos de figuras. A primeira são os pastores, pobres e mendigos, “pessoas que não conhecem outra abundância senão a do coração”. Citando o Papa Francisco, “no Presépio, os pobres e os simples lembram-nos que Deus se faz homem para aqueles que mais sentem a necessidade do seu amor e pedem a sua proximidade”. Nesta linha, o D. António questiona: “Que gesto concreto de solidariedade vou realizar neste Natal?”.

Também faz uma referência aos reis magos que “ensinam que se pode partir de muito longe para chegar a Cristo: são homens ricos, estrangeiros sábios, sedentos de infinito, que saem para uma viagem longa e perigosa e que os leva até Belém” e que, “à vista do Menino Rei, invade-os uma grande alegria”. É esta alegria que, no regresso ao seu país, os faz falar deste encontro com o Messias, “inaugurando a viagem do Evangelho entre os gentios”. à semelhança dos magos, o cristão “torna-se portador da Boa-Nova para as pessoas que encontra, testemunhando a alegria de ter conhecido Jesus e o seu amor”.

Como habitual, D. António Marto termina a sua mensagem com uma proposta prática: participar na iniciativa da Cáritas “10 milhões de estrelas – um gesto pela Paz”. Como é do conhecimento público, basta adquirir as velas que estão a ser vendidas por aquela organização. Das verbas recolhidas 65% destinam-se à Cáritas Diocesana no seu trabalho de apoio às pessoas necessitadas e os restantes 35% destinam-se à Cáritas de Moçambique para apoio às vítimas do ciclone Idai.



publicado por Carlos Gomes às 13:48
link do post | favorito

Quarta-feira, 11 de Dezembro de 2019
CASA DO CONCELHO DE TOMAR DESEJA BOAS FESTAS AOS LEITORES DO BLOGUE "AUREN"

78661174_751828025308010_314662176121946112_n (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 17:20
link do post | favorito

Terça-feira, 10 de Dezembro de 2019
AMIGOS DO CONSOLATA MUSEU PROMOVEM WORKSHOP DE TINTA DA CHINA

A Liga de Amigos do  CONSOLATA MUSEU | Arte Sacra e Etnologia, em Fátima, irá promover a iniciativa "Leva-me ao Museu! Workshop de Tinta da China".

tintchi (1).jpg

Orientada pela artista Ana Oliveira, a ação é destinada a crianças dos 6 aos 12 anos, pretendendo valorizar a criatividade e o imaginário infantil, incentivando o desenvolvimento de competências e a prática da expressão artística.

workshop tem data marcada para o dia 18 de dezembro, quarta-feira, das 14h30 às 16h30. As inscrições deverão ser efetuadas até ao dia 17 de dezembro através do telefone 249 539 470.

«O meu Caminho nas artes começou bem cedo. Em criança usava o desenho para me expressar e a composição para estabelecer uma ordem visual apelativa num espaço».

Ana Oliveira

tintchi (2).jpg

tinta_china_nova_data.jpg



publicado por Carlos Gomes às 16:06
link do post | favorito

PAN QUESTIONA COMISSÃO EUROPEIA SOBRE CUMPRIMENTO DA DIRETIVA QUE REGULA A GESTÃO DAS BACIAS HIDROGRÁFICAS
  • Possível incumprimento da Diretiva por ineficiente gestão e proteção de recursos hídricos
  • Convenção de Albufeira regula caudais diários e gestão de rios internacionais na Península Ibérica
  • Cerca de um terço do território de Portugal continental em situação de seca severa
  • Alterações climáticas agravam severamente capacidade de captação, retenção, reserva e fornecimento de água em Portugal

O eurodeputado do PAN, Francisco Guerreiro, questionou a Comissão Europeia sobre o cumprimento da Diretiva 2000/60/CE, que estabelece um quadro de ação comunitária no domínio da política da água, por parte de Portugal e de Espanha, decorrente da seca severa verificada no território Português e da falta de caudais diários em rios internacionais nomeadamente no Tejo.

A ineficiente gestão de ambos os países destes recursos hídricos comuns coloca em causa a preservação da biodiversidade regional, mas também a qualidade e quantidade de água acessível às populações, tal como aos setores produtivos locais.

Uma das causas para este cenário são as políticas de gestão de recursos hídricos de Espanha, que, entre outras ações, retém (ou transfere) excessivamente a água do Tejo para sectores produtivos super intensivos (Transvase Tejo-Segura).

Recentemente, surgiram dúvidas de que Espanha tenha cumprido a Convenção de Albufeira, nomeadamente a manutenção dos caudais mínimos diários, o que agravou a escassez de água em rios nacionais.

Em paralelo, e segundo os dados do Instituto Português do Mar e Atmosfera, Portugal enfrenta atualmente, no final de outubro, uma seca severa em cerca de 1/3 do território sendo que, por exemplo, as águas da bacia do rio Tejo estão em valores mínimos históricos no que diz respeito aos últimos 40 anos, estando os afluentes Pônsul, na Beira Baixa, e Sever, no Alto Alentejo, praticamente secos.

Portugal é, e será, um dos países mais exposto ao aumento da temperatura média, decorrente das crescentes emissões de Gases de Efeito de Estufa, e os cenários de desertificação, tal como de erosão dos solos, são alarmantes como se pode verificar no último relatório especial do Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas para os Oceanos e a Criosfera.

O cumprimento da Diretiva 2000/60/CE, reforçada pela Resolução (2008/2074(INI)), visa garantir todos os Estados Membros o uso eficiente e racional de água, sendo que a mesma subdivide e especifica o uso deste recurso para a eco região Ibérico-Macaronésica.

Assim o eurodeputado perguntou à Comissão Europeia:

-Se a Diretiva 2000/60/CE [que estabelece um quadro de ação comunitária no domínio da política da água] está a ser respeitada por Portugal e Espanha, relativamente à gestão desta bacia hidrográfica?

-Se a Comissão prevê uma revisão da Diretiva 2000/60/CE e/ou se tenciona propor uma diretiva específica sobre o desafio da escassez de água e das secas, tendo em conta a Resolução do Parlamento Europeu de 2008 (2008/2074(INI))?

A Comissão terá seis semanas para responder a esta pergunta após a sua receção nos seus serviços.



publicado por Carlos Gomes às 15:08
link do post | favorito

Segunda-feira, 9 de Dezembro de 2019
JTG - JOVEM TALENTO DA GASTRONOMIA: DISTINÇÕES NACIONAIS ACONTECERAM EM FÁTIMA

A Escola de Hotelaria de Fátima foi palco da 8ª Final nacional do concurso Jovem Talento da Gastronomia, promovido pelas Edições do Gosto. Esta é a prova maior do reconhecimento dos jovens pelas categorias de Cozinha, Pastelaria, Bar e Artes de Mesa.

unnamedinsig (3).jpg

Os jovens foram sendo apurados ao longo das 3 etapas regionais, num processo que culminou na final nacional em Fátima, onde o talento é revelado em cada uma das áreas a concurso. Presente a concurso estão a Cozinha Makro, Cozinha com Legumes Bonduelle, Cozinha com Polvo Nacional Brasmar, Cozinha com Bacalhau Brasmar, Pastelaria e Tradição com Arroz Bom Sucesso, Artes da Mesa e Barman.

Os vencedores apurados nesta edição 2019 foram: André Rodrigues (Tradição com Arroz Bom Sucesso), Bernardo Calvo (Cozinha com Bacalhau Brasmar), Carlos Araújo (Pastelaria INTER Magazine), Isa Carvalho (Cozinha com Polvo Brasmar), João Coelho (Barman INTER Magazine), Rafael Neves (Cozinha com Legumes Bonduelle), Rafael Ribeiro (Cozinha Makro) e Solange Saraiva (Artes da Mesa INTER Magazine).

Paulo Amado, director das Edições do Gosto, destacou o Jovem Talento da Gastronomia como um movimento de causas, de um Portugal completo, onde há alma e saberes de norte a sul do país e onde isso não pode ser esquecido e tem que ser trabalhado ao longo de todas as edições e etapas. Para Carina João Oliveira, directora-executiva da INSIGNARE, a Escola de Hotelaria de Fátima posiciona-se em áreas de futuro para os jovens e tem marcadamente uma tradição inovadora no mercado, potenciando talentos com reconhecido mérito no mercado de trabalho, por isso acalenta estas parcerias de valor e de reconhecimento do mérito.

Passaram por Fátima centenas de Chefes e reconhecidos profissionais na área de Pastelaria, Padaria, Cozinha, Vinhos, Mesa e Bar, que prestaram apoio à prova como Júris do concurso.

Parabéns a todos os que prestaram provas na Escola de Hotelaria de Fátima e na realização desta prova suprema destinada aos jovens e futuros profissionais de uma área auspiciosa.



publicado por Carlos Gomes às 18:03
link do post | favorito

ALVAIÁZERE APRESENTA "O PAI NATAL DA LAPÓNIA"

Exposição “O Pai Natal da Lapónia”, na Biblioteca Municipal de Alvaiázere

Quando se pensa em natal, entre outras, pensa-se em família, frio, neve, luzes e, claro, no Pai Natal.

106_7222.jpg

Tendo por base este cenário, a Biblioteca Municipal planeou uma “ viagem” incrível ao mundo mágico do Pai Natal de Rovaniemi, cidade mais importante da Lapónia, conhecida pela tradição de aí residir o Pai Natal e as suas renas, pelos fiordes na costa ocidental, pelas montanhas e florestas a perder de vista e turisticamente pelo sol da meia-noite no Verão e pela aurora boreal no inverno.

Primeiro conhece-se as paisagens e só depois poder-se-á conhecer o verdadeiro Pai Natal, através da visualização do filme “I Segreti di Pabbo Natale” e a lojinha das recordações da Lapónia, num ambiente mágico onde predomina a neve, o frio e as luzes brancas.

Ainda haverá tempo para a foto de família ou de grupo pela travessia do Circulo Polar Ártico, num ambiente que mistura realidade e fantasia.

Esta recriação foi feita com base no espólio doado pela Clarisse Rodrigues ao Município de Alvaiázere e resultou da sua visita à Lapónia, no passado ano de 2018.

Aberta ao público até dia 6 de janeiro, no horário normal de funcionamento da Biblioteca Municipal (de segunda a sexta-feira das 9h00 às 17h00 e sábados das 9h30 às 13h00)

106_7226.jpg

poster natal-biblioteca.png



publicado por Carlos Gomes às 15:30
link do post | favorito

Domingo, 8 de Dezembro de 2019
ALVAIÁZERE DECRETA LUTO MUNICIPAL

Cumpre-me vir por este meio informar V/Exa. de que foi decretado o luto municipal nos próximos dias 8 e 9 de dezembro de 2019, pelo falecimento da deputada da Assembleia Municipal, Alzira Alves Ferreira da Silva, nos termos do despacho anexo da Sra. Presidente da Câmara Municipal de Alvaiázere.

Mais se informa, que o seu corpo estará em câmara ardente a partir das 13:00 do dia 8 de dezembro, na Igreja Matriz de Alvaiázere, a que se seguirão as cerimónias fúnebres no mesmo local.

O Município de Alvaiázere expressa, nesta hora de tristeza e consternação, o seu profundo pesar e solidariedade para com a família enlutada.

Com os melhores cumprimentos,

Manuel Pereira Lourenço

Chefe de Gabinete

Gabinete de Apoio à Presidência



publicado por Carlos Gomes às 04:13
link do post | favorito

Quarta-feira, 4 de Dezembro de 2019
INSCRIÇÕES PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS A ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS DISPONÍVEIS ATÉ 27 DE DEZEMBRO

As inscrições para atribuição de bolsas de estudo a estudantes universitários residentes no concelho de Ourém estão disponíveis até 27 de dezembro, após publicação do respetivo regulamento em Diário da República.

O atual regulamento de atribuição de bolsas de estudo a estudantes universitários foi revisto e atualizado, após 22 anos de vigência, e neste momento responde aos novos desafios e alterações legislativas ocorridas, facilitando o acesso ao ensino superior pelos jovens oureenses. De facto, o principal objetivo deste programa é apoiar o ingresso no ensino superior de jovens munícipes, ultrapassando as dificuldades económicas que afetam alguns agregados familiares e que poderão constituir um obstáculo ao prosseguimento de estudos dos seus educandos.

O regulamento define os princípios de atribuição das bolsas de estudo em causa, dirigidas a estudantes residentes no concelho de Ourém que se encontrem matriculados e a frequentar cursos ministrados em instituições de ensino superior público, particular ou cooperativo. As bolsas são concedidas em função de critérios sociais, económicos e de mérito escolar e o Município de Ourém delibera, em função da disponibilidade orçamental municipal, o número de bolsas a atribuir em cada ano letivo. A bolsa não poderá ultrapassar 50% do valor da propina máxima anualmente fixada para o 1º ciclo de estudos do ensino superior público, nos termos legais em vigor.

A disponibilização de bolsas de estudo para estudantes universitários cumpre um dos desígnios do Município de Ourém, ao colaborar na qualificação profissional dos jovens munícipes, tendo em vista a promoção de um maior desenvolvimento social, económico e cultural do concelho. O boletim de candidatura e o regulamento do programa de atribuição de bolsas de estudo a estudantes universitários oureenses estão disponíveis em www.ourem.pt.


tags: ,

publicado por Carlos Gomes às 19:23
link do post | favorito

Terça-feira, 3 de Dezembro de 2019
BOMBEIROS DA FREIXIANDA DESEJAM BOAS FESTAS AOS LEITORES DO BLOGUE AUREN

bombfreix.png



publicado por Carlos Gomes às 18:22
link do post | favorito

BOMBEIROS DA FREIXIANDA ANGARIAM FUNDOS PARA REQUALIFICAR O QUARTEL

bombfreix.jpg



publicado por Carlos Gomes às 18:20
link do post | favorito

DESCARONIZAÇÃO DA ECONOMIA: PARA O PAN "OU VAI OU RACHA"!

PAN contra a proposta da presidência Finlandesa para o próximo Quadro Financeiro Plurianual 2021-2027

  • Conselho decide unilateralmente na negociação do QFP diversos elementos relacionados como a Política de Coesão e a Política Agrícola Comum
  • Envelope para investimentos relacionados com o Clima com apenas 25%, longe dos 30% propostos pelo Parlamento e metade do reivindicado pelo Grupo dos Verdes
  • Removida a Revisão Intercalar no QFP
  • Francisco Guerreiro é membro efetivo da comissão dos Orçamentos do Parlamento Europeu

O eurodeputado do PAN, Francisco Guerreiro, inserido na família dos Verdes Europeus rejeita a proposta para o próximo Quadro Financeiro Plurianual (QFP) 2021-27, de apenas 1.07% do Rendimento Nacional Bruto (RNB), divulgada pela presidência Finlandesa do Conselho.

A proposta Finlandesa fica muito aquém das necessidades objetivas de descarbonizar a economia, de fazer uma transição social e económica justa, e rompe com o diálogo interinstitucional com o Parlamento Europeu ao tomar em si, unilateralmente, a decisão de diversos elementos estruturantes no QFP como a Política de Coesão e a Política Agrícola Comum.

Este unilateralismo rompe com o respeito interinstitucional que tem permeado as negociações orçamentais e vai contra os países que mais precisam de voz neste processo, como é exemplo Portugal, sobretudo quando falamos em Políticas de Coesão e da PAC” afirma o eurodeputado Francisco Guerreiro.

Para o PAN os pontos mais problemáticos desta proposta, além do geral desrespeito pela posição acordada no Parlamento Europeu (1.3% RNB), há mais de um ano, e de dezenas de elementos referentes à Política de Coesão e à PAC deixarem de ser alvos de codecisão, prendem-se com o baixo nível financeiro global do envelope (1.07% do RNB), o valor insuficiente para despesas relacionadas com o combate às alterações climáticas (até 25%) e com a decisão, sem precedente, de não se incluir uma Revisão Intercalar (normalmente ao fim de 3,5 anos) o que num Orçamento tão longo pode levar a resultados desastrosos.

No combate às alterações climáticas a proposta do Conselho coincide com a da Comissão e apenas aponta até 25% de despesa relacionada com o clima. Ambas as propostas são menores que a proposta do Parlamento Europeu (30%) e metade do que os Verdes Europeus defendem (50%).

O European Green Deal não se concretiza com apenas 25% de despesa em ação climática” aponta Francisco Guerreiro. “Todo, ou grande parte, do Orçamento Plurianual deveria estar orientado para a ação climática e apenas há ¼ de vontade destas instituições em descarbonizar a economia” afirma Francisco Guerreiro. “Em vésperas da COP25 são maus prenúncios para a expectativa de um acordo rápido e para a recém-empossada Comissão Von der Leyen” conclui Francisco Guerreiro.

Da proposta existe um ponto positivo que consagra duas novas formas de financiamento do Orçamento através de recursos próprios: uma opção de utilizar 20% das receitas do Sistema de Transação de Emissões e uma taxa de 0,8€ por kg de plástico não reciclado por parte dos Estados-Membros. Esta diminuta reforma do Regime de Recursos Próprios não terá impacto financeiro significante e está longe do proposto pelo Parlamento Europeu que se baseia numa reforma estrutural e ambiciosa deste regime podendo incluir, entre outras, taxas sobre transações financeiras, sobre as maiores empresas digitais do Mundo e sobre indústrias altamente poluentes.

Por todas estas questões o eurodeputado espera que por parte dos Finlandeses se coloque em cima da mesa uma proposta realista e que esta venha de encontro ao proposto pelo Parlamento Europeu. Este Orçamento é vital para o futuro da União Europeia, não só como projeto político credível, mas, sobretudo, porque é o último que possibilita reverter o eminente caos climático.

Este é o Orçamento mais importante da União. Ou vai, ou racha, pois, o ambiente e a biodiversidade não podem ser meias prioridades na Europa” sublinha Francisco Guerreiro.

De recordar que os valores globais da proposta da Presidência Finlandesa do Conselho é de 1,07% do RNB e estão muito aquém do pretendido pelo Parlamento Europeu, no valor de 1,3% do RNB, e, numa atitude provocatória, mesmo abaixo da proposta original da Comissão Europeia, ou seja de 1,11% do RNB.



publicado por Carlos Gomes às 16:41
link do post | favorito

Quinta-feira, 28 de Novembro de 2019
PARLAMENTO EUROPEU DECLARA EMERGÊNCIA CLIMÁTICA
  • Propostas dos Verdes para reduzir 65% de GEE até 2030 e atingir a neutralidade carbónica até 2040 foram rejeitadas
  • Aprovação de medidas dos Verdes referentes ao fim de isenções fiscais a combustíveis fósseis e à política de novos investimentos do BEI
  • PAN vota contra resolução sobre metas europeias a propor na COP25 por esta reforçar a expansão da indústria nuclear na transição energética

O Parlamento Europeu (PE) declarou hoje em votação plenária a emergência climática. Pese embora tenha sido dado um passo importante no Parlamento as metas propostas pelos Verdes Europeus para reduzir a emissão de Gases de Efeito de Estufa (GEE) em 65% até 2030 e para atingir a neutralidade carbónica em 2040 foram rejeitadas. 

Apesar de ser declarada a emergência climática, os esforços para reduzir as emissões dos GEE na Europa são insuficientes para cumprir o acordo de Paris e não se coadunam com o último relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) que indica que as emissões de GEE, neste território, não estão a decrescer ao ritmo exigido pela comunidade científica. 

Mais do que resoluções, os cidadãos querem ação climática e hoje o parlamento fez apenas meio caminho nesse sentido” afirma Francisco Guerreiro, eurodeputado do PAN. “Ficámos aquém das metas necessárias para combater e mitigar o impacto das alterações climáticas mas os Verdes conseguiram importantes vitórias” conclui o mesmo.

Nesta sessão plenária foi também votada uma resolução relativa ao compromisso do PE perante os objetivos da União Europeia (UE) na COP25 que se realizará do dia 2 a 13 de dezembro de 2019, em Madrid.

O PAN votou contra o texto final da resolução porque a mesma incluía uma emenda dos liberais, votada a favor pelos Conservadores (ECR), pela extrema-direita (ID) e por grande maioria do PPE, que defende a expansão do complexo industrio-nuclear na europa como método de substituição a energias fósseis para combate as alterações climáticas (Votação final: 328 a favor, 285 contra e 45 abstenções).

Apesar do voto foram várias as emendas que os Verdes conseguiram ver aprovadas nomeadamente que os acordos comerciais internacionais não prejudiquem a preservação da biodiversidade, que se termine com a isenção fiscal a produtos que contenham querosene, mas também a combustíveis marítimos, e a garantia que o Banco Europeu de Investimentos (BEI) aprove apenas projetos em linha com os objetivos do Acordo de Paris.

O Parlamento Europeu por força dos liberais e conservadores deu um tiro no pé ao validar a expansão da indústria nuclear na Europa, não apostando unicamente em energias 100% limpas e renováveis” afirma Francisco Guerreiro.



publicado por Carlos Gomes às 14:23
link do post | favorito

MASE PROMOVE "TARDE DE POESIA NATALÍCIA"

No próximo dia 7 de dezembro, sábado, pelas 15h30, irá decorrer no CONSOLATA MUSEU | Arte Sacra e Etnologia, em Fátima, a 12.ª edição da “Tarde de Poesia Natalícia”.

Após a abertura do Bazar de Natal, com trabalhos de artistas e artesãos locais, num ambiente intimista, várias crianças do 1.º ciclo de Fátima declamarão poemas de sua autoria, inspirados nas coleções de presépios e Meninos Jesus que este museu conserva.

Esta atividade pretende, através das crianças, chamar a atenção do verdadeiro significado do Natal.

Intercalando os vários poemas, existirão momentos musicais da responsabilidade dos alunos da Escola de Música e Artes de Ourém – OUREARTE.

A entrada é livre!

image007masefatim.jpg



publicado por Carlos Gomes às 11:25
link do post | favorito

PAN QUER DESCENTRALIZAÇÃO DAS COMPETÊNCIAS PARA AS AUTARQUIAS LOCAIS

PAN quer Grupo de Trabalho para evitar os “erros” do passado

O Grupo Parlamentar (GP) do PAN – Pessoas, Animais, Natureza defende a criação de um grupo de trabalho para avaliar e monitorizar o processo de descentralização das competências para as autarquias locais e entidades intermunicipais. A discussão da proposta do PAN está prevista para a próxima reunião da Comissão de Administração Pública, Modernização Administrativa, Descentralização e Poder Local (CAPMADPL), que terá lugar no dia 3 de dezembro, às 14h00.

A consolidação do processo de descentralização, necessária para assegurar um exercício de competências mais eficiente e mais próximo dos cidadãos, não pode, porém, implicar a repetição dos erros ocorridos na última Legislatura”, alerta a deputada do GP do PAN, Bebiana Cunha, que integra a Comissão de Administração Pública, Modernização Administrativa, Descentralização e Poder Local (CAPMADPL). O PAN quer ver também garantido este processo seja acompanhado da “devida dotação de recursos financeiros”, contrariamente ao sucedido no passado, em que o processo de descentralização avançou com desconhecimento das verbas associadas, a ausência de identificação de recursos e necessidades e com a oposição de centenas de municípios.

O grupo de trabalho proposto pelo PAN tem precisamente como objetivo avaliar e monitorizar o processo em curso de descentralização das competências para as autarquias locais e entidades intermunicipais e os seus resultados, mediante a promoção de um leque alargado de audições, desde logo aos municípios e às suas associações representativas.

O PAN entende igualmente que a revisão da legislação autárquica estruturante, implícita no processo de descentralização e que deverá decorrer durante a atual Legislatura - previsivelmente no ano de 2021 -, deverá ser ambiciosa e não deverá ficar-se por meras alterações de pormenor. “Este processo deve ser encarado como a principal prioridade do debate político em matéria de Poder Local. Esta é a oportunidade para serem introduzidas alterações no sentido de reforçar a democracia local, os direitos de oposição nas Autarquias Locais, a democracia participativa no plano autárquico e a garantia de que são conferidas todas as condições de funcionamento adequadas ao bom desempenho dos órgãos do Poder Local”, remata a deputada Bebiana Cunha.

Outra proposta em cima da mesa por parte do PAN é a constituição também de um grupo de trabalho que promova uma discussão alargada sobre a possibilidade de introduzir alterações às regras dos procedimentos concursais para o recrutamento de trabalhadores da função pública.  “Pretende-se tornar os processos de recrutamento mais rápidos, mais transparentes, justos e livres de eventuais favorecimentos concedidos em função de ligações políticas ou familiares, com vista a recuperar a credibilidade dos cidadãos nestes processos”, justifica a deputada.

Finalmente, o PAN quer ainda garantir que a Associação Nacional de Assembleias Municipais seja sempre ouvida por esta comissão parlamentar, a qual representa 132 Assembleias Municipais, sempre que estejam em causa projetos ou propostas de lei respeitantes às autarquias.



publicado por Carlos Gomes às 10:04
link do post | favorito

Quarta-feira, 27 de Novembro de 2019
ALVIÁZERE DIZ NÃO À VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES

Município associa-se a campanha de luta contra a violência contra as mulheres

O Município de Alvaiázere associou-se à campanha #NãoSouUmSaco, que está a ser promovida pela Guarda Nacional Republicana, no âmbito do Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, que se assinala a 25 de novembro.

Para o efeito, a autarquia produziu diversos materiais gráficos que instalou por todo o concelho, que pretendem apelar à importância de se denunciar situações de violência doméstica.

Campanha Violência Doméstica GNR_Alvaiázere out19 placard A3.png



publicado por Carlos Gomes às 17:15
link do post | favorito

ALVAIÁZERE MOSTRA PRESÉPIOS DE NATAL

Presépios de Natal 2019

O Natal assume-se, na sociedade cristã, como um período de celebração marcado por diversas tradições que assinalam o nascimento do Menino Jesus e que se manifestam de forma plástica e teatral; destaque para a tradição de montar presépios, através dos quais se recriam quadros do nascimento do Menino.

O Município de Alvaiázere convida a comunidade a manter viva esta tradição. Para o efeito, os interessados em participar nesta mostra de criatividade e fé deverão proceder à sua inscrição nos serviços da Biblioteca Municipal de Alvaiázere até ao dia 06 de dezembro de 2019.

Serão considerados os presépios que estejam patentes ao público em locais de culto, espaços públicos, espaços abertos ao público ou espaços comerciais.

Será atribuído um prémio de participação no valor de 15,00€ para os presépios tradicionais, de 30,00€ para os presépios tradicionais animados (com um mínimo de 3 figuras animadas, sendo que essas figuras terão de ser reconhecidas como parte integrante do presépio tradicional) e de 75,00€ para os presépios ao vivo. No que se refere a esta última categoria, uma mesma entidade só poderá inscrever um único presépio ao vivo, com exceção de eventuais grupos constituídos por força dos ciclos de ensino, sendo que, caso se trate de um grupo específico este só pode participar uma única vez - independentemente do local e horário em que essa representação tenha lugar. Aquando da inscrição de um presépio ao vivo, o responsável deve dar indicação da data e lugar onde o mesmo será realizado, sendo que a teatralização não deve exceder 20 minutos.

Os serviços municipais visitarão os presépios inscritos entre os dias 11 e 13, e 16 e 20 de dezembro de 2019 para validar a atribuição do prémio de participação, de acordo com cronograma a transmitir pelos serviços.

77001286_3032765636752136_6765832466373541888_o.jpg



publicado por Carlos Gomes às 17:11
link do post | favorito

PAN MANTÉM DIÁLOGO COM A RECÉM-ELEITA COMISSÃO EUROPEIA
  • Comissão afasta-se da proposta dos Verdes para reduzir 65% dos GEE até 2030 e atingir a neutralidade carbónica em 2040
  • Francisco Guerreiro e Verdes Europeus abstêm-se como sinal de abertura para futuras negociações
  • Paridade na lista de Ursula Von de Leyen é um sinal positivo desta Comissão
  • Fundos de Coesão, Política Comum de Pescas, Política Agrícola Comum e European Green Deal serão pastas determinantes para os Verdes Europeus

O Parlamento Europeu aprovou hoje a composição da nova Comissão Europeia liderada pela presidente Ursula Von der Leyen com os votos favoráveis do PPE (PSD e CDS), do S&D (Partido Socialista), Liberais e a maioria dos votos dos conservadores do ECR. Os Verdes Europeus, tal como o eurodeputado Francisco Guerreiro, abstiveram-se como sinal de abertura para futuras negociações no quadro institucional entre o Parlamento e a Comissão Europeia.

Desde a apresentação dos objectivos por parte da presidente da Comissão Europeia Ursula Von der Leyen, os Verdes Europeus têm encetado esforços para influenciar positivamente a composição da lista dos novos Comissários tal como os objectivos programáticas da Comissão.

“Não passamos cheques em branco mas mantemos a porta aberta para negociar com a nova Comissão” afirma Francisco Guerreiro, eurodeputado do PAN.

A priorização da apresentação do European Green Deal por parte da Comissão Europeia é uma vitória dos Verdes Europeus que desde a década de 80 vêm a alertar para a necessidade de construir um modelo económico e social baseado na gestão sensata e responsável dos recursos comuns. Porém a proposta dos Verdes para reduzir 65% de Gases com Efeito de Estufa até 2030 e para atingir a neutralidade carbónica até 2040 não foi aceite pela nova Comissão, o que demonstra falta de ambição climática.

Em paralelo existem pastas que carecem de melhoramento e que comprovam a importância dos Verdes Europeus estarem directamente envolvidos em negociações futuras entre o Parlamento, o Conselho e a Comissão Europeia. Nomeadamente, a reversão dos anunciados cortes dos Fundos de Coesão, a revisão da atual Política Agrícola Comum, da Política Comum de Pescas e a implementação de uma justa transição económica e social com o Green New Deal.

“As políticas de coesão, a PAC, a PCP e o European Green Deal serão temas centrais de debate nos próximos meses pelo que os Verdes tentarão condicionar positiva e estruturalmente estas pastas” conclui o eurodeputado.

O PAN garantirá também que a Comissão reveja e melhore as regulamentações e a legislação em torno do bem-estar e proteção dos animais. Algo que foi secundarizado no debate em torno das prioridades desta nova comissão. 

De salientar que é a primeira vez que a Comissão é liderada por uma mulher com um colégio de Comissários tão perto da paridade, o que demonstra o empenho da presidente Ursula Von der Leyen com questões de igualdade de género.



publicado por Carlos Gomes às 15:23
link do post | favorito

BANDAS FILARMÓNICAS DESFILAM EM LISBOA NAS COMEMORAÇÕES DO DIA DA RESTAURAÇÃO DA INDEPENDÊNCIA EM 1640

73201893_2560957704011335_7881592071394426880_n (5).jpg



publicado por Carlos Gomes às 07:41
link do post | favorito

Segunda-feira, 25 de Novembro de 2019
PEV DEFENDE SUBSÍDIO PARA VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA OBRIGADAS A ABANDONAR O LAR

No Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres, que se assinala hoje, 25 de Novembro, O Partido Os Verdes dá entrada na Assembleia da República de um Projeto de Lei que visa a “Criação de subsídio para vítimas de violência que são obrigadas a abandonar o lar”.

Para garantir meios de apoio a muitas das vítimas de violência, para lhes assegurar que a dependência económica não é fator de prolongamento de sujeição a atitudes violentas, o Estado deve assumir o pagamento de um subsídio de inclusão e autonomia, de modo a que as vítimas possam ter meios para enfrentar custos adicionais que uma atitude determinada, de se libertarem de situações de violência, pode acarretar na vida de uma mulher e é esse o propósito do Projeto de Lei que o PEV hoje apresenta.



publicado por Carlos Gomes às 11:25
link do post | favorito

Domingo, 24 de Novembro de 2019
VEREADORES SOCIALISTAS DE OURÉM APRESENTAM DECLARAÇÃO

Declaração 18-11-2009

Zona Industrial da Freixianda

  1. Já agora: será que a única forma de desenvolver uma região é criando uma zona industrial?? Todos sabemos que na era tecnológica, e com o incremento de novos mercados, um modelo de desenvolvimento assente na indústria é discutível. O desenvolvimento da Freixianda tem necessariamente que assentar na criação de mais uma Zona Industrial, que pela proximidade, tem obrigatoriamente que competir com as outras existentes no concelho e com os concelhos vizinhos?
  2. Já antes afirmámos: o norte do concelho e a vila da Freixianda, pelas caraterísticas únicas e genuínas que possui, e pela mais valia que isso representa no concelho, deve obedecer a um plano de desenvolvimento próprio, que a diferencie e não se limite a imitar outros! Mas isso implica ideias, que este executivo não tem!

Na perspetiva dos vereadores do PS, o investimento previsto para a ZI da Freixianda em 2011 pelo executivo PS, nada tem a ver com aquilo que neste momento nos é aqui apresentado: é-nos apresentado um investimento completamente desproporcionado, sem qualquer fundamento que o justifique, e sem uma avaliação adequada e isenta dos terrenos que se pretende adquirir. Por isso, abstemo-nos de aprovar esse projeto.

  1. Em 2018 o executivo PSD/CDS manteve a previsão de 200.000 euros; em 2019 a verba passa para 275.000 e no orçamento de 2020, sem aumento significativo da área, passa drasticamente para 000 euros! Parece que a inflação nos terrenos para a ZI da Freixianda entre 2019 e 2020 é superior à dos imóveis em Lisboa nos últimos 10!!
  1. Neste momento, está previsto no orçamento gastar-se na ZI da Freixianda000 euros em terrenos e 950.000 em infraestruturas, o que totaliza 1.600.000 de euros!! (Voltamos a frisar: sem qualquer estudo de viabilidade económica!!!…)
  2. Não compreendemos as intenções deste executivo: apertam-se outros investimentos (tal como a Av Papa João XXIII, que ficará pela metade) porque, dizem, “não há verba" e, entretanto, dispõe-se a gastar 1.600.000 euros sem qualquer estudo de viabilidade económica desse investimento!!
  3. Com um dos anteriores executivos do PSD, o município teve (e tem) uma experiência de prejuízo avultado com a ZI em Fátima (Fatiparques); no entanto, mesmo com essa experiência, e sem nenhum tipo de fundamento, o atual executivo PSD/CDS está disposto a aventurar-se novamente num investimento sem garantia??
  4. Já agora: será que a única forma de desenvolver uma região é criando uma zona industrial?? Todos sabemos que na era tecnológica, e com o incremento de novos mercados, um modelo de desenvolvimento assente na indústria é discutível. O desenvolvimento da Freixianda tem necessariamente que assentar na criação de mais uma Zona Industrial, que pela proximidade, tem obrigatoriamente que competir com as outras existentes no concelho e com os concelhos vizinhos?
  5. Já antes afirmámos: o norte do concelho e a vila da Freixianda, pelas caraterísticas únicas e genuínas que possui, e pela mais valia que isso representa no concelho, deve obedecer a um plano de desenvolvimento próprio, que a diferencie e não se limite a imitar outros! Mas isso implica ideias, que este executivo não tem!

Na perspetiva dos vereadores do PS, o investimento previsto para a ZI da Freixianda em 2011 pelo executivo PS, nada tem a ver com aquilo que neste momento nos é aqui apresentado: é-nos apresentado um investimento completamente desproporcionado, sem qualquer fundamento que o justifique, e sem uma avaliação adequada e isenta dos terrenos que se pretende adquirir. Por isso, abstemo-nos de aprovar esse projeto.

Os Vereadores do PS Ourém

Cília Seixo

José Reis

João Heitor



publicado por Carlos Gomes às 17:13
link do post | favorito

Sexta-feira, 22 de Novembro de 2019
PAN AVANÇA COM PROPOSTAS PARA PROTEÇÃO DE ANIMAIS UTILIZADOS PARA FINS DE PECUÁRIA
  • PAN quer mais proteção dos animais utilizados para fins na pecuária, como os equídeos
  • Criação de enquadramento legal que permita a existência de locais de acolhimento destinados a estes animais
  • Melhoria do sistema de identificação do fim funcional de equídeos com vista à sua proteção

O PAN, Pessoas-Animais-Natureza, deu entrada de uma iniciativa na qual recomenda ao Governo a criação de um enquadramento jurídico próprio para os locais de acolhimento sem fins-lucrativos que procedam à recolha, recuperação e alojamento de animais de quinta e de animais selvagens, em regime de santuário animal.

Este projeto de resolução tem como objetivo preencher a lacuna existente na legislação, uma vez que não existe proteção jurídica para os animais utilizados para fins de pecuária, de trabalho, ou animais selvagens. Face a esta conjuntura, torna-se urgente, no entender do Partido, criar um enquadramento jurídico específico para a criação e manutenção de locais que funcionem como santuários ou refúgios de vida animal e que permitam que estes animais, vítimas de maus-tratos ou negligência, possam nestes locais viver o seu tempo normal de vida ou ser encaminhados, quando apreendidos pelas autoridades.

De acordo com o nosso Código Civil os animais são seres vivos dotados de sensibilidade. No entanto, continuam a não existir mecanismos de resposta aos maus tratos e abandono de animais utilizados para fins de pecuária, tal como existe para os animais de companhia. Na prática, se um cão for abandonado existem Centros de Recolha Oficial e abrigos de associações sem fins lucrativos que o podem acolher, mas se um cavalo for abandonado não existe qualquer resposta”, afirma Cristina Rodrigues, deputada do Grupo Parlamentar do PAN.

A par desta iniciativa, o PAN apresentou ainda um projeto de lei onde prevê a melhoria do sistema de identificação do fim funcional de equídeos com vista à sua proteção. Neste documento o PAN aponta que, apesar de ser obrigatória a identificação destes animais numa base de dados nacional, existem ainda falhas na atualização da informação, nomeadamente no que diz respeito à aptidão funcional do equídeo.

De acordo com esta iniciativa, em caso de mudança de proprietário, o novo titular deve assegurar a atualização do registo relativamente aos seus dados e à aptidão funcional do animal, para que estes animais possam apenas ser utilizados para o fim que se encontra registado.

A este respeito, Cristina Rodrigues acrescenta que “existem muitos cavalos em Portugal cuja aptidão funcional é a de animal de companhia, no entanto, não podem ser registados como tal, o que faz com que no caso de maus tratos ou abandono estejam excluídos da proteção prevista no Código Penal”.



publicado por Carlos Gomes às 10:26
link do post | favorito

NATAL EM ALVAIÁZERE PROMOVE PRODUTOS DA TERRA

Município de Alvaiázere promove “Feira de Produtos da Terra” em época natalícia

No próximo dia 21 de Dezembro de 2019, o Município de Alvaiázere volta a organizar no recinto do parque multiusos de Alvaiázere, mais uma edição da Feira de Produtos da Terra, desta feita com um novo horário, entre as 14:00 e as 23:00, e com mais atrativos para visita.

Para além da vasta mostra de produtos locais e regionais e artesanato, que irá juntar dezenas de produtores, o público poderá disfrutar do espetáculo musical e Circense “Irmãos Esferovite” destinado aos mais pequenos e de um concerto de Natal, com as atuações da Sociedade Filarmónica Alvaiazerense de Santa Cecilia e da Tuna e Cantares da Misericórdia de Alvaiázere.

Esta iniciativa pretende dinamizar a economia local, proporcionar aos produtores e artesãos a possibilidade de promoverem e escoarem os seus produtos.

Visite Alvaiázere e venha, connosco, conhecer e provar o património local e regional!

Capturarfeiralv.PNG



publicado por Carlos Gomes às 02:12
link do post | favorito

ESCOLA PROFISSIONAL DE OURÉM PROMOVE SEGURANÇA RODOVIÁRIA

A Escola Profissional de Ourém irá integrar um projeto de estudo sobre Prevenção Rodoviária promovido pela Unidade de Saúde Publica do Agrupamento de Centros de Saúde do Médio Tejo, cujo objetivo é estudar a perceção juvenil do risco rodoviário.

O projeto desenvolve-se com um grupo de alunos da Escola e pretende dinamizar com auxílio de profissionais de saúde as perceções dos mesmos relativamente aos fatores de risco para a sinistralidade rodoviária e identificar métodos de abordagem para capacitar os utilizadores das vias rodoviárias. Esses dados permitirão aos profissionais de saúde trabalhar na prevenção dos comportamentos que conduzem ao aumento da sinistralidade rodoviária.

No agrupamento de centros de saúde do Médio Tejo, decorre um projeto piloto, o PROSEGURO, que abrange jovens com idades compreendidas entre os 18 e os 25 anos em fase de aquisição da licença de condução ou condutores, para os quais os profissionais gostariam de dirigir as suas mensagens de promoção da saúde e comportamentos saudáveis, como a moderação ao álcool e drogas, bem como a exposição a fatores de risco como a falta de descanso, que são responsáveis por uma grande parte dos acidentes rodoviários



publicado por Carlos Gomes às 02:07
link do post | favorito

INATEL LEVA TEATRO A ALVAIÁZERE

A4_Lusíadas - Ciclo de Teatro-01 (1).jpg



publicado por Carlos Gomes às 01:48
link do post | favorito

Quarta-feira, 20 de Novembro de 2019
CÂMARA MUNICIPAL DE OURÉM INICIA PROCEDIMENTO PARA CRIAÇÃO DE ZONA INDUSTRIAL DE FREIXIANDA

A Câmara Municipal de Ourém aprovou na reunião de Câmara de 18 de novembro o início do procedimento para a constituição da futura Zona Industrial de Freixianda. Com esta deliberação, aprovada por maioria com a abstenção dos vereadores da oposição, o Município está finalmente em condições de encetar a aquisição dos terrenos necessários para a nova zona industrial, num investimento de sensivelmente 647 mil euros.

O Executivo Camarário assume como uma das suas principais prioridades o apoio ao tecido empresarial, assim como a implementação de novas zonas industriais no concelho. Neste sentido, em colaboração com o Presidente da Junta da União de Freguesias de Freixianda, Ribeira do Fárrio e Formigais, foi possível chegar a acordo com todos os proprietários dos terrenos definidos para a primeira fase desta zona industrial (167 400 m2), estando o Município apto para iniciar a assinatura dos acordos ou contratos de aquisição.

A futura Zona Industrial de Freixianda, juntamente com o trabalho desenvolvido pelo Município na promoção da Zona Industrial de Casal dos Frades – Ourém e Zona Industrial de Chã – Caxarias, constitui mais um projeto capaz de atrair investimentos e fundamental para a fixação de mais pessoas no concelho de Ourém.



publicado por Carlos Gomes às 20:38
link do post | favorito

OURÉM HOMENAGEIA ACÁCIO DE PAIVA

Na próxima sexta-feira, 22 de novembro, pelas 21h30, a Biblioteca Municipal de Ourém, lembrando a passagem do 75.º ano sobre a morte do Escritor Acácio de Paiva, homenageará o autor num encontro à volta da sua vida e obra, com os seguintes momentos:

  • Visita à Exposição “Imaginar Fábulas e Historietas”, com trabalhos de alunos dos Agrupamento de Escolas de Ourém, Agrupamento de Escolas Conde de Ourém, Agrupamento de Escolas Cónego Dr. Manuel Lopes Perdigão, Centro de Estudos de Fátima e Colégio do Sagrado Coração de Maria;
  • Declamação de poemas e histórias de Acácio de Paiva, por David Teles Ferreira.

BMO_Homenagem_Acácio de Paiva_22-11-2019.jpg



publicado por Carlos Gomes às 18:22
link do post | favorito

PAN QUER DEBATER O REGIME PREFERENCIAL DA RESIDÊNCIA ALTERNADA
  • Proposta de alteração será discutida no dia 11 de dezembro em sede de Comissão

No dia em que se assinala o 30º aniversário da Convenção sobre os Direitos da Criança, o Grupo Parlamentar PAN – Pessoas, Animais e Natureza apresentou hoje uma proposta de projeto de lei que visa alterar os termos atuais da legislação, de modo a que o modelo de residência alternada seja privilegiado sempre que tal corresponda ao superior interesse da criança. O objetivo é que seja feita uma avaliação caso-a-caso, excetuando-se os casos em que tal seja manifestamente incompatível com o interesse das crianças, nomeadamente se se verificar a existência da pendência de processos relativos ao crime de violência doméstica, negligência ou abuso infantil sobre a criança, assim como a aplicação judicial de medidas de afastamento ou decisão de condenação. A discussão desta iniciativa está agendada para dia 11 de dezembro de 2019, em sede de Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias (CACDLG).

Inês de Sousa Real, líder do Grupo Parlamentar do PAN, destaca que “o que se pretende é alterar o atual modelo, tornando o regime da residência alternada o modelo preferencial, devendo ficar devidamente salvaguardado os casos em que registe abuso infantil, negligência ou violência doméstica, em que tal seria manifestamente incompatível com o interesse das crianças”. É desta forma, acrescenta a deputada, “que é garantida uma maior igualdade entre ambos os progenitores no envolvimento parental na vida da criança, bem como uma melhor articulação entre o trabalho e família, determinantes no acréscimo de bem-estar das crianças, que devem também ser ouvidas no processo”.

Do ponto de vista da criança, sublinha a deputada, “se uma criança está habituada a ter mães e pais envolvidos na sua vida quotidiana, a separação ou divórcio provocará instabilidade se esse envolvimento parental for drasticamente alterado”. Acresce ainda o facto de que, como consequência da residência alternada, em que a criança tem os dois progenitores interessados mais proximamente no seu quotidiano, fará com que exista maior vigilância sobre o seu bem-estar, facilitando a sinalização de qualquer situação de violência ou abuso.

Por outro lado, no entender do PAN, o atual quadro legal contribui para o agudizar das situações de desigualdade no exercício das responsabilidades parentais, sendo que, em regra, é atribuída a maior parcela temporal do poder de decisão em atos da vida corrente do filho a um dos progenitores - o chamado ‘progenitor residente’, em detrimento do ‘progenitor não residente’.  O próprio Conselho da Europa já instou os Estados-Membros a assumirem o modelo de residência alternada como preferencial, sendo que os dados apontam para um generalizado aumento da cooperação entre os progenitores e uma diminuição exponencial dos conflitos.

Em Portugal, em que são já várias as decisões dos tribunais no sentido da residência alternada, 20% dos pais e mães portugueses já têm os filhos neste regime. O Partido reforça ainda que este modelo promove comportamentos de cooperação e, consequentemente, uma diminuição de conflitos familiares, o que se traduz numa maior estabilidade para as crianças.



publicado por Carlos Gomes às 17:35
link do post | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


posts recentes

ALVAIÁZERE COMBATE INSUCE...

ALVAIÁZERE É MUNICÍPIO EM...

ALVAIÁZERE APOIA FAMÍLIAS...

ESCOLA DE HOTELARIA DE F...

FREIXIANDA EXPÕE BOMBEIRO...

MUSEU DE ARTE SACRA E ETN...

CASA DO CONCELHO DE TOMAR...

ANTÓNIO GAMEIRO CANDIDATA...

FREIXIANDA INAUGURA MERCA...

ALVAIAZERENSES CANTAM OS ...

BOMBEIROS DA FREIXIANDA A...

ALVAIÁZERE É “MUNICÍPIO A...

JANEIRAS E REIS NO NORTE ...

DIOCESE DE LEIRIA-FÁTIMA ...

BOMBEIROS DA FREIXIANDA A...

FEIRA DAS VELHARIAS NA FR...

BLOGUE "AUREN" DESEJA BOA...

NOVOS CORPOS SOCIAIS TOMA...

O LIVRO "A MENSAGEM DE FÁ...

FALECEU O PADRE LUÍS HENR...

UNESCO RECONHECE FEDERAÇÃ...

PAN QUER QUE TITULARES DE...

PAN ANTECIPA MEDIDAS DO O...

MENSAGEM DE NATAL DO BISP...

CASA DO CONCELHO DE TOMAR...

AMIGOS DO CONSOLATA MUSEU...

PAN QUESTIONA COMISSÃO EU...

JTG - JOVEM TALENTO DA GA...

ALVAIÁZERE APRESENTA "O P...

ALVAIÁZERE DECRETA LUTO M...

INSCRIÇÕES PARA ATRIBUIÇÃ...

BOMBEIROS DA FREIXIANDA D...

BOMBEIROS DA FREIXIANDA A...

DESCARONIZAÇÃO DA ECONOMI...

PARLAMENTO EUROPEU DECLAR...

MASE PROMOVE "TARDE DE PO...

PAN QUER DESCENTRALIZAÇÃO...

ALVIÁZERE DIZ NÃO À VIOLÊ...

ALVAIÁZERE MOSTRA PRESÉPI...

PAN MANTÉM DIÁLOGO COM A ...

BANDAS FILARMÓNICAS DESFI...

PEV DEFENDE SUBSÍDIO PARA...

VEREADORES SOCIALISTAS DE...

PAN AVANÇA COM PROPOSTAS ...

NATAL EM ALVAIÁZERE PROMO...

ESCOLA PROFISSIONAL DE OU...

INATEL LEVA TEATRO A ALVA...

CÂMARA MUNICIPAL DE OURÉM...

OURÉM HOMENAGEIA ACÁCIO D...

PAN QUER DEBATER O REGIME...

arquivos

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

tags

todas as tags

links
Twitter
blogs SAPO
subscrever feeds