Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes de Ourém.
Terça-feira, 26 de Abril de 2011
Projecto Caminhos de Fátima – O Caminho da Nazaré

image001

Milhares de pessoas peregrinam a pé para Fátima e para Santiago todos os anos e ao longo de todo o ano, com especial incidência desde a Semana Santa até aos fins de Outubro, fazendo-o quase sempre por estradas alcatroadas com grande intensidade de trafego.

Caminham de dia e por vezes de noite. Os acidentes são constantes, por vezes mortais. Os sustos acontecem a todo o momento, sustos para os caminhantes e sustos para os automobilistas, não sendo raras as discussões e por vezes altercações. Além de todos estes gravíssimos inconvenientes os peregrinos em vez de fazerem um percurso calmo e seguro pelo meio da Natureza que propicie um estado de reflexão e procura, acabam por fazer um percurso em que sobreviver é o objectivo imediato. E sempre rodeados de barulho intenso e muito desagradável bem como de grande poluição do ar que respiram devido aos escapes dos milhares de automóveis, camiões, autocarros e motocicletas.

Foi por tudo isto que o Centro Nacional de Cultura concebeu a nível nacional o “Projecto Caminhos de Fátima” que tem como objectivo encontrar e sinalizar caminhos pedonais seguros que permitam aos peregrinos e aos não peregrinos caminhar em paz e segurança pelo meio da Natureza, tal como acontece nos Caminhos de Santiago que desde há mais de mil anos drenam milhões de peregrinos de toda a Europa e hoje de todo o Mundo até à capital da Galiza. No caso de Santiago manda a tradição que, sempre que possível, o caminho siga o percurso do caminho medieval. No caso de Fátima, obviamente, não há caminhos medievais pelo que o caminho a identificar e propor aos caminhantes é o que for melhor segundo critérios de distância, relevo, beleza paisagística e monumental e passagem por povoações que possam fornecer apoio aos caminhantes bem como ser por eles visitadas.

O projecto foi orientado pelo nosso sócio arqt.º paisagista Gonçalo Ribeiro Telles e compreende os seguintes caminhos: “Caminho do Tejo” com início em Lisboa, “Caminho do Norte” com início em Valença passando pelo Porto e Coimbra, “Caminho do Nordeste” com início em Bragança, “Caminhos das Beiras”com inícios na Guarda e na Covilhã, “Caminhos do Além-Tejo” com inícios em Faro, Beja e Évora e finalmente os dois “Caminhos do Mar” com início em Cascais / Sintra e em Aveiro. Já estão sinalizados e por isso abertos aos peregrinos e simples caminhantes o “Caminho do Tejo”e o “Caminho do Norte”, num total de cerca de 450 quilómetros.

Os caminhos de peregrinação, quer a Fátima quer a Santiago, são de todos e para todos mas são particularmente afectos às Autarquias cujo território atravessam, não só por essa óbvia circunstância como ainda pelos benefícios que esse atravessamento propícia com a procura de serviços de restauração e hotelaria bem como nos aspectos culturais, de visibilidade e de imagem inerentes, já que cada vez mais o peregrino associa ao seu caminhar esses complementos. Por isso também está o CNC tão completamente envolvido no projecto, já que a promoção da Cultura é o seu escopo. Acresce uma circunstância singular, ter o CNC nascido há mais de 60 anos num dia 13 de Maio.

É sabido que o Santuário de Nossa Senhora da Nazaré foi, desde há séculos, um dos santuários marianos com mais projecção em Portugal. Mas um conjunto de circunstâncias, entre as quais avulta o esplendor e proximidade do Santuário de Fátima, fizeram esmaecer essa projecção que de nacional passou a regional. O que se pretende agora, e com toda a justiça, é contribuir não apenas para que retome o seu antigo brilho como até aumentá-lo significativamente passando a Nazaré a ser também o finisterrae de Fátima, sinalizando em ambos os sentidos o Caminho da Nazaré, entre Nazaré a Fátima.

Desde tempos imemoriais, antes de Cristo, já o Homem ia até ao fim da terra, ao finisterrae, sonhar com o que estaria para além do Mar ao ver o Sol, astro brilhante propiciador de calor e vida, desvanecer declinando no horizonte e exangue mergulhar no Mar imenso e desconhecido, dando lugar à noite e ao frio. Maravilhavam-se, no entanto, que esse mesmo astro-rei ressurgisse no dia seguinte do outro lado do Mundo, de novo brilhante e, tal com antes, propiciador de calor e vida. Este ritual foi particularmente vivido pelos celtas e é desde sempre e também hoje um complemento muito importante da peregrinação a Santiago, pois muitos dos peregrinos depois de Santiago prosseguem para o fisterra gallego, próximo do santuário de Muxia, a três dias de caminhada de Compostela.

Para possibilitar aos peregrinos que depois de alcançarem Fátima queiram completar a sua peregrinação caminhando até ao seu finisterrae, o santuário de Nossa Senhora da Nazaré, entendeu o CNC incluir no Projecto Caminhos de Fátima este pequeno mas muito importante caminho, o Caminho da Nazaré o qual, deverá ser sinalizado nos dois sentidos pois seguramente ele não será percorrido apenas no sentido Fátima – Nazaré, mas também no sentido Nazaré – Fátima, e não apenas por nazarenos devotos de Fátima como ainda por muitos outros peregrinos que querem peregrinar a Fátima a pé mas não dispõem de tempo ou vontade de o fazer partindo de distâncias maiores, como é o caso de quem parte do Porto ou de Lisboa. Muitos peregrinos, portugueses e estrangeiros, partem de Lisboa para Fátima prosseguindo depois para Santiago. Seguramente haverá, uma vez o Caminho da Nazaré aberto, uma parte significativa deles que passará a sair da Nazaré.

Para o Caminho da Nazaré repetimos a parceria que com êxito celebrámos com as 26 Autarquias envolvidas no Caminho do Tejo e no Caminho do Norte, associando-nos ás cinco Câmaras Municipais cujo território é atravessadas pelo Caminho da Nazaré mediante a celebração dum Protocolo de colaboração com o CNC.

À semelhança do que fizemos para o Caminho do Tejo e faremos para o Caminho do Norte, será editado um Guia do Peregrino em formato de guia de bolso. Esses Caminhos já são descritos em vários guias nacionais e estrangeiros, a saber espanhol, inglês, francês e alemão, os quais serão informados da abertura do Caminho da Nazaré para que numa nova edição ele seja referenciado. Será também feita a sua georreferenciação para uso em GPS, à semelhança do que fizemos com os dois Caminhos já sinalizados.

Por último salientamos que os Caminhos de Fátima não são apenas para serem percorridos por peregrinos com motivação religiosa ou ao menos espiritual, mas por todos os que queiram usufruir o agrado de caminhar pelo meio do campo por troços maiores ou menores por um ou mais dias talvez até num simples passeio de fim-de-semana em família.

O Caminho Português de Santiago do Porto até Santiago passando por Barcelos, Ponte de Lima, Valença, Tui, Pontevedra e Caldas de Reis numa extensão de 230 quilómetros, já está todo sinalizado pela Associação dos Amigos do Caminho Português de Santiago, sedeada em Ponte de Lima. É de notar que devido ao acordo que com essa associação estabelecemos, além de estar marcado para Norte com as características setas amarelas indicando a direcção de Santiago também está sinalizado para Sul com setas azuis indicando a direcção de Fátima. Neste momento há peregrinos que vindos de vários locais da Europa até Santiago prosseguem depois para Fátima. Com a abertura do Caminho da Nazaré poderão prosseguir depois até ao santuário de Nossa Senhora da Nazaré.

A celebração do Protocolo de colaboração das Câmaras Municipais da Nazaré, Porto de Mós, Alcobaça, Batalha e Ourém com o CNC – Centro Nacional de Cultura realiza-se no próximo dia 29 às 18 horas na Biblioteca Municipal da Nazaré.

No dia 30 seis equipas de cinco voluntários irão para o Caminho às 8,30 horas e debaixo da orientação de dois coordenadores sinalizarão com setas azuis o troço que a cada equipa foi atribuído. No dia seguinte, dia 1 de Maio, dia em que será declarado Beato o Santo Padre João Paulo II, o “Papa de Fátima”, será feita a confirmação da sinalização efectuada na véspera e declarado aberto o Caminho da Nazaré.

 

Fonte: Centro Nacional de Cultura



publicado por Carlos Gomes às 17:32
link do post | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

JORNADAS DA MECÂNICA VOLT...

PAN QUER DIFERENCIAR PLÁS...

PAN QUER MITIGAR IMPACTOS...

BOMBEIROS DA FREIXIANDA D...

OURÉM REÚNE EXECUTIVO MUN...

INATEL PROMOVE EM SANTARÉ...

FRANCISCO GUERREIRO É O C...

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE O...

CÂMARA MUNICIPAL DE OURÉM...

PRESIDENTE DA JUNTA DE FR...

ALVAIÁZERE É MUNICÍPIO VE...

CASA DO CONCELHO DE TOMAR...

PAN QUER ALTERAR CÓDIGO P...

FINAL DO CONCURSO NACIONA...

3 EX-ALUNOS DA ESCOLA DE ...

OURÉM REÚNE EXECUTIVO MUN...

NATAL EM OURÉM TEM DESCON...

CÂMARA APROVA APOIO À REC...

CÂMARA APROVA PROJETO DE ...

ABERTURA PROCEDIMENTO DE ...

ELABORAÇÃO DO PLANO DE UR...

REVISÃO DO PLANO MUNICIPA...

BLOGUE AUREN DESEJA BOAS ...

OURÉM RECEBE EMBAIXADA DA...

OURÉM É "MUNICÍPIO AMIGO ...

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO D...

MUNICÍPIO DE OURÉM REFORÇ...

FINAL NACIONAL DO JOVEM T...

AS APARIÇÕES DE FÁTIMA “S...

SANTUÁRIO DE FÁTIMA A ABE...

FILARMÓNICA DE VILAR DOS ...

FILARMÓNICA DE OLIVENÇA D...

BANDA DE VILAR DE PRAZERE...

ESCOLA DE HOTELARIA DE FÁ...

FREIXIANDA RECEBE ENCONTR...

ALVAIÁZERE REALIZA FESTIV...

ALVAIÁZERE VAI REQUALIFIC...

OE 2019: PAN ASSEGURA A C...

OUREENSES BEBEM CHÁ COM A...

BANDAS FILARMÓNICAS DESFI...

IVA DA TOURADA REDUZ PARA...

PARLAMENTO VOLTA A REJEIT...

FEDERAÇÃO DO FOLCLORE POR...

PARLAMENTO REJEITA PROPOS...

BANDAS FILARMÓNICAS DESFI...

OURÉM CELEBRA O NATAL

PAN CONSEGUE CONTRATAÇÃO ...

PAN CONQUISTA DOIS MILHÕE...

FEDERAÇÃO DO FOLCLORE POR...

ANAFRE QUER VALORIZAÇÃO D...

arquivos

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

tags

todas as tags

links
Twitter
blogs SAPO
subscrever feeds